História "Mercy" - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Camila Cabello, Shawn Mendes
Personagens Camila Cabello, Personagens Originais, Shawn Mendes
Tags Camila Cabello, Mercy, Shawn Mendes
Visualizações 127
Palavras 1.379
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem 😍

Capítulo 5 - Quatro


No dia seguinte Camila recebeu a mensagem do Shawn, o pai dele queria falar com Cami e ver se ela sabia mesmo algo sobre carros, então ela se arrumou colocando uma calça jeans, tênis e uma blusa com mangas longas que cobria todos suas cicatrizes do braço.

Ela pegou seu celular e conectou o fone, deu play na sua playlist e Shawn avisou que estava buscando ela, Cami ficou esperando ele em frente do hotel enquanto isso ela cantarolava a música que tocava no seu celular, ela estava Foda-se para as pessoas que passavam e olhavam para sua cara como se ela fosse louca.

Cami que não se controla quando escuta música, começou mover sua cintura discretamente enquanto cantava, batucava suas unhas na tela do celular e parecia estar em um mundo particular tanto que nem viu Shawn se aproximando, ela começou bater o pé no chão no ritmo da música até que virou e deu de cara com o Shawn que estava de braços cruzados olhando para ela, Cami tirou um lado do fone e sorriu para o garoto que a olhava sorrindo.

- Pelo visto alguém está animada.

- Amo músicas, não consigo ficar parada mesmo que eu tente.

- Temos algo em comum então, se eu ouvir uma música boa eu acabo dançando.

- Quer ouvir comigo, enquanto caminhamos para sua casa?

- Pode ser.

- Espero que goste de Becky G.

- Gosto de tudo, basta ser uma música boa.

Cami estendeu um lado do fone e ele pegou colocando em seu ouvido, estendeu o braço para a garota que entrelaçou o seu no dele sorrindo, os dois foram andando e conversando até que Shawn começou cantarolar a música e Cami olhou para ele.

- Conhece essa música?

- Tenho uma irmã, então sim ja ouvi algumas vezes.

Os dois continuaram andando e Cami ja estava achando a casa dele muito longe, ate que eles pararam em frente à uma casa de cor amarelo bem fraquinho, tocava Christina Aguilera bem alto dentro da casa.

- Isso significa que minha irmã já chegou da escola, ele deve estar no modo faxina então Sempre é isso.

- Já gostei da sua irmã.

- Vem, vamos entrar.

Cami desligou a música do seu celular e Shawn tirou o fone do ouvido, ela guardou o celular no bolso e os dois entraram após ele abrir o portão e depois a porta. A sala estava com tudo fora do lugar, Shawn deu risada negando com um aceno de cabeça e desligou o som.

- EU ESTOU OUVINDO, SEJA LÁ QUEM FOR QUE TENHA DESLIGADO, PODE LIGAR DE VOLTA.

A irmã de Shawn gritou da cozinha, já Shawn gritou avisando que eles tinham visita e então ela apareceu, uma garota linda dos olhos negros e o cabelo loiro.

- Ops! Desculpa a bagunça, você é muito linda.

- Obrigada, não precisa se desculpar, sei como é os dias de faxina.

- Shawn você deveria me avisar que íamos receber visita, eu teria adiado o dia da faxina.

- Sem drama, Jenni. Essa é Camila uma amiga, e a garota que me salvou ontem.

- Então essa é sua salvadora, ela parece mesmo um anjo. Eu sou a Jennifer, a irmã linda e legal desse babaca.

- Cadê o papai?

- Teve que sair, mas pediu pra você esperar ele voltar.

Ele perguntou para Cami se tinha problema em esperar e ela disse que não, então ele levou Cami para os fundos da casa onde tinha dois balanços ao quais eles sentaram, Jenni ligou o som de novo e continuou sua faxina.

- Deveríamos ajudar ela.

- Bom, eu estou proibido de ajudar ela.

- Por que?

- Eu sempre ajudo na faxina, mas minha irmã brigou na escola e como castigo ela terá que fazer tudo sozinha. Mas isso é só essa semana, na próxima eu ja volto a ajudar.

- Entendi.

- Esses balanços estão aqui desde que eu e Jenni ainda éramos pequenos, claro que meu pai teve que fazer alguns ajustes com o passar dos anos, mas ainda é o mesmo.

- Will adorava balanços!

- Quem é Will?

