História Meu híbrido inocente (Jikook) - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook
Tags Bangtan Boys, Bts, Jhope, Jikook, Jimin, Jin, Jungkook, Kpop, Namjin, Rap Monster, Shipp, Suga, Todos, Vhope, Vkook
Visualizações 1.813
Palavras 1.138
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Capítulo Hot
(+18)

Capítulo 5 - Jennie fingindo de inocente.


Fanfic / Fanfiction Meu híbrido inocente (Jikook) - Capítulo 5 - Jennie fingindo de inocente.

Jennie pov's

Estava dançando na pista de dança na balada, quando vejo Jimin sentado bebendo algo.

Ele termina de beber e percebo que ele cambaleia e depois cai do chão.

Me aproximo dele e ajudo ele a levantar.

Coloco um de seus braços sobre o meu pescoço e levo ele até um quarto que tem na balada, quando tem um casal necessitado.

Levo Jimin para o quarto e coloco ele sobre a cama.

Ele estava parecendo bêbado e parece que ele não está se sentindo bem.

Então resolvo fazer algo para que ele se sinta melhor.

Começo a beijar o seu pescoço e fui descendo os beijos até chegar em sua barriga cheias de Tanquinhos.

Eita nós!

E que homem é esse? Maravilhoso.

Parace que ele não está conseguindo controlar o seu corpo e acaba se entregando para mim.

Começei a abrir o zíper e retiro a sua calça logo em seguida, fazendo ele ficar só de boxer.

Ele já estava com um volume, que me fez retirá-lo para fora e colocar dentro da boca e fazer movimentos lentos.

"Ahh"- Jimin geme.

"Isso meu amor."- digo aumentando mais os movimentos em seu membro. 

"Mais rápido . "- disse Jimin colocando a mão sobre a minha cabeça, para aprofundar ainda mais.

Faço os movimentos mais rápidos até ele chegar em seu ápice.

Percebo que Jimin tenta recuperar o fôlego.

"Agora é a sua vez moça . "- disse Jimin me colocando por debaixo dele.

Ele foi beijando o meu pescoço e descendo até chegar em meus seios, me fazendo soltar um gemido baixo.

A minha respiração já estava descontrolada.

Eu sei que eu estou errada em fazer isso com ele, principalmente por ele estar "bêbado" e não vai lembrar de nada amanhã.

Ele retira a minha camisa e meu sutiã, e logo em seguida começa a passar a língua bem de leve sobre o meu seio.

Aquilo me deixava ainda mais exitada.

Ele foi descendo com os lábios até chegar em minha "amiginha" e deu um beijo por cima da calcinha, me fazendo gemer o seu nome.

"Ahh Jimin."- gemi com o seu toque sobre a minha intimidade.

"Calma querida, deixa eu brincar só mais um pouquinho. "- disse ele com uma voz manhosa.

Ele começa a puxar a minha calcinha, quando do nada alguém bate na porta.

Ele se assusta e eu visto a minha calsinha novamente.

Enquanto Jimin vestia a sua boxer e a calça rapidamente.

Desço da cama e vou em direção a porta para abrir.

Para a minha infelicidade era um dos amigos de Jimin.

"Ah, oi."- digo com o tom de voz sem graça.

"Jennie? "- disse ele.

"Sim, eu! "- digo com o tom de voz irritada.

"Você sabe onde está o Jimin? - pergunta o rapaz.

"Eu não... "- fui interrompida pelo Jimin atrás de mim.

"Taehyung."- disse Jimin.

"Jimin, o que você está fazendo aí? "- pergunta o garoto que agora eu sei o nome cujo nome é Taehyung.

"Estava transando . "- Jimin disse e logo ri, como se fosse uma piada.

"Com a Jennie? "- pergunta Taehyung e aponta para mim.

"Eu sei lá o nome dela. "- disse Jimin com a voz mole, como se estive bebido vários copos de whisky.

"O que você estava fazendo com o Jimin? "- disse Taehyung se aproximando de mim.

