1. Spirit Fanfics >
  2. Meninos Antes de Flores >
  3. Eu; o indivíduo que se ferra

História Meninos Antes de Flores - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Roi meus cheirosos..
Voltei, sim!
Como vocês estão? Eu estou bem.
[Esse capítulo foi inspirado no dorama Extraodinary You, tanto no internato/escola até os uniformes]
Eu to sem criatividade para as notas agora, então Boa leitura e beijo na bunda~

Capítulo 2 - Eu; o indivíduo que se ferra


Fanfic / Fanfiction Meninos Antes de Flores - Capítulo 2 - Eu; o indivíduo que se ferra

- Isso foi detestável senhorita Park! Como pode bater em um aluno assim?! - O diretor me olhou com certa raiva e depois fitou Taehyung que estava com curativos pelo corpo. - E você senhor Kim? A senhorita Minatozaki não merecia isso, o que os pais de vocês vão pensar? Que a escola tem má administração. - Olhou para Sana, ela realmente não merecia isso. Porra hein Taehyung, precisava de tudo aquilo?

- Isso não irá se repetir senhor... a Seohy só queria me defender. - Sana pegou uma caneta que estava sobre a mesa do diretor e começou a escrever em seu caderno. - Aqui, leia quando possível. - O diretor suspirou e se levantou de sua cadeira.

- Espero que isso não se repita mesmo! Pois se acontecer novamente, irá resultar em expulsão. - Ele abriu a porta e deu passagem para nós.

- Vamos Sana, Jimin está nos esperando na secretaria. - Puxei o braço de Sana e comecei a correr pelo corredor até chegar na cadeira onde Jimin estava sentado, na verdade aquele folgado estava dormindo. - OPPA! - Jimin acordou em um pulo pelo susto.

- Ei! Precisa gritar?! - Dei de ombros e segui indo para as salas de aulas. 

- Você tem aula de quê agora Sana? - Me virei para Sana que estava atrás de mim.

- Eu tenho aula de... matemática. - Sana olhou para sua agenda e depois fitou Jimin que estava olhando para sua agenda também.

- Eu também tenho aula de matemática agora... e você Seohy? - Cruzei os braços e engoli em seco.

- Eu tenho aula de biologia, com o professor Choi. - Revirei os olhos e abri a porta da sala. - A gente se vê na aula de coreano. - Acenei sorrindo fechado enquanto os dois sumiam pelos corredores cheios de armários, depois entrei na sala e me sentei em minha carteira.

- Ei! Você foi a garota que apanhou do Taehyung? - Apanhei?! Como assim?! Elas por acaso estão vendo algum arranhão?! Mas que porra hein.

- Ele que apanhou de mim... ele tinha sido um pouco machista e mal educado com uma amiga minha, então eu parti pra' cima dele. - Passei a língua entre os lábios. 

- Ah sim... viu eu sabia que ele não era fortão! O Yoongi que tem que ficar como o mais popular... - As duas garotas foram para suas carteiras e continuaram a conversa.

O resto do tempo foi normal, eu estava "prestando atenção" na aula, enquanto alguns olhos se direcionavam para mim graças ao que aconteceu hoje mais cedo.

Depois da aula de biologia, eu esperei Jimin e Sana na sala de coreano. Enquanto eu estava subindo as escadas para a sala, eu esbarrei com Taehyung.

Eu o ignorei, enquanto isso ele simplesmente parou e olhou para mim com certa raiva. Aquele garoto é estranho, as pessoas só gostam dele por ele ser bonito. Ele é rude, não sei porque aquelas garotas o defenderam, seja lá quem for Yoongi, ele deve ser mais legal que Taehyung, disso eu tenho certeza.

- Seohy! - Sana correu pelos corredores sorrindo. - Que bom que chegou, o Jimin e eu estamos te esperando a um tempo. - Ela segurou minha mão e foi andando comigo até o refeitório.

- O que houve? - Olhei para Sana formando um bico com os lábios enquanto a vi suspirar. - Desembucha garota! - Falei em um tom de voz mais alto.

