1. Spirit Fanfics >
  2. Meu Lobo e Meu Híbrido Original. >
  3. Lobo estranho.

História Meu Lobo e Meu Híbrido Original. - Capítulo 3


Escrita por: OnyQueen

Capítulo 3 - Lobo estranho.


Fanfic / Fanfiction Meu Lobo e Meu Híbrido Original. - Capítulo 3 - Lobo estranho.

Stiles estava distraído na cozinha quando sentiu braços fortes circularem sua cintura por trás e sorriu ao sentir o cheiro de Derek, desde que ele havia voltado do México, ele estava diferente, um diferente bom, ele estava digamos assim, mais legal? Carinhoso? Mais aberto? Talvez. Não sabia dizer ao certo, mas era bom. 

Não, eles não tinham nada, mas, as vezes parecia que sim e isso o confundia um pouco, pois sentia coisas estranhas toda vez que ele estava perto, e nunca havia sentido aquilo com mais ninguém. 

Nem com Lydia, a garota pela qual havia jurado seu amor eterno, ele sentia aquele tipo de sentimento. 

— Está fazendo o que? — Derek questionou com a cabeça apoiada em seu ombro o tirando de seu devaneio.

— Massa com molho vermelho, arroz, feijão e carne vermelha com batatas. — Stiles respondeu ligando o fogo da panela de pressão e Derek o virou para ele o olhando nos olhos. — O que? 

— Nada, seus olhos são lindos. — Respondeu o fitando com atenção e Stiles sentiu suas bochechas esquentar com aquilo. — Gosto das suas pintinhas também. — Comentou o dando um beijo na bochecha e se afastou se sentando em uma das cadeiras. 

— Não pode fazer isso. — Stiles resmungou de cara emburrada. 

— Fazer o que? — Derek questionou fingindo estar confuso. 

— Me deixar constrangido assim. — Resmungou e Derek sorriu de lado apoiando os braços na mesa. 

— Não quero te deixar constrangido de forma alguma, Stiles. — Derek o respondeu e Stiles o olhou ainda emburrado. — Vem aqui, senta aqui do meu lado. — Pediu puxando uma cadeira e Stiles apagou o fogo do arroz que já estava pronto, assim como a do molho antes de ir se sentar ao lado de Derek. 

— O que? — Questionou curioso e Derek virou a cadeira dele em sua direção. 

— Não quero te deixar constrangido, quero que se sinta avontade comigo ao seu lado, babe. — Respondeu o fitando de forma suave e segurou em sua mão. — E eu, eu quero... 

Derek se interrompeu ao ouvir um rosnado vindo da direção da porta da cozinha e olhou confuso para aquele lobo que o fitava de forma assassina. 

— O que? O que você quer? — Stiles questionou em espectativa sem notar o lobo ali. 

— Ficar longe desse lobo. — Derek respondeu sem perceber e se levantou quando o lobo deu um passo a frente mesmo com a pata machucada o olhando de um modo estranhamente assustador. 

— Hã? — Stiles indagou confuso e só então notou o lobo na porta da cozinha fazendo cara de dor enquanto o olhava. — Hey, lobinho, o que faz aqui em baixo? — Indagou preocupado se levantando e se aproximou do lobo que mostrou a pata machucada chiando manhoso. — Está doendo... — Observou e decidiu ligar para Deaton.

— Stiles, onde você vai? — Derek questionou vendo o mais novo sair da cozinha com o telefone fixo na mão e olhou para o lobo que o fitava com superioridade. — Você não pode me deixar sozinho com ele. 

— Derek, é só um instante. — Stiles o respondeu saindo para fora de casa discando o número do druida. 

Derek deu a volta na mesa de forma cautelosa sem nunca tirar os olhos do lobo que se colocou em posição de ataque para ele. Não sabia dizer se era um lobo comum, por isso não queria atacar, nunca teria coragem de atacar um animal só por querer defender o território novo. O lobo o olhou de modo estranho antes de dar um passo a frente ainda mancando, mas sem sair da posição de ataque parecendo o estudar. 

