1. Spirit Fanfics >
  2. Mel Cullen >
  3. Segredos e brigas

História Mel Cullen - Capítulo 66


Escrita por:


Notas do Autor


Como me pediram,vou tentar postar um capítulo todo dia
Mas não prometo ok?
Hj vcs vai saber o segredo,mas...Uma questão?
Será mesmo que era o melhor caminho?Será mesmo que era pra alguém saber?

Capítulo 66 - Segredos e brigas


-LEVANTA PREGUIÇAAAAAAAA!!!!!-gritou Gustav batendo na porta

-CALA A BOCA!!!-gritei de volta

Emmett abriu a porta do quarto,deixando ele entrar

-VAMOS LEVANTAR!!!DIA DE FELICIDADE!!!!

-quem te deixou entrar?-perguntei já debaixo das cobertas

-Emmett

-EMMETT!!!!!EU VOU TE MATAR!!!!DEPOIS DE MATAR O GUSTAV!!!!!

Gustav riu

-mata nada

-mato sim!!

Ele puxou minhas cobertas

-GUSTAV!!!!!

-levanta,levanta - ele cantarolou

Me levantei e o empurrei pra porta

-vai embora agora!

-não - ele falou e desviou da porta

Ele pulou pra minha cama e começou a pular

-sai daí Gustav!

-vai levantar?

-já levantei seu idiota

-morveux

-bizarre garçon

-morveux

-bizarre garçon

-morveux

-tá - levantei as mãos - eu já vou levantar

-mesmo?

O olhei feio

-mesmo seu idiota

-ok - ele veio até mim e beijou minha bochecha - se arruma pra gente tomar café

Ao falar isso ele saiu

-um dia eu mato ele Baboo,eu mato ele

Sentei ao lado de Baboo e o acariciei

Meu baú de segredos

Fui me arrumar e desci pra tomar meu café

-bom dia flor do dia - ele me disse sorridente

-oi amor da minha vida - falei super irônica

-te amo chuchu

-também te amo flor de jabuticaba

-linda

-ridículo - fechei a cara o fazendo rir

Dei uma risadinha também

-a verdade?-perguntei - senti falta da sua chatice de manhã

-eu também senti da sua - ele piscou - mas...Vamos continuar a nossa conversa viu?

-não precisa

-precisa sim,vamos comer e sair um pouco

-pode levar ela Gustav - Disse Esme - ela tem que sair mais pra se divertir um pouco

-aí viu?ordem de mãe,é ordem de Deus

Rimos

Terminamos de comer e fomos para floresta

-agora que só tem a gente aqui,vc vai me contar aquele segredo

-precisa mesmo?

-sim,se vc quiser é claro

Respirei fundo

-ok...Eu...Eu vou contar

-todo ouvidos

-algo que ninguém sabe sobre mim é que...Eu - comecei a chorar - depois do...do estupro...Eu sinto que...Eu sinto que - chorei muito mais e ele me abraçou

-calma - ele dizia

-eu não sei...Se...algum homem vai me olhar como mulher de novo sabe?Eu não me olhou mais como mulher...Eu sinto que eu sou...Eu sou...Um pedaço de carne que foi usado e - cai no choro

Ele continuou abraçado comigo e me acalmando

-e...Eu tenho medo que eu...Eu fique sozinha de novo...Eu vejo todo mundo com um...Com um parceiro e...Eu tenho medo que...Eu não sinta essa felicidade que a...a Rose...A...Alice ou a...Esme...Eu tenho medo que....Eu não sinta essa mesma felicidade um dia Gustav...Eu...

-não precisa falar nada - ele me tranquilizou - se acalma

-eu não...consigo...Gustav

-shh,calma aí,calma

Depois de minutos,fui me acalmando,mas continuei abraçada a ele

-me desculpe-falei baixinho - eu não deveria ter me exaltado

-tanto deveria como estou grato que o fez - ele me olhou

-Gustav,por favor,não conte isso a ninguém,Gustav por favor,não conte

-se acalma aí...Eu não vou contar pra ninguém

-jura pra mim?Gustav vc tem que me jurar por tudo que é mias sagrado,jure pra mim

-eu juro - ele falou firme - ninguém vai saber disso através da minha boca,Mel,eu juro

-obrigada Gustav,de verdade

-quem mais sabe disso?

