História Meu dominado (jikook) - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Park Jimin (Jimin)
Visualizações 119
Palavras 2.402
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Lemon, LGBT
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Ooi.
Sorry os erros.
Bjos na bunda e boa leitura 📖

Capítulo 1 - Capítulo único.


Fanfic / Fanfiction Meu dominado (jikook) - Capítulo 1 - Capítulo único.

Me vendaram e me colocaram dentro de um carro, eu não sei para onde estavam me levando. 

Logo o carro para e eu escuto a porta ser aberta e alguém me puxar pelo braço com brutalidade. 

Me levaram para algum lugar e me jogaram em uma cama, eu me sentei

Tirei minha venda e olhei o quarto das cores preto e vermelho. 

Logo um homem alto do cabelo marrom de terno preto aparece. 

Xx-Me chamo Jeon jungkook. 

Eu-oq eu estou fazendo aqui? 

Jeon-vc agora será meu dominado (falou rude). 

Eu-Nao serei não. 

Jeon-Será sim, eu te comprei. 

Eu-oq fará comigo? 

Jeon-te mostrarei o prazer meu amor. 

Sorriu e saiu fechando a porta, logo eu olho para o lado e vejo uma roupa e uma toalha, vou tomar banho pois eu estava todo suado. 

Volto para o quarto só de toalha. E logo o homem chamado jeon jungkook entra me dando um susto. 

Jeon-vejo que ja esta do jeito que eu queria. 

Eu-oque disse?

Ele veio até mim em passos largos e segurou meu rosto com as duas mãos e me beijou, em um beijo possessivo e brusco, mais bom. 

Jeon-tire a toalha. (ordenou). 

Eu-Nao! Eu não quero

Jeon- vc não tem que querer, eu que mando aqui, e te mandei tirar a toalha. 

Eu tireu minha toalha enquanto ele tirava a sua calça e camisa e por último sua cueca. 

Eu estava me sentindo um lixo, eu nunca fiz nada com uma mulher quem dera com um homem. Eu nunca transei. 

Jeon-perfeito (passou a língua nos lábios). 

O homem veio até mim e me beijou me pegando no colo e me deitando na cama ficando em cima de mim. 

Eu- E-Eu S-sou. 

Jeon-vc é virgem jimin (sorriu e separou minhas pernas ficando no meio delas). 

Ele se abaixou e lambeu minha entrada apertada eu nao aguentei e peguei no cabelo dele que logo tirou minha mão de la. 

Jeon-só me pegue quando eu ordenar. 

Eu não falei nada apenas acenti com a cabeça, eu não queria isso, eu nem conheço esse homem. 

Ele logo se levantou colocou uma camisinha e me penetrou com força sem nem ao menos esperar eu me acostumar. 

Eu-AAA PARA (supliquei e senti uma lágrima rolar de meus olhos). 

Jeon-eu não mandei vc falar. 

Pegou sua gravata e colocou em minha boca a amarrando. 

Com suas mãos ele pegou em meus pulsos e colocou acima de minha cabeça e continuou com os movimentos rápidos e doloridos. 

Eu só gemia um gemido abafado por causa da gravata que estava em minha boca, meus olhos estavam todos marejados, e minha entrada ardia, eu não estava sentido prazer eu estava sentindo dor. 

Jeon-tão gostoso. (beijou meu pescoço). 

Logo ele se desfaz dentro da camisinha soltando um gemido. 

Jeon-Amanha tem mais. 

Ele me desamarra e sai do quarto fechando a porta. 

Eu estava com meu corpo todo dolorido me levanto e vou tomar outro banho me sentindo um nojo. 

... 

(POV'S JEON). 

Eu acabei de largar um outro dominado na rua, me cansei dele, foi bom enquanto durou, mas chegou em um ponto que ele nao me satisfez mais. 

Eu estava indo embora e dei ordem para um de meus seguranças ir buscar outro para ser meu dominado. 

Eu nunca me apaixonei e nem pretendo, acho o Amor uma perca de tempo. 

... 

