História Meu Anjo da Guarda-Im Changkyun(Monsta-x) - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias Monsta X
Personagens Hyung Won, I'M, Joo Heon, Ki Hyun, Min Hyuk, Personagens Originais, Show Nu, Won Ho
Visualizações 70
Palavras 482
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Ficção Adolescente, Hentai, Luta, Magia, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Cross-dresser, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Desculpem pelos os erros ortográficos

Capítulo 14 - Capítulo quatorze


Assim que acordo vou ao banheiro fazer minhas higienes logo em seguida visto uma roupa confortável e desço para a cozinha 

Appa: Bom dia filha

Sn: Bom dia appa - me sento na mesa -

Appa: Como está se sentindo?

Sn: Bem, por quê?

Appa: Preciso que faço algo para o seu pai

Sn: Prossiga 

Appa: Preciso  que pegue um diário, ele fica na casa do seu namorado 

Sn: Não casa do I.m? - ele acende que sim -

Appa: Sim, ele é dourado e as folhas são antigas 

Sn: Sem problemas appa irei pegar hoje mesmo 

Appa: Obrigado filha 

Quando terminamos nosso café da manha, vou na minha antiga casa na esperança de encontrar o I.m

Entro na casa e vasculo todos os cômodos na esperança de encontrá- lo ou de encontrar o diário que meu pai quer.

Sn: Aish cadê ele - resmungo - o jeito é ir na casa dele, merda onde fica mesmo - fico pensando DROGAAAA - jogo um porta retrato no chão -

I.m: SN?- entra no quarto e vem me abraçando -

De imediato retribui o abraço dele.

I.m: Fiquei preocupado 

Sn: Eu estou bem - forço um sorriso - 

I.m: Conseguiu fingir do seu pai?

Sn: Ham?....Sim consegui, mas ele sabe onde moro e disse que voltaria para me pegar 

I.m: Acho melhor irmos para minha casa ele não sabe onde moro 

Num piscar de olhos parecemos em sua casa.

Sn: Tenho que me acostumar com isso - forço um sorriso -

I.m: Você deve estae com fome - acendo que sim - Okay vou preparar algo para você 

Sn: Onde fica o banheiro? 

I.m: No andar de cima 

Subo as escadas e vou a procura do diário vasculo quase todos os cômodos de cima assim que estava no último vasculhando o guarda roupa ouço a voz do I.m

I.m: Procurando por isso - chacoalhar o diário -

Sn: Okay você me pegou - levanto as mãos para cima gargalhando -

I.m: Eu queria estar errado sobre isso 

Sn: Magoou?

I.m: Sinto muito pelo o que vou fazer - o diário some e ele vem para cima - 

Praticamente começamos uma luta socos e chutes eram distribuídos por ambos, alguns acertavam outros eram desviados, já estavamos ofegantes e com alguns machucados pelo corpo até que ele aparece atrás de mim.

I.m: Bom sonhos 

Sinto meu corpo pesar logo caindo no chão desacordada. Acordo amarrada em uma cadeira 

Sn: Isso é sério? - me mexo -

I.m: Vejo que acordou bela adormecida 

Sn: Tá achando que uma cortinha como essa vai me preder aqui?

I.m: Não só a cortinha - olha para cima - 

Sn: Aish, merda 

I.m: Agora que seu lado demoníaco está acordado essa linda marca de prende aqui - sorriu - vou trazer você de volta que nem na última vez 

Sn: - gargalhei - tenta a sorte 

I.m ia saindo mas o chamo.

Sn: Onde vai?

I.m: Comer horas, também sou filho de Deus - saiu do quarto me trancando -

Sn: AISHHHH ME SOLTA 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...