História Médicos em Apuros!! - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens HyunA, Irene, Jeon Jungkook (Jungkook), Joy, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Seulgi, Wendy, Yeri
Tags Hyuna, Irene, Jikook, Namjin, Seulgi, Taehope, Vhope, Yoongi&yibo
Visualizações 67
Palavras 2.990
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), LGBT, Romance e Novela, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá a todos, bom meu recadinho é que nesse capítulo mudei a narração, nos capítulos anteriores os personagens narravam, mas nesse a autora está narrando, e gostaria da opinião de vocês, se preferem os próprios personagens narrando ou a autora...
Obrigada pela atenção de vocês e uma ótima leitura... ❤

Capítulo 3 - Triângulo Amoroso...


Fanfic / Fanfiction Médicos em Apuros!! - Capítulo 3 - Triângulo Amoroso...



JUNG HOSEOK



Hoseok passou a sua vida inteira achando que seria sempre um fracassado, não era tão inteligente como seus amigos - isso era o que se passava na mente dele - que hoje seus amigos são grandes médicos, e ele apenas um mero Chefe Enfermeiro. Na verdade sempre quis ser um Cirurgião, igual ao Taehyung, mas não foi capaz de entrar na faculdade de medicina, na época ficou bem mal, mas os seus amigos, principalmente Taehyung o ajudaram e no fim acabou conseguindo entrar na faculdade de Enfermagem, se esforçou bastante para ser o melhor enfermeiro, mas não nega que sente inveja dos amigos por serem médicos tão renomados e ele apenas um mero Chefe Enfermeiro.


- Jung Hoseokie, você prometeu que sairia comigo esse sábado, por favor Hobe... - O Jung anotava alguns dados no computador quando foi abordado por Taehyng que insistiu em leva-lo no sábado ao bar que o mais novo tanto amava.


- Eu não prometi nada, e você sabe que eu não bebo Tae... - Taehyung choraminga manhoso.


- Mas Hobe, eu quero te levar lá, é divertido, eu quero me divertir com você... - Ele se aproxima do Jung depositando rapidamente um beijo no rosto do mesmo, o que assustou o mais velho pelo ato repentino.


- Tae... eu estou ocupado, sera que podemos conversar no almoço? - Uma expressão triste surgiu em Taehyung, o que não caía bem no seu rosto angelical.


- Mas Hobe... é o meu...- Taehyung iria se pronunciar mas é interrompido por Yoongi.


- Tae-Tae, preciso de você na Neurocirurgia, você está ocupado? - Ele nega com a cabeça esperando Yoongi se pronunciar novamente.


- É um caso de derrame cerebral, mas precisamos da análise de um cirurgião geral, para analisar um órgão que foi perfurado, pela queda que atingiu em cheio o órgão, isso tudo por uma barra de ferro, que possuía uma ponta enferrujada... - Yonngi dizia olhando atentamente para a prancheta em suas mãos.


- Acidente grave em local de trabalho, estou certo? ... - Taehyng fez uma expressão engraçada, na qual, afirmava seu desgosto por descuidados em local de trabalho.


- Certíssimo... - Taehyng seguiu Yoongi sem ao menos se despedir de Hoseok.


O trio sempre foi bem unido, Taehyng e Yoongi são muito próximos, pois foram vizinhos desde criança, o que deixava o Jung um pouco inciumado, não negava que era apaixonado por Tehyung, ja Yoongi sempre foi seu amigo e tinha consciência dos sentimentos dele por Taehyung, os dois sentiam a mesma coisa pelo mesmo homem, mas isso não os empedia de serem grandes amigos, não havia uma disputa ou algo do tipo entre os dois.


Para o Jung, Taehyung sempre foi um amor, sempre o ajudou e o apoiou, se apaixonou por ele no decorrer dos anos, só não acha que teriam algo à mais que a amizade, na verdade evitou desde então qualquer contado carinhoso com o mais novo, não queria se iludir ou criar expectativas, pois tinha certeza que jamais seria correspondido por ser apenas um mero enfermeiro, na sua mentalidade Taehyung preferia Yoongi, pelo mesmo ser um Neurologista e agora um Cardiologista, com certeza o Yoongi poderia ser o tipo do mais novo.


