História Meu herói (tododeku) - Capítulo 13


Escrita por:

Postado
Categorias Boku no Hero Academia (My Hero Academia)
Personagens Dabi, Eijirou Kirishima, Enji Todoroki (Endeavor), Katsuki Bakugou, Midoriya Izuku (Deku), Personagens Originais, Shouto Todoroki
Tags Boku No Hero Tododeku
Visualizações 37
Palavras 1.263
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Me perdoem pela demora para postar. Estava sem saber como escreve, mas espero que gostem e se tiver algum erro de ortográfica me avisem que estarei corrigindo. Boa leitura meus amores....

Capítulo 13 - Dia de resgate... dabi o que vai fazer?


Fanfic / Fanfiction Meu herói (tododeku) - Capítulo 13 - Dia de resgate... dabi o que vai fazer?

Se passaram 3 dias. Estava tudo preparado para a invasão no esconderijo da liga dos vilões e resgatar o kotaro! Além de all might, endeavor, shoto todoroki,bakugo  e a força policial chamaram outros heróis;

dia anterior ao resgate 

bakugo 

estava em casa mas kirishima e a nossa filha wendy! Era meu dia de folga 

- papai você vai trabalhar não? 

- não,  hoje vou ficar aqui com você. 

-ebaaa.... Vamos brincar comigo lá fora?

-vamos sim... Me espera lá que já vou.

- cuidado para não se machucar. - grita kirishima

-haai - diz a pequena quando sair correndo para fora.

- amanhã será o dia que vão resgatar o filho do deku. Eu vou para ajudá-los. 

- finalmente. Eu irei junto para ajudar. 

- Claro que não. Você ficar cuidando da nossa filha. Mas aposto que o deku vai precisa de companhia.

- você tem razão. ele deve já tá bastante nervoso. Ele já sofreu demais mais o todoroki sem  o filho deles.

- vou acabar com a raça daqueles malditos. 

shoto 

acordo com o hiroki chorando, izuku estava deitado em cima de mim dormindo tranquilamente, afasto ele devagar para que não acorde, pego o hiroki e sinto um mal cheiro. 

-acho que vou te que fazer isso sozinho. - pego uma fralda e vou troca-lo,após alguns minutos consigo deixa-lo limpo. -acho que estou pegando o jeito.- assim que termino vou na cozinha com o meu pequeno no colo deixando izuku ainda dormindo.

- bom dia querido. 

- bom dia mãe,  o que faz acordada tão cedo?- era apenas 7:30 da manhã ainda...

- vim pegar apenas um copo de água! Caso for dar mamadeira para o hiroki tem uma pronta na geladeira, e só esquenta. - diz rei se retirando. 

coloco o hiroki em sua cadeirinha para que possa preparar sua mamadeira; coloco no microondas mais não faço idéia de quantos minutos e necessário,resolvo coloca 3 minutos. Assim que acaba o tempo pingo um pouco do leite em minha mão. -hum... esquentou de mais. Agora tenho que esfriar. - shoto solta um leve suspiro. 

Após um tempo shoto senta na cadeira com o pequeno no colo e o dar sua mamadeira. 

Após terminar o coloco para arrota e volto ao quarto e o coloco para dormir entre a gente.
Se passou algumas horas e izuku acordado

deku 

acordo e percebo que hiroki dormia entre eu e shoto. Não me lembro de ter colocado para dormir aqui, deve que o shoto o pegou quando chorava a noite e o pós aqui.

acorda com eles do meu lado não ah nada melhor, me deixar tão feliz! Quando finalmente ter meu kotaro, aí sim posso dizer que estou completo que não me falta mais nada. Me levanto e vou em direção ao banheiro, quando estou perto dar porta sinto as mãos de shoto me pegar pela cintura e me puxando de volta para cama quando beija meu pescoço.

- shoto preciso ir no banheiro. - digo em sussuros para que não a acorde meu pequeno. 

- mais quero ficar deitado com você mais um pouco. - diz shoto quando beija e dar mordidinhas no pescoço do izuku o fazendo arrepia. 

- não faz is...

Eu narrando

sem deixá que termine, shoto coloca a mão por dentro de sua bermuda, alisando seu membro fazendo izuku solta pequenos gemidos.

shoto o levar para o banheiro e começa a beija-lo intensamente. Logo shoto tira sua bermuda e faz movimentos mais rápidos em seu membro. Logo após tira sua roupa e colocar izuku de costas empinando a bunda sem deixar de alisa seu membro. 

