1. Spirit Fanfics >
  2. Minato e Kushina: Meu destino >
  3. 10 de outubro.

História Minato e Kushina: Meu destino - Capítulo 30


Escrita por:


Notas do Autor


Oii gente,aqui está o nascimento do Naruto.Eu fiz algumas modificações nas falas,tive que acrescentar umas coisas também.

Obs: Estou escrevendo esse cap desde madrugada,então se tiver algo errado,ou fora do contexto,me desculpe.

Boa leitura💖

Capítulo 30 - 10 de outubro.


Fanfic / Fanfiction Minato e Kushina: Meu destino - Capítulo 30 - 10 de outubro.

-10 de outubro.



Já havia chegado o grande dia,segundo a médica,Naruto iria nascer dia 10 de outubro.A ruiva se encontrava ansiosa,Minato principalmente,já que nesses últimos meses ele pode acompanhar a gravidez de sua esposa da maneira que devia.Mas esses últimos dias ele teve que ficar dias e noites no escritório,principalmente por causa dos preparativos do parto.Kushina sai de casa,indo em direção ao escritório,ela estava super chateada com sua atitude.Ela bate na porta lentamente,já com os olhos marejados.

---Pode entrar.

A Uzumaki entra na sala de cabeça baixa,Minato não havia sequer olhado em seu rosto,ele estava tão concentrado nos papéis.Ela se aproxima de sua mesa e começa a chorar,fazendo o loiro olhar rapidamente para ela.

---O que foi kushina?Aconteceu algo?

---Minato...você mal para em casa,me deixou sozinha naquela droga de casa...poxa,eu estou grávida,estou mais sensível...você m-mal para em casa.

---Kushi...desculpa,mas é que atualmente eu preciso focar na vila e principalmente no seu parto...é pra nossa segurança.

---M-mas...eu só queria companhia...---Ela diz com a voz embriagada---

---Poxa Kushina,quer ficar aqui no escritório comigo?

---Quero...---Ela sorri---

---Vem cá...senta aqui do meu lado.

Minato pega uma cadeira e coloca do lado da mesa,deixando Kushina sentada ao seu lado.A ruiva apóia sua cabeça no ombro de seu marido,enquanto ele acariciava sua barriga com uma mão,e a outra permanecia preenchendo os papéis.

Kushina começa a conversar com seu filho,baixinho para ninguém escutar.De vez em quando Minato ouvia um sussurro saindo de seus lábios,ele olhava pra ruiva com satisfação e sorria ao ver que ela conversava com seu filho todos os dias.

No momento de paz que o casal tinha,aqueles velhos insuportáveis -Segundo Kushina- Entram na sala já interrogando o Yondaime.

---Minato-Sama! O que Kushina está fazendo aqui? ---Ela grita---

---Me fazendo companhia.

---Mas está no seu horário de trabalho,você não pode.

---Porque não?Ela está grávida,só queria companhia. ---Minato argumenta---

---Mas não pode,Kushina-Sama só irá atrapalhar seus trabalhos.

Minato se levanta da cadeira furioso,mas é interrompido por Kushina o puxando pelo braço.Ele olha pra ruiva confuso,e logo em seguida ajuda ela a se levantar.

---Escuta aqui. ---Ela diz se aproximando deles--- Eu venho aqui a hora que eu quiser,não estou atrapalhado Minato,aliás,eu sou conselheira dele.

---Mas voc...

---Não quero saber,parem de se intrometer na vida de todos,vou ter que repetir,Dattebane?

Kushina faz sua cara assustadora de sempre,praticamente ninguém que habitava aquela vila resistia aquela expressão,todos tinham pelo menos um pouco de medo.Ela respira fundo e se vira para Minato com um sorriso forçado no rosto,o fazendo rir.

---Esses dois...

---Insuportáveis! ---Ela diz irritada--- Velhos nojentos.

---Como de costume...acho que ninguém na vila gosta deles.

---Não tem como,e se alguém gostar é louco.

---Vem cá...---Ele estende sua mão para a ruiva---

---Hum...---Ela cruza os braços,dando um sorrisinho de canto.--- Tudo bem.

Kushina se senta novamente na cadeira,enquanto Minato repetia o mesmo processo.

[...]

