História Mei - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Caguei
Visualizações 6
Palavras 2.139
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Ecchi, Festa, Ficção Adolescente, Fluffy, Hentai, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor



Capítulo 1 - Seoul


Fanfic / Fanfiction Mei - Capítulo 1 - Seoul

Mei

Acordo com o barulho no despertador no meu criado mudo logo às  06h da manhã. 

- Mais que disgraça - digo levantando e desligando o mesmo - silêncio, alelui- fui interrompida por um grito.

- Mei, meu amor, desliga essa DISGRAÇA PQ EU TO DE FÉRIAS! - escuto  yuki gritar.

- MAS EU NÃO LIGUEI ESSA CARALHEA! - digo gritando de volta.

- NÃO, FOI MINHA VÓ QUE NUNCA CONHECI!

- TURURUUUU - escuto miyuki cantando a música do naruto, pq todos nós ( = eu, miyuki, yuki e jin ) somos adotados, e tirando eu e jin, eles nunca conheceram nenhum membro da família deles - E NOÍS YUKI! - escuto logo risada dos dois, mesmo eles não conhecendo ninguem da família deles, eles nunca ligaram pra eles, zoam os pais biológicos, uma vez perguntei o pq e miyuki me respondeu que a yuru ( mãe deles ) contou a ela que a mãe dela deixou ela no chão do hospital, um bebê recém nascida no chão de um hospital pelo simples fato por ela ser um bebê feio, que por sinal ela se fodeu pq a miyuki tá um mulherão da porra agora que meu deus!

- FUI EU QUE COLOQUEI PRA DESPERTAR! - essa era a voz do jin, ele não deveria ter falado pq agora eu, yuki e miyuki vamos dar um jeito nele - SÓ PQ NAQUELE DIA VOCÊS TIRARAM MEU DESPERTADOR E PERDI O ENCONTRO E NUNCA MAIS A  AQUELA GAROTA FALOU COMIGO!

Depois que ele parou de falar o interfone toca e a única coisa que passou na minha cabeça foi - fudeu.

- Se for reclamação do barulho vcs vão ficar sem mesada! - diz minha mãe que logo depois de falar escuto o barulho da porta dela abrir e a mesma vai até o interfone. 

- por favor que não seja pelo barulho, por favor que não seja pelo barulho - digo baixo pra mim mesma enquanto levanto pra pegar uma toalha e uma roupa pra por pra ficar em casa, até que escuto minha mãe me chamar e chamar os outros - já era.

Saio do meu quarto e vou até a sala onde já estava minha mãe e o Jin, me sento no sofá em silêncio pq tava com medo de falar alguma merda, logo depois vejo os dois no corredor, e tipo, a ponta do sofá que estou sentada fica pra frente do corredor, mas a mesa onde minha mãe ta sentada não da pra ver o mesmo, então miyuki sem fazer nenhum barulho perguntou.

- ela ta com cara de brava? - enquanto falava mudo tbm fazia um sinais e umas caretas muito engraçadas, neguei com a cabeça e ela já ia voltar pro quarto quando minha mãe fala.

- Miyuki, pode voltar!

- eita mãe, como me viu? - perguntou miyuki surpresa. 

- fácil, Mei conheço a sorrir querendo rir e depois negou com a cabeça. 

- credo mãe! - digo e a mesma ri.

- gente não ligaram por causa do barulho, e sim por outra coisa - do jeito que minha mãe falou até eu fiquei curiosa. 

- então fala logooo! - falou jin

- Sabe que eu amo todos vocês e quero que vcs comecem o colégio em uma escola boa né? -  assenti com a cabeça junto com os outros, ela sempre dizia que a gente era o orgulho dela, e que a coisa que ela mais queria ver antes de morrer era ver nós quatro se formando, todos juntos ( sim, nós quatro temos a mesma idade, mas não nascemos no mesmo dia calma kakakak, sou a mais nova >:/ ) e é por isso que a gente se esforça tanto, ela merece tudo isso e um pouco mais - então, eu consegui um apartamento com quatro quartos, pra vcs em Seoul! Ou seja, vocês vão morar sozinhos por causa dos estudos, e vão estudar na escola xxxxx, aquela que vcs tanto queriam ir estudar! - ela fala com um sorriso enorme no rosto e lacrimejando com os braços abertos. 