-o Baboo

Ele sorriu

-o nosso baú de segredos?

-sim

-Mel,vc tem que entender que um dia vc vai encontrar alguém que a faça suspirar e ir além do que vc imagina

-é esse alguém que eu tenho medo de conhecer

Gustav,eu vou ter que coloca - lo em um mundo de vampiros,lobisomens e muitas outras coisas

Fora a minha questão que acabei de contar

-é normal esse tipo de sentimentos depois de algo assim

Vc deveria conversar com Carlisle - o olhei com olhos arregalados - não me olha assim,ele é seu pai Mel

-eu sei disso mas com vou chegar nele?"Oi quero conversar sobre o estupro"

-assim também não né - ele me olhou feio - estou tentando te dizer pra sentar com ele,conversar sobre isso,ele tem mais de trezentos anos,vai saber te instruir

-eu sei disso,mas falar dessas coisas com ele é...No mínimo....estranho tanto pra mim quando pra ele

-sei disso e te compreendo,mas...Ele pode te ajudar

Já falaram disso antes?

-não tão cru e nu desse jeito,teve conversas em que tocamos no assunto sim,mas não desse jeito

-eles sabem como vc se sente sobre isso?

-toda vez que tocamos no assunto,eu tenho APs ou acontece algo

-então vcs nunca sentaram e conversaram exatamente sobre isso?

-não

-isso tem que acontecer Mel!

-não tem não!Ele e eu ficamos perturbados com isso

Ele por me ver sofrer e eu por ter sofrido

-vcs tem que conversar,me surpreendeu que não tinham feito isso antes

-como eu já disse,não é só chegar nele e falar "vamos falar sobre o estupro pai"

-eu sei que não

-então!

-vamos,vc vai conversar com ele?

-agora?Com a família toda ouvindo?

-eu não quero te obrigar a nada,mas,essa conversa vai te fazer bem

-não e pronto!-Bati o pé

-ok - ele se deu por vencido - por enquanto

Continuamos a conversar sobre outras coisas como a evolução dele

-eu sinto que vc amadureceu - Disse ele

-sabe que eu também sinto isso?

-vc reage diferente as coisas agora

-antes eu só chorava

-sim - ele riu um pouco - agora vc reage com força e determinação

-vc acha?-perguntei envergonhada

-tenho certeza

Sabe que...Eu sempre enxerguei algo em vc

-o que?

-vc e Carlisle,e até o Eleazar são parecidos em certos pontos

-a calma que não é - Rimos

-não,não,com certeza não

Mas eu estou falando de posição sabe?Se impor

Ambos têm espírito de liderança

Mas não aquela liderança baseada no medo,e sim baseada na confiança

Vcs inspiram confiança e um certo temor sabe?De respeito

Dei uma risada

-e vc disse que enxergou isso em mim?

Ele me olhou sério

-sim,eu enxerguei isso em vc

Fiquei séria

-Gustav isso que acabou de me dizer é totalmente idiotice

Eu nem me lidero direito,vou lidera os outros?

-mas é a mais pura verdade

-não sei Gustav,eu...Não nem consigo nem me ajeitar direito,vou liderar alguém?

-vc quem sabe se aceita ou não,mas é isso que eu enxergo

Depois disso fomos para mansão

O clima entre eu e ele estava meio pesado

"Claro né sua idiota,ele te deu dois conselhos e vc os rejeitou na cara dura"

-está chateado comigo?-perguntei quando estávamos tomando um café da tarde na varanda

-não - ele disse sem me olhar

-Gustav,a verdade,por favor

-não - ele me olhou e sorriu - a gente conversou e temos opiniões diferentes,eu te entendo

-mesmo?

-mesmo Mel - ele pegou em minha mão - eu te entendo e compreendo a sua posição

Olhando melhor,sobre a primeira questão,realmente não dá pra chegar nele e falar abertamente,até porque é estranho mesmo conversar com "o fulano"-ele fez aspas - sobre isso,considerando "ele em pessoa"

-então entende minha posição agora?

