1. Spirit Fanfics >
  2. Meu lindo leão >
  3. Capítulo 4

História Meu lindo leão - Capítulo 5


Escrita por:


Capítulo 5 - Capítulo 4


- Dia seguinte de manhã -

Acordei bem cedo. Sentia o cheiro do meu urso bem perto de mim e seu corpo bem perto do meu, seu cabelo estava bem perto do meu focinho e o cheiro deste urso é ótimo.

Olhei um pouco pra baixo e só vir a gente coberto, ele estava em cima de mim me abraçando. Acho que a gente está pelado, ele se mexia um pouco por causa do frio então abracei ele com um pouco de força.

- Mor… - virou o rosto pra mim.

- Oi bebê -

- Quentinho… -

Dei uma lambida na testa dele e o mesmo sorriu, sério como alguém sorrir por causa de uma lambida?

Fui fazer carinho no rosto dele mas ele jogou o rosto na minha pata pra eu fazer carinho logo.

- Vamos levantar? -

- Vai comigo na casa do meu irmão comigo hoje? -

- Claro -

Ele se levantou e ficou sentado em cima de mim, desta vez tenho uma bela vista do meu namorado e que vista.

- Vai querer comer o quê? -

- Urso eu já comi -

- QUANDO?! -

- To zuando bobo, quero pão de queijo

Ele se levantou sem falar nada e foi pra fora do quarto, antes que ele saísse pela porta, ele parou na mesma empinando a bunda, EU AINDA VOU MORRER.

Depois que ele saiu. Eu fui fazer minhas coisas e ainda peguei uma roupa pro meu amor, coloquei uma bermuda branca e fui entregar as roupas pra ele.

Cheguei na cozinha e lá estava ele, parado na frente do fogão agachado colocando os pães pra esquentar. Deixei a roupa dele no balcão e só agarrei ele pelas costas.

- Oi mor -

- Fomeeeeee…. -

- Calmar -

Ele se levantou pegando meus braços e colocando em volta do corpo dele.

- como é teu irmão? -

- Ele é bem chato na verdade -

- Você vai fazer o que lá? -

-Pegar minha mesa digitalizadora -

- Um desenhista profissional, quem diria -

- Profissional nem tanto, eu só desenho o básico -

Fiquei lambendo as orelhinhas dele e o mesmo ficou rindo um pouco mas ele separou de mim e colocou sua roupa

A gente esperou o pão de queijo e depois de fazemos as nossas coisas, e fomos lá.

- Quebrar de tempo -

Depois de meia hora formos até o apartamento dele. O bairro é bem nojento, parece o lado ruim da cidade mas é só que aqui não passar lixeiro por causa de grave.

Bati na porta e o mesmo gritou já vai, do outro lado do quarto aonde tinha outro, saiu um casal da porta pelados. Eu não entendo o por que ele morar aqui.

Ele abriu a porta, parecia derrotado e tava com a roupa toda bagunçada.

- Eh… por que você continua aqui? -

- Dinheiro -

- Por que não trabalhar comigo como salvar vida? -

- Tá bom, quer entrar? -

- Quero mas tem que ser rápido, meu namorado daqui a pouco -

A gente foi entrando, o apartamento bem pequeno, um quarto, um banheiro e cozinha. O local era bem limpo.

Ele foi até a cozinha que era só um corredor e pegou a mesa em um dos armários. Ele se virou pra mim e estendeu o braço pra me dar a mesa.

- Aqui, mas você agora é gay? -

- Acho que sempre fui -

- Você… Achar? -

- É que alguns dias atrás meus colegas de trabalho me arrumaram um encontro com um urso pardo sem eu saber, me mandaram esperar e eu fiz, daí em diante a gente tá junto -

- Que amigos bons -

- É, eles são sim -

Dei uma olhada pra cama dele, tinha um relevo em baixo da coberta no tamanho de um corpo e uma cauda saindo pra fora, resolvi nem comentar. Peguei minha mesa e dei um beijo na testa dele, e fui embora.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...