- Tá! É que a fila do lanche está grande hoje, como sempre, mas também porque uma garota nova do Japão vai chegar. - Sana sorriu enquanto entrávamos pelo Jardim que dava para o refeitório.

- Sana... o que você escreveu para o diretor? - Olhei confusa para a mais baixa.

- Ah, aquilo... Eu escrevi sobre deixar novos alunos entrerem no internato. - Sana sorriu. - Imagina ver rostos novos pelo menos até o ano que vem? Hmm, seria maravilhoso! - Sana sorriu mais ainda e eu não pude deixar de sorrir. A Sana é muito fofa, eu sempre notei isso desde que ela entrou no internato.

Flashback

- Jimin, a mamãe falou que não podemos mais dividir o quarto. Regras da escola... - Revirei os olhos e me joguei na cama.

- Deve ser também porque vai entrar uma garota nova no internato, soube que ela veio do Japão. - Jimin colocou mais um bolinho na boca.

- Mas ela não é você Jimin... Já que você vai se mudar para o dormitório masculino se eles fizerem algo com você é só me chamar ChimChim. - Me levantei da cama e olhei para Jimin que me encarava enquanto mastigava um bolinho.

- Ela deve ter a nossa idade maninha, tipo uns onze ou doze anos.. - Ele levantou do chão e pegou sua bolsa. - Eu não queria ir embora... até maninha. - Ele abriu a porta seguiu uma mulher que estão parada ali mais cedo.

- Até... - Acenei em sinal de "tchau".

***

- Senhorita Park... Vim lhe apresentar sua nova colega de quarto, senhorita Minatozaki. - O diretor sorriu enquanto a menina que estava atrás dele apareceu.

- Oi.. - Ela sorriu tímida.

- Ah, oi! Eu sou a Park ______! Mas pode me chamar de Seohy ou pelo meu nome mesmo. - Sorri enquanto segurava a bola de basquete em minhas mãos.

- Eu sou a Sana. - A garotinha sorriu novamente.

- Espero que se dêem bem. Bom, já vou indo, aqui suas malas senhorita Minatozaki. - Minatozaki sorri enquanto pegava sua mala.

- A sua cama é a do lado da janela, a minha é essa... pode decorar como quiser, mas se for com homens de grupos de Jpop ou Kpop eu vou fica brava. - Olhei séria para a menina que estava colocando uma roupa de cama em sua cama - O óbvio -.

- Okay... posso decorar com meu anime favorito? - Acenei com a cabeça e a menina sorriu jápegando algumas coisas na mochila.

Algumas semanas se passaram e eu vi algumas meninas fazendo bullying com Sana pelo simples fato dela ser japonesa. Eu sei como é sofrer bullying, já que eu já sofri quando eu era considerada "gorda".

- Ei! Cuidado com quem está mexendo! - Peguei minha bola de basquete e joguei em uma das garotas.

- Ora, ora, ora... se não é a senhorita Park.. - Odeio briga de criança.

- Não acredito que você saiba meu sobrenome! - Olhei com certo deboche. - Vamos Sana. Se vocês mexerem com a Sana de novo vão ter que se ver comigo. - Puxei Sana pelo braço e saí correndo.

E foi assim por alguns dias, até eu me estressar e bater em duas das quatro garotas. Foi engraçado, mas eu levei uma advertência.

Nossa amizade nunca mais foi a mesma, hoje nós somos melhores amigas claro.

***

- Sana! Seohy! - Jimin correu até nós duas com uma sacola em suas mãos. - Estão com fome? Eu trouxe comida, eu estava esperando vocês na fila até que um garoto alto e bonito me puxou pelo braço e me colocou no primeiro lugar da fila. Todos deixaram ele passar de boas, no final ele pegou até uma sacola pra mim... - Sana e eu sorrimos com um olhar malicioso.

- Quem era o tal galã de sorte? - Sana se soltou de mim e ficou em frente a Jimin com um sorriso brilhante.

- Eu vou saber? - Jimin se virou e Sana fez bico com os lábios e se sentou ao meu lado.

- Tá, tá. Cadê a comida? - Peguei a sacola das mãos de Jimin e fui caçando algo que eu gostava - tudo dentro da sacola -. Até que eu achei um papelzinho com números escritos, certeza que era o número de alguém. - Ei, ChimChim, o que é isso? - Falei mostrando o papel que logo foi agarrado por Sana.

