História Maybe - Imagine Kim Taehyung - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Amizade, Amor, Bangtan Boys, Bts, Cute, Fluffy, Imagine, Taehyung
Visualizações 135
Palavras 1.451
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Crossover, Ficção, Ficção Adolescente, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oii <3
Volteiiii. Vou postar toda sexta mesmo.
Espero que gostem e boa leitura ^^

Capítulo 4 - Seguir?


Fanfic / Fanfiction Maybe - Imagine Kim Taehyung - Capítulo 4 - Seguir?

Não sei o que devo fazer, ir atrás dele ou assistir a aula? Ah, ele me ajudou, acho que devo pelo menos ver onde ele está mesmo que não seja da minha conta. Querendo ou não nós somos meio que amigos agora.

- Professora, posso ir ao banheiro?

- Pode.

É claro que eu não ia ao banheiro, era o único jeito de sair da sala educadamente.

Saí da sala, corredores vazios, banheiros vazios. "Vou dar uma olhada na diretoria" pensei.

Ele estava lá, sentado de costas para a porta. Que lindo. O diretor não estava lá.

Dei batidas leves na porta para que ele percebesse minha presença ali. Ele virou e acenou.

- O que aconteceu? - Fiz gestos caso ele não me ouvisse graças à porta que nos separava.

- Nada de mais, depois eu conto. Melhor você voltar pra sala. - Só era possível ler os lábios dele, não dava para ouvi-lo.

- Sério?

Ele concordou com a cabeça.

Então tá né, voltei para a sala e fiquei ouvindo a professora falar por um bom tempo.

O sinal bateu, hora de ir embora. Passei meu endereço para Jimin em um papel.

- Que horas você quer que eu vá? Não quero atrapalhar.

- Primeiro, vai a hora que você quiser. Segundo, você não atrapalha. Meus pais estão viajando e meu irmão não liga que eu leve gente lá, fica tranquilo.

- Okay então.

Ele sorriu com eye smile. Que bolinho.

Saímos da sala juntos, ele deu um beijo em minha testa e nos despedimos.

Liz já estava me esperando no portão, o ônibus já estava enchendo. Apressei o passo e abracei Liz por trás.

- Vamos embora? - Ela perguntou

- Vamos.

O ônibus estava quase cheio, nos sentamos no fundo e eu na janela, como sempre. Não demorou muito para o ônibus começar a andar.

- Sua sala é legal? - Liz pergunta tentando enxergar a janela.

- Mais ou menos, ainda não falei com muita gente. E a sua?

- Também não falei com muita gente, só com uma menina praticamente...

- Já vai me trocar né? - Falei zoando e virei para a janela.

- E você vai me trocar por aquele Jimin!! Não que eu não goste dele nem nada, ele parece legal.

- Ele é legal.

- E bonito também.

- Hmmmm Liz.... Senti firmeza.

- Talvez eu goste dele. - Ela sorriu.

- Levei advertência. - Mudei de assunto - E o Taehyung também.

- Aquele alto da sua sala com cabelo cinza que anda com o BamBam?

- Esse mesmo, eu não teria descrito melhor. Então, nós ficamos escondidos atrás da escola e ele meio que me beijou, eu cedi, não sei o que deu em mim...

Ela ficou boquiaberta e sem reação.

- Caralho (s/n), pensei que eu pegaria alguém antes de você.

- Para!! A gente não vai se pegar!! Eu nem sequer gosto dele.

Ok, talvez eu tenha mentido.

- Acha que ta pronta pra gostar de outro cara? Da última vez deu merda, você sabe.

- Aish, não me lembra disso. - Fechei a cara. - Eu era ingênua. - Revirei os olhos.

/Quebra de tempo/

Liz desce no mesmo ponto que eu. Nos abraçamos e fui em direção a minha casa. Namjoon provavelmente chegaria depois já que ele costuma voltar a pé com o amigo dele, o Hoseok.

Cheguei em frente a minha casa. Comecei a procurar as chaves do portão em minha mochila. Vi um menino quase virando a esquina, era Tae?? Será que ele mora perto de mim?? Não vai fazer mal eu "seguir" ele até o lugar em que ele está indo.

Fui andando atrás dele com uma certa distância para ele não me perceber ali.

Meu celular começa a tocar em minha mochila. Que merda eu fiz.

Peguei meu celular e atendi. Era Namjoon. Tentei andar o maximo para longe.

Chamada ON


Nam: (s/n)???

(S/n): Fala, de preferência rápido.

Nam: A chave tá com você sua retardada. Como vou entrar em casa??

(S/n): Pula o muro ué.

Nam: Você fala como se fosse a coisa mais fácil do mundo.

(S/n): Pra mim é.

Nam: Tá bom onde você tá?

(S/n): Eu to... Eu to... Daqui a dois minutos tô aí ok?

Nam: Tá, vem logo que eu to esperando com o Hoseok.

(S/n): Ok, tchau

Chamada OFF

Taehyung estava me olhando. Já era de se esperar, se estivesse no lugar dele também estaria.

- Então você mora aqui perto? - Perguntei tentando disfarçar.

- É... Vejo que você também.

- Sim, moro ali na rua de trás. - Apontei para a esquina.

