1. Spirit Fanfics >
  2. Me apaixonei pelo cara errado >
  3. Uma mudança radical

História Me apaixonei pelo cara errado - Capítulo 23


Escrita por:


Notas do Autor


Boa noite, meus consagrados!

Capítulo 23 - Uma mudança radical


     Enzo 

Não estamos entendendo nada, minha mãe só me mandou arrumar as malas o mais rápido possível, enquanto eu e Miguel estamos arrumando eles estão nervosos e minha mãe está dizendo que não se casou para ficar fugindo, parece que o casamento que ela imaginou não está acontecendo. Eu sinto que algo muito grande estar por vim, e que minha mãe vai ter que ser muito forte.

Amor ? - Miguel me chama abrindo a porta

Oi - olho pra ele nervoso e pergunto - o que está acontecendo? 

Eu não sei também, mais meu pai tá conversando com Regina lá encima, já arrumou as malas? - ele pergunta me abraçando por trás

Terminando - respondo - onde iremos, você sabe? - pergunto 

Iremos para Miami, foi o que Cida me disse - ele se senta preocupado

Ser.... - sou interrompido com minha mãe e o pai de Miguel entrando no quarto

Temos que conversar - Carlos diz nervoso

O que está acontecendo pai? - Miguel pergunta

Meu filho, ouve um incidente na impresa e eu fui acusado de desviar dinheiro que não podia e uns documentos tem minhas assinaturas os policiais estão atrás de mim - ele responde com um olhar desnorteado

Você fez isso senhor Carlos? - pergunto com medo da resposta

Claro que não - Miguel responde com rapidez com medo de ouvir a resposta do pai

Não Enzo, eu não fiz - ele responde decepcionado com o rumo da situação - só confiei em gente sem caráter

O que vamos fazer agora? - Miguel pergunta

Você, Enzo e Regina irão Miami, ficaram lá até a poeira abaixar - ele diz dando um abraço em Miguel

E você? O senhor não vai? - eu pergunto 

Não, irei descobrir quem fez isso cmg e trarei nossa vida de volta - ele responde e saí do quarto acabado

Vamos logo com isso meninos - Minha mãe sai fazendo sinal para nos apressarmos

Tá - respondo sentando em choque

Descemos o mais rápido possível, tudo pronto, malas já estão sendo colocadas no carro, eu e Miguel já estamos dentro e só estamos esperando minha mãe que está se despedindo como se não fosse mais ve- lo seu marido como se ele estivesse planejando algo não tão bom, vejo o olhar de Miguel e ele não demonstra mais sinto que ele também está preocupado, pego a mão dele e ele se sente aliviado. Mamãe entra no carro e vamos ao aeroporto, conseguimos embarcar, mais assim que entramos no avião vemos a notícia de que Carlos Almeida dono da maior empresa mais desenvolvida de todas está sendo preso.

Miguel - olho o chamando porque sei que aquilo está o afetando muito

Tô bem - ele responde seco e rápido 

Mi.. - ele me interrompe

Já disse que tô bem, vamos sentar - ele responde se sentando no canto e olhando pra fora como se não quisesse que eu visse ele assim 

Quando chegamos lá, fomos recebidos bem e levaram nós direto para os quartos, cada um em um quarto, minha achou melhor assim, para ficarmos com privacidade, aceitamos mesmo querendo estar juntos, não falamos pelo fato da situação.

Todos nós fomos para o nosso quarto, chegando lá, a vista é linda mais a situação é tão ruim que mal consegui reparar em outras coisas, chegou de noite e eu só queria estar com Miguel, parece que ele leu meus pensamentos e entra pela janela do meu quarto e eu tomo susto.

Desculpa amor, não quis te assustar - Ele me diz e chega perto de mim

Meu deus Miguel, que susto - digo botando a mão no coração 

Eu queria ficar com você, não consigo não ficar longe - ele me pega na cintura e me abraça

Eu também não queria, como você tá? - digo e logo em seguida reclamo comigo mesmo - nossa, que pegunta idiota, ninguém tá bem

Não foi idiota a pergunta - ele me beija - eu te amo, desculpa por hoje cedo no avião, você só tava preocupado e eu fui grosso. 

Não importa, eu sei como você estava, eu te amo, não importa o que aconteça vou sempre estar com você.

Eu também - ele me beija carinhosamente - Queria ficar assim com você para sempre, sem coisas ruins acontecendo.

Nós vamos sair dessas mais fortes, eu acredito na gente, acredito no seu pai e eu tô muito afim de te beijar e ficar agarradinho contigo - digo o beijando

Oba - e começa a corresponder meu beijo estamos muito bem até que ....

Ouvimos alguém batendo na porta e Mamãe me chama

Meu Deus - é a minha mãe 




~ continua ~




Notas Finais


Gente, esse foi o capítulo de hoje, demorado mais chegou! Boa Noite meus consagrados e fiquem em casa!
O que vocês acharam desse capítulo? Gostaram? Se quiser dá idéia sou toda ouvidos!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...