História "Meu colega de quarto é um garoto." - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Bangtan Boys (BTS), Jeon Jung Kook, Kim Seok Jin, Kim Tae Hyung, Min Yoon Gi, Park Ji Min
Visualizações 26
Palavras 1.374
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá. Bom dia, Boa tarde ou noite. Esta é a minha primeira mini-série aqui no App. Espero que gostem! Eu escrevi ela com muito carinho e cuidado. Tentei corrigir qualquer erro antes de postar. Se vocês veem algum... me perdoem! Espero que gostem. Obrigado pela atenção.

Capítulo 1 - Meu colega de quarto é um garoto.


Fanfic / Fanfiction "Meu colega de quarto é um garoto." - Capítulo 1 - Meu colega de quarto é um garoto.

    No ano seguinte após terminar o ensino médio. Me mudei para uma grande cidade chamada Busan, na Coreia do Sul onde se localizava a melhor faculdade de direito do país. Eu estava muito assustava afinal era uma nova vida para mim. Eu estava longe de casa, dos meus pais e amigos! Quando cheguei não tinha muito dinheiro pra alugar uma casa ou apartamento. Resolvi então, me mudar para uma pequena pensão perto da faculdade. Não era um hotel cinco estrelas, mas era o mais barato que eu encontrei então, não podia reclamar. Ao chegar na pensão eu vi um moço que parecia trabalhar lá.

S/n: Olá. Boa tarde. Sou a nova moradora da pensão ihh... - antes que eu pudesse terminar a frase ele me interrompeu.

@: Olá. Boa tarde. Eu fui avisado sobre a sua chegada aqui na pensão. Siga-me vou lhe entregar a chave e lhe dar algumas informações importantes sobre a pensão.

S/n: Ok. - Então, segui o moço que parecia ser bem-educado e bem-humorado.

@: Aqui está sua chave. Escute a pensão aqui é bem movimentada então, você vai ter de dividir o quarto. Seu colega de quarto é um garoto! Mas relaxa ele parece ser um bom menino. As vezes quase não vejo ele por aqui. Mas se precisar de qualquer coisa estou aqui todos os dias de 7:30h as 13:00h.

S/n: Obrigado pela chave. E em relação ao quarto e o garoto eu não tenho muita opção mesmo.

Eu disse ao moço que estava tudo bem, mas na verdade estava bastante nervosa. Eu nunca tinha divido um quarto com um garoto antes! Ao chegar no quarto eu me deparei com um lugar mágico. Estava tudo arrumado e organizado. Não tinha uma poeira nos móveis. O quarto tinha cheiro de desinfetante e os lençóis da cama cheiravam a amaciante. Fiquei impressionada em ver o quanto meu colega de quarto era limpo e organizado! Peguei a cama que estava encostada na parede, pois ela parecia nunca ter sido tocada antes. Deitei e logo levantei. Comecei a arrumar as minhas coisa quando meu colega de quarto chega. E LÁ ESTÁ ELE PARK JIMIN. Ele chegou todo molhado de suor. Parecia ter corrido o dia inteiro. E como sua blusa era toda branca e estava molhada não deixei de notar seu corpo sarado.

JM: Olá. Tudo bem. Sou Park Jimin, mas pode me chamar de Jimin.

S/n: Olá. É um prazer conhecê-lo Jimin. Meu nome é s/n.

JM: O prazer é todo meu. Escuta eu estou suado e fedendo. E não é legal falar com as pessoas nesse estado. Vou tomar um banho e aí conversamos ok?

Eu apenas acenei com a cabeça e dei um sorriso de canto. Ele foi tomar banho e em minha cabeça duas palavra o descrevia... "Gato e gostoso". Levantei e começei a guarda minhas coisas. Jimin sai do banho apenas com a toalha enrolada em sua cintura. Quando vi aquela cena fiquei de boca aberta, mas logo disfacei pra ele não perceber que eu estava babando por ele. Logo, começou a se arrumar.

S/n: Vai sair?

JM: Sim. Você e eu vamos sair!

S/n: Já está me chamando pra sair? - nós dois começamos a rir.

JM: Sim. Hoje vai ter uma festa de volta as aulas e todo mundo vai está lá. Inclusive eu e você.

S/n: É melhor não. Eu acabei de chegar não conheço ninguém ihh... não é melhor eu ficar em casa estudando.

JM: Por favor me acompanhe esta noite. Não vai deixar seu colega de quarto e futuro melhor amigo ir à aquela festa sozinho né? E também amanhã é sábado e as aula só vão voltar segunda feira.

S/n: Open bar liberado?

JM: A noite toda!

S/n: Ok. Você me convenceu! Espera umas meia horinha?