"Eu não fiz nada, eu só estava ajudando ele. "- falo.

"Ajudando ou abusando dele enquanto está bêbado? "- disse Taehyung levantando o tom de voz.

"Eu vi ele caído no chão e trouxe ele para cá. "- digo me afastando de Taehyung.

"O que você fez com ele? "- Taehyung pergunta rude.

"Eu não fiz-z nada-a."- gaguejo tentando não mostrar o meu medo pelo Taehyung.

Eu posso não conhecer Taehyung, mas pelo tom de sua voz ele deve estar bem puto comigo.

"Vamos sair daqui Jimin!"- Taehyung pega o Jimin pelo braço.

"Não leve ele."- digo me segurando no outro braço dele.

"Solte agora sua vadia, eu irei contar tudo para o patrão segunda-feira, você vai ver só. Nunca abuse do Jimin, principalmente por você ter embriagado ele. "- disse Taehyung com a voz mais áspera de todas.

"Eu não embriagei ele! "- afirmo.

"Então quem foi? "- Taehyung disse com os olhos olhando fixamente nos meus.

"Não sei! "- foi a única coisa que eu consegui falar.

"Vamos Jimin, amanhã eu irei contar o que aconteceu com você! "- disse Taehyung levando Jimin para fora do quarto.

"Eu quero ficar, preciso transar! "- disse Jimin tentando sair das mãos de Taehyung, mas foi em vão.

Logo eles sumiram do meu campo de visão.

Fiquei alí no quarto sozinha refletindo no que eu acabei de fazer.

Além de eu ter feito relação oral no Jimin, que estava completamente bêbado, vou perder o meu emprego, se aquele fofoqueiro falar.

Eu e Jimin estavamos se dando tão bem, porque foi acontecer isso? E porque comigo?

Arrumo o meu cabelo e ajeito a minha roupa, para ninguém desconfiar de nada.

E saio do quarto indo de volta para a pista de dança.

Taehyung pov's

Tiro Jimin daquele quarto e levo ele para fora da balada.

Coloco ele sentado no chão e fico sentado de frente para ele.

Ele estava com uma feição nada boa, parecia que ele tinha fumado droga.

"Jimin, você está bem? "- pergunto muito preocupado.

"Estou sim Taehyung, agora preciso voltar para lá! "- Jimin aponta para a entrada da balada.

"Não não, vamos voltar para casa, você precisa descansar, e concerteza você não vai se lembrar de nada. "- falo levantando Jimin do chão-" preciso achar os Hyungs para irmos embora. "- digo e volto para dentro da balada com Jimin pindurado em meu pescoço.

Andei com Jimin com o seu braço pelo o meu ombro no salão inteiro até encontrar o Jin.

Jin estava conversando com uma moça linda. Me aproximo dele. 

"Jin."- chamo-o.

Jin me olha e percebe que Jimin não estava nada bem.

"Me desculpe moça, mas tenho que resolver um probleminha. "- disse Jin e se levanta vindo em minha direção- "o aconteceu? "- pergunta Jin com cara de preocupação.

"Depois eu te conto, precisamos levar Jimin para a casa dele. "- digo.

Jin concorda e se despede da moça e logo em seguida saímos do salão indo em direção a van.

Jin abre a van e coloco Jimin sentado no banco.

"Eu não quero voltar pra casa"- disse Jimin tentando se levantar do banco.

"Pode ficar quieto aqui! "- falo impedindo de Jimin se levantar do banco.

"Vou ir procurar os meninos e já volto, okay? "- disse Jin.

"Okay, mais vai logo! "- afirmo.

"Tá bom. "- disse Jin saindo da van e trancando-o logo em seguida, para que Jimin não conseguisse sair da van.

[...]

Depois de alguns minutos Jin chega na van com os Hyungs.

Continua...


Notas Finais


Nossa, que confusão em! Rsrs.
Estão ansiosos para o próximo?

Até!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...