Kushina resolve sair do escritório de Minato,ela simplesmente não conseguia viver em um ambiente daqueles.Todos os dias ela dava uma volta pela vila,era bom respirar ar puro e sentir o calor do sol aquecer seu corpo.Ela era parada quase toda hora por alguém querendo saber de seu bebê,já que seu parto seria um risco para vila -por causa da Kyuubi- Ela estava nervosa com o que poderia acontecer.

A Uzumaki vai até a casa de Tsunade,fazia algumas semanas que ela não via sua amiga,e estava realmente sentindo falta das besteiras de Tsunade.

---Tsuna...---Ela diz ao bater na porta---

---Kushina! Entre.

A ruiva entra na casa de Tsunade e já vai se sentando no sofá,ficar em pé numa situação dessas não era opção.

---Parece preocupada...o que houve Kushi?

---Meu parto...

---Oque tem ele? ---A loira pergunta---

---Bom...eu sou Jinchuuriki da Kyuubi...é um risco,normalmente portadoras de Bijuus não podem ter filhos.

---Quem disse isso?E claro que podem,Mito Uzumaki por exemplo,teve filhos.Tem que tomar cuidado,só isso. ---Ela sorri,acalmando a ruiva---

---Eu to nervosa...e muito,doer eu sei que vai, isso é impossível não saber...mas e se o selo se romper e-e...

---Kushina! ---A Senju grita--- Não vai acontecer nada,fique calma,tudo vai ocorrer bem...o Minato não vai deixar nada acontecer,tenho certeza.

---Espero que sim...e você Tsunade?Não vai ter um filho?Estou aguardando em. ---Kushina brinca---

---Ai Kushina,olha minha cara e vê se eu tenho tempo pra ficar fazendo filho.

---Ter você tem...e também o Jiraya pode ajudar e...

---Kushina! Não estou falando disso,eu já estou velha,meu corpo não aguentaria um criança.E eu não quero ter filhos.

---Poxa Tsuna...só queria mimar um bebê Senju. ---Ela diz enquanto brincava com um mecha de cabelo,de Tsunade---

---Mime o seu,já está prestes a nascer.

---Hum,malvada!

---E o Minato? ---Tsunade---

---Ah...tá bem...eu acho.Estive com ele quase agora.

---Hum...quase todos os dias eu vou no escritório...e ele sempre está lá,ele não para em casa não?

---Não...---Ela diz abalada--- Eu fico praticamente o dia todo sozinha...há um tempo atrás ele ia lá em casa e me fazia companhia.

---Mas o Narutinho vai nascer e você vai ter companhia. ---Tsunade abraça a Uzumaki.---

---Sim...---Ela dá um sorriso---

.

.

.

.

《Kushina Pov》

Saio da casa de Tsunade,ela era a única pessoa disponível nessas horas,ela raramente está no hospital,já que havia passado todo seu trabalho para Rin.Eu conversava bastante com Naruto,não é à toa que muito que me viam na rua,davam uma risada por causa da minha atitude.

Quando chego na porta de casa,sinto um mão em meu ombro,me dando um leve susto.Me viro e dou de cara do Mitsuru,abro um sorriso,afinal,eu não via ele há meses.

---Kushina-Sama!

---Mitsuru,quanto tempo.

---Sim...minha última viajem demorou bastante...e você está...

---Sim...---Acaricio minha barriga--- Estou grávida!

---Meus parabéns Kushina! Fiquei tanto tempo fora que nem soube disso,quantos meses? ---Ele põe a mão em minha barriga---

---Está prestes a nascer...amanhã creio que já vai está em meus braços.

---Então quer dizer que amanhã,10 de outubro será um dia de festas...

---Assim eu espero! Quando saiu da vila,eu já estava com três meses se não me engano...---Começo a rir de sua expressão---

---Mentira,não acredito nisso.Eu era o único que não sabia pelo visto.

---Não...acredito que muitos não saibam ainda,eu saio bastante de casa,porém pego um caminho mais tranquilo...que não tenha quase ninguém na rua.

---É perigoso da mesma maneira...quer ajuda em alguma coisa? ---Mitsuru---

---Não precisa...a casa está arrumada e...não precisa! ---Sorrio gentilmente---

---Então tá,fique bem,cuide de você e do...

---Naruto...