Ele concordou com a cabeça, e eu fui me arrumar. Botei uma roupa bem bonita, fiz uma maquiagem linda, mas pouco chamativa, soltei meu cabelo e passei um perfume. Fiz tudo isso na intenção dele me elogiar. Sei que era cedo, mas eu queria impressionar o Jimin. Sai e esperei ele me elogiar de algum modo.

JM: Nossa, você está muito linda e cheirosa!!! - falou com uma cara de encantado.

Eu fiquei feliz com os elogios e envergonhada ao mesmo tempo.

S/n: Obrigado Jimin. Você também está muito lindo.

JM: Então, você prefere ir de carro ou ir andando?

S/n: Acho que eu prefiro o carro. - nós rimos.

JM: Você que manda.

Nós fomos para um estacionamento atrás da pensão, onde se localizava o carro de Jimin. Ele também era muito cuidadoso com o carro.

S/n: Nossa Jimin você é muito cuidadoso em relação às suas coisas. Eu gostei.

JM: Que bom que achou isso s/n. Quase ninguém me elogia por fazer essas coisas.

S/n: Pode deixar. Comigo sempre será elogiado por ser tão limpo e organizado - então, ele riu.

Depois de conversamos um pouco. Ele ligou o carro e fomos para a festa. Eu estava bem ansiosa pra chegar e vê como era as famosas festas de volta as aulas da faculdade. Jimin percebeu um pouco de meu nervosismo e logo puxou um assunto.

JM: Então, me conta um pouco mais sobre você. Donde você veio?

S/n: Eu te conto o que você quiser saber. Mas só depois de algumas doses de tequila.

JM: Ok - risos

Não demorou muito e nós chegamos. Eu desci do carro deu uma ajeitada na minha roupa, e segurei o braço de Jimin. Ele olhou para o meu rosto e deu um sorrisinho e eu retribui o mesmo com um sorriso de orelha a orelha. Entramos na festa e eu adorei logo de cara. Muitas pessoas, muita dança e muita música tocando. Fomos direto para o bar e começamos a tomar umas doses de tequila.

JM: Sabe s/n. Eu tive uma visão. Estou vendo que vamos ser ótimos amigos. E que também vamos nos dar super bem sabia?!

S/n: Sabe Jimin eu ia te dizer a mesma coisa. Acho que nossas energias batem sabe? Não sei explicar direito, mas... é como se o destino tivesse escolhido você pra ser meu amigo.

JM: Eu também acho. Amigos não... melhores amigos!

S/n: Jura de dedinho? - a gente gritava nas palavras, pois a música da festa estava muito alta.

JM: Juro de dedinho. - então, nos abraçamos.

Depois de um tempo começei a me sentir muito mal devido às milhares de doses de tequila que eu tomei. Logo, avisei o Jimin.

S/n: Jimin. Acho melhor eu ir embora. Estou começando a ficar mal e não quero ficar aqui.

JM: Ok s/n. Eu também vou. Não tô tão sóbrio assim.

Logo eu, e Jimin fomos até o carro. Ele me colocou no banco da frente e me prendeu com o cinto de segurança.

JM: Calma tá. Eu vou ir bem devagar, pois eu também bebi e não era nem pra tá fazendo isso.

Eu estava tão mal que nem fiquei acordada a tempo de chegar em casa. Dormi no carro mesmo. Ao chegar no estacionamento da pensão ele me acordou me tirando do carro. Eu estava muito enjoada devido ao movimento do carro. Sem querer eu vomitei tudo na minha blusa. Jimin rapidamente me levou para dentro do quarto. Ele tirou a blusa que eu usava e me emprestou a dele. Passou um pano molhado em mim pra não ficar com cheiro de vômito. Logo depois eu acabei dormindo na cama dele. Depois de dormir um pouco eu acordei e vi o Jimin sentado no chão vendo TV. Isso era umas 4:22 da manhã.

S/n: Por que você esta acordado até essa hora vendo TV e sentado no chão Jimin?

JM: Porque você dormiu na minha cama e eu não quis dormir na sua para não tirar o seu cheiro dela.

Achei fofo e estúpido ao mesmo tempo. Como eu estava com mais sono do que outra coisa resolvi mandar ele deita do meu lado.

S/n: Anda. Deita aqui do meu lado.

JM: Tem certeza? Quer dormir comigo?

S/n: Deita logo aí e me abraça.

JM: Sério?

S/n: Anda logo. Estou com frio. Quero que você me esquente. Vamos dormir em forma de conchinha.

Jimin logo concordou e deitou na cama. Não demorou muito até pegarmos no sono...


Notas Finais


Olá de novo. Espero que tenham gostado. Vou ver se consigo postar dois capítulos por semana. Então, aguardem. Até o próximo episódio.😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...