Eu olhei pra eles, eles me olharam e se olharam e todos nós corremos abraçar ela, ela tava sentada mais logo logo estaria no chão com todo mundo abraçando a mesma, ela é a melhor mãe do mundo >_<. Logo começo a chorar, não sei ao certo, não sei se é pq to feliz, ou triste pq terei de ficar longe dela, ou pq vou finalmente pra lá, eu não sei, mas que ela é foda, isso tenho certeza.

×quebra do tempo×

Depois de muito tempo falando sobre como vai funcionar e tals, e como vou arrumar minhas coisas,  pego minhas malas - mais ou menos 4 - pra arrumar minhas coisas. Na mala maior coloco minhas roupas, as que eu mais uso, em outra coloco um pouco de roupa e o resto coloco uns sapatos e meias, na mala de mão coloco minhas coisas de higiene e pequenos acessórios, e na última coloco o resto dos acessórios, maquiagens, e coisas de beleza em geral. Depois de arrumar minhas malas pego um mochila e coloco meu notebook, carregador, câmera fotográfica, coisas que quebrariam se colocasse em uma mala, - pq a delicadeza daquele homens me deixa até surpresa. 

Depois que arrumei tudo fui olhar pra ver ser meus irmão tinham acabado tbm.

-eia disgraças - apelido carinhoso que a gente não leva a mau - terminaram tudo?

- A gente só tava esperando você lerda - disse jin, eles tavam comendo bolo que minha mãe tinha feito - ta uma delícia pena que a miyuki ta com o ultima pedaço na mão. 

- quer esse ultimo pedaço Mei? - perguntou ela, confirmei com a cabeça e ela foi levando até minha boca já aberta, quando eu ia morder ela tira e come - mas eu não falei que eu te dar kkakaakakka

Fiquei com a cara feia pra ela mas logo depois fui tomar um banho. Quando acabei sequei meus cabelos curtos de escuros e coloquei uma calça branca com uma camiseta verde água e sai do meu quarto. Chegando na sala vi todo mundo muito animado/arrumado - até minha mãe - pego minhas malas e vou falar com eles.

- gente desculpa a demora, mas se a gente não for agora a gente perde o vôo né?

- fica calma filha - diz minha mãe se aproximando de mim e colocando sua mão em meu ombro - a gente tem mais uma hora antes de sair daqui, vai fazer igual sua irmã e vai arrumar as fotos/pôster e depois vou mandar por correio. 

×quebra do tempo×

Hora da despedida. A gente já tinha chegado no aeroporto e fomos comer algo, depois disso a gente foi esperar eles chamaram o nosso vôo. A gente esperou uns 15 minutos até que chamam, começo a chorar e assim que levando do banco de espera abraço forte minha mãe, eles tbm fizeram isso e eles cagaram se eu tava apertada la no meio ou não, depois de 5 minutos de despedida a gente entrou no vôo. 

- ai, vou sentir saudades dela - digo assim que entro, faleu pra mim mesma mas queria que eles ouvissem. 

- todos nós, todos nós pequena! - disse yuki.

Logo nós sentamos e ficamos lá conversando, dormindo, comendo até que a gente chega.

Chegamos lá de noite, estava linda meu deus, que visão. Logo depois chamamos um taxi e demos a localização pra ele do nosso apartamento. Chegando na entrada a gente confirma ser miyuki, jin, eu e yuki e eles entregam a chave e falam algumas regras, mais pra falar a verdade nem prestei atenção de tão cansada que tava, acho que ele percebeu, então falou que o resto ele fala amanhã e deixou a gente ir.

Chegando lá entrei no apartamento já mobiliado e fui pro quarto que tinha escolhido pelas fotos que minha mãe mostrou, entrando no mesmo pego meu celular e ligo pra minha mãe. 

Depois das 00h

Depois de 1 hora conversando, vou dormir. Quando acordo era 08h da manhã, então vou tomar um banho e me arrumar já que a gente vai ir fazer a matrícula, quando término coloco um shorts cintura alta preta e uma camisa azul claro, coloco meu tênis da Adidas branco e vou chamar os outros pro café da manhã. 

Enquanto eu fazia o meu café chega Miyuki já pronta, e meu deus, que menina gata ( mídia). Tenho certeza que os meninos vão dar em cima dela ksksks, ela sempre gostou desse estilo de roupa e tbm moletom, meu deus, como ela gosta de moletom, acho que se ela fosse pra Disney, iria voltar com uma mala só de moletons.