---Que nome lindo,então cuide do Naruto e de você. ---Ele dá um beijo em minha testa,se despedindo.---

---Até mais...eu espero...


-Minato Pov-

Assim que saio do trabalho,vou direto para casa,eu estava realmente sendo um péssimo pai,mal parava em casa,não dava atenção para meu filho e esposa...devia aproveitar ao máximo os momentos juntos,a vida é curta de mais pra não aproveitar cada segundo dela.

Abro a porta de casa animado,e dou de cara com Kushina deitada no sofá,de barriga pra cima olhando para o teto.Me aproximo dela lentamente, cheirando seus cabelos,causando um arrepio nela.

---Achei que ia morar lá.

---Claro que não Kushina.Vim te ver...afinal,essa é minha casa também.

---Acha que é assim?Me abandona nessa casa,some por um tempo,e do nada aparece achando que está tudo bem? ---Ela questiona---

---Hum...Kushi,desculpa,mas nosso filho irá nascer amanhã,quero aproveitar nossos últimos momentos juntos.

---Não importa,se me dá licença,vou tomar meu banho.

Kushina se levanta furiosa, eu até entendo,não tenho sido o melhor marido ultimamente...e nem o pior.Vou atrás dela,a provocando,eu sabia que ela ficaria com raiva se me visse entrando no banheiro com ela.

---Minato sai.

---Porque?Eu já te vi de todas as formas,não precisa ter vergonha.

As bochechas de Kushina coraram na hora,ri da situação em que ela se encontrava.Ela começa a tirar suas roupas na minha frente,totalmente constrangida.Vou até ela e lhe abraço por trás.

---Você está tão linda...

---Nem vem com essa. Não caio nesse papo.

Minha mão desliza lentamente pelo seu corpo,fazendo a mesma arfar de prazer.Paro em seus seios os pressionando,por causa da gravidez,eles estavam quase duas vezes maiores que antes...podendo os comparar com os de Tsunade.Continuo deslizando minha mão,até chegar em sua intimidade,massageando a região.

---M-minato...---Ela geme baixinho---

---O que foi minha ruiva?

---Achei que você não queria nada comigo...

---Porque diz isso. ---Sussurro em seu ouvido---

---P-porque eu estou redonda igual uma melancia...meu corpo está ridículo.

---Não acho...seu corpo está maravilhoso,como de costume.

---Hum...Minato..---Ela diz em plenos gemidos---

Encosto Kushina na parede a deixando bem inclinada,enquanto eu a penetrava rapidamente,soltando diversos gemidos dela,não demorou muito pra eu chegar em meu auge,assim me derramando dentro dela.


/Dia 10 de outubro\


___Narradora Pov___


Minato e Kushina estavam ansiosos,afinal,era hoje que seu amado filho nasceria.A ruiva se encontrava em um nervosismo profundo,principalmente pelo fato do selo,ela também temia as dores do parto,porém sabia que valeria a pena.

O Sandaime e sua esposa teriam que conversar com o casal sobre alguns assuntos,relacionados ao fato de Kushina ser uma Jinchuuriki,certas medidas teriam que ser tomadas.

Hiruzen ainda estava com seu semblante de sempre,sério,deixando Kushina um pouco assustada.

---Kushina,há algo que devo lhe explicar,sobre a sua gravidez. ---Ele diz seriamente--- Isso também aconteceu com a senhora Mito,a antiga Jinchuuriki.Durante o parto,o selo do nove caudas quase foi rompido,eu sinto muito,mas como medida de precaução,devemos impedir que você dê a luz em algum lugar da vila,dentro de uma barreira.

Kushina olha para o casal com espanto,ela não acreditava no que havia escutado.

---Nos precisamos pensar no selo,então eu irei acompanha-lá. ---Minato diz sorrindo,para Kushina---

---Minato e Taji da Anbu.E eu também irei enviar minha esposa,Biwako,para ficar com vocês. Isso será feito em segredo absoluto,naturalmente eu irei designar seguranças,mas eles serão da Anbu,sob minhas ordens diretas. ---Hiruzen diz,enquanto Kushina ouvia atentamente---

Após o Sandaime dizer tudo que deveria ser feito, Minato pega na mão de Kushina,ele sabia que a ruiva estava nervosa,e faria de tudo pra acalma-lá.

