História Meu amor inimigo - Thiam - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Teen Wolf
Visualizações 54
Palavras 655
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, LGBT, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Slash, Sobrenatural, Steampunk, Suspense, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Heyy! Fiquei pouco criativa mas juro que dei o meu melhor! <3

Capítulo 3 - Uma noite depois...


POV AUTORA

Liam passou a manhã confuso e estressado. Quando Scott disse que passaria de tarde em sua casa tomou um banho longo e repetido, não queria que seu amigo sentisse o cheiro de Theo Raeken impregnado no corpo, afinal o olfato do Alfa era bem avançado. 

Scott soou a campainha. Quando Liam atendeu, automaticamente deixou o garoto nervoso com uma frase e uma careta.

-Está com um cheiro estranho! - tentou chegar mais perto, porém o beta se afastou. Scott apenas ignorou e entrou.
Liam soltou um suspiro, que mesmo tácito parecia ter sido escutado pelo Alfa.

Quando Liam pensava que não podia ficar pior, ficou. A campainha ecoou pela casa silenciosa, ele atendeu a porta e deu de cara com ninguém mais nem menos que Theo. Scott foi ver quem era também, quando relacionou as coisas arqueou as sobrancelhas e apenas foi para a sala de estar. 

Liam foi para o lado de fora.

-Poderia ter avisado que vinha... - evitou olhar nos olhos de Theo.

-Eu ia, mas não imaginei que teria companhia...

-Certo... mais tarde? - Liam perguntou tentando não olhar para os olhos do outro.

-Claro. - Theo concordou e saiu.

Liam entrou nervoso, Scott estava sentado na sala com um olhar desafiador.

POV LIAM

-O que?

Scott abriu a boca uma ou duas vezes para falar, mas a fechou. Passou os dedos nas pálpebras e levantou-se.

-Liam, ele literalmente fez você tentar me matar. Ele planejava te matar. E você dormiu com ele?

-Não! - tentei manter meu coração normal, para esconder a mentira - Mas, mesmo não tendo, somos amigos agora! Você não sabe, mas ele mudou! 

Scott me fitou - Então tá... só lembre que eu sei quando você mente. - e saiu, sem nem ter conversado sobre o que queria antes do Theo chegar.

Eu me deitei na cama e fiquei pensando, virando de um lado para o outro, angustiado até pegar no sono.
Fui para a aula de ônibus no outro dia, afinal Scott não iria querer me ver. Fiquei no colégio até de noite, estudando para a prova de química, quando ouvi (e nem precisei da audição avançada pra isso) alguém dando um grito de dor. Sai correndo da biblioteca para ajudar. Percebi que era o único na escola, andei um pouco e encontrei Theo sentado no chão, com suas mãos sobre a barriga. Era igual com o que houve comigo antes, sem cura e doloroso. Tirei a dor de Theo e mandei uma mensagem para todos da pack, dizendo que tinha que contar o que estava acontecendo.

POV THEO

Fomos para a casa do Liam e quando Scott chegou me fitou com reprovação.

-Acho que tem algumas coisas para esclarecer. Antes de ontem Theo me salvou, porque eu fui atacado por um lobisomem, mas não um qualquer. Ele era enorme, quase do tamanho da Besta de Gévaudan. - Liam começou a explicar - Andei pesquisando e tenho conclusões de que é um tal de Lufus.

Derek estreitou os olhos - Eu sei um pouco desse sujeito. É um BAP, seus olhos são completamente negros, profundos e cheios de furia. Ele tem um sentimento de matar todos que vê, sem dó nem piedade. Só pode-se vencer ele o sedando ou paralizando e tirando seu coração. Mas veneno de Kanima não tem efeito nele. - Derek terminou de falar, e após discutirem o assunto foram todos embora.

Só Liam e eu, sozinhos novamente. Disse que ia embora, ele me acompanhou até a porta e disse algo complicado para o meu subconsciente confuso.

-Aquilo não pode acontecer de novo, Theo.

-É, eu sei. - disse e saí...

Cheguei em casa e estava olhando meu email, quando vi um da escola. Dizia que eu não havia concluído o 3 ano e tinha de terminá-lo. Minhas aulas seriam na segunda-feira. Agora veria Liam todo dia? O que diria? Ai eu veria segunda mesmo. Me deitei exausto e dormi.

 


Notas Finais


Aaaa, não sei se ficou bom ou sequer longo, mas juro que vai ficar mais legal depois. Queria dizer que essa fanfic não vai ser longa e nem foi planejada para ser, então ela não vai ter muito além de 10 capítulos :( perdão. Desculpem qualquer erro...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...