História Meu Dono ( Taekook ) - Capítulo 23


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Romance, Taekook
Visualizações 264
Palavras 1.261
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Fluffy, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Desculpa a demora meus doces de leite, eu estou super ocupada. E estou sem tempo para escrever. Mas não vou desistir.

Fique com esse capítulo e o próximo vai está melhor e maior.

Capítulo 23 - Vida, morte


Fanfic / Fanfiction Meu Dono ( Taekook ) - Capítulo 23 - Vida, morte

                          Capítulos anteriores.               


Eu e o Hoseok estamos muito orgulhoso do Jimin, ele fez um bom trabalho no filme. E agora nos e estamos indo para a minha casa.


ㅡ Querem tomar um vinho? Já sei, pizza e vinho! ㅡ Falei animado e todos fizeram uma pequena comemoração.


Enquanto o hobi preparava a massa da pizza eu e o Jimin conversavamos.

ㅡ Casal lindo em..ㅡ Hobi beijou meu pescoço e o Jimin sorriu.ㅡ Eu amo o seu sorriso. ㅡ Falou deixam do o mais novo igual ao pimentão.


O telefone tocou e eu fui atender: Era o Jungkook e eu ignorei a ligação e voltei ao meu lugar.


ㅡ Amor, o Jungkook e a Suzy sofreram um acidente... 


  



                                  Agora.                                




Hoseok lamentou o volume da TV assim podi entender melhor oque estva acontecendo.

No noticiários estava estampado o carro Preto do Jungkook estracialhado no chão.

O carro estava totalmente amassado e vi o Jungkook sendo levado.


 ㅡ A Sua esposa suzy, foi levado com urgência, ela estava grávida de 6 meses e estava consciente, Já o Jungkook está em estado crítico e corri perigo de vida. Os médicos pedem para os parentes ir até ele.

Sobre o bebê não corri risco, já que a mãe está sem nenhum problemas sérios. Voltaremos com mais notícias.ㅡ A jornalista falou e o Jimin tocou meu ombro.


ㅡ Eu vou ver o primeiro avião, arruma as suas coisas, eu vou com você, você vem hobi? 


ㅡ Desculpa, mas ....

ㅡ Eu não acredito que você não vai com nós, arruma as suas coisas logo Yoongiㅡ Jimin falou no tom de raiva encarando o hobi. Eu fiquei um pouco incomodado  mas   acho que o Hoseok tem seus motivos.



Entrei no meu quarto e comecei a preparar as coisas, peguei só o básico. Quando estava arrumando as cuecas vi uma foto, um pouco manchada por conta do tempo: Era uma foto minha e o Jungkook mas novos. Acho que tínhamos uns 15 anos; o Jungkook estava cheio de espinhas e o cabelo mais claro.




Lembrei dos momentos com o Jungkook, sabia o quanto ele era solitário e seus pais mal ligava para ele. O Namjoon era muito implicante com ele, pós o Jungkook era mimado. Mas eu entendia o lados dos dois, mesmo querendo passar um trator encima deles, eu os amavam. Era legal essa época!




Quardei a foto e peguei a mala, arrumei meu cabelo e Jimin entrou no quarto com os olhos vermelhos, e os cabelos bagunçados.


ㅡ Amor! ㅡ Ele me abraçou por trás e começou a chorar.

ㅡ O que aconteceu ? ㅡ Perguntei preocupado.


ㅡ O Jungkook.. Ele .. Snif... Perdeu a memória. ㅡ Jimin falou devagar mas compreendi.


Meu coração acelerou e a única coisa que eu fiz foi o apertar. Estava doendo, muito, eu não sei como descrever. Mas doi, é estranho! Alguém tira essa dor de mim, por favor!!


Deixei uma lágrima escorrer pelo meu rosto e o Jimin beijou meu pescoço. 

ㅡ Vai ficar tudo bem, tudo bem... ㅡ Ele falou.


Eu sei que eu tenho o Jimin do meu lado e isso é bom mas cadê o hobi? Parece que ele não se importa mais comigo, é só o Jimin.


ㅡ Eu sei chim ㅡ me separei dele e me sentei na cama.


ㅡ O próximo vôo vai ser daqui a cinto horas, foi o melhor que eu consegui. ㅡ Concordei com a cabeça.



ㅡ E o Hoseok? ㅡ Perguntei na cara de pau.

ㅡ Não se preocupa com ele agora.

ㅡ Ele nós deixou né? 

ㅡ N..

ㅡ FOI? ㅡ Gritei e ele se assustou.

ㅡ Nao, eu acho.ㅡ Falou, observei um machucado em seu pulso.