Logo meu segurança me avisa que tinha trazido meu dominado e que ele esta no quarto. 

Vou até lá para o conhecer, quando abro a porta e dou de cara com uma rapaz lindo diferente dos outros que passará em minha vida, meu coração acelerou! Mas que droga de efeito esse garoto tem em mim? 

Vou me divertir muito com ele. 

Depois de eu me apresentar a ele eu saio para  resolver umas coisas e tomar um banho. 

Depois de feito tudo isso eu vou para o quarto dele, para aproveitar do seu corpo perfeito. E provar daquela boca. 

Quando eu o beijei, meu corpo se transformou em chamas o beijo do garoto é realmente muito bom e diferente, eu acho que fiz um bom negócio o comprando. 

Quando eu o penetrei os gemidos dele me enlouqueceu, ele era tão apertado tão gostoso. 

Depois que eu gozei eu sai do quarto dele e fui tomar um banho no meu, pela primeira vez na vida eu fiquei com dó de  deixar um homem desconhecido la deitado sozinho depois de eu quase o deixar cadeirante. 

....

(dois dias depois). 

(POV'S JIMIN). 

eu havia jantado no quarto e almoçado no quarto deis de que cheguei aqui eu não sai desse quarto deprimente. 

O jeon chegou aqui de manhã e transemos novamente e depois do almoço ele veio aqui e transemos de novo. Era todo dia que ele vinha aqui para me foder sem dó alguma. 

Ele é rude ele não tem dó ele me trata como um brinquedo que usa a hora que quer. 

Jeon-com licença posso entrar? 

Eu-Não é vc que manda aqui?

Jeon-vou considerar isso como um sim. 

Eu- tanto faz (dei de ombros). 

Comecei a tirar minha roupa para acabarmos logo com isso e ele ir embora. 

Jeon-oq esta fazendo? 

Eu-oq vc me comprou para fazer. 

Jeon-jimin para! Não eu não vim transar. 

Eu-Nao? 

Jeon-Nao (ele veio e beijou minha Buchecha) - vamos sair jantar fora se arrume. 

Eu-mas vc disse que... 

Jeon-eu disse que não levo ninguém para sair, mas vou abrir uma exceção, até depois. 

Ele sorriu e saiu do quarto fechando a porta e me deixando sem intender nada, ele mesmo disse que ja teve outros dominados e que eles serviam só de objetos e que nunca levaria para sair. 

.... 

Saimos da mansão e fomos para o restaurante. 

Sentamos em uma mesa de vista para a cidade movimentada eu não aguentei e sorri pela primeira fez na presença de Jeon jungkook.

Jeon-seu sorriso é lindo jimin,deveria sorrir mais vezes. 

Eu-eu não tenho motivos para sorrir Jeon (olhei para o cardápio). 

Jeon suspirou frustrado. 

Jeon - sei que não é fácil me aguentar jimin. 

Eu-nem um pouco (balancei a cabeça olhando no cardápio). 

Jeon-okay. 

Pedimos o jantar e comimos em silêncio só trocando olhares de vez enquanto. 

... 

(POV'S JEON). 

Eu levei jimin para jantar e pela primeira vez ele sorriu e que sorriso lindo. 

Mas logo que eu o elogiei ele fechou a cara, como pode eu ter coragem de destruir a vida de um rapaz tão lindo e encantador. 

Mas acontece que eu nao consigo mudar, a vida toda eu fui um dominador e não sera um homem com um sorriso bonito e corpo perfeito que ira me mudar.

Eu-depois que voltarmos quero te foder ( sussurrei pegando na mão dele). 

Jimin - não tenho escolha mesmo. 

Eu-que bom que sabe. 

Terminemos o nosso jantar e fomos embora. 

Entremos no quarto do jimin e logo fui tirando sua roupa. 

Eu estava necessitado eu queria ele mais do que nunca. 

Quando estávamos completamentes nu eu o deitei na cama e abri suas pernas e lambendo sua entrada tão gostosa. 

Ele gemia e isso me enlouquecia. 

