História Meu Caminho Para o Amor - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama, Romance
Visualizações 0
Palavras 340
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Boa leitura!
Espero que gostem!

Capítulo 1 - Prólogo


"Depois de um tempo você aprende a conviver com a dor"

"Mantenha o seu coração aberto, pessoas novas vão aparecer a qualquer momento."

"Lembre-se, conhecer alguém novo não vai lhe fazer trai-lo. Ele está morto e você viva, Annabeth. Continue vivendo."

"Não o culpe por ter ido embora tão cedo nem se culpe por permanecer aqui. Não é culpa de nenhum dos dois. Aceite a situação."

Eu tentei, eu juro que tentei, mas não foi tão fácil quanto vocês falaram.

A dor é demais para qualquer pessoa conviver e o meu amor por ele era maior do que qualquer outro sentimento. Estou tentando não fazer isso, mas não acho que vou ser capaz de aguentar por muito mais tempo. A culpa vem me consumindo aos poucos.

Apesar de tudo o que você me disse, sinto que ao me apaixonar por outra pessoa eu estivesse cometendo o maior dos adultérios e ele nem sequer pode se defender disso.

Eu me apaixonei por Christian e essa foi a melhor e a pior coisa que poderia ter acontecido comigo.

O amor me manteve firme nos momentos solitários pela manhã, mas me devastava a cada noite em que eu me deitava no meu lado da cama e olhava para o outro vazio que, teoricamente, pertencia ao meu falecido marido.

Matthew foi e é o amor da minha vida, mas de alguma forma a partida dele deixou um pequeno pedaço do meu coração aberto e vulnerável, que virou entrada fácil para um homem atraente e feliz como Christian.

E eu me deixei levar.

Aquele espaço foi ficando cada vez mais preenchido e começou a tomar partes que eram do meu Marido (ou Ex-Marido. É estranho pensar nisso, levando em consideração que não nos separamos em nenhum momento por decisão nossa).

Quando eu retomei a consciência já estava tudo arruinado.

Pela manhã, o amor e a paixão, pela noite, a culpa e a solidão.

Meus dias eram contrastados entre um lindo clarão e uma escuridão assombrosa.

O que me restava era tentar juntar elas duas... Ou tentar não me perder na transição.


Notas Finais


Aceito críticas construtivas e adoro comentários.
Achou algum erro? Avise, por favor. Vou ficar feliz em consertar.
Obrigada por ler, amanhã -eu acho- tem mais!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...