- vai se rapidinho meu amor.- diz shoto enfiando seu membro no izuku, e fez ele solta um gemido um pouco mais alto. shoto coloca uma das mãos em sua boca para que não faça barulho enquanto a outra continuava a te mastubar. shoto começou com estocadas lentas e foi aumentando o ritmo dando estocadas cada vez mais intensas. toco em sua parte sensível fazendo solta um gemido bem mais alto, me concentro naquele local e com mais 4 estocadas gozar em minha mão. Em seguida em me desfaço dentro dele. 

-Não aguentava mais ficar sem toca-lo, precisava de ter novamente.- Diz shoto quando retirar seu membro de dentro dele.

- shoto, você usou camisinha, ne?-  diz izuku com o tom dar voz preocupado. 

- Na...Não... desculpe meu amor. Mais não se preocupe que vou comprar um remédio para você.

shoto

assim que termino Abraço izuku por trás, - vamos tomar um banho meu amor. 

- vamos...- Nos lavamos e após algum tempo saímos do banho e começo a me arrumar.

- vai sair amor?- pergunta izuku vendo seu amado se arruma.

- vou sim. amanhã vai se o dia que vamos invadir o esconderijo deles e resgatar o nosso filho. Temos que terminar de acertar os detalhes mais o investigador naomasa. 

- eu gostaria de estar junto amanhã. Quero estar lá para pegar meu filho. 

- não izuku, melhor você ficar aqui.

-mais...mais eu quero ir.- izuku abaixar a cabeça triste.

shoto de aproxima pegando em seu queixo levantando sua cabeça e se aproximando deixando suas bocas separadas por centímetros. - quero você aqui a salvo, não sei o que pode acontecer lá, tenho medo que se machuque gravemente. - shoto dar um leve Beijo. 

- assim que tiver com o kotaro eu trago ele para casa.

- tá bom...

- agora tenho que ir. Assim que acabar lá eu venho para casa. 

-tá bom... E Não esqueça de trazer o remédio. - izuku olha de lado com as bochechas levemente avermelhadas.

- vou esquecer não meu amor... 

liga dos vilões  (dia do resgate)

dabi estava sentado no canto com o pequeno kotaro em seu colo.

- ei dabi, você tá passando tempo demais com essa criança. - diz kurogiri 

- isso não é problema nenhum para mim, aliás alguém tem que cuidar dele. 

- me der ele aqui,  deixa que eu cuido dele um pouco. - kurogiri se aproxima para pegar o pequeno, mas é parado pelo tomura que coloca seu braço em sua frente o impedindo de se aproximar mais.  

- não.  Ele vai ficar comigo de agora em diante, ele é meu e não de vocês dois. - tomura se aproxima para pega-lo  mas o pequeno começa a chorar quando o ver. 

-deixe que eu cuido dele. Você não saberia nem trocar uma fralda. - dabi se levanta indo em direção a porta. 

- você não vai tirar ele de mim. Se você tentar Fugir mais ele eu vou atrás de você e vou te matar. 

- se eu fugisse mais ele você jamais seria capaz de nos encontrar. - sem esperar por uma resposta dabi vai parar outro cômodo ficar a sós com o pequeno que cada vez conquistava seu coração.

-Bem que não seria uma má idéia de tirar daqui. Isso não é lugar para você.  - diz sussurrando para o pequeno tomando cuidado para mais ninguém ali ouvisse. 

derrepente escuta uma explosão, e alguém gritando.

- CADÊ MEU FILHO?  

- se você achar que vão o levar daqui tá muito enganado, ele é somente meu agora.- diz tomura gritando de volta. 

- o que devo fazer? Será que devo te entregar ou sair daqui Mais Você. - dabi se encontrava em um dilema, ele sabia que o certo era o pequeno cresce com sua família mais o pouco de tempo que passou com aquele pequeno foi suficiente para amolecer o seu coração. 

-droga. - Abraço forte o pequeno em meus braços quando penso no que fazer.  - não era para me apegar dessa maneira a você. Por hora vou tirar você daqui para que não se machuque. Depois penso no que fazer.  




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...