História Meu Amor Psicopata- JIKOOK - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Big Bang, Black Pink, EXO, Got7
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Jikook, Namjin, Yoonseok
Visualizações 54
Palavras 1.021
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi gente.
Bom...primeiro,fiquei esses dias sem postar pq minhas aulas começaram então tive que me arrumar para as aula(se ler tortura)
Mais ta aí❤
Dica:Leia esse capitulo com Dusk Till Dawn do Zaya,acho que combina,perquisam a tradução,é linda!!!😻❤
Leiam as notas finais tem um aviso

Boa leitura❤📖

Capítulo 3 - Capitulo 03


Fanfic / Fanfiction Meu Amor Psicopata- JIKOOK - Capítulo 3 - Capitulo 03

P.O.V JIMIN

Sonho on...

Eu tinha uns 15 anos e estava dentro do meu quarto...sendo estuprado.

-P-pro favor a-appa,eu não q-quero...-eu estava nu encolhido no cantinho do meu quarto enquanto meu appa estava me batendo com um cinto de coro velho.

-Você não tem o que querer seu bastardo,você faz o QUE eu quero. Agora fique de quatro naquela cama. -me ordena

-Mais appa...-sou interrompido com mais uma chicotada.

-FIQUE AGORA DE QUATRO NAQUELA PORRA DE CAMA!-grita me fazendo soltar mais lágrimas. Faço o que ele mandou e logo depois ele enfia seu membro na minha entrada me fazendo um grito mido de dor sair. A única coisa que eu senti naquela horrível noite foi dor, não senti prazer, não gemi pedindo mais...Não, a única porra que sentir naquela horrível noite foi dor.

Eu ouvia ele gemer de prazer falando meu nome, me chamando de vadia,puta,cadela.Eu não falava nada, não gemia de dor porque tinha medo de pegar mais chicotadas dele. E isso continuou até quase uma hora, quando o mesmo se cansou e gozou dentro de mim.

Me sentia um lixo,imundo.Quando o vi dormi do meu lado, saí dela e fui ao banheiro me lavar, enchi a banheira e entrei; peguei a esponja e comecei a esfrega-la violentamente em meu corpo violentamente fazendo em alguns lugares sangrar.

-JIMIN!VENHA AQUI AGORA SEU BASTARDO!-ouso meu appa gritar me fazendo entrar em desespero, sabia que ele iria me estuprar novamente.-JIMIN!SUA PUTA VENHA AQUI,NÃO ME FAÇA TE LEVAR PELOS CABELOS!

-T-tô indo appa -falo já com lágrimas escorrerem pelas minha bochechas...

Sonho off...

Acordo desesperado com lágrimas escorrendo em minhas bochechas, vejo jungkook dormindo serenamente com seus braços em volta de minha cintura. As retiro e me levanto indo a porta, desço as escadas-já que o quarto se encontrava do segundo andar -e vou em direção a cachoeira que ficava atrás do galpão(midia), como eu sei disso?-Binyook me falou- ando até lá e me sento numa pedra grande que ficava na cachoeira, coloco meus pés dentro da água. Deixo as lágrimas saíres livremente de meus olhos. Começo a balança-los para frente e para trás até ouvir passos em minha direção.

- O que você estar fazendo aqui?-vejo o jungkook vindo em minha direção ainda com cara de sono, tão fofo. -Ainda é de madrugada.

-Desculpa de acorda, é q-que eu t-tive um p-pesadelo – novamente chorava, lágrimas grossas caíam livremente e soluçava baixo. Até sentir braços me abraçarem transmitindo segurança, aquele abraço me acalmou de um jeito que ninguém tinha conseguido.

-Shiii...vai ficar tudo bem – o moreno começou a fazer cafuné em meus cabelos – Foi só um sonho ruim, não vai te machucar-disse me tirando um sorriso – Eu tô aqui pra te proteger...ninguém vai fazer mal para você pequeno.

-Você fala como se eu fosse uma criança -sorri pela primeira vez desde que cheguei nessa casa.

-Mais você é! -disse num tom como se fosse óbvio

-Num sou naum – Digo com um bico nos lábios fazendo cara de raiva usando uma voz de bebê, fazendo o kook me dar um selinho, levei minha mão aos mesmos,eu tava assustado...era a primeira vez que alguém fazia isso em mim.

-Desculpa-disse coçando a nuca-Eu não resisti...

