1. Spirit Fanfics >
  2. Mentiras de amor (Park Chanyeol- Exo) >
  3. Cap.38

História Mentiras de amor (Park Chanyeol- Exo) - Capítulo 38


Escrita por:


Capítulo 38 - Cap.38


Fanfic / Fanfiction Mentiras de amor (Park Chanyeol- Exo) - Capítulo 38 - Cap.38

Como hoje eu não tinha aula me acordei um pouco tarde, me levantei indo ao banheiro fazer minhas higienes, voltei pro quarto e me vestir, olhei pra cama vendo ela me convidar de novo pra deitar e sem perde tempo me deitei, peguei meu celular e vir uma mensagem de minha omma pedindo pra ligar pra ela assim que eu acordasse, então liguei pra ela.

Ligação on

Gi- acordou agora?

S/n- sim, eu estava cansada, mais e ai o que a senhora quer?

Gi- será que você pode fazer as compras?

S/n- claro, vou tomar café e vou.

Gi- a lista está em meu quarto em cima da mesinha junto com o dinheiro.

S/n- tá bem!

Gi- se quiser trazer algo pra você, pode tá bem?

S/n- relaxe omma.

Gi- ok! Tchau

S/n- tchau

Ligação off

Sair do quarto indo na cozinha comer alguma coisa, depois eu volto pro meu quarto escovar meus dentes e pegar minha bolsa, depois vou no quarto dela pra pegar a lista e o dinheiro, quando eu pego a lista fico de boca aberta com o tamanho da lista e acabo rindo sozinha, guardo tudo em minha bolsa e lembro de pegar meu dinheiro, volto pro meu quarto pego o dinheiro e saiu de casa.

Chego no mercado, pego um carrinho logo entrando no mesmo começando a pegar algumas coisas da lista e outras coisas que não estava na lista que era pra mim. Entro numa seção vendo o Kai pegando umas coisas, fiquei com vergonha de falar com ele então achei melhor nem ir falar com ele, então fingi nem ver ele, mais ele acabou me vendo e vindo até mim.

Kai- oi s/n- olho pra ele-

S/n- oi Kai- sorrio-

Kai- fingiu não me ver ou não me viu mesmo?

S/n- eu não te vir- sorrio tímida-

Kai- vou fingi que acredito- ele sorri-

S/n- é serio!

Kai- sei que você vai querer me evitar e evitar o Chanyeol- olho confusa pra ele-

S/n- não entendi.

Kai- eu e o Chanyeol vimos você e o Sehun ontem jantando- fico surpresa-

S/n- serio?

Kai- sim, vocês pareciam íntimos.

S/n- somos só amigos.

Kai- amigos? Escutamos ele falar de namoro com você.

S/n- foi só por falar.

Kai- quando o Sehun quer uma coisa ele vai até o fim, só te digo uma coisa cuidado com ele.

S/n- como assim?- fico confusa-

Kai- eu acho que ele está fazendo isso tudo de chegar perto de você, pra conseguir saber o que você pegou do Chanyeol e agora que ele sabe que o Chanyeol gosta de você, ele vai querer mais contato com você pra deixar o Chanyeol chateado.

S/n- nada a ver, eu conheci o Sehun e comecei a sair com ele antes dele saber que eu conhecia o Chanyeol e ele já era fofo comigo.

Kai- não se engane com ele s/n.

S/n- porque não?

Kai- ele quer pegar o lugar do Chanyeol no ranking de melhor empresario e todas os contratos importantes que o Chanyeol tem com outra empresas, ele já pegou minha namorada, ele pega outra mulheres por ai, eu não acho que ele goste de você.

S/n- tá falando que eu não sou interessante?

Kai- eu não falei isso- ele fica nervoso-

S/n- eu sei que eu não sou uma mulher linda como essas mulheres, que você e o Chanyeol pega, mais eu tenho meu charme e nem você e nem ninguém fala o que eu devo fazer, se eu me relacionar com o Sehun e quebra a cara, quem vai sofre sou e não vocês e quer saber, não fala mais comigo achei que você era diferente, mais vejo que é o mesmo babaca que o Chanyeol quando me tratou mau.

Kai- s/n me desculpa, eu não queria falar nada disso, me desculpa.