Eu-isso jimin gemi pra mim (dei um tapa na coxa esquerda dele). 

Logo o penetrei com força eu via nos olhos dele a dor que ele estava sentindo dos olhos dele escorria lágrimas, e ali eu vi que o prazer estava vindo só pra mim e não para ele, eu estava me importando só comigo. 

Eu diminui a força das estocadas e fui mais devagar e comecei a fazer carinho na coxa direita dele e com minha mão livre eu o masturbei ele abriu os olhos assustado. 

Jimin - Jeon oque?.... 

Eu- quieto. 

Eu não sei oq eu estou sentindo por esse homem só sei que eu nunca senti antes, e isso me assusta. 

Ele se desfez em minha mão. 

Jimin - desculpa Jeon eu não consegui segurar. (falou cansado). 

Eu- relaxa jimin. 

Eu o estoquei mais algumas vezes e me desfiz dentro da camisinha me levantei e joguei a camisinha no lixo e voltei para o quarto e me deitei do lado dele. 

Eu- obrigado jimin (beijei a cabeça dele). 

Ele me olhou assustado e confuso. 

Jimin - pelo oq Jeon? 

Eu-por ser perfeito. (sorri) 

Ele sorriu um sorriso verdadeiro e muito bonito. 

E se beijemos em um beijo calmo. 

... 

(Uma semana depois). 

(POV'S JIMIN). 

A uma semana atrás logo após o jantar o Jeon se mostrou outro homen, um homem mais amoroso e que pela primeira vez me deu prazer em uma transa. Mas só durou aquela noite, porq ele logo voltou a ser aquele homem grosseiro e frio de novo. 

E eu como sempre só fico nesse quarto assistindo filmes e comendo, por mais que seje legal eu ja me cansei disso. 

Jeon-jimin preciso de vc. 

Ele abriu a porta rápido e eu pude ver o seu membro bem atiçado e duro. 

Eu tirei minhas roupas e ele logo tirou as suas e colocou a camisinha ele me colocou de quatro e me lambeu logo me penetrou com força, dando tapas em minha bunda. 

Jeon-haaa jimin (ele gemia).. 

Eu inverti as posições ficando em cima e ele sorriu satisfeito. 

Eu comecei a cavalgar em cima dele, apesar dele ser um homem que só se importa com ele mesmo, ele sabe transar é gostoso é bonito e eu não me vejo mais longe dele. 

Jeon- eu vou gozar, quica mais rápido (ele falou e acariciou minhas coxa e apertou minha bunda). 

Depois de mais algumas estocadas ele e eu nos desfazemos juntos eu cai em cima dele com minha respiração falhada ele me abraça e beija minha cabeça. 

Jeon-vc é perfeito.tome banho e vamos conversar. 

Eu-okay. 

Ele sai e logo eu vou tomar banho. 

... 

Ele abre a porta e aparece com uma calça de moletom preta sem camisa e com os cabelos bagunçados, que visão maravilhosa. 

.... 

(POV'S JEON). 

Depois que transemos na noite do jantar eu vi que o jimin era diferente, eu não podia deixar ele ter esse efeito em mim então eu voltei a ser rude com ele. 

Depois de uma semana sendo um homem maldoso com ele, eu me sento em meu escritório e fico relembrando nas noites e manhãs e sem esquecer das tardes que fizemos sexo lembrar do corpo nu dele e seus gemidos me deixaram louco e eu fui correndo até o quarto dele para me aliviar. 

Eu que sempre dominava agora estava entregue a um homem quicando em cima de mim. 

Logo que terminamos ele cai em cima de mim com seu corpo mole, eu o elogiei mais uma vez. Perto  dele eu nao tinha mais controle. 

Eu falei que tínhamos que conversar. 

Logo eu sai para tomar banho e quando eu voltei ele ja estava em sua cama logo que eu entrei ele olhou para mim e eu não via mais medo em seu olhar mais sim desejo e...  Amor? 

Eu-podemos conversar? 

Jimin- Pare de perguntar se pode ou não vc me comprou lembra? 

