1. Spirit Fanfics >
  2. Maybe love - NOSH >
  3. Vapo vapo

História Maybe love - NOSH - Capítulo 33


Escrita por:


Notas do Autor


AAAA VERGONHA MEU PAI

Capítulo 33 - Vapo vapo


POV JOSH

-Harvey eu posso te explicar o q acabou de acontecer, não eh o q parece

HARVEY- Parece que você terminou com a any porque aos poucos estava se apaixonando pelo Noah, alguém q vc “odiava” e agora vocês estavam em um momento quente que eu atrapalhei

-Acho que eh exatamente o que parece 

HARVEY- Eu ainda não to acreditando, você eh gay cara?

-Algum problema? Hum

HARVEY- por mim não bro, mas o vitor vai pirar

-Fds o vitor, ele eh um filho da puta 

HARVEY- por que a gente ainda anda com ele?

-Eu não faço ideia!

HARVEY- Quer fazer um lanche?

-Vamos, você paga pq atrapalhou meu momento

HARVEY- Falou 

Vamos para a lanchonete e ficamos mais ou meno 1 hora e meia lá. Depois voltamos e ele pega no sono na velocidade da luz enquanto eu fico deitado olhando para o teto pensando em porque me apaixonei pelo noah. eh evidente que foi pelo seu jeito único e seu corpo perfeito. Toda vez que o vejo me sinto mais necessitado, minha fome por noah urrea soh aumenta.

Quando percebo já estou acordando e me arrumo de qualquer jeito e vou para o café da manhã. Vejo noah passando pela minha mesa e seguro seu pulso o puxando para sentar do meu lado. o q somos? Estamos ficando? Eh isso? 

NOAH- Oii -diz tímido, amo esse lado fofo dele, mas eu quero conhecer o lado safado dele também huahuahua

-Hoje você toma café comigo - digo olhando para ele quando sabina chega na mesa

SABI- NOAHHHH Q BOM TE TER AQUIII

ANY- SIMMMM

VITOR- Hum deve estar cansado do bailey e veio para fugir dele um pouco - joalin deu um tapa nele, ela e bailey são melhores amigos agora 

-Ele tá aqui porque eu chamei ok - eles i falar alguma coisa mas eu os interrompo 

-Não comentem sobre

Sabina, Joalin, Sofya e Noah começam uma conversa enquanto eu falo com Harvey. 

O café da manhã acaba e vamos para as aulas. Hoje eu não tenho nenhuma com o Noah, eu mato não pude ficar observando sua beleza. Quando as aulas terminam , eu fico na porta do quarto dele o esperando, não estava com fome então não fui para o almoço. Zele vem segurando seus livros na mão, não sei porque e sorri quando me vê 

NOAH- Sinto que lá vem besteira 

-Quem eh seu colega de quarto?

NIAH- bailey! Por quê?

-Cade ele?

NOAH- Saindo com a shivani

-Entao hoje você na escapa de mim -sorrio malicioso e o puxo para o quarto com brutalidade o fazendo derrubar os livros para fora do quarto e tranco a porta.

NOAH- Meus livrosss

-Deixa essa merda para lá 

POV NOAH

Ele me beija e as coisas começam a esquentar. Ele vai me empurrando para trás até que batemos na cama do bailey ele não para de me empurrar por isso... caio na cama com ele por cima. Ele beija desce seus beijos até o meu maxilar, o que me faz arfar. seu adoro as sensações que ele causa em mim. O dia está quente, o quarto está quente, eu estou quente, ele está quente. O calor eh grande

-Roupas demais - tiro a blusa a blusa dele brutalmente eu necessitava mais do seu corpo, ele estava me levando à loucura 

JOSH- Para que essa pressa toda? - ele vai tirando minha blusa lentamente apreciando cada parte do meu corpo. Ele está me provocando, soh pode

-Porra - tiro logo pq ele sem fazer nada já me faz surtar, imagina me provocando

 Passo a mão pelo seu abdômen e logo o viro ficando por cima. Eu não sei o que estou fazendo, mas esse garoto não me dá escolhas. Dou leves quicadas em seu colo enquanto beijo seus lábios e logo depois seu pescoço, onde deixo uma marca tão forte que vai ficar pelo menos dois dias. Ele solta um gemido baixo, esse som eh enlouquecedor. Eu preciso provocar mais, eu preciso q ele gema mais, ateh gritar o meu nome. Aos poucos vou sentindo o mesmo ficar duro, seu membro contra meu corpo me faz querê-lo ainda mais. Desço meus beijos cada vez mais, ele geme cada vez mais. Quando chego perto de seu short ele me olha, eu mal  comecei e sua respiração já está falhando. 

JOSH- Vai logo porra - diz impaciente então o obedeço, não sou trouxa nem nada neh. 

Tiro seu short lentamente enquanto desço mais ainda meus beijos, então sim, estou beijando sua intimidade por cima da cueca. Ele me olha incrédulo, tenta dizer algo mas da sua boca não saem sons. Adoro o efeito que causo nele. Aperto sua bunda. Ainda estou em cima dele. 

JOSH- No- Noah 

Aproveiro que ele está vulnerável e tiro seu pau da cueca, sorrio vendo o tamanho. Passo minha língua pela cabecinha, ele probocou primeiro, agora lide com as consequências 

JOSH- ah ahh 

JOSH- V- vai lo-logo porra - se embola todo tentando falar, enquanto eu soh lambo a cabecinha. Mas não estou soh torturando ele, eu estou me torturando também. Eu quero essa merda logo dentro da minha boca, tanto quanto ele quer minha boca na merda dele. Enfio logo tudo até o final, ele geme, geme muito e geme alto enquanto eu o chupo. Eu solto leves gemidos também é ele começa a foder a minha boca, movimentos para dentro e para fora enquanto eu saboreio o seu gosto. Pouco tempo depois ele goza e eu obviamente engulo tudo. Zele eh gostoso para caralho eu sou quero ele dentro de mim 

- JOSHUA ME FODE AGORA - digo indo beijar a sua boca. Ele me bota de quatro, acho fofo o jeito q ele me botou como se eu fosse um bonequinho. Ele abaixa minha bermuda junto com a cueca e entra em nem avisar. Olha que tarado. 

Cai uma lágrima de dor e eu grito seu nome.

JOSH- Tá tudo bem? -ele sai de dentro de mim

-EU NÃO PEDI PARA PARAR PORRA

Ele continua o movimento de vai e vem, e começa a acelerar. amo o jeito que nossos gemidos se misturam. Ja não sentia dor a muito tempo, agora eu soh sentia prazer. E ele também. Uma hora ele para e se deita do meu lado

JOSH- eu quero mais - e agora ele está de quatro, e agora eu estou fodendo ele, os dois gemem alto e aperto suas nadegas enquanto faço o vapo vapo.  voltamos a ficar somente nos beijos, nos beijamos apaixonados. Deu para ver o tempo todo que ele me queria do mesmo jeito que eu queria ele. Ele morde o lóbulo da minha orelha durante os beijos, o que me faz soltar um último gemido antes d elevar no sono. eu precisava disso, eu precisava dele. 

 


Notas Finais


MANO NINA MEU AMOR, eu te amo tanto bby. Agradeçam a ela pq esse eh o presente dela.E PERDOEM PELO HOT HORRÍVEL, GENTE EU SOU SANTA COM VIRGINIDADE INTACTA, NEM BVL PERDI AMORES


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...