- eai meidonha? - diz ela enquanto sorria e pegava um pote pra por o cereal e um copo pro leite frio.

Meidonha foi um apelido que ela me deu quando a gente se conheceu, já que foi no Halloween, eu tava andando na rua e assustava algumas pessoas de propósito, até que eu tento assustar uma menina - que na hora eu não sabia o nome mas era a miyuki - mas ela não se assustou, na verdade ficou rindo, então ela perguntou meu nome, respondi que era Mei, então ela falou que estava Meidonha, e assim começou uma pela amizade. Por mais entranho que seja amo esse apelido. 

- blz iqual um bicho piruleta - digo terminando meu banco e colocando no meu prato já com meu ovo mexido e uma torrada, quando me viro vejo ela rindo do meu comentário.

- ai ai - finge limpar uma lágrima imaginária- bons tempos, bons tempos - depois de acabar com sua " interpretação " ela coloca o cereal no pote e logo depois adiciona o leite no pote e o copo - Mei, pega alguma fruta pra mim?

- claro! - falo me virando pra geladeira e vendo qual das fruta ela iria preferir, mas não faço escolhas nem pra mim, imagina pra ela - tem banana, morango, kiwi, maçã e maracujá, escolhe ai!

- qualquer uma, só passa!

- o disgraça, falei pra vc escolher, não pra mim inseto - falo já brava pq sei onde isso vai parar.

- Mas eu falei qualquer um disgraça!

- EU TRABALHO COM NOMES, NÃO QUALQUER UM!

- MAIS QUE DISGRAÇA, PODE ESCOLHER VOCÊ!!

-AFFF, ESCOLHE LOGO MERDA!

- ta, então pega a maçã e faz um vitamina de morango e laranja pra mim pls! - olha que folgada! Mais ela é burra ou oq, não disse que tinha laranja - a, e antes que fale merda sem saber, a laranja ta na parte de baixo, enquanto vc dormia eu e Yuki fomos ao super mercado compra comida, pra não precisar sair logo de manhã. 

- tu leu meus pensamentos - digo fingindo estar surpresa e depois abro um sorriso, pego o morango a laranja e o leite pra fazer a vitamina. 

×mini quebra no tempo×

Depois de todo mundo acordar e tomar café fomos até a escola pra fazer a matrícula, e tivemos uma surpresa, a gente pensou assim, lá na nossa cidade ainda não começou a aula, então aqui também não deve ter começado tbm né? Errado, chegamos lá e ainda pra " melhorar " tava no horário de intervalo, todo mundo tava olhando pra gente.

- mas eu mato vocês se os mesmo falarem alguma merda - falou Miyuki bem baixo só pra gente ouvir, e como eu, Jin e Yuki temos amor a vida concordamos. 

- olá, pode me falar onde é a diretoria? - perguntou Yuki pras duas meninas, que na mesmo hora uma olhou Yuki dos pés a cabeça e começa a enrolar o cabelo com o dedo, a outra menina do lado fez a mesma coisa mas só que com o jin, eu e Miyuki começamos a segurar o sorriso olhando uma pra outra.

- bom... é só seguir em frente e virar a direita, vai ter uma sala escrito " sala da senhora chin " é lá - falou a menina que olhava Yuki - a e aliás prazer, sou Duri.

- ah, prazer sou Yuki - disse ele dando um leve sorriso forçado - agora adeus tenho que ir - diz ele virando rápido pra frente e andando .

- HAHAHAHAH - começo a ir assim que andamos uns dez metros pra frente - ui ui, já é o arroba de algum kakaka

- KAKAKA verdade, tomou na jabiraca - a última parte miyuki falou com a voz do google tradutor. 

Chegando na frente da porta bato de leve na mesma e logo escuto um tipo de pode entrar, então faço oq foi falando, entrando na sala vejo dois meninos sentados com a cabeça baixa em um banco afastado e a diretora sentada em uma cadeira chique e uma mesa espaçosa. 

- olá - diz miyuki com vergonha - bom, somos os quatro irmãos que reservaram pra entra no primeiro ano do colegial. 

- quais seus nomes? - diz ela pegando uma folha pra confirmar.

- Miyuki, Mei, Yuki e Jin 




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...