Hoseok se achava um idiota por pensar dessa forma, deveria se confessar, mas não tinha coragem, se sentia inferior ao seu amado, comprometer sua amizade era o que menos queria, pois tinha certeza que levaria um fora. No próximo dia seria aniversário de Taehyung, o Jung havia comprado um presente, uma pulseira de ouro com a frase 'Você é minha inspiração', e o mais novo com certeza era e sempre foi  inspiração de Hoseok, acreditava pelo mínimo que fosse que teria chances com Taehyung, mas não queria arriscar, mesmo que doesse perde-lo, o Jung se sentia sufocado por não poder dizer o tanto que amava Taehyung, ele jamais diria seus verdadeiros sentimentos pelo mais novo, jamais.



MIN YOONGI 


- Yoongi, sera que ele não lembra do meu aniversário? - Taehyung estava frustrado, pois Hoseok não havia lembrado do seu aniversário, e foi se lamentar com o amigo.


- Eu não sei te dizer Tae, ele não mencionou nada comigo... - Yoongi folheava alguns documentos em sua mesa, e Taehyng choramingava sentado na frente do mais velho com a cabeça apoiada na mesa.


- Por que ele é assim, um idiota? Ele é tão lerdo assim pra não perceber o tanto que estou na dele? - Mais uma vez os resmungos  de Taehyung ecoaram pela sala do médico mais velho.


- Tae não fica assim, ele vai lembrar eu tenho certeza... - Yoongi acariciou cabelo do mais novo, na tentativa de acalma-lo.


Min Yoongi e Kim Taehyng sempre foram amigos, Taehyung era o vizinho que sempre ia na casa do mais velho para brincar, isso sendo todos os dias, ele era o único naquela época que deixava o Min feliz, o único que fazia o coração do mesmo bater tão rápido, o único pelo qual Yoongi havia se apaixonado. Ele e Hoseok também sempre foram bem próximos, e também tinha consciência de que Hoseok era apaixonodo por Taehyung, mas sabia também que o Jung era bobo demais para assumir o que sentia pelo mais novo.


O que deixava Yoongi mais triste era saber que depois de tanto tempo Taehyung so teve olhos apenas para Hoseok, e ele sendo sempre o excluído, mas isso não impedia de  continuar conquistando o seu 'bebê', ele realmente não queria perder para Hoseok, mesmo o Jung sendo seu amigo não deixaria que o mesmo tivesse total controle pelos sentimentos de Kim Taehyung, quem sabe Taehyung consiga enxergar o amor de Yoongi por sí, e se apaixonar literalmente por Min yoongi.


- Tae-Tae, que tal sair amanhã comigo? -Yoongi olhou para o mais novo meio apreensivo pela resposta do mesmo.


- Sair? Mas pra onde? 


- Pra onde você quiser, você é o aniversariante, você que escolhe... - Um sorriso quadrado surgiu no rosto do mais novo, o que foi fofo demais para Yoongi.


- Mas Yoongi, e se o Hobe for até o meu apartamento? E se ele se lembrar? - O Min revira os olhos, pelo fato do Kim sempre meter Hoseok no meio de tudo.


- Tae por favor, por que não me da atenção? Por que se importa apenas com o Hoseok? - Yoongi disse chateado, o que de fato estava.


- Yoongi... - Taehyung chama manhoso. - Eu me importo sim com você, me importo muito, não diga isso... - Ele se aproxima depositando um beijo na bochecha do Min, o que de fato era uma mania que o mais novo sempre teve desde pequeno. - Eu vou sim sair com você, vamos nos divertir juntos, está bem? - Yoongi ficou contente se aproximando dele, o abraçando com força e depositando um beijo em seu pescoço, fazendo o mesmo gargalhar.


