História Meu daddy - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Personagens Originais
Visualizações 66
Palavras 815
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ecchi, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Volteiii gente,bem só pra avisar já que tá tudo indo bem vamos dar uma pitada de treta nessa historia.
Bem boa leitura e desculpem os erros de português

E só pra avisar essa foto ai e minha ;-;
Ksksksks tá uma merda mas né

Capítulo 6 - Ela e minha!!


Fanfic / Fanfiction Meu daddy - Capítulo 6 - Ela e minha!!

Eu havia acordado com o sol batendo em meu rosto,(s/n) ainda dormia tranquila,fiquei alguns minutos observando cada detalhe de seu rosto mas o dever me chamava. Me levantei devagar pra não acorda-la e fui tomar banho,depois me vesti,coloquei um terno preto combinando com os calçados e passei as mãos em meus cabelos pra não parecer que a recém levantei. Dou um beijo de leve em (s/n) para não acorda-la e vou trabalhar.

.

.

.

Já era quase 17:00 da tarde quando acabei meu serviço,decidi então sair do trabalho para ir buscar a (s/n) na escola já que ela tinha turno integral. Na ida passo numa floricultura e compro um buquê de rosas e depois vou em uma loja comprar chocolates para ela e vou em direção a escola. Chegando lá avistei (s/n) na portaria com alguns amigos,quando um outro grupo de alunos chega,eles começam a falar e vejo (s/n) discutindo com um garoto,de pele branca,cabelo castanho e com dendes que parecem de coelho? Então ele a puxa e a beija,meu sangue ferveu nessa hora,desço do carro e vou em direção aos dois,solto (s/n) dele e o empurro para longe e acerto em cheio o garoto que era um pouco mais baixo que eu,com um soco na boca. Todos que estavam em volta olharam,então eu puxo (s/n) pela cintura e a beijo. Um beijo quente e selvagem.

NJ: Só pra você saber,ela é MINHA !! E isso inclui a boca também.

 só pego (s/n) pelo pulso e a boto dentro do carro e vou embora.

Fomos o caminho todo em silêncio,ela estava sentada no banco da frente comigo, ela olhou surpresa  as rosas e os chocolates no banco de trás. Depois olhou feliz para mim. Que focava o olhar na estrada.

(S/n): São para mim?? Fala meio tímida.

NJ:  Sim ... Falo ainda concentrado na estrada. Paro quando o sinal fecha e vejo (s/n) se virando para pegar as coisas no banco de trás. Só ai,quando olhei pelo espelho retrovisor do carro,percebi que ela estava com o uniforme da escola,que era um blazer com uma camiseta branca e uma saia colegial xadrez azul com preto,que estava mais que curta por ela ter puxado o cós ate a cintura. O que acaba deixando a polpa de sua bunda aparecendo quando ela se virou e inclinou para pegar as coisas. Me deixando cheio de tesão, logo quando ia acertar um tapa naquela bunda gostosa que estava empinada pra mim o sinal abre. Ela volta para o lugar,quando chegámos em casa,eu desço sendo seguido pela menor que levava as rosas e os chocolates nos braços,que fofa meu deus. Quando abro a porta me surpreendo com a Park Min colocando a mesa do jantar.

(S/n): Mãe?! Fala (s/n) surpresa.

Park Min:  Oi filha tá bem? Olha de quem ganhou essas rosas e chocolates? 

NJ: Do namorado dela hoje na escola.  Falo interrompendo (s/n) de falar,a fazendo me olhar surpresa e depois me dando um sorriso e confirmando o que eu disse.

Park Min : Nan, que saudades. Fala me abraçando e me beijando,o que logo corresponde. Vejo (s/n) me olhar com decepção e largar as coisas que a dei no sofá e ir se sentar na mesa.

Solto a Min e nós dois fomos para a mesa jantar,durante o jantar (s/n) ficou o tempo toda calada apenas respondia sua mãe quando ela perguntava algo,Min ficava a falar sobre a viagem e sobre como tinha sido conhecer os EUA,eu por outro lado fiquei imaginando qual atos chifres eu tinha em minha cabeça agora.

Park Min: Bem agora depois dessa viagem,vou ficar um bom tempo em casa pra aproveitar a minha família. 

Todos dão um sorriso e voltam a comer,depois da janta fomos olhar um filme,(s/n) se sentou num sofá sozinha e eu dividi o outro com a Min que hora ou outra me passava mãos bobas e trocava carícias comigo,em quanto (s/n) me encarava com raiva. Depois o filme acabou (s/n) havia ido dormir no seu quarto e eu fui com Min para o nosso dormir,pelo menos era o que eu queria que tivesse acontecido mas não foi. Acabei transando diversas vezes com Min, o que me fez sentir um lixo por que eu sabia que (s/n) havia escutado tudo. Depois já passado das 3:00 da madrugada, eu resolvi ir tomar água e quando estava voltando para o quatro escuto soluços vindo da sala,vejo (s/n) enrolada em uma coberta com os olhos inchados de tanto chorar e soluçando muito.

NJ: (s/n)...eu sinto muito,eu não queria...

(S/n): Eu não quero saber,você não negou isso significa que quis,sai daqui!

NJ: (s/n) ...

Ela me ignora completamente e vai para seu quarto,não vendo outra opção voltei para a minha cama dormir. E depois disso passou-se dois messes que (s/n) me ignorava completamente,não falava comigo e fugia de mim quando eu tentava falar com ela. E pra piorar Min sempre ficava me agarrando e sempre me fazia transar com ela a noite o que só piorava a minha situação com (s/n).

.

.

.

.

Continua....



Notas Finais


Tchau até a proxima❤❤❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...