1. Spirit Fanfics >
  2. Meu baka - Imagine Jikook >
  3. Plano de morte - parte 3 de 3

História Meu baka - Imagine Jikook - Capítulo 17


Escrita por:


Notas do Autor


Ooie volteii ^-^

~~~Boa leitura~~~

Capítulo 17 - Plano de morte - parte 3 de 3


Após terem-se passadas 45 minutos ou mais, Jungkook acorda. Ele ainda estava sangrando, mas nem tanto quanto antes. Ele estava tonto pela perda de sangue, mas conseguiu achar forças para se manter de pé, se segurando em uma pequena mesa de madeira que havia ao seu lado. 

Suas mãos estavam suadas e geladas pela falta de sangue, sua respiração estava ofegante, e ele suava. Ele estava morrendo aos poucos.

Ele andava tropeçando e andando devagar até a porta de saída. A porta estava fechada, mas não estava trancada. Ele estava tão fraco que não conseguia abrir a porta para sair dali e chamar por ajuda.

Então, ao pensar um pouco mais, ele anda até a mesinha, e no chão, ao lado da mesa, seu celular estava desligado. Tentou ligar e conseguiu. 

O brilho ofuscante da tela apareceu em sua visão. Ele rápida te desbloqueia o celular e toca no ícone "telefone".

Jungkook percebe que todos os seus contatos estavam excluídos. Lisa não havia perdido tempo, e os excluíu? 

Jungkook: U-uma pena que... E-eu tenho o número do Jimin gravado na minha cabeça. Gagueja o garoto tentando falar, enquanto discava os números do namorado.

Ele tenta ligar para o mesmo 5 vezes. 

O Jeon percebe que aquele lugar não tinha sinal, seria difícil ligar para Jimin assim.

Um som se faz presente na porta de saída do grande galpão. Alguém estava abrindo a porta. Ele rapidamente se esconde atrás de um pequeno sofá quebrado e rasgado, com pó voando pra todo canto.

A porta lentamente é aberta. Lisa não estava ali, mas o Jeon sabe quem são os garotos que provavelmente estavam ali para levar Jungkook morto; ali estavam Donghun e Chan, os "ex- amigos" de Jimin que o ajudavam antes:

Donghun: Cadê aquele garoto? Não era pra ele estar aqui?

Chan: Não faço a menor ideia, só sei que ele realmente estava ali. Fala o garoto apontando para manchas de sangue que se faziam presentes no galpão.

Donghun: Vamos procurar ele, ele não deve ter escapado tão rápido.

Os dois garotos procuravam o Jeon por todo lugar: atrás de pneus e até atrás da mesinha:

Chan: Ah... Você está aqui! 

Jungkook: Por favor, não façam nada comigo, eu não fiz nada!!

Donghun: Você nos separou do nosso melhor amigo, e "roubou" o namorado da Lisa! E isso é uma simples vingança. Sorri de canto.

Jungkook: A culpa não é minha se vocês são tão homofóbicos a ponto de quererem me matar. Dá de ombros se levantando com muito esforço.

Donghun: É sério que você está debochando da gente?

Jungkook: Se quiserem interpretar isso dessa forma, então sim. Ri debochado e coloca seu celular sobre a mesa.

Chan: Vamos logo com isso. 

Chan não perde tempo e acerta um soco na barriga de Jeon. O mesmo que já estava tonto e fraco, acaba caindo sobre o sofá:

Chan: Não deveria ter falado desse jeito com a gente, Jeon Jungkook. Fala sorrindo de canto.

Donghun por sua vez soca o rosto de Jungkook duas vezes. O garoto (Chan) usava um pequeno anel com uma pérola, e isso havia provocado muita dor em sua mandíbula (Jungkook).

Os meninos estavam acabando com Jungkook.

.

.

Um senhorzinho de poucos 60 anos de idade passava pelo local, então ele ouviu sons como:

"Aquela madeira vai provocar mais dor!"

"Por favor, parem! Isso já e-está doendo muito..."

Senhor: Meu Deus, vândalos!

O senhor então liga rapidamente para a polícia.

_-Com Jimin-_

Jimin: Pronto, já peguei o livro. Espera, 5 chamadas perdidas... Do... JUNGKOOK!! Vou tentar ligar novamente.

O Park digita os números do namorado:

Jimin: Vamos, vamos... Atende Kook!!

.

.

O telefone de Kook chamava a ligação. 

Jungkook havia desmaiado de novo por causa das dores provocadas pelas batidas:

Donghun: Proooonto, tá resolvido.

Ao saírem:

Policial: Vocês vem com a gente!

Chan: Mas por que!? Eu não fiz nada de errado!

Policial: Bater em alguém, buscando sua morte, é crime sim. Tentativa de homicídio. Algema Chan e outro policial algema Donghun.

Eles saem:

Senhor: Meu Deus! Tem um garotinho ali. 

O senhor entra e vai caminhando até o Jeon:

Senhor: Hey garotinho, acorda! Dá leves tapinhas em seu rosto, mas ele não acorda.

Senhor: Sua pele está muito fria! E sua respiração lenta! 

O homem então, pega seu celular e liga para a emergência. Eles já estavam vindo.

Jimin liga novamente. O homem atende a ligação:

_-Ligação on-_

Jimin: Jungkook, cadê você!?

Homem: Não dá para explicar agora! Venha para o galpão da rua ####.

Jimin: O- okay!

_-Ligação off-_

Jimin sai correndo às pressas para o local que Jungkook provavelmente estaria.

_-No galpão-_

Jimin: Cadê o Jungkook!?

Senhor: Aqui.

Jungkook não estava desmaiado, mas estava de olhos fechados. Ele abre e fala:

Jungkook: J-Jimin?

Jimin: Jungkook! Que bom que acordou.

A ambulância chega, e ambos vão para o hospital.

_-No hospital-_

O médico havia saído da sala onde Jungkook estava. Jimin corre até sua direção, aflito, e pergunta:

Jimin: Doutor, como está o Jungkook!?

Médico: Ele está bem. Ele conseguiu se recuperar rapidamente da falta de sangue, não precisamos doar tanto.

Jimin: Graças a Deus! Posso ir vê-lo?

Médico: Pode sim. E mais um aviso. Ele ficará um tempo aqui, até às cicatrizes se recuperarem.

Jimin: Okay, obrigado.

_-No quarto-_

Jimin: Que bom que está bem. Mas, quem te sequestrou?

Jungkook: Uma tal de Lisa; ela me esfaqueou, e depois uns garotos, Donghun e Chan, vieram me bater.

Jimin: Eu vou depôr na polícia o caso da Lisa. Como ela pôde fazer isso com você!?

Jungkook deu de ombros.

Jimin: O médico avisou quanto tempo você vai ficar aqui?

Jungkook: Até os cortes darem uma cicatrizada.

Jimin: Ah sim. Affe, quero você em casa.

Jungkook: Eu também néh. Mas fazer o que?

Um médico adentra a sala:

Médico: Horário de visita acabou.

Jimin: Tchau amor, amanhã eu venho te ver. Selinho.

Jungkook: Tchau Min =3 

Jimin sai para a delegacia.

_-Na delegacia-_

Jimin: Senhores policiais, quero fazer uma denúncia.

Policial: Para quem?

Jimin: Lalisa Manoban. Ela foi quem sequestrou Jeon Jungkook junto com Donghun e Chan, e tentou matá-lo.

Policial: Ela!? Bem, vamos fazer o que podemos, obrigado Park.

Jimin concorda com a cabeça, e vai embora.






Notas Finais


-_Continua_-


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...