História Me And You Destiny - Imagine Jung Hoseok - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope
Tags Hobi, Hoseok, Hot, Imagine, Imagine Hobi, Imagine J-hope, Imagine Jung Hoseok, J-hope, Jung Hoseok, Você
Visualizações 86
Palavras 2.735
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olha quem voltou kkkk
Mds, até eu pensei q não ia mais postar... Mas ai, paaaaaaaaa
Eu apareço e coloco na mesa esse capítulo quentinho q acabou de sair do forno kkkk
Ahhhh mds, eu tô nervosa.
Eu realmente espero q vcs gostem desse capítulo. Eu tentei fazer ele um pouco grande pra recompensar os dias q não postei.
Pq ele já tinha sido feito faz tempo. E eu só postei agora. Motivos?
Bem eu já expliquei.
Mas não vou parar de postar, mesmo q demore pra mim publicar algo.
Bem meus nenês, é isso.

Desculpe qualquer erro!!
Um beijinho da mary pra vcs

E uma boa leitura!!

Capítulo 10 - Eu quero


Fanfic / Fanfiction Me And You Destiny - Imagine Jung Hoseok - Capítulo 10 - Eu quero

        (algumas semanas depois)

               ***********

               *s/n on *

O sorriso bobo já se tornou normal no meu dia a dia, principalmente quando estou perto de hoseok. Ele me faz tão bem. Me faz esquecer meus "certos problemas". Passar os dias com ele é tão bom q nem parece q eu passei por tudo aquilo com Erick. Falando no idiota, ele passa por nós com o maior sorriso de cínico, como se não tivesse acontecido nada. Como pode? Ele me olha de um jeito q está aprontando algo, como se a qualquer momento fosse me atacar. Ahhh não quero nem lembrar mais disso.

As semanas q passaram foram ótimas, hoseok me levou para vários locais. Sempre me fazendo sorrir com suas palhaçadas. Não tem como não ficar feliz perto dele. Eu sempre o deixando um pouco vermelho por meus tapas, pois o mesmo me provoca de mais e eu perco muito rápido minha paciência. Mas logo depois já estamos cheios de carinho um pro outro.

Estava em minha casa com hoseok, pois hoje minha mãe provavelmente chegará tarde.

S/n- meu amor?

Hoseok- hum.. Q foi meu bem?

S/n- queria ir de novo naquela casa. Ela é um local tão calmo.

Hoseok -podemos ir a hora q vc quiser.

S/n-hum.. * fiz cara de pensativa *.. Q tal irmos esse final de semana de novo?

Hoseok - eu ia adorar minha princesa. * falou se aproximando de mim e deixando um selinho demorado *

S/n- temos q terminar a comida ou então não vamos comer hoje. * o olhei *

Hoseok - mas está tão bom com vc aqui. Agarradinha em mim. * deu uma pequena gargalhada, o q me fez sorrir *

S/n- nós podemos aproveitar mais em outro local.

Hoseok- na casa onde levei vc?

S/n- aham * falei dando um selinho em seus lábios e logo me levantando do sofá, indo em direção da cozinha *

Hosoek - o cheiro está ótimo. * falou me abraçando por trás deixando um beijo em meu pescoço *

S/n- obrigada meu amor.

Hoseok- eu espero q vc continue cozinhando assim quando tivermos nossa casa.

S/n- nossa casa? Hoseok vc.. o q??? * confesso q fiquei meio assustada, mas vindo de hoseok é um pouco normal *

Hosoek- s/n eu quero uma vida com vc. Eu quero vc perto de mim sempre. Eu não sei o q faria se ficasse muito tempo longe de vc.

S/n- acho q eu tbm não suportaria.

Hoseok- eu nunca vou deixar vc meu amor.

S/n- promete?

Hoseok- eu prometo.

S/n- * me virei colocando minhas mãos em seus ombros e dando um beijo calmo no mesmo * meu amor?

Hoseok- hum.. * falou ainda me dando alguns beijos no pescoço *

S/n- eu nunca vi os outros quartos daquela casa. Vc sempre me leva para a varanda. Ou então para perto das árvores próximas de lá.

Hosoek- na próxima vez eu mostro pra vc cada parte da casa. Aliás lá é o nosso cantinho.

* A casa não é muito grande e nem muito pequena. Como ela fica em local fechado, ela tem muitas plantas ao redor. Dando um colorido a ela, o q deixava a casa mais bonita e cheia de alegria. *

S/n- a casa colorida. * falei sorrindo *

Hosoek- verdade * falou sorrindo tbm* mas s/n?

S/n-oi.

Hoseok - o q tanto quer ver nos quartos?

S/n- ah.. nada de mais. Só acho q lá podemos aproveitar mais do q aqui.