O dia foi bem agitado, principalmente pelo fato das novatas terem chegado, o que de fato não agradou nem um pouquinho Taehyung, já que a tal Yeri ajudante do Hoseok vivia de sorrisinhos com ele pelos corredores do hospital, e Yoongi por um lado estava amando toda aquela situação. 


- Taehyung! - O Min chamou a atenção do mais novo pela milésima vez naquele dia.


- Oi?! - Taehyung o olha espantado, tentando disfarçar seu nervosismo.


- Da pra parar com isso...


- Parar com o que Yoongi... - Taehyung encara o mais velho fingindo de desentendido.


- Você fica seguindo o Hoseok e a enfermeira Yeri, para com isso agora! - Tae o encara emburrado, pois não conseguia desobedecer Yoongi nessas horas.


- Mas Yoongi, aquela oferecida fica dando em cima do Hobe... do meu Hobe... - Com toda a inocência de Taehyung, jamais imaginaria o tanto que magoava seu amigo mais velho com essas simples palavras.


- Ele não é seu! - Yoongi diz já irritado.


- Mas vai ser! - O Kim cruza os braços irritado com um biquinho cheinho nos lábios, o que fazia o coração de Yoongi se derreter rapidinho.


- Para com isso Tae, eles são apenas colegas do mesmo departamento, você sabe como o Hoseok precisa de ajuda na enfermagem, deixa ele fazer o trabalho dele... - Ele suspirou, sabia que Yoongi estava certo.


- Tudo bem, por hoje eu deixo passar... - Yoongi respira fundo aliviado.


- Vá se trocar, vamos sair daqui a pouco, como seu carro tá na oficina vou te levar pra casa, ok? 


- Está bem... - Taehyung sai indo em direção ao vestiário.


Com certeza para o Min, não seria fácil conquistar o amor de Taehyung, já que o mais novo era apaixonado pelo Jung, mas isso não faria Yoongi desistir assim tão fácil, pois ele teria todo o tempo do mundo, e iria esperar Taehyung enxergar o amor extremo que o Min sentia pelo mesmo.




KIM TAEHYUNG


O sábado não era um dia de trabalho rigoroso para os médicos do 'Hospital Huimang', a presença deles só eram exigidas no fim de semana se fosse de extrema importância, ou seja, era tipo uma folga. E na manhã de sábado Taehyung estava apreensivo, não só pelo fato de ser seu aniversário, mas sim por Hoseok não ter lembrado do aniversário do mais novo, estava frustrado e irritado com o Jung.


Yoongi já se encontrava no apartamento de Taehyung e esperava o mesmo se arrumar para poderem aproveitar o aniversário do Kim mais novo, não sabia pra onde levaria Taehyung ja que seria escolha do mesmo o local, mas isso tudo era uma faixada, queria ocupar o mais novo para que seus amigos organizassem a festa do aniversário de Taehyung no apartamento do mesmo, de certa forma tudo já havia sido planejado por seus amigos.


Depois de tanta demora Taehyung aparece para Yoongi deslumbrante, com uma calça preta de couro, marcando suas curvas perfeitamente, e uma camisa social azul escuro com umas listras brancas, e um tênis da Nike, que de fato encantou o Min por sua abudante beleza.


- E então bebê, pra onde você deseja ir? - Um sorriso fofo surge no rosto de Taehyung, de certa forma não poderia negar que amava o lado fofo de Yoongi.


- Bom Yoongi, eu desejo ir ao parque de diversão... - O Kim estava empolgado, poderia até ser um adulto, mas ainda possuía um espírito infantil.


- Seu desejo é uma ordem, bebê... - Yoongi sorri para o mais novo estendendo sua mão para o mesmo, na qual, Taehyung não hesita em segurar.


No caminho Taehyung olhava atentamente pela janela do carro as ruas de Seul, ele amava parques de diversão, sempre ia com Yoongi e Hoseok, os três se divertiram bastante, mas no seu aniversário seria diferente, já que o Jung não estava presente. Se sentia triste por não ter sua paixonite presente em um dia tão especial para o mesmo, nesse momento xingava o Jung mentalmente, se perguntava como Hoseok poderia ser tão bobo.