S/n- e diga ao Chanyeol que ele não tem nada haver com minha vida, se ele ouviu alguma coisa sobre namoro de mim e do Sehun, ele não pode intervi em nada, já que ele não consegue entrar em um relacionamento, então ele não pode falar nada, nem ficar com raiva porque eu não vou esperar por ele- pego meu carrinho e saiu da seção indo pra outra-

Sem querer acabo chorando, enxugo minhas lagrimas rapidamente e continuo fazendo minhas compras, depois de um tempo acabo e vou pra fila pagar, ia demorar um pouco já que o carrinho estava cheio. 

Pago pelas compras e vou embora pra casa depois de arrumar as compras no porta malas, entro no carro e vou embora pra casa. Chego em casa, desço do carro e a preguiça fala mais alto pra levar essas compras pra dentro, mais como eu estou sozinha eu tenho que fazer tudo, então começo a pegar e a levar as compras pra dentro de casa, quando voltei par fora de novo vir um carro parar perto do meu, olho e vejo o Sehun saindo de dentro do carro.

Sehun- oi moça bonita quer ajuda?

S/n- a eu vou aceita- vou até ele que está perto do meu carro- essa ajuda vai custar quanto?

Sehun- que tal uma seção de filmes em minha casa hoje?

S/n- tá bem- sorrio pra ele-

Ele começa a pegar as compras do meu carro levando elas pra dentro de casa e eu entrei pra começar a arrumar tudo, depois de alguns minutos ele entra com as ultimas sacolas na mão, eu estava de costas pra ele arrumando algumas coisas na geladeira quando sinto ele me abraçar por trás.

S/n- para Sehun deixar eu termina isso, eu ainda tenho que fazer o almoço pra mim

Sehun- não precisa fazer, podemos pedir comida.

S/n- você não vai trabalhar?

Sehun- hoje de manhã eu só tinhas uns documentos pra assinar, reunião só tenho agora a tarde umas quatro horas, então eu tenho tempo pra você- fecho a geladeira e olho pra ele sorrindo-

S/n- então tá, que horas é?

Sehun- onze e vinte.

S/n- então liga e pede, eu estou morrendo de fome.

Sehun- tá bem

Ele liga para um restaurante e eu continuo guardando as compras, depois de um tempo acabo e quando olho pra trás vejo ele me olhar sorrindo, sorrio pra ele também, ele vem até mim e segura em minha cintura apertando ela um pouco, seguro em sua nuca e ele entende o que eu quero e começa a me beijar.

Ele me pega no colo e me coloca em cima da pia ficando entre minhas pernas, ele me puxa pra mais perto dele e cola seu quadril no meu deixando nossas intimidades encostadas por cima da roupa, ele se movimenta um pouco e eu sinto seu membro ganhar vida, continuamos assim mais logo somos interrompidos pelo com a campainha tocando.

Sehun- deixa tocar, isso está tão bom- fala entre o beijo-

S/n- mais deve ser a comida- interrompo o beijo-

Sehun- aish, tinha esquecido, deveria ter deixado você fazer mesmo ai ninguém ia interromper- começo a rir e dou um selinho nele-

S/n- vai atender vai.

Sehun- ta- ele me dar mais um selinho de novo e vai atender.

Ele volta com a comida, sentamos a mesa e começamos a comer e a conversar sobre algumas coisas e sobre o filme que vamos assistir na casa dele.

                             S/n off

                        Chanyeol on

Chanyeol- quando chagarmos na empresa vai pegar meu almoço

???- sim senhor, vai querer comer o que?

Chanyeol- qualquer coisa que encha minha barriga- quando falo isso acabo lembrando da s/n, do primeiro dia que falei com ela na rua e acabo sorrindo-

???- algum problema senhor?

Chanyeol- só lembrei de um coisa.

???- tudo bem!

Estava numa reunião fora da empresa, passei o dia todo fora e agora estava indo para minha empresa continuar meu trabalho lá. Cheguei na empresa e meu secretario foi pegar meu almoço e o dele também, entrei na empresa indo para minha sala, assim que eu entro vejo o Kai andando de um lado pro outro ele parecia nervoso.

Chanyeol- o que está fazendo em minha sala?- ele me olha parando de andar-

Kai- fiz besteira.