Hoseok- hum.. acho q entendi o q vc quer dizer.* falou dando um sorriso malicioso *

S/n- hoseok!!!! * falei dando um tapa em seu braço *

Hosoek - ai eu tava brincando, minha brabinha. * falou apertando minha bochecha *

S/n- ah.. pensando bem acho q algum dia podemos tentar. * falei colocando nossas comidas *

Hoseok - sério s/n? Vc quer realmente isso comigo?

S/n- * cheguei mais perto dele segurando seu rosto * hoseok, eu confio muito em vc. E tenho certeza de q não vou me arrepender de nada q eu fizer com vc.

Hoseok- eu tbm meu amor. * falou me dando um beijo calmo e rápido. *

Almoçamos e hoseok tomou um banho aqui. Se arrumou e foi pra sua casa me deixando sozinha. Terminei de fazer minhas atividades da escola e acabei dormindo no sofá de casa. Acordei com minha mãe destrancando a porta. Apenas sorri para ela e fui para meu quarto.

S/m- não vai jantar s/n?

S/n- não estou com fome mãe, se eu sentir eu faço algo mais tarde pra mim. Não se preocupe.

S/m- está bem. * falou e eu já adentrando meu quarto, logo tomando um banho e me deitando na cama. *

                     

                          *S/m *

Sai de casa no mesmo horário. Fui para o trabalho. Tudo estava acontecendo normalmente, fazia meu trabalho como todos os outros dias. Mas acho q hoje não foi meu dia. Assim q estava organizando os documentos da loja eu recebi uma ligação. Uma ligação q eu jamais esperaria.

       (Ligação on)

S/m -alô!? * fiquei um pouco nervosa ao ouvir uma voz masculina *

??? -(s/m)?

S/m-sim?? * ainda não sabia quem era *

??? - sou eu, o (s/p).

S/m-o q vc quer? E pq ainda tem meu número?

S/p- preciso conversa com vc, s/m eu nunca apaguei seu número, fiquei até com medo de vc ter mudado.

S/m- ta, fala logo o q vc quer!! * falei já um pouco estressada, pois só de ouvir a voz dele me dava nojo. *

S/p- é sobre a s/n, vc sabe q já faz muito tempo q não à vejo. Então primeiro queria conversa com vc sobre o q eu estava planejando.

S/m- o q quer com minha filha? Fale de uma vez.

S/p- ela tbm é minha filha, é nossa filha.

S/m- * eu já estava quase pra ter um surto de raiva * tá, mas o q quer falar??

      (... )

Sai da empresa e fui direto pra casa, pois aquela conversa não me fez nada bem. Ele não me faz bem. Agora como vou contar isso a s/n? Ela jamais vai concorda com isso. 

Cheguei em casa e adentrei a mesma. S/n estava dormindo no sofá, a mesma acordou com o barulho q fiz ao trancar a porta. Ela se direcionou ao quarto, o q me fez ficar um pouco aliviada por não mostrar q eu estava preocupada e estressada. S/n se importa muito comigo, e sei q ela iria fazer várias perguntas do meu estado. Mas uma hora eu terei q contar a ela sobre a conversa q tive com s/p. 

Jantei e logo fui para meu quarto, pois eu necessitava de um banho e de um belo descanso. Hoje o dia foi bem cheio, amanhã eu não irei trabalhar, será sábado e eu terei q contar de alguma forma para s/n sobre a conversa.

                 * s/n on *

              (Sábado 9:00)

Acordei fiz minhas higienies e tomei um banho. Desci minha mãe já estava na cozinha tomando seu café. 

S/n- bom dia mãe.

S/m- bom dia filha.

S/n- mãe hoje vou sair com hoseok, pro mesmo lugar de sempre.

S/m- ahh.. ok.

S/n- tá tudo bem mãe? * a olhei com uma certa desconfiança de q estava me escondendo algo *.

S/m- sim meu bem. Espero q se divirta com hoseok. Aliás, vcs vão q horas?

S/n- acho q só mais tarde.

S/m- tá bem, mas não voltem muito tarde.

S/n- ok mãe.

S/m- a mãe dele ja voltou de viajem? Pois basicamente já faz mais de um mês q ela não voltou.

S/n- não, ela volta semana q vem. Só não sei o dia exato.

S/m- ah sim. E ela já sabe q vcs dois estão juntos?

S/n- hoseok ligou pra ela semana passada falando. Ela ficou tão feliz mãe. Pareceu a senhora quando eu falei. * rimos em uníssono *

S/m- assim fico mais aliviada sabendo q ambas partes sabem q vcs estão juntos. Assim já sei pra quem ligar quando não achar vcs.

S/n- * dei uma pequena gargalhada * sim mãe.