Eu-jimin...(balancei a cabeça frustrado). 

Jimin - fale logo oque quer. 

Eu-eu vim te dizer que vc pode ir embora.. 

Jimin - como? 

Eu-va embora jimin pode ir viver sua vida, eu não quero mais te prender aqui. 

Era doloroso mandar ele embora porque eu não queria que ele fosse mas eu nao podia fazer isso com ele, eu não queria mais torturar ele desse jeito. 

Eu só quero ver ele feliz. 

... 

(POV'S JIMIN). 

Quando ele falou aquilo que eu podia ir embora eu fiquei muito feliz, mas ao mesmo tempo triste eu não queria o deixar eu gostava da presença dele eu o... AMAVA. 

Eu levantei e sai pela porta e pelo corredor parando em frente a grande porta de madeira escura que dava direto ao jardim onde estava minha liberdade, mas acontece que o Jeon jungkook não estaria la comigo. 

Eu me virei sorrindo e olhei para ele parado no corredor com os olhos tristes e as mãos nos bolsos. 

Jeon-foi bom te conhecer jimin. 

Eu-digo o mesmo. 

Jeon - sentirei... Saudades (sussurrou). 

Meu Deus eu amo esse homem e se para vê-lo eu tivesse que ficar trancado em um quarto eu ficaria, quando eu vi eu ja estava nos braços dele o beijando, logo uma lágrima escorre e quando eu paro o beijo e olho o Jeon está chorando. 

Eu-oq foi? (sequei as lágrimas dele). 

Jeon- eu acho que amo vc. 

Eu- A Jeon (o beijei de novo). 

É eu tinha certeza que eu amo ele de verdade. 

Eu-eu não irei. 

Jeon - mas... 

Eu-jeon oq adianta eu ter a liberdade se vc não vai estar lá comigo?

Jeon-depois de tudo oq eu te fiz? 

Eu-isso ja passou Jeon, a única coisa que vc tem que fazer é melhorar daqui pra frente. 

Jeon-eu irei mudar jimin, eu vou mudar por vc. 

Eu sorri, ele me levou para o seu quarto e quando vimos ja estávamos na cama eu de quatro e ele me lambendo. 

Ele me penetrou devagar e depois acelerou. 

Eu o deitei na cama e fiquei por cima. 

Jeon-Aa jimin. 

Eu-eu te amo. 

Jeon - eu tbm. 

Logo se desfazemos juntos e deitamos cansados. Ele me abraçou por trás e beijou minha nuca. 

Jeon - nunca mais vou te machucar. 

Eu- é muito bom ouvir isso. 

.... 

(POV'S JEON). 

(DOIS MESES DEPOIS). 

Eu pedi ele em casamento e ele aceitou, eu estou agora no altar muito nervoso esperando o amor da minha vida entrar por aquelas portas com seu sorriso lindo. 

Nossas famílias inteiras estavam presentes ali. 

E logo a marcha nupcial toca anunciando a entrada dele. 

... 

(POV'S JIMIN). 

Eu não via a hora de entrar para ver meu noivo e para enfim casarmos, o Jeon dos meses pra cá mudou muito ele agora é um homem diferente e mais amoroso, todo fim de semana recebemos famíliares dele em casa, e eles sempre me agradecem por ter mudado o Jeon. O tornando mais alegre. 

Eu ja estava no altar ao lado dele e acabamos de dizer sim, logo nos beijemos e fomos para a festa que estava linda com DJ comida e muita felicidade e nosso família. 

... 

(lua de mel Tóquio). 

(POV'S JEON). 

Eu vim para Tóquio com meu marido para passarmos a lua de mel. 

Ele esta tão feliz assim como eu. 

Jimin - nem acredito que estamos realmente casados. 

Eu-pois acredite meu amor. 

Se beijemos em um beijo calmo e cheio de amor. 

E hoje sou um homem mudado realizado e muito feliz ao lado de quem eu amo o PARK JIMIN. 






Notas Finais


Tchau.
Foi bom escrever pra vcs.
❤ ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...