História Meu Dono - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Detroit: Become Human
Personagens Personagens Originais
Tags Detroit: Become Human, Hannor, Lemon, Yaoi Hank X Connor
Visualizações 561
Palavras 434
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Lemon, LGBT, Luta, Mistério, Romance e Novela, Slash, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Vocês estão gostando da fic?? Me digam por favor

Capítulo 3 - Lembrou?


Fanfic / Fanfiction Meu Dono - Capítulo 3 - Lembrou?

A noite, Hank estava sentado no sofá pensando em qual dia seria melhor para ir até o trabalho e xingar as carniças que fizeram isso com o Connor, falando no Android, ele havia acabado de arrumar a casa de Hank a poucas horas e agora estava na cozinha fazendo o jantar para Hank, o tenente quase o enganou em pensamentos por causa disso. Hank desviou os olhos do jogo de futebol na TV e olhou seu ex parceiro de trabalho, temporariamente, seu Android.

Hank viu o quão estranho Connor parecia com aquele uniforme de AX400, a blusa não combinava com ele e a calça era apertada, deixando muito visível a sua bund... MA QUE CARALHO ESTAVA PENSANDO?!!! É O CONNOR DEUS DO CÉU!!!

Connor- Tenente Anderson?

Hank- O-O-O QUE QUE FOI?

Connor- Gostaria de uma cerveja ou wiski para acompanhar?

Hank- C-cerveja ta bom...

Connor sorriu e levou o prato até Hank junto com a lata de cerveja. Hank olhou o que Connor fez para ele comer e sentiu uma pontada de esperança ao ver o que ele tinha feito.

Hank- Você se lembrou agora? - perguntou animado.

Connor- Me lembrei de que, Tenente?

Hank- Você fez hambúrguer pra mim, por que?

Connor- Bom... era o que tinha na cozinha.

Hank-... ah.

Hank pegou o hambúrguer e deu uma boa mordida.

Hank- Hm... é bom.

Connor- Que bom que gostou, Tenente Anderson.

Hank- É Hank carai.

Connor- Sumo! Não pegue isso!

Connor correu até a cozinha para tirar o cachorro de cima da mesa, Sumo se agitou nos braços de Connor e o mesmo não conseguiu segurá-lo. Hank só conseguiu ouvir o som de algo caindo no chão, e não era o Sumo que fazia esse barulho de metal.

Hank- CONNOR!

Hank viu o Android sentado no chão com um pouco de sangue azul em sua cabeça, provavelmente bateu a mesma ao cair.

Hank- Você está bem? Está doendo?

Connor- Androides não sentem dor, Tenente Anderson, eu estou bem.

Hank- Não sente mas perdem sangue, vem comigo.

Hank obrigou Connor a sentar no sofá enquanto ele ia ao banheiro pegar o kit de primeiros socorros, Hank limpou o sangue de sua testa e colocou um band aid no corte.

Hank- Pelo menos não vai sangrar.

Connor- Obrigado Tenente, mas não era necessário.

Hank- 1: É HANK! 2: Era sim, vou largar você sangrando aí?

Connor se levantou e sorriu para Hank, o sorriso dele era de certa forma... fofo. MAS NEM EM MIL ANOS HANK DIRIA ISSO!

Connor- Com licença Tenente, tenho que limpar a bagunça que o Sumo fez.

Hank- É Hank...ah esquece!


Notas Finais


😄😄


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...