1. Spirit Fanfics >
  2. ME ame primeiro! >
  3. A entrevista do Jin

História ME ame primeiro! - Capítulo 8


Escrita por:


Notas do Autor


<3

Capítulo 8 - A entrevista do Jin


PARK JIMIN

Não respondi o Taetae por razões óbvias. Enfim...

Os dias foram passando e o que dizem é real, passar é "fácil", difícil mesmo é se manter nessa indústria.

Só que um belo dia minha paz relativa foi perturbada por um evento maligno – uma entrevista com Kim Seokjin, e justo nós cinco fomos convidados para o programa. Tinha vários novados, mas tinha que ser a gente?

⸺ Qual o problema do Jimin? É o nosso veterano.

Escutei Hobi sussurrando com Yoongi e Jeongguk.

⸺ Ele me disse que tem uma história aí com o cara.

O Jeon respondeu. Eu estava rabiscando a cara do maldito Jin em uma das revistas que tinham sido distribuídas.

⸺ Não sei o que houve, mas deve ter sido algo sério.

Yoongi concluiu e os outros dois pareceram concordar.

Até que fiquei puto de vez, passei a rasgar a página e a fazer virar milhões de pedaços.

⸺ AAAH SÉRIO? POR QUE ISSO SÓ ACONTECE COMIGO?

Os três ficaram me encarando com horror. Até o Namjoon largou o jornal para prestar atenção em nós.

Comecei a pular na página destruída e chutar os vestígios, tentando fazer elas desaparecerem desse planeta.

⸺ O hyung está ficando doido, o que fazemos?

Escutei o murmúrio choroso do Jeon.

⸺ CALA A BOCA, JEONGGUK!

⸺ Por que você só grita comigo?! Eu nem fiz nada!

⸺ CALA A BOCA!

Comecei a ir atrás dele feito um animal descontrolado.

Namjoon suspirou e voltou a ler.

[...]

Depois de nos aprontarmos e com a maquiagem na cara, ficamos lá no camarim de boa, esperando nossa manager.

Fui beber uma água e uma funcionária aleatória veio falar comigo.

⸺ Boa hora! Você é um novato convidado? Pode levar isso e entregar para o apresentador quando vocês entrarem no palco?

Ela deu uma olhada no meu crachá e me deu uma caixa de papelão com vários papéis dobrados dentro.

Não entendi nada mas concordei.

Voltando para o camarim, eu abri um dos papéis na cara dura para saber o que diabos era aquilo.

Eram perguntas.

"Como você se sentiu ao debutar?"

Pelo visto eram para o Seokjin. Um sorriso diabólico tomou minha cara, senti o pesar dos olhos grandes do Jeon sobre mim.

 

 

JEON JEONGGUK

Eu estava desenhando de boa no meu cantinho, perto do Yoongi e do Hobi, quando o Jimin voltou para a sala com uma caixa na mão.

Fiquei curioso e queria saber o que era, mas quando vi aquele sorrisinho bizarro na cara dele... é, esquece.

Nossos olhos se encontraram, e quando ele virou o pescoço para me olhar foi uma cena pior do que essas de filme de terror que o cara consegue virar a cabeça 360º.

Voltei a olhar para o meu caderno, suando frio, fingindo não ter visto nada.

⸺ Jeongguk.

Fiquei todo duro, com a maior dificuldade levantei o rosto e vi a figura do cara de olhar frio e maldoso na minha frente.

⸺ O-O que foi?

Gaguejei, até o Yoongi e o Hoseok sentiram a atmosfera pesada e se encolheram.

⸺ Vem aqui.

Ele puxou me puxou pela gola da minha blusa, entortou até a posição do microfone.

⸺ NÃÃO! HOBI-HYUNG, YOONGI-HYUNG, SOCORRO!

Pedi pela ajuda dos dois enquanto era impiedosamente arrastado.

⸺ Sinto muito, Jeonggie.

Hobi cobriu o rosto, fingindo estar chorando em lamento.