- Meu irmão.

Os olhos dela ficaram marejados mas Cami não deixou nenhuma lagrima cair, Shawn decidiu não falar mais nada e mudou de assunto falando sobre músicas, confidencializou que compõe músicas e Cami adorou e quis ver alguma mas Shawn disse que tinha vergonha então ela não insistiu.

Após alguns minutos o pai dele chegou, Cami e Manuel foram apresentados e ele ficou a sós com ela e fez algumas perguntas, depois levou ela para a garagem do lado de sua casa, pediu para ela ver qual era o defeito do carro que estava ali e após avaliar Cami disse que era os freios e concertou, Manuel ficou impressionado com a rapidez e inteligência dela, ele fez algumas perguntas pouco pessoais e básica para Camila como idade dela e se ela tinha namorado e enfim.

Mas Manuel logo percebeu que Cami era usuária de coisas ilícitas, afinal no passado ele foi usuário de drogas e sabia reconhecer um, sem contar que ela não levantou as mangas da blusa, mas como Manuel é bom observador logo reparou nas cicatrizes no pulso que deu pra ver quando a manga da blusa levantou um pouco.

Ele poderia ter dito não para a Camila, mas ele quis dar uma oportunidade para a garota, porque foi através de uma oportunidade e de ajuda que hoje ele venceu na vida.

- Vou aproveitar que estamos sozinhos e lhe darei minha resposta, você poderá trabalhar para mim, eu vou lhe dar um teto para morar e você ficará naquele pequeno cômodo que era um banheiro mas eu adaptei para ser um quarto, então você vai dormir ali e poderá almoçar com a minha família e tomar banho no quarto da Jenni, lhe darei também um salário para você poder comprar suas coisas e também vou ajudar você com seu visto de permanência.

- Obrigado senhor Manuel, não sei nem como agradecer sua ajuda.

- Eu sei, apenas siga algumas condições.

- Quais seriam?

- Quando for usar suas drogas que seja longe da minha casa, não chegue bêbada em casa e não traga nenhum estranho sem minha autorização. Quando for necessário pode ser que você tenha que ajudar pagar alguma coisa aqui em casa, como água ou luz mas será divido o preço assim você não vai pagar um valor sozinha.

- Tudo bem.

- Você será tratada como uma filha, apenas peço que seja sincera comigo quando quiser usar drogas porque eu sei que você usa, eu reconheço um viciado de longe mas nao estou aqui para te criticar e sim ajudar, então seja honesta comigo que eu farei o possível para ajudar.

- Mas alguma condição?

- Sim, quando eu consegui seu visto você ira voltar a estudar, eu irei te matricular no colégio dos meus filhos.

- Não precisa fazer isso.

- Mas eu vou fazer, apenas terá que se esforçar para tirar notas boas. Acha que consegue lidar com minhas condições, pois é tudo que exijo para você permanecer aqui?

- Tudo bem, eu aceito as condições.

- Perfeito! Você tem dinheiro para ficar no hotel, pelo menos por dois dias?

- Tenho para ficar apenas essa noite.

- Então vamos fazer o seguinte, amanhã você vem pra cá e irá dormir na sala, pelo menos até eu arrumar o cômodo que você vai ficar.

- Por mim tudo bem.

- Na oficina vai demorar um pouco pra você começar, eu ainda tenho que arrumar muita coisa e conseguir clientes fixo.

- Ok, como quiser.

- Agora vamos almoçar, hoje você é minha convidada, assim você conhece a Karen minha esposa, ela é um pouco chata mas no fundo é uma boa pessoa.

Eles entraram e Shawn ajudou o pai preparar o almoço já que sua mãe ainda estava vindo do trabalho, Jenni terminou sua faxina e se juntou a eles na cozinha, ela ficou conversando com a Camila e elas duas tinham muitas coisas em comum, depois de um tempo Karen chegou e não foi com a cara da Cami mas disfarçou.

Ela se engasgou quando o marido deu a notícia que Camila ia morar com eles, mas não disse nada apenas olhou para a garota que ficou em silêncio já Shawn e Jennifer amaram a notícia.

É pelo visto Camila agora tem uma nova família, ela deveria talvez estar desconfiada do modo que tudo está indo rápido e por ela mal conhecer aquelas pessoas. Mas o que é o perigo, perto da merda de vida que é a vida de Camila?


Notas Finais


Capítulo não revisado


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...