ㅡ Jimin, foi ele que fez isso? ㅡ Perguntei já chorando e ele negou. ㅡ Chimchim, o que está acontecendo ? 


ㅡ Nada amor, deite aqui ㅡ Seu dois tapinhas nas suas coxas, deitei-me em seu colo e ele fez carinho em meus cabelos e cantou uma música.



Me sentindo usada Mas ainda estou sentindo sua falta E eu não consigo ver o fim dissoApenas quero sentir seu beijo Contra os meus lábios E agora, o tempo está passando Mas eu ainda não consigo te dizer por quê Me machuca toda vez que te vejo Perceber o quanto preciso de você Eu te odeio, eu te amo Odeio te amar Não quero, mas não posso colocar mais ninguém acima de você"

ㅡ Seria os seus sentimentos contra o Hoseok?

ㅡNão sei.


ㅡ A última coisa que eu quero perder agora é vocês. 

ㅡ Eu também não Min. 














O hospital estava lotado, pessoas machucadas e sangrando, medidos correndo desesperados a ponto de perder vidas. Mas no mesmo lugar ocorria uma cirurgia que valia a vidas de um multimilionário, Jeon Jungkook estava a Beira da morte, a cirurgia que estava durando a quase 4 horas; não estava sendo bem sucedida, médicos estavam desesperado quando seus batimentos aceleram e o cirurgião ver algo de diferente em seu corpo.

Ômega não tinha isso e em todos seus anos de prática nunca viu algo daquele jeito. Era uma espécie de bola de sangue preta.

Os médicos tiraram foto do fenômeno e continuaram a cirguria.


O acidente foi muito feio e um osso perfurou seu pulmão.

Mas por um milagre tudo ocorreu bem. Todavia os medicos obtinham um ponto de interrogação sobre a bolha.


Todos os cirurgiões se reuniram para falar sobre.

ㅡ O paciente Jeon Jungkook tem   

mávri agápi, é uma marca poderosa, seu alfa pode manter controle nele e se esse amor for esquecido um dos dois morrerá.


Não podemos fazer nada doente disso e quando o alfa esquece-lo,  uma enorme marca negra de pelos tomaram conta do seu corpo.

É isso e quero que tenham um cuidado muito grande com o senhor Jeon.

 




  Os médicos ficaram curiosos para saber quem era o alfa do homem, mas não comentaram nada.













Fazia exatamente 3 semanas que o Jungkook não conseguia acordar, respirava a base de aparelhos, seus primos assinaram o documento de sua possível morte, sua fortuna será toda para o seu filho e um homem chamado Kim Taehyung.



Enquanto isso a sua esposa estava em casa arrumando o quarto do bebê e em seus olhos obtinha lágrimas por não ter seu amado por perto.

Suzy era uma mulher apaixonada por seu esposo, e sabia que o Jungkook não sentia o mesmo, mas sabia que ele precisava ser um pouco feliz, de uma companhia. Isso que ela era. 

Ela o ouvia todos dias fazia- o rir, com piadas bobas. Mas agora que ela estava sem ele tudo acabou. 

Suas amigas falam coisas do tipo: Agora você vai conseguir todo o dinheiro.

Mas isso não importava, não mesmo!


Se sentou no sofá e olhou para o relógio, viu as horas passarem quando a empregada entra em seu quarto acompanhada de um homem alto e novo.

ㅡ Senhora Jeon..ㅡ Suzy seu o sinal e a mulher saiu.


ㅡ Boas novas ...

ㅡ Ele acordou ? ㅡ Arregalou os olhos e seu coração quase pulou, mas desanimou quando o homem negou.

ㅡ Ele tem mávri agápi, que só poderá viver se o seu alfa o ama loㅡ Compreendi sua fala. 

ㅡ Entendi. Obrigado senhor. Bom trabalho! 






                         Taehyung.                           



Ouvi falar que o Jeon está mal, sua vida está em perigo, mas eu fui proibido de chegar perto dele. Não, Não foi o Namjoon ou o Jin, foi o próprio Jeon.


Acordei e fui para a escola, a primeira aula era história depois biológia. No intervalo o pessoal me chamou para beber mas não aceitei, só fiquei em cima tá escola observando as nuvens.

ㅡ Oi amor, tudo bem ? ㅡ  Chany meu namorado falou me dando um selinho.

ㅡ Sim, só estou refletindo sobre a existência.

ㅡ Aprendeu com o Namjoon ? ㅡPerguntou e demos risadas.

ㅡ Amor, quer fugir do Colégio para irmos ao hospital ? 









  


Notas Finais


Obriga e me sigam, veijam minhas outas fics


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...