Comemos e eu fui para meu quarto arrumar minhas coisas e separar uma roupa para sair mais tarde com hosoek. Nada muito chamativo, pois sempre ficávamos à sós.

          * hosoek on *

Acordei com um sorriso imenso no rosto. Não sei. Mas sinto q hoje vai ser um dia bom. Eu sinto isso. 

Levantei fiz minhas higienies, tomei um banho e desci para fazer meu café, pois minha mãe ainda não chegou, ela só chegará semana q vem, o q já  me deixa mais feliz, pois não gosto quando ela fica longe de mim. E ela entende o motivo. 

Arrumei a casa toda, não sei, mas hoje eu estava empolgado. O q já não é novidade eu acorda todo animado. Mas hoje, parecia q a alegria tava quase transbordando dentro de mim. Sentia q algo bom ia acontecer. 

Fiz meu almoço, comi, e despois fui descansar, deixei passar algumas horas. 16:00 e eu já estava pronto. Nada muito chique, apenas uma camiseta, uma bermuda e ajeitei meu cabelo, pois não iríamos sair para um lugar tão longe. Íamos apenas para o nosso cantinho, onde ninguém pode nos atrapalhar, onde podemos fazer o q quiser sem se preocupar se alguém vai ficar olhando ou falando...

             * s/n on *

Me arrumei e coloquei um simples vestido amarelo florido e um sapatinho simples tbm. Fui para a sala e fiquei na espera de hoseok. O mesmo não demorou muito para chegar. Nós sempre costumávamos ir no mesmo horário para lá.Sai e dei um pequeno aceno a minha mãe. A mesma acenou em forma de tchau. Entrei no carro e dei um selinho em hoseok. Nós dois pareciamos estar com o mesmo sorriso. De orelha em orelha. Pois nós sempre gostamos de ir pra lá. É um local onde não precisamos nos preocupar com nada.

S/n- olá meu bem.

Hoseok- oi meu amor. Tá tudo bem?

S/n- tá sim.

Hosoek- mamãe provavelmente vai chegar lá pela quarta-feira e com certeza vai querer falar com vc. * falou já dando partida no carro *

S/n-* sorri de canto * eu imagino.

Conversa vai conversa vem, logo chegamos a casa.Hosoek estacionou o carro em baixo de uma árvore. Adentramos e ficamos na varanda.

S/n- o vento está tão bom aqui né?

Hoseok- está ótimo meu bem. Acho q pode chover mais tarde.

S/n- verdade, bem q eu queria, pois já faz um tempo q não chove.

Hosoek- verdade.

S/n- hoseok?

Hoseok- hum? Q foi meu bem? * me olhou atencioso *

S/n- vamos ver o resto da casa. Vc ainda não me mostrou, se lembra?

Hosoek- ahhh é vdd. Vamos entrar. * segurou em minha cintura me levando para dentro da casa *

S/n- vamos.

Entramos. E mesmo não tendo ninguém ali para cuidar da casa, ela ainda parecia em bons estados. Ela continha 2 quartos, uma sala e uma cozinha, e a varanda à qual nós sempre ficamos quando estamos aqui.

Hosoek- as vezes eu vinha sozinho aqui, para ver como a casa ainda estava. Ela me traz algumas lembranças.

S/n- lembranças boas?

Hoseok- sim, de meu pai.

S/n- ahh.. hoseok se não quiser falar disso.. * ele me enterrompe *

Hoseok - não s/n, tudo bem, já passou. Vc me ajudou nisso, e eu sou eternamente grato.

S/n- eu sempre vou está aqui meu bem, pro q vc precisar. * o abracei e senti ele me apertar com seu braços em volta da minha cintura *

Hosoek - s/n obrigado, por sempre está aqui comigo. Vc além de uma namorada incrível é uma ótima amiga.

S/n- vc tbm meu bem. Vc me mostrou q estava completamente errada procurando amor onde não há. E o verdadeiro amor estava do meu lado o tempo todo.

Hosoek- s/n olhe pra mim. * o olhei com um pequeno sorriso no rosto. * Eu nunca vou deixar vc, jamais vou desistir do nosso amor. Não importa o q aconteça.

S/n- eu prometo nunca deixar vc tbm. Mesmo se houver alguma distância eu jamais desistirei de nós.

Nos abraçamos, e senti hoseok sorrir em meu ombro, o q me fez sorrir tbm. Era tão bom está nos braços dele. Eu me sentia segura, feliz, encantada, amada. 

Continuamos olhando os cômodos. Até chegarmos em um quarto onde os móveis estavam muito bem arrumados por sinal.

S/n- esse quarto é bonito.

Hoseok- é sim. Talvez um dia ele possa ser nosso. * o olhei um pouco assustada *

S/n- acho q vc não iria me aturar por muito tempo.