⸺ Força, Jeongguk.

Yoongi se juntou à ele.

⸺ NAMJOON-HYUNG!

Ele largou o jornal, olhou para nós dois por um segundo e depois enfiou a cara na leitura de novo, nos ignorando.

⸺ SEUS TRAIDORES!

Saímos da sala, deixando os três a sós.

⸺ Você acha que eles vão ficar bem?

Hoseok murmurou para o Min.

⸺ Acho que sim...

Os dois se entreolharam, tendo um pressentimento estranho.

Fomos para o banheiro e ele finalmente me soltou. Dei uns três passos para trás, inquieto.

⸺ O que foi, hein?

Indaguei.

⸺ Me empresta essa tua caneta aí e uma página desse teu caderno.

Foi bem direto ao ponto.

⸺ Por que eu deveria te dar uma página do meu precioso caderno?? Foi um presente do Yoongi-hyung!

A presença obscura voltou a ganhar força.

⸺ CALA A BOCA! Acha que eu esqueci o que você fez com o meu pijama?

Me puxou pelo colarinho de novo, aproximando nossos rostos.

⸺ ME DÁ ESSA FOLHA OU EU VOU DE NOITE E RASGO TEU PIJAMA E TEUS DESENHOS TODOS.

Comecei a suar ainda mais, com os olhos arregalados.

Imaginei o Park entrando de fininho no meu quarto com uma tesoura, e depois gritos, uma cena de terror.

Assustador. Assustador.

⸺ SÓ UMA, TÁ?

Cedi, assustado.

Com muito pesar e choro, tirei com cuidado uma das últimas páginas. Ele tomou a folha da minha mão, brusco.

⸺ Podia agradecer, pelo menos.

Ele pareceu mais concentrado em escrever no papel e rasgar, para depois dobrar os trechos, me ignorando totalmente.

⸺ ... O que são essas coisas? Perguntas?

Ele deu uma risadinha peculiar.

Acho melhor eu ficar quieto, sabe.

⸺ Mudei de ideia, não precisa responder.

Garanti.

⸺ Se não quiser que amaldiçoe você e seus descendentes... Acho bom você ficar de bico fechado e fingir que não viu nada disso, entendeu?

Me ameaçou de novo.

⸺ Deixe meus descendentes em paz!

Ele definitivamente tá aprontando algo e tem a ver com o tal do Seokjin.

[...]

 

 

KIM SEOKJIN

Estava sentado no sofá ao lado do entrevistador no palco, aguardando os convidados especiais chegarem.

E quase tive um ataque cardíaco quando vi o Jimin entre outros quatro novatos.

Impossível. De jeito nenhum.

Ele não desviou os olhos um segundo sequer, mas podia sentir o desprezo que ele parecia esconder com tanto esforço.

⸺ Me pediram para entregar para o senhor.

Ele entregou uma caixa com papéis dobrados para o entrevistador e foi sentar perto de um garoto alto de rosto infantil. Sem sequer se dar o trabalho de me cumprimentar – algo que não passou em branco para os que tiveram a sensibilidade de perceber.

A entrevista em si foi tranquila, me mantive calmo e as perguntas foram bem genéricas como eu tinha imaginado. Passou de "você tem namorada?" até por "qual seu esporte preferido?".

Respondi com a elegância que tinha sido construído, a mesma que as minhas fãs parecem amar tanto.

A segunda parte do programa foi para apresentar os novatos. O tal do Jeon Jeongguk e o Suga me interessaram. O tal do J-Hope também tinha uma aura bem bonita e cintilante, me lembrava um pouco do...

Olhei sem querer para o Jimin, que desviou sem delongas o olhar.

Ele me odeia.

E nem fazia questão de esconder.

⸺ Agora algumas perguntas das fãs para o nosso popular Jin!

Uma ensurdecedora salva de palmas veio da plateia presente.

Adivinhe quem foi o único a se recusar a bater palmas?

Ei, ei... se ele continuar assim vamos virar alvos de fofocas.

⸺ A primeira pergunta é...

