História Meu amor incondicional( yaoi ) - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Boku no Hero Academia (My Hero Academia)
Personagens Iida Tenya, Katsuki Bakugou, Midoriya Izuku (Deku), Shouta Aizawa (Eraserhead), Shouto Todoroki, Uraraka Ochako (Uravity), Yagi Toshinori (All Might)
Tags Boku No Hero Academia
Visualizações 433
Palavras 1.014
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, Luta, Mistério, Suspense, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 7 - Sentimento incompreensível


Fanfic / Fanfiction Meu amor incondicional( yaoi ) - Capítulo 7 - Sentimento incompreensível

Midoriya acorda com muita dor de cabeça apos ter chorado até adormecer na noite passada

Ele faz suas higiene matinais e nota  que estava com olheiras muito escuras , ele vai para a cozinha e vê sua mãe fazendo o café  da manhã

Okaasan: bom dia musuko!

Midoriya: bom dia Okaasan *dis tentando ser o mais simpático o possível*

Okaasan:  o que aconteceu? o seu amigo fez algo com você?

Midoriya: n-nada

Okaasan: querido eu te conheço desde que você estava no meu útero, não vai ser tão fácil de me enganar

Midoriya: a senhora já se sentiu confusa com os seus sentimentos em relação a alguém?

Okaasan: filho , nos sempre sabemos o que sentimos só que as vezes nos negamos a aceita-los por medo ou por achar que é errado *dis colocando os alimentos nos pratos e sentando na cadeira*

Midoriya: o que a senhora acha que eu tenho que fazer ?

Okaasan: primeiro aceitar seus sentimentos e realmente intendelos e depois viver sua vida pois o passado não volta *da um sorriso sincero para o esverdeado*

Midoriya: obrigado okaasan!

Okaasan: de nada querido! 

Os dois terminam de tomar café e Midoriya veste o uniforme e vai pro colégio 

**NO COLÉGIO**

 

Uraraka: oi Midoriya

Iida: olá Midoriya 

Midoriya: oi pessoal *dis desanimado*

Uraraka: o que aconteceu?

Midoriya: eu e o Todoroki saimos ontem

Uraraka: e por que toda essa tristeza você devia está feliz ele é o menino mais bonito desse colégio!

Iida: Uraraka-san a verdadeira beleza está dentro de nos mesmo

Uraraka: nunca achei que vê um coração palpitando era bonito *dis com ironia* agora se você não se importa vamos deixar o Deku falar

Iida: mal educada *resmunga baixo*

Midoriya: o Todoroki e eu fomos para uma festa e lá nos bebemos muito e ele teve que me levar para casa...

Uraraka: nossa nunca pensei que um dia você  bebese e ainda por cima embebedasse 

Iida: é verdade o Midoriya-kun sempre aparentou ser inocente e correto *dis gesticulando o braço direito*

Midoriya: eu não sou inocente *corado*

Uraraka: à você é sim 

Midoriya: não sou não ! ...

Uraraka: Deku se você não é inocente neguem mais aqui também é  então aceita logo isso e termina logo de contar o que aconteceu! *dis um pouco exaltada*

Iida: .....

 

Midoriya: ..... O Todoroki estava me levando para casa e começou a fazer perguntas estranhas 

Uraraka: que perguntas ?

Midoriya: se eu g-gostava d-dele..E depois perguntou se eu queria namorar com ele *corado*

Uraraka:  nossa ... O que ele tem de queto também tem de atitude, esse não perde tempo mesmo! *risos

Uraraka: e o que aconteceu depois?

Midoriya:  o kacchan apareceu e ...*silêncio*

Uraraka: e o que? *questiona o esverdeado*

Midoriya: o-o Todoroki m-me b-beijou e o kacchan e ele começaram a brigar! *dis chorando*

Uraraka: ...*fica sem palavras*

Iida: calma Midoriya-kun

Uraraka: desculpa Deku *se arrepende por ter magoado o amigo o fazendo lembrar de coisas que ele não queria*

Midoriya: você não tem culpa de nada *dis dando um sorriso falso para sua amiga*

*O sinal toca*

Iida: vamos para a sala 

Midoriya: tá 

Os três vão para a sala 

Midoriya PV on: 

O kacchan faltou de novo por minha causa , eu não consigo para de pensar no que ele disse

"A CULPA É TODA SUA" 

"você ainda não percebeu que eu te amo idiota!!"

Eu não sei o porque mas essas palavras mechem muito comigo , por que o kacchan iria gostar de alguém como eu , ele sempre aparentou me odiar com todas as forças mas agora ele vem e me diz isso... está decidido eu vou falar com ele !

 

Midoriya PV off:

 

Depois das aulas Midoriya se despediu de seus amigos e foi andando em rumo a casa de Bakugou mas parecia que a cada passo o seu coração ia batendo mais rápido e ele já não estava aguentando mais isso

Apos um tempo Midoriya chega em frente a casa de Bakugou , ele toca a campanhia e uma mulher loira com o cabelo quase branco aparece , Midoriya logo a reconhece era a mãe do loiro eles começam a conversar e ela dis que ia sair mas era para ele subir que Bakugou estava no quarto durmindo

Midoriya abre a porta do quarto sentindo um arrepio ao lembrar de quando era menor e ia para lá brincar com Bakugou até o dia que o próprio o expulsou da sua casa e Midoriya nunca mais foi visita-lo

Midoriya vai até a cama onde o loiro estava durmindo tranquilamente e o chama baixinho

Midoriya: kacchan

Bakugou: depois eu levanto mãe *dis sonolento*

Midoriya: kacchan acorda

Bakugou com o pouco de consciência que tinha lembra que só avia um única pessoa que o chamava por esse apilido 

Bakugou: Deku...*dis baixo virando  para a pessoa que o chamava*

Bakugou: o que você está fazendo aqui maldito! *tenta esconder a felicidade que ele teve ao ver o esverdeado ali no seu quarto o acordando como antigamente*

Midoriya: d-desculpa kacchan por ter te magoado , eu não queria isso *dis com os olhos marejados*

Bakugou: ...*kacchan fica o  observando cada gesto cada expressão*

Midoriya: eu não queria que você sofresse tanto quando criança por minha causa , eu não imaginava que você me amava ,eu ainda não sei se te amo mas eu tenho certeza que quero ficar com você ! Eu não me importo com o que os outros digam eu só quero ficar com você, por favor me perdoa *dis já se debruçando em lágrimas*

Bakugou: como eu posso acreditar em você , ontem mesmo você estava se pegando com aquele bicolor desgraçado , você não parecia está se importando comigo! *dis virando o rosto para o lado para esconder as suas lágrimas do esverdeado*

Midoriya segura os braços do de Bakugou que acaba caindo na cama com o susto deixando o esverdeado por cima dele*

Midoriya fica o fitando   Bakugou que o mesmo cora

Os dois ficam assim durante um tempo até que Midoriya toma coragem e aproxima seus lábios com o de Bakugou  o beijando

 

 

 

 

 


Notas Finais


Finalmente as coisas começaram a se endireitar gente!!! 😆😆😆


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...