História "Meu colega de quarto é um garoto." - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Bangtan Boys (BTS), Jeon Jung Kook, Kim Seok Jin, Kim Tae Hyung, Min Yoon Gi, Park Ji Min
Visualizações 17
Palavras 1.086
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá, mais um capítulo aí para vocês. Espero que gostem. Perdoem os erros se vocês acharem algum. Boa leitura.

Capítulo 9 - Conhecendo os meus pais.


Fanfic / Fanfiction "Meu colega de quarto é um garoto." - Capítulo 9 - Conhecendo os meus pais.

Anteriormente:

Falava enquanto passava suas mãos pelo meu corpo me fazendo soltar leves gemidos.

S/n: Então me fode Jimin!

JM: Sabia que você fica muito linda quando está com tesão? - fala sorrindo.

O mesmo levanta minha pernas as segurando para cima. E então, começa a penetrar me arrancado gritos de prazer. Que sensação incrível!

(...)

Até que enfim chegou as férias. Finalmente eu iria levar o Jimin para conhecer os meus pais (já tinha passado da hora né?). Eu havia ido trabalhar nesse dia e quando voltei, Jimin já tinha arrumado as nossas malas.

S/N: Ai obrigado amor, você é dez.

JM: Isso é o de menos. Você sempre me ajuda, apenas quis retribuir.

S/N: Acredite, arrumar as minhas malas foi um grande presente para mim. - risos.

JM: Então, a viagem é amanhã né. Será que os seus pais vão gostar de mim?

S/N: Claro! Por que não gostariam?

JM: Acho que só estou nervoso.

S/N: Não fique, apenas seja você mesmo! Acredite você irá conquistá-los.

Jimin se conforta e nós vamos dormir, afinal amanhã iremos viajar cedo. Mas antes, já havíamos agitado tudo para depois não correr o risco de esquecer algo.

No dia seguinte...

JM: S/N acorda, já está na hora de sairmos!

S/N: Ai Jimin, mas eu estou com tanto sono. - falo toda sonolenta.

JM: Vamos você pode dormir no avião! Eu já chamei um táxi. Se arruma logo.

Me levanto cheia de sono e vou me arruma. Não demora muito e o táxi chega. Nós pegamos as nossas malas e fomos. Chegando no aeroporto vamos direto para o avião. Eu ainda tava tão sonolenta.

JM: Você pode dormir no meu ombro princesa. Quando nós chegarmos lá eu te acordo.

S/N: Ok.

Depois de algumas horas de voo nós chegamos no aeroporto de minha cidade natal. Pegamos um táxi e fomos para à casa dos meus pais.

JM: Eu estou muito nervoso!

S/N: Ei, relaxa. Vai dar tudo certo!

JM: E se seus pais não gostarem de mim?

S/N: Eles vão!

Descemos do táxi, pegamos as nossas malas e fomos à pé até o condômino de casas que meus pais moravam. Cheguei muito bem recebida, já que eu conhecia todos que lá moravam (por ter crescido lá e tals). O tempo todo eu via o Jimin nervoso, e eu sempre tentando acalmá-lo, pedindo para ele ficar calmo. Depois de alguns minutos de caminhada nós chegamos lá. E meus pais já estavam a nossa espera.

S/M: Oi meu amor. Que saudades. - me dá um abraço.

S/N: Eu também mãe. Onde está o meu pai?

S/M: Ele está tomando um banho. JIMIN! Olá.

JM: Oi. - tadinho do meu ChimChim, tão tímido.

S/M: Você não precisa ficar com vergonha! Vem vamos entrar.

(...)

S/N: PAI.

S/P: Eae minha garotinha. - lhe dou um abraço. - Como vai a faculdade?

S/N: Vai bem. Fiz ótimos amigos.

JM: Prazer, meu nome é Jimin.

S/P: Jimin? Bonito nome. - risos.

JM: Obrigado senhor, o seu também é bonito.

S/P: A NÃO... não me chame de senhor. Senhor é velho e eu não sou velho! - risos. - Pode me chamar de pai se quiser.

JM: Claro PAI. - risos.

Graças à Deus Jimin e meu pai se deram bem logo de cara. Eu achei que ia ser mais difícil, já que o meu pai sempre implicou com os meus namorados. As horas iam passando e meu pai, e Jimin cada vez criando mais intimidade. Logo, fui ajudar à minha mãe com a comida.

S/N: Que bom que eles se deram bem né.

S/M: O Jimin é um bom rapaz. Não tem porquê seu pai não gostar dele. Mas me diz... o Jimin é um gatão! - risos.

S/N: MÃE!

S/M: Minha filha pegou o mais gato da faculdade.

S/N: Ai que vergonha mãe. - risos.

Conversa vai, conversa vem o almoço fica pronto! Depois de almoçarmos Jimin, e eu vamos tirar um cochilo para descansar a viagem.

JM: Sabe eu gostei dos seus pais!

S/N: É você se deu super bem com o meu pai.

JM: É ele é um cara legal. - risos.

(...)

Meus pais haviam organizado um churrasco para homenagear à minha volta. Eles chamaram quase todo o condômino, na minha opinião era um exagero. Estava mais para uma festa do que outra coisa. Pelo menos Jimin estava ao meu lado.

S/N: Meus pais são muito exagerados!

JM: Você merece o dobro ou até o triplo disso aqui por ser a melhor namorada/filha do mundo.

S/N: Ainn amor, você é um fofo. - lhe dou um beijo.

Quando começamos a ouvir a maior gritaria. Adivinha quem era? Valério o meu melhor amigo.

Valério: Eita porra, que festa do caralho. Mas cadê a S/N?

S/N: Valério!! Que saudades. - lhe dou um abração.

Valério: Eu que estava com saudades. Essa faculdade te prendeu legal né? - risos.

S/N: É está um pouco. E você está fazendo alguma?

Valério: Eu não. Faculdade é pros fracos! Prefiro álcool, sexo, drogas e bebidas. - risos.

S/N: Você está perdido. - risos. - Valério este aqui é o Jimin, meu namorado.

Valério: Prazer Jimin, sou o Valério.

JM: O prazer é meu. - rola, um aperto de mão entre os dois.

Valério: Jimin meu amigo. Conselho de irmão... ela vai te falir. - risos.

JM: Por que? - risos.

Valério: Porque essa mina gosta de gastar. - risos. - Agora eu vou encher a cara. Boa tarde senhores. O Valério chegou.

JM: Risos. - Você só arranja amigo doido, mas eu gostei muito dele.

S/N: Se você acha o Valério maluco, é porquê você não viu os outros. - risos.

(...)

Foi um longo final de semana. Jimin havia conseguido se dar bem com todos da minha família. Mas já estava na hora de voltarmos para casa! Nós fizemos as malas, compramos as passagens e de novo mais uma festa, só que agora de despedida. Minha família adora festas meu Deus.

S/N: Tchau gente, vou sentir falta de vocês.

S/M e S/P: Nós também vamos. Vai com Deus. Tchau Jimin.

JM: Tchau. Obrigado por tudo.

S/N: Valério, eu te amo e vou sentir saudades.

Valério: Eu também te amo. Esse final de semana foi do caralho! Vou sentir saudades. Jimin, meu amigão, cuida dela ou eu te quebro. - risos.

JM: Pode deixar. Até breve.

No avião...

JM: Adorei esse final de semana com a sua família.

S/N: Que bom. Deu tudo certo no final.

JM: Sim.

Finalmente de volta à Busan...

Notas Finais


Esse foi o capítulo mais doido que eu escrevi (eu acho). Mas espero que tenham gostado. Até o próximo.😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...