O homem começou a desdobrar um papel dobrado aleatório.

⸺ "Jin-oppa, eu ouvi rumores de que uma fã quebrou um braço quando você caiu do palco em cima dela. Isso é verdade?"

Quase cuspi a água que tinha acabado de beber.

PUTA VÉI, JÁ COMEÇA ASSIM? ESSE VÍDEO TINHA SIDO APAGADO DE TODAS AS REDES.

Foi uma fã que perguntou??

⸺ Não, não é verdade. Eu nunca machucaria minhas preciosas fãs, estou aqui por elas e para elas.

Gritinhos estridentes femininos. Já os caras fizeram uma careta estranha, Jimin, em especial, pareceu enojado com a minha resposta.

⸺ "Oppa, tem rumores que você tem uma paixão secreta pelo Kim Taehyung! Isso é verdade??"

TEM ALGUÉM TENTANDO DESTRUIR A MINHA CARREIRA. O QUE EU TE FIZ, MOÇA?

Espera. Só uma pessoa sabe do meu ódio pelo Kim Taehyung.

Virei o rosto com discrição para o Park, o sorriso diabólico confirmou – foi ele!!

Comecei a suar frio, maior vontade de passar mal. Me obriguei a me recompor.

Desfiz a expressão perplexa – e apesar de pálido, consegui responder com relativa pacificidade.

⸺ Nossa. Claro que eu tenho um grande respeito pelo meu veterano... mas o nosso Jimin faz mais o meu tipo. Brincadeira.

Gritinhos ainda mais histéricos.

Jimin, por sua vez, foi quem ficou incapaz de esconder a careta de repulsa total.

Comecei a imaginar um eu na beira do precipício e o Jimin atrás de mim, me empurrando.

"⸺ NOO!"

Gritei dramático enquanto caindo.

"⸺ HÁ HÁ HÁ!"

Vi a imagem do Park-demônio rindo de mim na queda.

ESSE NANICO RANCOROSO. FOI ELE, FOI ELE MESMO.

⸺ Ele não parece concordar!

O apresentador provocou com bom humor, passando o microfone para o convidado.

Não vou permitir.

 

 

PARK JIMIN

⸺ Ei, ei, ele chamou o Jimin de baixinho e afeminado indiretamente, né?

Hobi murmurou baixinho para o Yoongi.

⸺ Bom, o Taehyung é o oposto disso, então acho que sim.

Foi um pouco surpreendente esse tipo de interpretação vinda de alguém inocente como o Hoseok.

Escutei com muito ódio. Jeongguk que estava do meu lado, só um toque nele e provavelmente iria cair no riso.

Peguei a merda do microfone e respirei bem fundo. Não podia quebrar nada nem perder o controle.

⸺ Por favor, hyung, que piada sem graça. Você se interessa por homens?

Agi com falsa simpatia.

⸺ Qual dos nossos Kim você escolheria? Taehyung ou Jin?

O apresentador perguntou, dando uma risadinha para manter o clima leve e descontraído.

Porque eu tenho que escolher um desses putos??

⸺ Vamos ver...

Fingi pensar bastante.

Me levantei e fui me sentar na outra ponta do sofá.

⸺ Prefiro o nosso Namjoon.

Passei o braço pelo ombro do homem mais alto, que virou pedra instantaneamente, sem conseguir ter o reflexo de me afastar.

⸺ Nosso líder e o Jeongguk estão sempre roubando o meu coração.

Atuei, esfregando a bochecha na do congelado Namjoon.

⸺ O-O QUE DIABOS você tá dizendo em rede nacional?!!

O Jeon falou alto, com a cara e as orelhas muito ruborizadas.

⸺ Nossos novatos são bem unidos!

O entrevistador começou a rir, já a plateia começou gritar bem mais alto, em êxtase maior do que na própria entrevista com o Jin – que, por sinal, estava pasmo demais. Pálido como um fantasma.

Eu disse que ia te superar.

Abri um sorriso de escanteio.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...