O parque de diversão não estava tão agitado, já que ainda estava cedo, talvez não tão cedo assim, já que faltavam 15 minutos para o meio-dia, de imediato Taehyung puxou o Min para um brinquedo um pouco radical, que girava no alto. Taehyung não era medroso, já Yoongi não achava tão divertido esses tipos de brinquedos, mas ele faria de tudo para deixar o Kim mais novo feliz.


Depois de um tempo no mesmo brinquedo, os dois saíram do mesmo, Taehyung se empolgava todinho, enquanto Yoongi tentava controlar sua respiração e a vontade de jogar seu café da manhã todo para fora.


- Yoonie você está bem? - Taehyung fala manhoso e preocupado com o mais velho.


- Sim, sim eu estou... - Na verdade Yoongi não estava, se sentia tonto e enjoado, mas não deixaria isso evidente para Taehyung.


- Então, que tal irmos naquele ali? - O mais novo apontou para a montanha russa, e Yoongi suspirou profundamente, se perguntando se iria aguentar até o final da tarde.


Depois de irem em mais alguns brinquedos o Kim decidiu ir até a roda gigante, Yoongi se sentiu aliviado, até que em fim um brinquedo mais calmo, mesmo sendo alto.


Entraram no brinquedo, e quando estavam no topo, puderam deslumbrar uma bela vista da cidade, certamente aquele estava sendo um aniversário quase que perfeito para Taehyung, se não fosse a falta de presença do Jung.


- Yoonie... Obrigado... - Taehyung estava sentado do lado de Yoongi em uma das cabines do brinquedo, com a cabeça apoiada no ombro do mesmo.


- Você merece, e merece muito mais... - Yoongi beija o topo da cabeça do mais novo, em seguida acariciando o rosto do pequeno.


- Yoonie, por que sempre foi cuidadoso comigo? - Taehyung entrelaça sua mão com a de Yoongi sem tirar sua cabeça do ombro do mesmo.


- Por que você é especial para mim... - O Kim sorri contente com as palavras do mais velho.


- Você também é especial pra mim, e sempre será... - Nesse exato momento o peito do Min esquentou, e um sorriso involuntario surgiu em seu rosto, ele sabia que o 'especial' que Taehyng falava, não era do mesmo sentido que o seu, sabia que o mais novo o via apenas como um amigo, ou até mesmo um irmão.


- Tae-Tae, eu... - Quando iria falar a roda gigante para, indicando que deveriam descer, parece que a sorte não estava a favor do Min.


- O que ia dizer Yoonie?


- Que estou com fome, você não esta? - O Kim confirmou com a cabeça em um movimento frenético.


- Que tal a gente ir naquele restaurante que você tanto gosta? - Yoongi sabia sobre os gostos preferidos do Kim, e não iria desperdiçar isso para conquistar Taehyung.


- Ahhh Yoonie, você me conhece tão bem... - Taehyung abraça forte o Min, depositando um beijo em seguida na bochecha do mais velho.


Não estavam almoçando no horário certo, mas isso não importava no momento, os dois estavam sentados em uma das mesas do famoso restaurante, conversavam coisas aleatórias, mas nada profissional. 


Haviam terminado de almoçar, Taehyung estava no banheiro e Yoongi na mesa o esperando, resolveu pegar o celular e ligar para o Jung perguntando como estavam os preparativos.


- Hoseok? - Yoongi se pronuncia quando a chamada é atendida.


- Oi Yoongi...


- Como estão as coisas aí?  


- Quase prontas, mas já podem vim... e como estão as coisas aí? 


- Ele se divertiu bastante, estava contente e não desconfia de nada. - Um sorrio involuntário surgiu no rosto dos dois.


- Ele falou algo sobre mim? - O Jung queria saber se o pequeno sentia sua falta, mesmo que fosse o mínimo possível.


