História Melhor com você - Imagine Kim Taehyung - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bangtan Boys (BTS), Fanfic, Imagine, Kim Taehyung, Tae
Visualizações 35
Palavras 1.593
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Óia só um capítulo bem legal desse imagine aqui! Espero que gostem.

Capítulo 10 - Taehyung acordou e aniversário!


Fanfic / Fanfiction Melhor com você - Imagine Kim Taehyung - Capítulo 10 - Taehyung acordou e aniversário!

14:00hrs, 4 dias depois...

Lany estava se recuperando muito rapidamente, porém ainda usava muletas para andar, o médico disse que em alguns dias ela receberia alta e isso é realmente uma boa notícia! 

Porém, Taehyung ainda continua em coma, eu o visito todos os dias, converso com ele sobre coisas aleatórias... Mesmo que ele não ouça e nem reaja.

Hoje não foi diferente, eu passei no quarto de Lany, mas ela estava dormindo, então eu fui ver Taehyung. 

Abri a porta do quarto e lá estava ele, antes sua pele estava pálida, porém agora já está com a coloração normal. Eu me sentei na beirada da cama e segurei sua mão.

S/n: Eu sinto falta de você, sinto falta das suas brincadeiras, por mais infantis que possam ser, sinto falta dos seus beijos, tão doces, de ouvir sua voz, tão bonita... Só queria que você acordasse nesse momento e eu pudesse ver seu sorriso. Quem imaginaria, Tae, que eu iria conhecer um garoto que se passava por aluno do ensino médio, mas na verdade... Era um gangster. Quem diria que eu iria ser levado por esse garoto para longe de minha família e amigos, e me apaixonasse por ele? Ninguém diria, nem eu mesma, mas aconteceu. — fiquei um pouco emcionada e uma lágrima saiu do meu olho — Esse garoto, por acaso, se chama Taehyung, e ele me provou que ele não era ruim do jeito que ele achava, e por dentro de toda aquela máscara, tinha um garoto sensível, fofo, engraçado, lindo, inteligente, gentil... Taehyung, você me faz feliz, me faz sentir como nunca senti antes. Obrigada por tudo o que fez por mim... Mas eu preciso de um favor: preciso que acorde agora! Na verdade é uma ordem! É a minha regra! 

Taehyung não dá nenhum sinal.

S/n: Lembre-se que se não seguir a regra, vai ter uma punição! 

Tae: ...

S/n: Pois bem, sua punição vai ser eu não vou vim aqui amanhã!

 Me levantei da cama, mas logo senti um braço me puxando.

Tae: Primeiramente, só eu posso ditar as regras. E segundo, você vai vir amanhã, eu sei. — disse fraco.

S/n: Taehyung! — olhei para o mais velho e o abracei — Você acordou!

Tae: Sim... — sorriu — Por quanto tempo eu dormi?

S/n: Quatro dias...

Tae: Superei o recorde do YoonGi. 

Nós dois rimos.

S/n: Como você está?

Tae: Bem... — ele tentou se sentar, mas não conseguiu — Aí...

S/n: Você ainda deve estar fraco... Vou falar com o médico.

Tae: Ok...

Eu saí do quarto e fui ao encontro do médico e o avisei que Taehyung acordo, o médico sorriu e foi ver o estado de Taehyung.

Médico: Muito bem, Taehyung, acordou!

Tae: Sim.

Médico: Como se sente?

Tae: Bem, só estou com dificuldade para sentar.

Médico: Normal. Como ficou um tempo desacordado, você ficou fraco e perdeu vitaminas, mas com o tempo tudo melhorará.

Tae: Certo... Médico, pode chamar meus amigos?

Médico: Sim, claro.

O médico chamou os meninos e todos apareceram, até a Lany.

JM: Como está, Tae?

Tae: Bem.

NJ: Quando acordou?

Tae: Agora pouco. Acordei com S/n fazendo uma declaração para mim, depois me ameaçando dizendo que se eu não acordasse, ela não voltaria amanhã.

Todos riram.

1 mês depois...

Há alguns dias atrás, Taehyung recebeu alta, ele já estava muito melhor. Lany recebeu alta há um tempinho, e também está melhor, ela já está andando sem as muletas! Ela anda mancando um pouco, mas o médico falou que é normal, depois ela melhorará, porém Jimin fica o tempo todo pegando ela no colo porque não quer deixar ela andar – namorado protetor, sabe como é, né? 

10:00hrs

Hoje, é o dia do meu aniversário de dezoito, o pessoal decidiu fazer uma festa para mim! Quando eu acordei, todos já estavam lá embaixo fazendo as decorações do salão principal.

S/n: Bom dia, gente!

Lany: Bom dia, aniversariante! Como está?

S/n: Bem! — sorri — Vocês já estão arrumando a decoração! São dez da manhã ainda.

Tae: Somos apressados. — riu. 

S/n: Vou tomar o café da manhã e depois venho ajudar vocês.

Eu fui para a cozinha e lá tinha um café da manhã farto de comidas deliciosas! 

Luísa: Os meninos mandaram preparar esse café da manhã para você, já que é seu aniversário. — sorriu.

S/n: Que incrível! Tem tanta comida aqui... Acho que não consigo comer tudo. — ri.

Luísa: Sente-se, S/n. Pode comer a vontade. 

S/n: Obrigada, Luísa. 

Luísa – uma das cozinheiras da casa – saiu da cozinha e eu comecei a comer. Tinha bolo, cupcake, frutas, sanduíche natural, doces... Estava uma delícia.

Depois que terminei o café da manhã, fui ajudar o pessoal com a arrumação da festa.

18:00hrs

Já estava tudo pronto, a decoração estava linda! Logo a festa iria começar e os convidados iriam chegar.

