História Meu Breu - Capítulo 20


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Tags Naruto, Sakura, Sasuke, Sasusaku
Visualizações 275
Palavras 1.218
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Ficção, Hentai, Policial, Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Chegamos ao fim de mais uma Fic. Obrigada a todos que leram, sou grata a todos vocês.

Capítulo 20 - Fim


Fanfic / Fanfiction Meu Breu - Capítulo 20 - Fim

A um ano e cinco messes eu e Sasuke nos conhecemos, nesse exato dia. Acordei e diferente de todos os dias não senti a presença de Sasuke na cama, estiquei meu braço na cama e ela estava vazia. Logo bati a mão em algo duro o que  me fez soltar um gemido baixinho.

- Ai... - respirei fundo e me sentei logo tateando a coisa dura na cama que acabei descobrindo ser uma bandeja de café da manhã - Amor? Amor?... Sasuke? Sasuke?

Peguei meu celular e logo ouve a notficação dizendo que eu havia recebido uma mensagem de voz. Quando eu autorizei o play a voz de Sasuke tomou conta do ambiente silencioso demais para meu gosto.

- Oi amor, dizem que da azar ver a noiva antes do casamento então preparei um café da manhã reforçado e as oito a Ino e a Hinata vão passar ai para te levar para seu dia de princesa. - eu senti como se ele estivesse sorrindo ao dizer essa ultima parte - Eu te amo gatinha.

Sorri feito boba para o nada e comecei a comer com um pouco de dificuldade meu café da manhã, logo que eu terminei a campainha tocou e eu me levantei para atender.

- Bom dia. - cumprimentei abrindo a porta.

- Oi Saky. - ouvi a voz de Hinata que logo entrou no apartamento -Você acordou agora né? - apeas acenti - Tomou café?

- Sasuke deixou uma bandeja de café da manhã para mim na cama. - respondi - Eu vou tomar banho, fique a vontade.

Depois do meu banho e Hinata me ajudar a escolher uma roupa e uma langeri, logo ela me levou para o SPA onde Ino, Temari e Ten Ten nos esperavam após uma manhã e tarde de mimos e paparicos eu estava em um dos quarto da casa do sitio da família Uchiha pronta para a Cerimonia.
Ouvi passos se aproximarem e fiquei curiosa para saber quem era, senti a pessoa em minha frente ela parecia me analisar. Logo uma mão acariciou meu rosto e a voz do meu pai imundou meus ouvido.

- Vocé está tão bonita minha filha. - sorri - Sabe a sua mãe teria orgulho de te ver assim.

- Você também deve está lindo papai. - estendi os braços e ele me abraçou.

- Vamos o tal Sasuke está te esperando no altar. - ele enlasou nossos braços e começamos a caminhar em direção a fora do quarto e da casa - Não acredito que minha princesa irá se casar. - pai disse e eu sorri - Com um homem que eu nem conheço.

- Isso por quê o senhor sempre estava ocupado trabalhando papai. O senhor só vive trancado naquela faculdade. - eu resmunguei e ele riu.

- O importante para mim é que ele te ame e te faça feliz. - ele disse e eu suspirei apaixonada.

- Ele já me faz a mulher mais feliz do mundo papai. - sentir meu pai se encher de felicidade com aquilo que eu tinha diro e logo ele me avisou que iamos entrar na cerimonia.

Ouvi a marcha nupcial, e começamos a caminhar. Ouvi o cliq da camera do fotografo, assim como alguns sussuros e logo meu pai estendeu minha mão e Sasuke logo a capturou.

- Cuide bem dela. - meu pai pediu antes de que eu o ouvisse se afasta.

- Você é a noiva mais linda que eu já vi. - ouvi a voz de Sasuke num sussuro.

- Obrigada. - sussurrei de volta.

Logo a cerimonia começou, estava tudo correndo bem. Ouvimos sobre o amor e como ele nos faz suprerar qualquer obstaculo. E chegou a hora da grande pergunta.

- Sakura Senju Haruno você aceita Sasuke Uchiha como seu legitmo esposo para amar, cuidar e proteger até que a morte  os separe?

- Aceito. - disse sorrindo e senti Sasuke aperta minhas mãos sutilmente.