- Ele sentiu sua falta... - Com certeza Yoongi pode imaginar o grande sorriso que havia surgido no rosto de Hoseok.


- E ele disse algo mais... - O Jung se sentia curioso, sabia que poderia ter acontecido algo entre os dois.


- Disse que sou muito especial para ele... - Yoongi sabia que com essa informação o Jung não se sentiria feliz, mas não perderia essa oportunidade.


- Especial? Ah... eu também sou especial para ele... - De certa forma o Jung não ficaria para trás.


- Não vamos discutir sobre isso agora, Taehyung está vindo, preciso desligar, tchau... - Yoongi desligou o celular sem esperar uma resposta.


Yoongi e Taehyung saíram do restaurante indo direto para o apartamento do mais novo.


Taehyung estava exausto, a única coisa que desejava era tomar um banho relaxante e se jogar de vez na cama. Eram ainda por voltar de 16:00 PM, quando finalmente abriu a porta do seu apartamento quase teve um ataque cardíaco.


- Surpresa! - Todos ali presentes falaram em uma única só vez, Taehyung teve que colocar sua mão no peito para se acalmar, olhava para Yoongi que tinha um sorriso sapeca no rosto.


- Você sabia? - Perguntou para Yoongi que gargalhou em resposta.


- Bom... era uma surpresa não podia falar nada... - Taehyung sorriu quadrado, não poderia negar que amou tudo aquilo, saiu abraçando todos seus amigos ali, o único que não pode estar presente foi Namjoon, já que o mesmo teve que continuar administrando o hospital. 


- Jinnie obrigada! - Abraçou o Kim mais velho bem apertado, tirando um gemido sôfrego do mesmo.


- Olha Tae-Tae, não reclame do meu presente, mais sei que na verdade vai amar... - Jimin se aproximou abraçando o amigo.


- E você Jungkook, não vai me desejar parabéns? - Jungkook sorriu abraçando Taehyung, e suspendendo o mesmo deixando ele sem tocar o chão.


- Eu também comprei seu presente Tae-Tae... - Yoongi se aproximou do pequeno lhe entregando uma caixa, e la estava a série do livro que o pequeno tanto amava, de imediato pulou nos braços do Min depositando vários beijos na bochecha do mesmo.


E por último, e não menos importante Hoseok, que ficou no canto esperando todos parabenizarem o Kim mais novo.


- Tae parabéns, eu comprei algo bem especial para você, algo que escolhi com todo amor... - O Jung entrega uma caixinha preta de veludo para Taehung, e lá estava a pulseira, era linda e perfeita aos olhos do Kim.


- Eu amei Hoseok, amei de verdade... - O pequeno abraçou o seu amado depositando beijos pela bochecha do mesmo e sorrindo contente.


A decoração estava incrível, tinha uma torta fofa na mesa principal com o sabor de limão, balões enfeitando uma parte da sala e algumas sobremesas ao lado da torta, e refrigerante, não havia bebidas já que ninguém podia ficar de ressaca no próximo dia.


Quando finalmente cantaram os parabéns para o aniversariante, chegou a hora mais esperada por todos, ali Yoongi e Hoseok saberiam de quem Taehyung gostava mais, a hora de entregar o primeiro pedaço da torta.


- E então Taehyung, pra quem é o primeiro pedaço? - Jin perguntou ja sabendo que o primeiro pedaço jamais séria pra ele.


- Bom... - Taehyung olhou para Yoongi e depois para Hoseok. - O primeiro pedaço vai... - Olhou novamente para os dois e para os outros presentes ali. - Para mim... - Todos gargalharam, pois sabiam que isso seria com certeza a decisão de Taehyung.


O resto do dia foi de total alegria, brincaram se divertiram, jogaram conversa fora, mas o que ainda não saia da cabeça de Min Yoongi e Jung Hoseok, era quem seria o escolhido de Taehyung, talvez depois de um tempo até o próprio Kim teria dúvidas.


.

.

.


Notas Finais


Obrigado por lerem... e ignorem os erros...
Kiss... 😙😙😙😙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...