Hosoek- pq? * me olhou confuso *

S/n- pq eu ia acorda vc, me jogando em cima de vc todo dia. ( risos)

Hoseok- ah.. e quem disse q eu não ia gostar hum? 

S/n- ah.. Não sei. Mas talvez se eu começar a fazer cosquinhas em vc, vc não vá gostar.

Hosoek- ah é mesmo. * me olhou com um olhar provocativo, e na mesma hora, veio atrás de mim tentado me fazer cócegas  *

Acabei caindo na cama, e hoseok em cima de mim, ele tentava de todas as formas fazer cócegas em mim, e eu o empurrava com minhas pernas. Até q em um momento ele parou e ficamos apenas rindo um da cara do outro. 

Ele ficou me olhando com um olhar misterioso. Ele estava Com as duas mãos em volta de minha cabeça. Essa momento me fez lembrar do nosso quase primeiro beijo na casa dele. Eu o puxei pela nuca, e no mesmo momento começamos um beijo mais intenso.Ele pediu passagem com a língua, e eu logo cedi. Ele se juntou mais a meu corpo, fazendo seu peso ficar todo sobre mim. Ele segurava meu rosto com delicadeza, coloquei minhas pernas em volta de sua cintura, fazendo ele ficar mais próximo de mim. Senti nossas intimidades mais próximas da outra.

Hosoek- s/n acho melhor pararmos, ou talvez vamos fazer coisas q vc não queira. * falou saindo de cima de mim. *

S/n- não. Não saía, eu.. an.. eu quero. * falei segurando o braço do mesmo *

Hoseok- o q? * me olhou um pouco assustado. * s/n.. Vc..

S/n- eu quero hosoek.

Hosoek- s/n eu não quero machucar vc.

S/n- e não vai. Eu sei q não vai. Eu confio em vc.

Hosoek- sabe q ainda pode desistir disso né?

S/n- vc não quer isso?

Hoseok - eu estaria mentindo se disesse q não. * falou rindo e voltando à posição q estava *

S/n- então pronto. Nós ainda temos tempo.

Hosoek- sim ainda temos.

S/n- hosoek só tem um pequeno problema.

Hosoek - e qual seria?

S/n- preservativos.

Hoseok- vc vai achar estranho se eu disser q sempre ando com isso? * o olhei fazendo um pequeno "o" com a boca, e em seguida dando um pequeno tapa em seu braço. *

S/n- bobo.

Voltamos ao beijo com mais intensidade, nossas línguas brigavam por espaço, eu já estava começando a ficar sem ar. Ele parou e começou a deixar singelos selinhos em meu pescoço. Logo depois voltou a me beijar, mas dessa vez de uma forma muito mais carinhosa e ao mesmo tempo intensa. Como hoseok consegue fazer isso? Nossa eu realmente estava anciosa pra esse momento. Mas tbm um pouco com medo. Mas sei q hosoek jamais iria fazer algo q eu não queira. 

Coloquei minhas mãos na Barra de sua camisa, tirando a mesma e jogando em alguma parte do quarto. Sorrimos com o ato. Ele voltou a me beijar. Minhas unhas passavam por seu abdômen definido, eu sentia ele se arrepiar com o ato. 

Ele levantou e tirou seu sapato e o meu tbm. Logo voltando a ficar em cima de mim e deixando alguns selinhos e mordidas em meu pescoço.

Ele levantou a Barra de meu vestido e tirou o mesmo, me deixando apenas de calcinha e sutiã. Ele parou o beijo por um momento, e ficou observando meu corpo.

Hosoek - s/n vc é linda, completamente linda. Eu sou muito sortudo. * ele sorria tanto q não me conti e acabei abrindo um sorriso de orelha em orelha como o mesmo *

S/n- * dei um soquinho  em seu ombro * para seu bobo, assim vc vai me deixar com vergonha.

Hoseok- eu gosto quando vc fica com vergonha, vc fica tão linda. * falou voltando a me beijar *

Enquanto ele me beijava, minhas mãos foram em direção ao zíper de sua calça. Tirei a mesma e empurrei com o pé até ela sair de seu corpo. Hosoek, passava a mão pela minha bochecha fazendo carinho na mesma, e a outra mão estava em minha cintura fazendo nós dois ficarmos mais perto um do outro. 

Ele colocou a mão em em minha costa, me levantando um pouco e em seguida levou suas mãos à parte de trás de meu sutiã e tirou o mesmo. Seu corpo esconstava em meu seio de uma forma excitante. Cada toque dele era com delicadeza e ao mesmo tempo provocativo. Hoseok estava me deixando louca e nervosa ao mesmo tempo.


Notas Finais


Jsksksksjsjxjsjhshshs

Nada à declarar kkkk

Maigodi kkk

Eae?



Continua????????


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...