Eu já estava pronta, com um vestido preto, curto e decotado com um salto alto. Fiz um penteado simples, porém bonito e maquiagem bonita, não muito exagerada

Tae: Está linda! 

S/n: Obrigada! Você também está lindo. — disse abotoado a camisa do mais velho.

Taehyung me deu um selinho e logo saímos do quarto e fomos para o salão.

NJ: Olha a S/n, gente!

Jin: Cuidado para não roubarem ela de você, Tae. — riu.

Tae: Engraçadinhos... 

S/n: Cadê a Lany e o Jimin?

JM: Bem aqui! — disse Jimin acompanhado da Lany descendo as escadas.

S/n: Lany, você tá mais bonita que eu! Injusto, não pode.

Lany: Eu? Mais bonita que você? Nos seus sonhos.

S/n: Meninos, quem está mais bonita aqui.

Tae: S/n.

JM: Lany.

S/n: Assim não dá. — ri.

Logo, começaram a chegar os convidados e assim a festa foi começando.

22:00hrs

A festa estava muito legal! Agora, era a hora do parabéns. Eu fui para a mesa do bolo, e todos ficaram volta.

Todos: Parabéns para você, nessa data querida! Muitas felicidades, muitos anos de vida. — cantaram batendo palmas.

Tae: Assopra a vela e faz um pedido!

Assim eu fiz, assoprei a vela e fiz um pedido... Que não posso contar aqui agora.

Lany: S/n, corta o bolo! Quero saber pra quem vai o primeiro pedaço...

S/n: Ok... Então, o primeiro pedaço vai para Taehyung! 

Tae: Aeee! 

Lany: Poxa...

S/n: O segundo vai para Lany!

Lany: É... Tenho que aceitar. 

S/n: E o terceiro vai para... É... Jin! 

Jin: Que inesperado. — riu.

Dei os pedaços de bolo para todo mundo é depois voltei a curtir a festa, até que sinto alguém puxar meu braço. Era Taehyung.

S/n: O que foi?

Tae: É surpresa.

S/n: Você e suas surpresas.

Um tempo depois, me vi na cozinha, onde o pessoal do grupo estava. 

S/n: O que estou fazendo aqui?

JM: A gente quer te entregar esse presente. 

Jimin estava se referindo ao pacote que estava em cima da mesa.

NJ: Pode abrir, agora.

Então assim eu fiz, peguei o pacote e abri.

S/n: Eu não acredito!

Eram duas passagens para Seul! Desde que cheguei aqui, viajamos algumas vezes, mas nunca para Seul, motivo óbvio. 

S/n: E-eu vou para Seul?

Lany: Nós duas vamos para Seul! — sorriu.

S/n: Sério?!

Todos: Sim!

Tae: Vocês poderão ficar lá o tempo que quiserem, e quando estiverem com vontade de voltar, é só falar com a gente que pagamos a passagem de volta. — sorriu.

S/n: Obrigada, gente! Este presente é incrível.

Todos: De nada.

HS: Agora vamos aproveitar a festa!

Lany: Vamos!

Todos saíram da cozinha, menos Taehyung. E quando eu ia saindo, ele segurou meu braço.

Tae: Tenho outro presente para te dar. — sorriu maliciosamente.

S/n: Como assim?

Taehyung não disse nada, apenas me levou para o nosso quarto. Chegando lá, ele trancou a porta e me prensou contra a parede e começou a me beijar intensamente, e começou a descer os beijos para meu pescoço.

S/n: T-tae... Agora não...

Tae: S/n, eu sei que você quer isso, uh?

S/n: M-mas podem ouvir.

Tae: Não vão ouvir... O som está alto.

S/n: E se sentirem falta da gente?

Tae: Não tem problema... Agora, já acabaram as desculpas?

S/n: Você não tem jeito mesmo, Taehyung. — ri.

Taehyung me jogou na cama e ficou por cima de mim e começou a me beijar novamente, foi descendo cada vez mais os beijos e começou a tirar minha roupa... Eu arfava com cada toque do mais velho. Eu estava apenas de sutiã e calcinha, ele aproveitou para analisar bem meu corpo.

Tae: Seu corpo é lindo... Não me cansaria de ver ele assim. — mordeu o lábio inferior.

Taehyung tirou meu sutiã e começou beijar um dos meus seios e o outro ele acariciava. 

Nesse momento, já estava tão excitada... 

S/n: T-tae, quero você... — disse manhosa.

Tae: Como você me quer, S/n?

S/n: Quero v-você dentro de m-mim.

Tae: Seu desejo é uma ordem. 

Taehyung se levantou e tirou sua roupa.

Aquele corpo... Me deixa tão louca.

Eu aproveitei para tirar a calcinha  e joga-la em um lugar qualquer.

Taehyung colocou a camisinha e voltou para a cama.

Tae: De quatro.

Assim eu fiz, fiquei de quatro e logo senti Taehyung penetrando dentro de mim e eu gemi. Taehyung começou a dar estocadas lentas, e eu gemi baixinho.

Tae: Você não vai gemer, S/n? — bateu em minha bunda. 

Taehyung começou a dar estocadas mais fortes e rápidas e agora, comecei a gemer alto.

S/n: Awnnn... T-taehyung...

Tae: Qual o meu nome, S/n?

S/n: T-Taehyung... Ownnn...

Em certo momento, eu gozei. Taehyung então, tirou seu membro de cima de mim, tirou a camisinha e jogou no lixo, voltou para a cama e se deitou ao meu lado.

Tae: Que noite incrível.

S/n: Sim... — sorri.

Tae: Feliz aniversário, S/n.

Eu dei um selinho em Taehyung e logo nós dormimos juntinhos.






Notas Finais


Hoje sairá outro capítulo desse imagine... Aguardem heheh


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...