1. Spirit Fanfics >
  2. Me solte. >
  3. Fim.

História Me solte. - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Oieeeeeeeeeee pipoca aqui pra avisar que essa já acabou mas eu vou fazer mais ent fiquem atentos e enquanto isso leiam a fic que o caramelo tá escrevendo OwO é do hidan

Capítulo 2 - Fim.


           -Teruhashi tsk tsk. Mesmo gemendo você ainda diz que não gosta?

-Não imaginava que você fosse mau Saiki kusuo.

-Agora parou de me chamar de Kusuo? - Ele fica com uma expressão séria e indignada.

Em um ato tão bruto quanto doloroso ele joga a menina no chão que reclama de dor.

-Vamos fazer assim. Me satisfaça e eu deixo você sair.

-Como quer que eu faça isso?
-Se vire eu não tenho nada haver com isso. -Ele dizia de forma autoritária.
-Você que está tirando minha liberdade.
-Continue falando e eu vou obriga-la a me dar prazer em troca de nada.
-...- Ela tira as calças e abaixa a cueca do rosado notando que o mesmo estava duro ao vê-la assim.

Teruhashi senta Kusuo na cama se aproxima do ouvido dele e sussura:
-Então me ver sofrer te excita?
-Seu corpo me excita .-ele me puxa e me beija, mas não um beijo delicado e romântico, um beijo avassaldor e brusco .
-Não era eu quem tinha que fazer isso?
-Viu? Você quer fazer isso.
-Eu quero te dar o prazer que você tanto quer para que possa me deixar ir embora.
-Faça logo.

Sem saber o que muito fazer Teruhashi coloca o pênis do garoto na boca segurando em sua cintura e fazendo um movimento vai em vem como se fosse uma criança chupando um picolé.
-Ahr eu não aguento mais.-Ele puxa a menina que agora está deita na cama e penetra ela rapidamente ,sem calmaria sem tempo pra acostumar e para, ele simplesmente para ali .
-Agora resolveu ser doce?
-Quer que eu seja agressivo?
-Não .- *Sim* sua boca dizia não mas sua mente assim como seu corpo ignoravam totalmente sua sanidade .

Saiki kusuo após ler o comentário que sua mente fez, não reagiu, apenas sentou e fez com que a garota ficasse em cima dele sentado. Ele sabia que ela queria isso e só ia dar a ela o prazer que ela queria quando todo o orgulho da mesma fosse totalmente quebrado.
-Hmm. -Ela gemia mesmo sem se mexer. Ele estava dentro dela e ela tinha se adaptado a ele o que fazia ela começar a gostar e querer cada vez mais.
-ha- ele ri baixinho .
   Saiki sabia que ela não ia pedir por vontade própria mas assim como a menina sentada nele ele queria mais prazer.
O rosado aproxima sua boca da orelha da menina sentada em seu membro (se assim poderia dizer) uma mordida e diz:
-Que tal se você se mexer um pouco?

Ela sem nem exitar se mexe cada vez mais , mais forte,mais rápido quanto mais melhor.
-Ahhhh -Ele quase grita -Teruhashi.
-Hmm Shi o pes-pessoal na rua pode nos ouvir. -Ela responde quase sem conseguir formar frases que estavam sendo abafadas pelos gemidos.
-não ahn podem,eu sou paranormal e blablabla.
-Hm entendi -Ela responde,  ela já sabia de algum modo e mesmo se não soubesse nada importava muito agora ela só queria uma coisa.... prazer.
-Ahr -Ele goza. Sem nem avisar ou algo do tipo só goza.
-Ahr hm ahr -Ela geme mais e mais alto sabendo que não pode ser escutada.

Ele levanta ela de seu corpo e diz:
-Eu até ia embora mas você ainda não gozou então vou ser um cavalheiro e fazer você sentir o mesmo que eu .
Agora deitados na cama, enquanto uma mão de Saiki masturba Teruhashi e outra bate e machuca seus seios ele beija ela dando chupões e mordidas em seu pescoço.
-Hmpf parece que isso não vai adiantar.
Ele tira uma camisinha do bolso põe em seu pênis e entra totalmente na menina que solta um grito de agonia e prazer.
-Agora está melhor? -Ele se movimenta pra cima e para baixo fazendo-a gemer e gritar e não conseguindo fazer nada além disso. -Isso é bom pra você? -Ele vai mais brusco e mais forte exatamente o que Teruhashi precisa e quer.
-Hm ma ma.
Ele bate na cara dela.
-Mais o que vadia?

Ela não se sente incomodada com isso, muito ao contrário só a dá mais prazer.

-Ahhhh mais forte ,mais rápido mais tapas.

Ele vira ela colocando-a por cima dele e puxa os quadris dela pra mais perto de sua barriga enfiando cada vez mais seu pênis nela e batendo na sua bunda e cara até que ela goza.
Assim que a garota goza ele tira ela de si se tira sua camisinha com mais esperma.
-Tchau vadia.  Espero que lembre disso pra sempre pois como o único paranormal no mundo você nunca vai ter uma transa tão boa.-Ele se veste e se teletransporta.
Teruhashi, ali na cama só conseguia pensar em uma coisa... na próxima vez. Com seu coração vagabundo inabalável e seu corpo satisfeito ela precisava de mais . Saiki kusuo havia virado sua droga mais viciante.


Notas Finais


Se gostaram favoritem e nos sigam ,comentar ajuda muito.

Essa fic foi feita por :Pipoca.
Tem um imagine hidan na nossa conta que tá ficando mt bom é o caramelo que tá escrevendo vai lá UwU


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...