- Sasuke Uchiha você aceita Sakura Senju Haruno como sua legtima esposa para amar, cuidar e proteger até que a morte os separe?

- Aceito. - a voz rouca de Sasuke foi convicta.

- Se alguem tem algo contra essa união fale agora ou cale-se para sempre. - o silêncio continuou reinando sobre os convidados - Eu vos declaro Marido e Esposa. Pode beijar a noiva.

Sasuke sutilmente me puxou para perto e me deu um beijo calmo e sereno. Ali eu soube que a minha vida estava no caminho certo, no caminho do amor.

- Eu te amo. - dissemos em unissono quando terminamos o beijo e logo após fomos ovacionados com palmas e gritos pelos convidados.

...

Faz quase três anos que Sakura e eu nos casamos, consegui convence-la a mudar-se para uma casa e agora estamos no hospital a espera de Sarada. Faz exatos 4 anos e nove messes que nos conhecemos e hoje a maior prova do nosso amor chegou para nos fazer ainda mais felizes.
Sakura esta em trabalho de parto, na sala e eu estou aqui fora pois acabei de chegar da delegacia, e estou esperando a permissão do medico para que eu entre na sala de parto. Assim que a permissão foi concedida eu entrei, vi Sakura exausta sobre a maca poren ela continuava a fazer esforço.

- Desculpe a demora fiquei preso na delegacia. - falei beijando a testa dela rapidamente e logo segurando sua mão.

- Tudo bem eu fico feliz que tenha vindo. - ela disse apertando minha mão.

- Senhora Haruno a cabeça da criança já apareceu preciso que faça mais força para poder empurrar os ombros. - o medico responsavel pelo parto pedio e Sakura concordou.

- Respire fundo querida essa normalmente é a parte que mais doi. - uma das enfermeiras avusou.

Sakura respirou fundo, apertou minha mão com força e gritou empurrando Sarada para fora, ela fez isso umas cinco a seis vezes ate que um choro forte invadiu a sala. O medico perguntou se eu queria corta o cordão umbilical e eu aceitei.
Logo a enfermeira foi fazer os primeiros procedimentos pós parto e então voltei a me sentar do lado de Sakura.

- Como ela é? - ela me perguntou e eu sorri.

- Ela tem os cabelos negros como o meu, o nariz é arrebitadinho, as buchechas são redondinhas e ela tem a sua testa. - ela me chamou de idiota e eu ri - A nossa filha e perfeita.

Logo sakura estava num quarto com Sarada recebendo as primeiras instruçãoes sobre como amamenta-la. Nossas famílias e amigos entraram em festa ao saber que a mais nova Uchiha já estava entre nós.

- Agora só falta Itachi e Izumi darem um neto aos seus pais. - ela comentou.

- Primeiro eles teriam que se resolver, nunca vi um casal para brigar tanto como aqueles dois. - comentei e ela riu baixinho.

- O importante é que eles se amam. - convordei com Sakura - Ela dormiu?

- Sim. - levantei da poltrona que estava ao lado de Sakura - Me deixe coloca-la no berço. - ela concordou me entregando Sarada que se remexeu um pouco mais logo sossegou.

Olhei para Sakura que estava com seus olhos verdes focados em algum ponto qualquer e para Sarada que estava dormindo.

- Eu amo vocês duas. - falo e Sakura sorriu

- Também te amamos.


Notas Finais


Como prensente de despedida irei por a sinopse da próxima história que ira substituir Meu Breu, ela se chama "Não Seja Assim"

Não Seja Assim:
Sasuke Uchiha o grande empresario dono do imperio de tecnologia Sharingan Corp, após um dia inteiro do seu trabalho cansativo recebe a noticia da morte da sua jovem esposa Sakura Haruno.
Semanas após o enterro da bela esposa, Sasuke começa a refletir o quão pessimo namorado, noivo e marido foi para Sakura, sempre discontou sua raiva e frustração na rosada nos 10 últimos anos.
O que Sasuke Uchiha não sabe é que os deuses estão a lhe observa e após concordarem que a bela rosada não merece esse fim, e dão a Sasuke a oportunidade de voltar no tempo com a permissão apenas de que ele possa fazer com que seu "Eu" do passado passe a valorizar a companheira que tem.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...