- Deixa eu ver... "Sua irmã é gostosa Park, passa meu número pra ela"... - Sana fez cara de nojo e me deu o papelzinho. - Credo! Que brega!

Meu corpo inteiro estava quente, ninguém nunca me chamou de gostosa - coisa que eu achava que não era -. Eu era diferente. Eu sei que por usar uma saia curta, minhas pernas cheinhas estavam a mostra, mas não quer dizer que eu sem gostosa.

- Eu não sou gostosa! Devem estar me confundindo com a Sana! Eu posso ser sua irmã ChimChim, mas gostosa eu não sou... - Me sentei novamente me voltando para a sacola.

- Você é gostosa sim! Eu sou no mínimo fofinha... - Sana se sentou e pegou algo da sacola. - Uuh, kimbap - Minatozaki mordeu um pedaço do kimbap triangular, enquanto eu peguei um leite de morango e abri.

- Eu acho que eu perdi o apetite.. vou comer mais no almoço. - Sana e Jimin me olharam com os olhos arregalados. - O- o que foi?

- Tá tudo bem? Você tá até gaguejando! Tá doente? Tá sentindo alguma dor? É TPM? - Jimin me olhou confuso enquanto Sana comia mais um kimbap com seus olhos caminhando por mim.

- Ai Jimin, não esquenta! Isso tudo foi por causa do bilhete... Como era o menino? Ele era bonito mesmo? - Sana encostou a mão no ombro de Jimin.

- Sim, ele era bonito... Ele tinha o corpo marcado pelo uniforme de futebol, tinha suor escorrendo pelo seu corpo e o rosto dele. Ai aquele rosto. - Jimin lambeu lábios.

- Será que a gente vai conseguir achar ele e perguntar o porque dele estar interessado na Sana?... - Sana revirou os olhos.

- EU NÃO A GOSTOSA QUE ELE CITA NA CARTINHA DELE UNNIE! - Todos os olhos se direcionavam para Sana enquanto ela estava em pé e com uma expressão de vergonha.

- Calma Sana... Senta aqui do meu lado vem, a gente pode sim achar aquele garoto. E ele gosta de você sim maninha. - Engasguei com o sanduíche que eu tinha mordido apenas um pedaço pela falta de fome. 

- Oppa!

- O que foi? Só falei a verdade... Vamos, venham aproveitar os trinta minutos do intervalo e procurar o moleque lá. - Me levantei junto de Sana e Jimin e fomos andando pelo refeitório, enquanto minha fome voltava e eu comia mais e mais.

Nos separamos e fomos procurar em lugares diferentes. Fui procurar nas salas, no Jardim, na secretária e no terraço.

Por fim, eu procurei na biblioteca, eu até achei o Taehyung. De primeira resolvi ignorar mas depois pensei melhor e acho que ele pode saber algo.

- Taehyung? - O garoto me fitou, e meu Deus, ele estava lindo... foca _____, foca! - Você conhece esse número? - Mostrei o meu papelzinho onde estava o número do desconhecido.

- Ele te acha gostosa? - Revirei os olhos.

- Ah, não enche Taehyung! Eu estou pedindo ajuda...

- Hmm... Eu conheço esse número sim, ele é de um dos meus amigos, Jeon Jungkook. - Arregalei os olhos.

- Você sabe onde ele está agora? - Me aproximei do rosto dele.

- Provavelmente no campo de futebol... - Sorri e dei um beijo na bochecha de Taehyung. Okay, eu exagerei demais.

- Ah... exagerei foi mal. - Fechei os olhos e fui andando em direção a saída em passos rápidos. Jurei ter visto as bochechas dele coradas.

- Atende, atende, atende... - Esperei Sana atender.

"- Alô? Ah, Unnie! Achou alguma coisa?"

"-Sana! Eu achei o garoto! Eu perguntei ai Taehyung e era um dos amigos dele. Ele deve estar no campo de futebol agora..." - Pude ouvir um grito agudo vindo do outro lado da linha.