Ele sorriu. Toda vez que ele sorri um pedaço dentro de mim morre.

- Então o que faz aqui?

- Não é da sua conta. - Abaixei a cabeça, me virei e continuei andando.

Que vacilo. Eu não queria ser grossa mas não tive escolha, ele não poderia saber que eu o segui.

Ele veio andando atrás de mim e me puxou pelo braço, já esperava isso.

- Se você não gosta de mim porque cedeu meu beijo? - Ele tinha a expressão séria.

- Eu nunca disse que não gosto de você...

- Só me responde, por que você cedeu? Você poderia ter me empurrado.

As coisas ficaram tensas de uma hora para a outra.

- Eu... Eu sei lá. - Dei de ombros.

- Se arrepende?? - Ele me olhava fixamente.

- Não. - Falei baixinho.

- Para mim esse beijo significou muito, não sei se você sente o mesmo.

E como eu vou saber se ele realmente gosta de mim? Se alguém se aproxima muito rápido de mim é porque quer alguma coisa minha ou porque quer fazer alguma coisa ruim.

- Preciso ir, meu irmão está me esperando. - Queria ir embora dali logo.

- Ok, te vejo amanhã na escola?

- Sim. - Dei um sorriso meio falso.

Me virei e voltei a andar.

Virei a esquina e vi Namjoon e Hoseok em frente a minha casa.

- A chave. - Joguei e ele pegou.

- Onde cê tava (s/n)???

- Dando uma volta, nada de mais. - Falei indiferente.

- Acho bom.

Nós três entramos em casa.

- (S/n), se precisar tô no meu quarto estudando com o Hoseok, tá?

- Ah, eu preciso, calma aí.

Comecei a procurar minha advertência.

- Assina aí. - Joguei o papel nele.

- Já levou advertência???

- Sua irmã não tem jeito mesmo!

- Cala a boca Hoseok! - Falei semicerrando meus olhos.

Mesmo que Hoseok fosse amigo do meu irmão ele é bem legal comigo. Ele é um amigo para mim também.

- Toma. - Ele jogou em mim de volta o papel. - Vê se toma juízo.

- Valeu. - Abracei-o e ele retribuiu.

Ele entrou no quarto dele com Hoseok.

Entrei em meu quarto, peguei meu celular e me joguei na cama. Resolvo mandar uma mensagem para Jimin

Mensagem ON

(S/n): Chim Chim?!

Jm: Oi!

(S/n): Já tô em casa, vem a hora que quiser...

Jm: Ok, já tô indo ;) Até daqui a pouco rs

(S/n): Até >.<

Mensagem OFF

Passei no quarto do Nam para avisar.

- Joonie...

- Fala...

- Daqui a pouco vai chegar um amigo meu, o Jimin, me avisa quando ele chegar?

- Aviso.

- Ok.

Fui até meu quarto ouvir música.

Jimin ON

A (S/N) mandou mensagem dizendo para ir na casa dela. Coloquei um shorts preto e uma regata branca (MIC Drop).

A casa dela não é muito longe, fui a pé.

~Chegando lá

- Deve ser aqui - Falei comigo mesmo.

É uma casa enorme. Toquei a campainha. Atendeu um menino alto com um cabelo roxo amarrado a uma bandana (not today rs).

- A (s/n) está?

- Você deve ser o Jimin. - Ele tem uma voz grossa.

- Sou, você é o irmão dela?

- Sim, pode entrar. Ela tá no quarto dela, segunda porta a direita.

- Ok, valeu.

- Não faça nada com ela hein, ela é nova ainda.

Sorri e ele sorriu de volta.

Abri a porta na hora errada. Ela estava se trocando.

De início ela não me viu, após alguns segundos ela percebeu a minha presença. Eu deveria ter saído do quarto mas não consegui.

- Jimin?!

- Desculpa, não queria.... - falei recuando

- Não, não... Pode ficar, é culpa do Nam...

- Coloca uma roupa logo!! - Eu disse rindo.

Jimin OFF

(S/n) ON

Eu resolvi me trocar e Jimin entrou bem na hora. Não o culpo, Namjoon deveria ter me avisado.

- Jimin?! - Disse surpresa.

A quanto tempo ele estaria ali?

- Desculpa eu não queria... - Ele estava recuando e eu o interrompi.

- Não, não... Pode ficar, é culpa do Nam.

- Coloca uma roupa logo!! - Ele disse rindo.

- Ah é. Fica aqui. - Fui até o banheiro me trocar.

Vesti uma saia preta e um cropped azul claro de manga longa.

- Agora sim! - Falei e ele sorriu

- Vamos estudar então? Tenho que te passar aquela matéria.

- Ah sim...

Ele me emprestou o caderno para eu copiar e me explicou algumas coisinhas. Ele parece se importar bastante com os estudos.

- A gente podia dar uma volta, sei lá, tomar um sorvete...

- Ótima idéia. Tô cansada de ver essas letras no meu caderno. - Eu sorri. - Tem um lugar ótimo pra sair aqui perto.

- Vamos então.

Calcei um tênis e fomos andando.

Jimin é um cara bem interessante, talvez eu entenda por que Liz gosta dele.


Continua?


Notas Finais


Então foi isso gente, espero que tenham gostado.
Até o próximo capítulo sz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...