-sim,eu mesmo não sei se teria essa certa coragem

-coragem pra começar,eu acho que tenho,o problema mesmo é o durante

-talvez a relação de vcs ainda não tenha esse nível de "intimidade"-ele fez aspas

-não é isso,eu acho - falei engolindo uma colher de iogurte - na verdade,como eu falei,o problema mesmo é o durante

-eu me enterraria,eu acho,se tivesse que...ocorrer isso comigo - Rimos de leve

-então sem represália?

-o que?

Ri

-represália,um tipo de vingança sabe?

-então sem represália!

Rimos

Mais a noite Edward me mandou uma mensagem

"Precisamos conversar sobre seu segredo"

DROGA!

Como ele sabia?

"No chalé" respondi

"Te espero"

-mãe?-a chamei na sala

-sim?-ela apareceu

-Edward pediu pra mim ir lá no chalé,fazer sei lá eu o que...Ele não disse direito

-pode ir,mas cuidado com o caminho

-tá

Me arrumei e desci em um vulto

Chegando lá,Bella estava saindo

-Bella?

-oi,Edward esta aí dentro,ele me informou que vai conversar com vc

-ele te falou o motivo da conversa?

-claro!Aquele seu segredo

-sim

-eu vou deixar vcs a sós

-ok,obrigado

Ao entrar na casa fui direto pra quarto

-quem te contou?Foi o idiota do Gustav?!-cheguei gritando

-não exatamente

-então o quê!?

-eu li na mente dele

Isso é muito sério

-vc não me vem com esse papo Edward

-eu não estou brincando - ele falou sério

-e eu estou?Isso se trata de mim Edward

-e por isso devemos conversar

-NÃO!-gritei e bati o pé - se eu quisesse conversar com vc sobre isso,vc já estaria sabendo

-e isso me deixa muito chateado,não confia em mim

-não é assim!Sabe muito bem que eu confio a minha vida a qualquer um de vcs

-então...

-isso não se trata de confiança Edward!Se trata de eu querer conversar sobre o que aconteceu

-se trata de confiar em nós o bastante para contar isso

-eu não quero que ninguém saiba que eu não me sinto mulher o suficiente pra começar um relacionamento amoroso caramba!!-eu já gritava e chorava - tudo por causa daquele estupro maldito!!

-Mel...

-não encosta em mim

-não queria que se magoasse

-mas eu já me magoei,eu vivo magoada com isso Edward,caramba...Eu perdi os meus pais,meus amigos e a minha vida

Eu sempre estou magoada

-eu não deveria ter me intrometido

-não - falei mais calma - não deveria - fiz menção de sair- e outra coisa - cheguei perto dele - vc não vai contar isso pra ninguém Edward

-mas Mel

-sem mais nem menos,Edward Cullen,eu estou ordenando que não conte isso para ninguém,me ouviu?ninguém

Se isso acontecer pode me esquecer,Edward,eu vou ficar tão chateada com vc,que não sei o que sou capaz de fazer

Me virei e saí

Corri pro meu quarto

-tudo bem?-perguntou Esme no caminho

-sim,Edward queria uma ajuda minha com a Nessie

-com a Nessie?-perguntou Rose

-sim,mas eu já ajudei,e...Vou pro meu quarto agora

-ok,logo a janta estará pronta

-tá,eu vou tomar um banho e já desço

Subi e respirei fundo

Eu tinha acabado de brigar com o Edward

De novo

-Oi - era Gustav

-oi Gustav

-o que ele queria?

-o feitiço

-já fiz

-ele sabe sobre o que te contei hj

-eu juro que eu não...

-eu sei,ele viu na sua mente

-eu esqueci de esconder

-eu sei,mas tá tudo bem

-vcs discutiram?

-sim,ele queria sentar e conversar e eu discuti com ele - me senti culpada

-ele deu a mesma sugestão que eu?

-sim e não,ele...achou que uma conversa iria cair bem

-e ele tem razão

-não tem não!poxa meu!Já chega Gustav!Já.Chega

Eu não quero mais conversar sobre isso

Por favor

Chega de assunto de estupro.Acabou.Acabou

-se é o que vc quer,vai ser assim

Ele disse isso e saiu

Agora eu tinha dois bravos comigo


Notas Finais


E então?
Era melhor a descoberta?
...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...