---Eu vou preparar tudo. ---O loiro diz,fazendo Kushina assentir com a cabeça---

---Eu a levarei até lá. ---Biwako---

Minato sai da conversa,já indo fazer os preparativos para o nascimento de seu filho.Kushina apenas o acompanhava com a cabeça,fazendo Biwako chamar sua atenção.

---Kushina!

---Ah,obrigada! ---A ruiva diz com um sorriso nos lábios---

Kushina e Biwako já estavam indo em direção ao local do parto,a ruiva estava mais nervosa ainda ao descobrir que seu filho não nasceria na vila.

---É melhor irmos logo! ---Biwako---

---Sim...

No meio do caminho,Kushina acaba encontrando Mikoto,sua amiga.Ela para de andar,para ver o bebê que a mesma carregava nos braços,ficando deslumbrada.

---Opa... minha nossa,é uma garota?

---Um garoto...

---Que lindo...qual o nome dele? ---Kushina diz animada---

---O nome dele é Sasuke...---Mikoto diz olhando para o mesmo---

---Oh...então ele recebeu o nome do pai do terceiro Hokage. ---Biwako---

---Sim,para que ele cresça e se torne um grande ninja.E você Kushina?Vai dar a luz em breve,tem que escolher um nome.

---Já escolhi...vai ser Naruto.Vocês vão ser colegas de classe,Sasuke-Kun,trate bem dele,certo? ---Ela diz acariciando os cabelos de Sasuke---

A Uzumaki para de mexer com o bebê que Mikoto carregava,se aproximando dela e sussurrando em seu ouvido.

---Por falar nisso,doeu muito?

---Então eu acabo de descobrir do que você tem medo,Kushina.Estou surpresa ---Mikoto brinca---

Antes que ela pudesse dizer algo,Biwako a puxou pelo braço,indo em direção ao local do parto.

---Vamos embora,Kushina.

---A-até mais! ---Ela acena para a Uchiha---

---Deve manter os preparativos sobre o nascimento em sigilo.Até chegarmos no local,você deve evitar contato com todos,mesmo que sejam seus amigos.

---Sim,eu sinto muito.---Ela diz sem graça---

---Além disso,nos vamos deixar a vila em segredo,quando entrar em trabalho de parto,tente não gritar muito. ---Biwako---

---C-certo...

.

.

.

---Aaaaaaa,isso está doendo,Dattebane!

Kushina se remexia,as dores eram muito intensas e ela dava altos gemidos de dor,deixando até mesmo Minato assustado.

---Eu nunca vi a Kushina sentindo tanta dor...ela vai ficar bem?

---Ela está bem,se concentre no selo.

---Mas ela...

---Minato! Você é o Yondaime,aja como tal.Um homem já estaria morto com uma dor dessas,mas as mulheres são fortes. ---Biwako---

As expressões de dor de Kushina só pioravam a cada segundo,Minato estava extremamente preocupado,já que Naruto não saía,e a Kyuubi estava incontrolável.

---Aguente firme...Kushina. ---Ele pensa--- Naruto,saía logo!

Quando kushina estava praticamente desistindo,ela ouve um choro,lentamente ela tira as mãos da barra em que segurava...e seus olhos se encheram de água,e ela não hesitou em chorar.A ruiva estava extremamente cansada,principalmente pela força que havia feito.

---Ele...nasceu...---Minato diz,ainda perplexo--- Hoje me tornei pai!

---Ele é um bebê saudável.

---Naruto!

---Não o toque,a mãe deve ver primeiro. ---Biwako grita,deixando Minato sem reação---

A mulher leva Naruto até Kushina,que logo abre um sorriso largo ao ver o rosto de seu filho.

---Naruto...finalmente posso vê-lo...

Biwako leva Naruto,acalmando o bebê que ainda chorava muito.Minato aproveita esse tempo para conter a kyuubi.

---Como se sente? ---Ele pergunta---

---Bem...

---Bom...sei que é difícil ter dado a luz,mas eu preciso conter completamente a nove caudas.

---Sim...


Notas Finais


Eu n sei de nada,ou melhor















Eu ja pensei em tudo!



https://www.spiritfanfiction.com/historia/conhecendo-o-amor-minato-e-kushina-19788205 (Minha outra fic,esta em andamento)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...