"- Ah Unnie! O Jimin Oppa está aqui do meu lado, nos espere no campo de futebol."

"- E aí?"

"- Ela achou ele Oppa!" - Pude ouvir uma risada de Sana, então desliguei a chamada.

Suspirei fundo e saí correndo em direção ao campo. Sana e Jimin me encontram e me acompanharam pelo resto do caminho.

Meu Deus, eu nem sei o que estou fazendo! Só estou tentando achar o cara que quer meu número porque me acha "gostosa".

- JEON JUNGKOOK! - Sana gritou quando entramos na porta do campo enquanto várias garotas gritavam eufóricas por conta de certos meninos jogando, ainda bem que elas não ouviram. Mas um garoto ouviu, ele parou o jogo e veio andando até nós, no começo só pude ver os tênis dele, só que quando ele ficou em uma certa distância...

Minha nossa senhora da bicicletinha sem freio, que cara lindo de doer.

- O-oi... - Disse engolindo em seco. Foi ai que eu percebi. Eu não estava muito bonita, estava toda suada por ter corrido pelo internato inteiro, estava sem maquiagem e com o cabelo bagunçado. Além de que meu cabelo era curto, não era como o da Sana, longo e bem bonito. Os meus eram na medida do ombro um pouco acima e bem bagunçados.

- Você... você é a Park ______? - Eu já estava esperando ele olhar para a Sana ou para as minhas coxas, mas ele olhou para a minha boca. Ficou vendo aqueles meus lábios vermelhos e um pouco cheinhos - os do meu irmão eram muito mais, claro - 

- Sim meu caro, essa é a gostosa Park Seohy, mas só os mais íntimos a chamam assim. - Sana sorriu. - Ele é bonito mesmo...

- Sana!.. Então... eu sou Park _____! Fiquei sabendo que estava me procurando.. - Que mentira deslavada.

- Então vocês viram o bilhete?... - O garoto passou a língua entre o lábios rosados e me olhou novamente. - Eu queria conversar com você Park... Eu achei você um tanto quanto interessante, não deve ser raro. Você é bonita, diferente das outra..

- A-ah... - Minhas bochechas esquentaram junto com o resto meu corpo. - A gente se vê então... até.

- Tchau moço! Vamos então, temos aula de ciências daqui a dez minutos e depois aula de física. - Sana me puxou e puxou Jimin, assim seguimos até  a sala de física e esperamos o professor.

***

- Essa foi a pior aula de física possível, eu não entendi nada... - Revirei os olhos enquanto Sana franziu o cenho.

- É claro né Unnie! Você é péssima em física porque não presta atenção nas aulas.. - No momento em que eu e Sana andamos pelos corredores em direção ao dormitório um garoto alto no interrompeu.

- ______? Você está ruim em física? - Taehyung perguntou e eu acenei com a cabeça. - O Yoongi e o Jungkook podem te ajudar então. É só ir no dormitórios deles hoje de noite, se quiser eu falo com eles...

- É claro que ela vai querer, né? Pode ser hoje antes do jantar, quer jantar com a gente hoje? - Sana sorriu.

- Pode ser. - Taehyung sorriu. O sorriso dele é lindo, não pude evitar sorri.

- Obrigada Tae... Posso te chamar assim né? - Taehyung acenou com a cabeça em sinal de sim. - Nos vemos mais tarde, leva seus amigos que eu levo o Jimin e a Sana. Até..

Okay, voltando, eu vou ter aula de física em um dormitório masculino que não seja do Jimin e do Hoseok - Ele divide o quarto com o Jimin - com dois garotos que parecem ser populares e bonitos.. Não vai dar certo isso não.


Notas Finais


Eai? O que acharam? Gostaram da bomba do JK?
O Guinho vai aparecer no próximo capítulo acalmem o cu.
Então é isso, como eu disse, essa fanfic é inspirada em alguns doramas em certos capítulos.
Nesse capítulo eu me inspirei em um dorama que eu estou vendo e fiquei apaixonada, Extraordinário Você/Extraordinary You.
Disponível de graça no Kocowa :)
Até o próximo capítulos e beijos na bunda~


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...