História Me desculpe, era tudo mentira. - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Stray Kids
Personagens Bang Chan, Kim Woo-jin
Tags Bang Chan, Drama, Fluffy, Kim Woojin, Stray Kids, Stray Kids Couples, Woochan, Yaoi
Visualizações 45
Palavras 1.069
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fluffy, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


VOCES JA VIRAM THE ROSE E B1A4 JUNTOS?
Pois agora vão ver sndjff
Então, fugi de day6 ( um pouco rs) vim com The rose e b1a4
Eu misturei duas músicas, Sorry de The rose e A lie de b1a4, talvez esteja confuso? Bem eu não sei mas espero que entendam.
E STAN THE ROSE E B1A4####
Ah e bem, é meio que o Chan descrevendo pro Woojin como se sentiu ''naquela noite''

Capítulo 1 - Sorry, it's all a lie.


Me sinto cansado essa noite, cansado das minhas mentiras.

Eu vou repetir isso mais uma vez, ''eu acho que nosso relacionamento só vai até aqui'', você me diz ''você vai definitivamente conhecer uma pessoa boa.'', estávamos nos separando assim, uma rachadura se desenvolveu entre nós, meus olhos passaram a ver apenas as suas costas. Eu pareço muito miserável agora né?

As palavras que eu disse antes eram uma mentira, quando eu lhe disse para ir embora eu estava mentindo, por favor volte, é tudo mentira, são todas mentiras. As palavras que só causam dor se acumulam e eu aceito isso, pronto para viver o amanhã como se nada estivesse errado, mas está, porquê você não está do meu lado, podemos voltar mais uma vez como estávamos antes? O seu sorriso brilhante se transformou em lágrimas, a canção que costumávamos cantar juntos consola meu coração, mas não é o suficiente, porquê cantar sozinho é solitário.

O seu sorriso que eu enterrei na escuridão, a luz do sol chama por você todos os dias, agora eu te deixarei ir para a luz brilhante, lá é seu verdadeiro lar, eu quero ir ver a luz do sol com você. No dia em que eu decidi sozinho te mandar embora, você engoliu suas lágrimas e suportou a dor, eu sei que doeu Woojin, porquê eu também senti, a única diferença, foi que fui eu quem escolhi isso, você não teve escolha, por isso eu preciso repetir, aquelas palavras eram mentiras, por favor, não vá, foi tudo uma mentira.

Me desculpe por não voltar Woojin, me desculpe pelo meu egoísmo, me desculpe se já for tarde demais pra te dizer que eram mentiras, esta noite estou com pensamentos borrados, porquê está tudo ficando difícil novamente? Estou sozinho. Em uma noite onde eu sou o único sozinho, possivelmente esperando sem saber, porquê você ainda não me ligou? Me desculpe, não vá, não me esqueça, eu estarei ao seu lado, eu só irei olhar para você esta noite..

Me desculpe, estou muito arrependido, por favor não faça isso Woojin, porquê sem você, eu não existo. Eu penso em você a noite toda, em memórias que não estou incluído, porquê tudo está ficando mais claro novamente? Estou caindo Woojin, e eu não quero te deixar ir, por favor volte pra mim.

Os olhos que antes me olhavam, suas mãos que antes seguravam as minhas, eu já me acostumei, agora estou envolvido nas memórias, mas minhas lágrimas ficaram vermelhas. A rua em que nos encontramos, o tempo que passamos juntos, eu não acho que eu possa esquece-los. Me desculpe se eu te machuquei quando te disse aquelas frias mentiras, eu fui um burro egoísta, eu não pensei antes de tomar essa decisão Woojin, eu tenho certeza que se eu tivesse pensado um minuto a mais eu iria conseguir perceber que não existe um Bang Chan sem um Kim Woojin.

Sozinho nesse apartamento, tudo parece mais vazio agora, eu sei o que falta, mas fui eu quem pedi para que você fosse embora, eu posso te pedir para voltar agora? Eu tenho esse direito? Depois do que eu te fiz.. Eu não tenho certeza. Agora, com meu celular em mãos já na lista de contato, eu espero conseguir falar com você, eu imploro que você atenda, preciso te falar das minhas mentiras, preciso te dizer que sinto sua falta, e preciso dizer que eu sinto muito.

Liguei para minha mãe antes de te ligar, ela me disse coisas que você não diria, mas que eu precisava ouvir, ela sempre te adorou, até mesmo mais que eu, de certa é engraçado se você parar para pensar, escutar xingamentos em inglês enquanto chorava igual um bebê do outro lado da linha não era meu hobby, mas eu mereci, cada um deles, minha mãe não sabia do nosso termino, e também não sabia que fui eu quem tinha terminado, o que mais precisava de você, ela sempre soube disso, você sempre foi meu porto seguro e bem, eu adorava te ouvir cantar pelo apartamento, mas essa noite, ela está fria e vazia, assim como eu, ambos nós estamos sofrendo do mesmo mal, a falta que tudo em você faz.

O celular está chamando.. Você já o viu? Está com medo de atender? Está com medo que eu lhe machuque novamente? Eu mereço isso, eu mereço. Você atende, ficamos pelo menos trinta minutos sem dizer nada, sua respiração já me acalmava, mas sua voz me abraçava de um jeito que só você podia fazer, eu queria ouvi-la, mesmo que por uma última vez.

Eu consegui, mesmo que entre lágrimas te dizer como eu me sentia, eu consegui te dizer que eram mentiras, e o mais importante, eu consegui te dizer que te amava demais para conseguir viver sem você, me xinguei de todas as maneiras possíveis, porquê eu sabia que mesmo que você quisesse, você nunca me xingaria, você era amável demais. Seu silêncio me assustou, eu fiquei com medo que você já tivesse desligado, eu fiquei com medo que acreditasse que as verdades agora ditas eram a mentira, tive medo de ter te perdido para sempre, novamente, sua respiração me acalmou, sua voz sempre me deixou fascinado, mas esta noite, ouvi-la me fez querer explodir em felicidade.

'' Você tá perdoado seu idiota, mas se fizer de novo..'' 

Eu realmente te amo muito, você sabe não é? Você chorava enquanto dizia, mas eu sabia que estava sorrindo do outro lado, eu espero continuar sendo o motivo de seus sorrisos, nunca das suas lágrimas, eu nunca gostei de te ver chorar.. Minhas mentiras te fizeram mal, e nesta noite, eu prometi nunca mais deixar isso acontecer novamente.

Você veio até meu apartamento, esta noite, a noite em que eu antes estava sozinho, se tornou a melhor noite da minha vida, eu sentia sua falta, e te ver diante de mim só me mostrou isso com ainda mais clareza, eu, Bang Chan sou idiota o suficiente pra ter um dia te dito para ir embora, mas como foi prometido nessa mesma noite, isso jamais voltaria a acontecer, eu não poderia existir sem você, cantar nossa canção acompanhado de sua voz angelical não só acalmou meu coração, como também acalmou minha alma, o que eu seria sem você? Eu me perguntei isso diversas vezes enquanto observava seu sorriso enquanto cantava, a resposta? Não existia, assim como um Bang Chan não existia sem um Kim Woojin.


Notas Finais


Espero que tenham gostado s222
Tenho outras one shots de stray kids e uma long fic também de stray kids, quem se interessar, fique a vontade rs.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...