-Tem problema não kookie,e-eu só...nunca tinha beijado antes -disse num sussurro, senti minhas bochechas esquentarem,concerteza estava corado.

-Vamos.- Se levanta e estende a mão. Seguro sua mão e sinto uma corrente elétrica percorrer meu corpo, me levanto e sigo em direção á casa.

Entramos e subimos para o quarto do jungkookie, entro no mesmo e fecha a porta atrás de si.Sigo meu caminho até a cama de casal que existia ali,deito no canto onde na minha visão apontava para a janela,onde se tinha uma linda visão da floresta.Minhas pálpebras começam a ficar pesadas,dificultando eu continuar acordado e logo adormeço.

P.O.V NARRADORA.

Jungkook devagar começa a se aproxima de seu pequeno,se deitando junto a ele.Cobre os dois com o fino tecido do lençol,passa seus braços musculosos em volta da cintura do menor.Ficando bem perto de seu amado,proveitando seu calor...

Jungkook P.O.V

Acordo com os raios de sol batendo meu rosto,percebo que meu pequeno ainda dormia,pego meu celular para ver que horas era agora.

Vejo que o aparelho marcava 10:27 AM,me levando e vou em direção ao banheiro fazer minhas higienes.

Uns 15 minutos depois,saío e vejo meu pequeno do jeito que deixei,dormindo. 

A blusa que o mesmo usava estava um pouco mais pra cima,deixando a mostra suas grossas coxas.Ah jimin...

Você é um pedaço de mau caminho...um lindo pedaço de mau caminho.

Visto uma cueca box preta,uma regata branca e uma bermuda azul.Saio do quarto e desço as escadas,encontrando o Tae no sofá,assistindo algum filme de ação;ignoro e vou em direção a cozinha,encontrando o Jin-hyung cozinhando enquando o Namjoon fica o olhando fixamente.

-Bom dia Jin-hyung- vou ao mesmo e deixo um selar em sua bochecha.

-Bom dia Namjoon-hyung -vou em direção ao de cabelo azul e deixo um selar em sua bochecha.

-Bom dia,p areçe que alguém acordou de bom humor -diz Jin-hyung.

-Amor,acho que essa felicidade tem nome...-diz namjoon com um sorriso malícioso.

-E se tem,mais vocês já sabem  nome -digo pegando uma maça da fruteira.

-Hum...ah jungkook,hoje temos trabalho.-diz o de cabelo azul com uma cara séria.-Os dados estão no seu escritório.

Confirmo e vou em direção ao meu escritório,que ficava no mesmo andar onde estou.

Entro no mesmo e me sento na cadeira que ficava atrás de uma mesa média de vidro.Vejo os papeis e começo a ler

DADOS

NOME: MIN-LYU

ANOS: 36 ANOS

EMPREGO: SÓCIO DE UMA EMPRESA.

VIDA PESSOAL: PAI DE DUAS MENINAS,UMA DE 16 E UMA DE 10. A MAIS VELHA VIVE SENDO ESTUPRADA, ESPANCADA E ABUSADA DESDE OS 13 ANOS.

A MÃE DA JOVEM NÃO SABE DA SITUAÇÃO,JÁ QUE A JOVEM ESCONDE SEUS HEMATOMAS E NÃO CONTA PARA A MAIS VELHA O QUE SOFRE.

MORA NA RUA XXXX,BAIRRO XXXXXX NÚMERO 365.

SAI DO TRABALHO AS 05:00 PM E VAI DIRETO A UM BAR/STRIPP DANCE . DEIXANDO SUA MULHER ACHANDO SER  UM HOMEM FIEL E UM BOM PAI PARA SUAS FILHAS.

-É...pareçe que temos que ter uma conversa senhor Min-Lyu -digo com um sorriso psicopata estampado em meu rosto.

//Quebra de tempo//

-Pronto gente -pegunto,minha gangue já se encontrava arrumada para a misão.

-Sim - respondem.

Fomos em direção ao nossos carros.Finalmente eu ia brincar...




Notas Finais


Deixei todo a ação proximo capitulo... drama😂😂😂
Até o proximo capitulo!
Amei escrever esse momento fofo Jikook❤

Aviso:Gente,se souberem ou vcs conheçerem alguém que faça capa pra fanfic e também FMV passa o número pra mim Pfv,agradeço🙏❤

Bjos da Menina_Hoseok❣


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...