1. Spirit Fanfics >
  2. Meu chefe - Vhope of Taeseok >
  3. Quatro; Ciuminho

História Meu chefe - Vhope of Taeseok - Capítulo 4


Escrita por: e gifdohobii


Notas do Autor


Obrigado pelos 30 favoritos Sunshine's!

Boa leitura <3

Capítulo 4 - Quatro; Ciuminho


 

Quando cheguei em casa os três mais novos já estavam dormindo. Taehyung irá dormir comigo no meu quarto, Jungkook no quarto de hóspedes e Jimin... No outro quarto de hóspedes. Peguei o Jung mais novo no colo e entrei em casa. O coloquei na cama e voltei para o carro. Peguei taehyung no colo e acordei Jimin, que diretamente perguntou onde estávamos.

— Vem Mochi você vai se hospedar hoje aqui na minha casa - avisei

— E-Eu não tenho roupas - avisou sonolento

— Eu te empresto venha! - peguei em sua mão e ele me seguiu até chegarmos ao quarto. Jimin logo se deitou e eu levei Taehyung para eu quarto

— Pequeno você tá bem? - perguntei enquanto o mesmo enfiava seu rosto no vão do meu pescoço — Ei, o que aconteceu? - perguntei

— V-Você tá 'b-bavinho' comigo... - respondeu

— Oh meu deus... Não to não sabia? - ele olhou pra mim e piscou algumas vezes — Não da pra ficar 'bavinho' com você meu amor - dei um selinho nele e no mesmo instante ele voltou a posição que se encontrava e logo adormeceu. Então o coloquei deitado e fui guardar as miseras coisas que Jimin, Taehyung e eu compramos no shopping, logo depois indo me deitar

 

[***]

 

Quando acordei vi que tínhamos perdido o horário. Soltei um longo suspiro e me sentei na cama, passei minha mão entre os fios e bocejei baixinho. Me coloquei de pé e segui em direção ao banheiro, lavei meu rosto e depois me troquei de roupa. Desci ao primeiro piso e fui ao armário, logo vendo que apenas tinha bolacha de água e sal

 

— Oh merda... - bati minha palma em minha testa, assim pegando meu celular e pedindo algo para comermos

— Hobi? - ouvi uma voz sonolenta atrás de mim

— Ah, oi Jimin - o respondi — Dormiu, bem? - ele assentiu de olhos fechados — Que bom então - sorri

— Estou com fome - ficou de bruços na mesa

— Acabei de pedir algo para comermos - avisei

— Q-Que bom - falou em meio ao bocejo 

— Irei acordar meu irmão e depois o Tae, tá bom? - comentei

— Huhum - assentiu, assim novamente subi as escadas e fui em direção ao quarto onde Jungkook estava, abri lentamente a porta e vi que ele continuava a dormir. Me deitei em seu lado e abracei sua cintura

— Jungkookie? - o chamei

— Hum...

— Vamos acordar - pedi

— M-Me deixa dormir Hobi - sussurrou fungando 

— Está com frio? - perguntei

— Um pouquinho - respondeu

— Vem, vamos se trocar - pedi

— D-Depois - sussurrou

— Vem Jeon Jungkook - falei sério e logo ouvi um resmungo de sua parte e aos poucos ele se sentou na cama, mas ainda parecia que iria dormir a qualquer momento. Fui ao guarda roupa e peguei uma roupa de hóspedes, a mais bonitinha que tinha. Fiz o levantar e assim o ajudei a se trocar — Vamos lá embaixo, tá bom Kookie? 

— Tá - abraçou minha cintura

 

Caminhando até a cozinha, ele reclamava que o sol estava muito forte, mas era apenas por causa de que ele acordou agora pouco. O apresentei a Jimin e subi novamente ao segundo piso, agora indo em direção ao meu quarto. Abri a porta e vi que Taehyung ainda dormia, murmurando alguma coisa. Cheguei mais perto de si e o coloquei em meu colo e aos poucos segundos ele se aconchegou. Fiz um carinho em seu rosto e disse

 

— Hey bebê acorda - passei meu nariz por sua bochecha

— T-Tô com soninho - colocou a cabeça em meu peito

— Mas mesmo assim Tae, você precisa acordar - avisei

— M-Mais cinco horinhas - disse em meio ao bocejo, fazendo o número cinco com os dedos

— Vamos - o ajeitei em meu colo e segui em direção a cozinha

— Não... - tentou sair do meu colo, mas estava com muita preguiça para isso

 

Chegando novamente à cozinha o coloquei na cadeira e no mesmo segundo a campainha soou. Peguei o dinheiro e atendi a porta, paguei os seis mil wons dos alimentos e fechei a porta. Coloquei os alimentos em cima da mesa e os três que já estavam sentados, pareciam dormir em cima da mesa. Jungkook e Taehyung de bruços e Jimin jogado para trás, com a boca aberta. Ah eu mereço...

 

— A comida chegou - cantarolei 

— Hum... - Jimin reclamou algo, voltando a sua postura normal e logo corando por ver Jungkook. Estranho? Estranho

— Hobi... - o Jeon manhou e Taehyung cerrou os olhos em sua direção

— Quem é e-ele? - o Kim apontou o dedo à Jungkook

— Ah ele é meu irmão - avisei

— N-Não se parece 

— Não é de sangue, mas eu o considero - falei

— Hun! - fez um barulhinho com a garganta

— Aqui a comida - me sentei ao lado de Jungkook, começando a distribuir os pratos

— Hope - apontou para a própria boca, assim rindo de leve, levei a comida a até a mesma

— H-Hoseok... - Taehyung me chamou 

— Oi Tae?

— S-Senta a-aqui - bateu na cadeira ao seu lado

— Espera ai bebê

— N-Não - seus olhos estavam lagrimejados e sua voz era fraquinha. Dei um beijinho na bochecha de Jungkook e ri nasal, começando a me mudar para o lado de Taehyung, assim quando cheguei lá, rapidamente o mesmo passou ao meu colo e cerrou os olhos à o Jeon, esse que fez o mesmo

— Vamos comer, meninos? - perguntei

— Por favor - Jimin riu, vendo o ciumes dos meninos

— Jimin - ri — Não fala nada 

— O que? Eu não disse nada - viu que Jungkook iria chorar também, assim pediu para que o mesmo se sentasse ao seu lado — Ele cai chorar também - avisou

— Só eu sofro por isso, não é? - falei escondendo o rosto de Taehyung ao meu pescoço

— Ei não chora... - ouvi o Park sussurrar ao meu irmão

— Ele n-não gosta mais d-de mim - Jungkook disse e isso era por que ele estava com sono

— Claro que não - o abraçou. Já disse que Jimin é um amorzinho? Não? É, ele é um amorzinho com todos

 


Notas Finais


Obrigado por ler e espero que tenham gostado! Tchau tchau <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...