Chanyeol- do que você está falando?- me sento e ele também-

Kai- eu fui compras umas coisas pra mim no mercado e vi a s/n, então fui falar com ela e falei umas coisas que ela não gostou e acabou sobrando pra você- suspiro-

Chanyeol- o que aconteceu?

Kai- eu falei que o Sehun não gostava dela, que ele só estava com ela pra conseguir saber o que ela pegou de você e pra irritar você por está saindo com ela.

Chanyeol- porque você falou isso cara?

Kai- foi sem querer.

Chanyeol- o que mais aconteceu?

Kai- ela disse que se ela namorar com o Sehun, você não pode falar nada e nem ficar irritado...

Chanyeol- porque não temos nada, eu sei.

Kai- não foi bem assim que ela falou mais isso ai também vale.

Chanyeol- ela tem razão, eu não posso fazer nada, eu que afastei ela de mim, esse meu trauma acabou comigo e com o relacionamento que poderíamos ter juntos.

Kai- você não tem culpa cara.

Chanyeol- me deixa sozinho- ele sai da sala sem falar nada-

Suspiro chateado e vejo que agora eu perdi ela, eu não me importaria dela ficar com outros caras e ser feliz, mais agora ela ficar com o Sehun isso me incomoda muito, ela poderia escolher qualquer cara, mais teve que escolher ele e isso me irrita muito, me levanto ficando em frente a janela da minha sala e acabo pensando nela e no quarto eu poderia ser feliz com ela mais tem obstáculos que nos impede e isso me cansa.

                   Chanyeol off

                        S/n on

Depois que eu e o Sehun almoçamos, ele ficou mais um pouco e depois foi embora porque recebeu uma ligação do Suho. Depois que ele foi embora eu tranquei a casa e fui tirar um cochilo, depois de umas duas horas dormindo eu me acordei e comecei a fazer o plano de aula de amanhã que eu vou dar, fiquei o resto da tarde fazendo isso já que a noite vou pra casa do Sehun assistir esse filme com ele.

Depois de um tempo escuto meus pais chegando em casa, pego meu celular vendo que são seis e meia, termino rapidamente e guardo tudo, desço pra sala vendo meu appa sentado no sofá.

S/n- oiiii

Hyu- oi linda- me sento ao seu lado e ele me abraça-

S/n- cadê a omma?

Hyu- subiu pra tomar um banho

S/n- ah sim, eu não vou jantar em casa.

Hyu- e vai jantar onde?

S/n- o Sehun quer que eu vá pra casa dele.

Hyu- ah sim, você está gostando desse homem?

S/n- acho ele legal, porque o senhor não gosta dele?

Hyu- não tenho do que reclamara- ele começa a rir e eu vou junto-

S/n- vou me arrumar que daqui a pouco ele chega.

Hyu- tá bem.

Subo pro meu quarto vendo minha omma sair do dela, falo com ela rapidamente e entro no meu quarto, tomo um banho rápido, me visto e faço uma maquiagem leve, pego meu celular e dinheiro coloco numa bolsa pequena, desço pra sala e logo a campainha toca, abro vendo o Sehun de roupas casuais, me despeço dos meus pais e vou embora com o Sehun pra casa dele.

Assim que chegamos na casa dele que eu desço do carro fico de boca aberta com o tamanho da casa, acho que esses empresários tem fetiches em casas grandes, entramos na casa e ele fala que eu posso ficar a vontade, me sento no sofá e ele senta ao meu lado.

Sehun- e ai qual filme vai ser? Porque na hora do almoço não resolvemos nada- começamos a rir-

S/n- eu nem pensei durante a tarde.

Sehun- e estava fazendo o que?

S/n- dormi depois que você foi embora e quando acordei comecei a fazer plano de aula.

Sehun- ah sim, mais ai pensa agora em algum filme.

S/n- pode ser um filme de herói?

Sehun- pode sim, qual?

S/n- homem formiga e vespa, eu ainda não assistir.

Sehun- tudo bem então, procura ai na internet, eu vou fazer o pedido do jantar.

S/n- achei que você ia fazer.

Sehun- eu não sei fazer essas coisas.

S/n- ah sim

Sehun- quer comer o que?

S/n- pode ser kimbap

Sehun- tá bem.

Enquanto ele faz o pedido, eu coloco o filme, ele faz o pedido então ficamos esperando chegar assistindo o filme que parecia ser legal.


Notas Finais


Continua...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...