História Meu delírio - Yoonmin - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Visualizações 161
Palavras 544
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Survival, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 8 - Eu te odeio,Park Jimin!


Eu olhei para Jimin que ainda chorava e me estressei

-COMO VOCÊ TEVE CORAGEM DE MATAR MEU IRMÃO?! EU ESTOU NESSE HOSPÍCIO POR SUA CULPA!!

-por favor Min Yoongi,acalme-se, não estresse mais o Jimin!

-ELE MATOU MEU IRMÃO!!!

O médico pediu para que os seguranças me tirassem dali e me levassem para o quarto que eles dão calmantes. Eu não queria droga nenhuma de calmante! Eu apenas queria bater em Jimin! Eu queria o matar!


P.o.v-Jimin:


Cada frase dele me machucava. Eu não queria ter feito aquilo e muito menos com o irmão do Yoongi. O garoto que eu tanto amo

Ele gritou comigo sem nem se importar com meu lado da história. Com todas as vezes que tentei me matar por culpa de seu irmão. Ele não se importa e nunca se importou com isso! Eu não devia ter me deixado ter sentimentos por ele. Pois eu sabia que no fundo. Ele seria como os outros

O médico me autorizou voltar para o quarto. Antes eu tentei ver Yoongi na sala dos calmantes,mas ele me ignorou.

Fui para o quarto e me sentei na cama,como sempre virado para a parede. Eu me odeio! Eu odeio Min Yoongi! Eu odeio este lugar!

-EU ODEIO TODOS!!! EU ODEIO!!!- gritei sentindo minha garganta doer e eu estava chorando. Mas doía tanto que era como se eu tivesse chorando lágrimas de sangue. A cada lágrima,meu interior se cortava. A cada lembrança,minha cabeça dói. Eu não aguento mais

-mocchi,ai meu Deus! - Jin me abraçou fortemente

-eu matei o irmão dele! Eu matei o irmão do cara que eu amo! - falei olhando minhas mãos trêmulas

-calma,mocchi,com o tempo tudo vai se resolver - falou

-não,Jin! A vida é injusta,as pessoas mentem e o coração se quebra! - falei deitando com a cabeça em seu colo

-venha comigo,mocchi,vamos comer. Você não comeu nada

-não! Eu não quero! Estou sem fome! Será que Min Yoongi vai voltar a me amar se eu for magro?! - perguntei

-mocchi! Não diga isso! Primeiro que você não é gordo e segundo que Yoongi te ama pelo que você é! E não pelo oque aparenta ser!

-eu nunca mais irei amar ninguém! Nunca mais me abrirei para ninguém! Nunca mais direi "eu te amo"!

-"nunca" é muito tempo. Como diz um provérbio: "não diga que nunca beberá daquela água,o caminho é longo, você pode sentir sede"

Eu fiquei pensando

-bom, então vou indo. Qualquer coisa,me chame -falou,eu concordei e fechei os olhos relembrando cada cena do assassinato que eu cometi.

Acabei dormindo


P.o.v-Suga:


Aquela sala estava tão fria,eu me tremia todo e via meus pelos se arrepiarem. Eu estava com muito frio e com muito ódio. Isso é tudo culpa do Jimin

Fiquei 3 horas lá dentro e resolveram me soltar. Fui direto para o pátio enorme e me sentei no canto apenas para chorar. Eu quero nunca ter conhecido Jimin. Eu queria nunca ter amado ele mas era impossível

Park Jimin era uma cobra

Eu ainda sentia muito frio e resolvi entrar. Andei pelo corredor vendo algumas pessoas passarem e meu ódio crescia cada vez mais

Entrei no quarto de uma vez e Park dormia tranquilamente. Olhei para minha cama e peguei um travesseiro

-eu te odeio,Park Jimin - falei e coloquei o travesseiro sobre seu rosto o impedindo de respirar. Ele se debatia tentando me tirar de cima dele mas eu não iria deixar. Ele iria pagar com a morte!


Notas Finais


Desculpem pelo capítulo pequeno


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...