— Stiles! Se ele me matar, eu juro que volto para te assombrar e puxar seu pé de madrugada todos os dias. — Derek ameaçou sendo completamente dramático, ele poderia se defender, mas não sabia se teria coragem de machucar o lobo ainda mais ele estando debilitado, pois não foi assim que sua mãe lhe deu educação. 

O lobo pareceu o olhar em divertimento ao dar a volta na mesa e Derek praticamente correr para o outro lado, como se não quisesse briga. 

— Olha aqui, ou, seu pulguento. — Derek o apontou o dedo em riste e o lobo rosnou pelo xingamento. — Certo, foi mal, não quis xingar, mas olha só, você é quem está invadindo o meu território, eu sou o alfa aqui, entendeu? — Falou como se o lobo fosse entender com os seus olhos brilhando em vermelho, mas o mesmo apenas o olhou em desafio. — Se quiser brigar, vamos brigar, mas só quando você estiver melhor e eu não for me sentir culpado. — Declarou e o lobo pareceu se dar por vencido com aquilo, pois ele se sentou sobre as patas e o olhou de modo superior também. — Você é estranho. 

Derek caminhou para a sala e ouviu as panelas pegarem pressão, ele se sentou no sofá e ligou a TV em um canal qualquer e olhou sem interesse para o desenho animado que passava, o lobo caminhou em frente a TV e parou em frente a janela observando a rua com atenção. 

— Que porcaria é essa? — Derek se questionou confuso ao ver o desenho com mais atenção. 

— Irmão do Jorel. — Stiles respondeu entrando em casa e caminhou para a cozinha. — O Deaton disse que pode dar analgésico para ele, mas, em pequena dose, pois como ele é um lobo, pode acabar passando mal. — Stiles disse da cozinha. 

— Esse garoto não tem nome não? Por que ficam chamando ele de irmão do Jorel? — Derek questionou ficando cismado com aquele desenho. — E por que essa senhora fica oferecendo abacate pra qualquer um? 

— Derek, você não pergunta, jamais, eu disse jamais, quais são a lógica de desenhos animados para outro ser humano. — Stiles respondeu desligando o fogo das panelas e voltou para a sala olhando para o lobo e para o Hale que pareciam estar confusos com o desenho que passava na TV. — Ai, ai, crianças. — Resmungou se jogando no sofá ao lado do Hale que automaticamente o abraçou e deitou com a cabeça em seu ombro. 

— Tá, então, o que vamos fazer agora? — Derek questionou e de repente a luz caiu ao mesmo tempo que um raio cortou o céu assustando Stiles. 

— Eu vou acender algumas velas, e tirar a pressão das panelas. — Stiles respondeu se levantando e Derek suspirou se deitando no sofá, o lobo ficou o encarando com olhos julgadores e Derek pode ver, pois seus olhos estavam acessos sem que percebesse. 

— Não me olha assim. — Reclamou e o lobo bufou.

— Derek, pode pegar os pratos pra mim, por favor? — Stiles pediu e Derek se levantou no mesmo instante indo para a cozinha com o lobo em seu encalço, ele decidiu ignorar aquilo e apenas pegar os pratos e os colocar na mesa. 

— O que vai dar para ele comer? — Derek indagou curioso e Stiles olhou para o lobo, ele havia acendido algumas velas, então, não precisava usar seus olhos de raposa. 

— Vou ter que dar comida normal, não tenho nada aqui para dar para ele. — Respondeu dando de ombros e passou as comidas para alguns potes e levou o resto em vasilhas separadas para a mesa antes de guardar os potes na geladeira. 

— Você sabe que não pode deixar ele viver com você por muito tempo, não é? — Derek questionou quando Stiles se sentou ao lado dele. 

— Eu sei, só... Só não quero pensar sobre isso no momento. — Stiles respondeu o olhando e sentiu Derek se aproximar dele. 

— O que eu queria dizer antes, é que... Eu gosto de você, muito mais que um amigo. — Derek murmurou com o rosto perto do seu e aproximou seus lábios um do outro como a muito tempo queria fazer, assim que seus lábios se encostaram, um rosnar se fez presente e dessa vez Stiles ouviu e se afastou rindo. 

— Ele definitivamente não gosta de você. — Stiles apontou rindo e Derek riu baixo encostando sua cabeça contra o peito do menor. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...