1. Spirit Fanfics >
  2. Meu meio irmão! >
  3. Estragando o jantar

História Meu meio irmão! - Capítulo 8


Escrita por:


Capítulo 8 - Estragando o jantar


Pov. Sarada


Quando ouvi os passo da minha mãe e do Naruto, tirei meus óculos o botando de volta na bolsa. Depois fiquei reta fingindo que não enxergo nada

Naruto: voltámos! 

Boruto: tô vendo, não sou cego 

Esse garoto é muito irritante. Ele falou isso com os olhos vidrados no celular

Naruto: Boruto mais respeito com a Sarada

Sarada: tudo bem senhor Naruto, eu não ligo pro que ele fala

Dei um sorriso inocente. Sendo que de inocente não tenho nada. Mas tenho que fingir né

Sakura: vamos jantar?

Minha mãe me ajudou a levantar, me guiando até a mesa

A empregada do Naruto, trouxe a janta. Começámos a comer

Sakura: então Boruto, está gostando da escola?

Minha mãe perguntou olhando pro Boruto

Boruto: não. Lá todos os professores me conheci. Assim fica difícil gazear 

Ele falou bufando

Sakura: isso é bom, assim você não tera dificuldades nas provas

Naruto: nesse caso Sakura o Boruto sempre foi o primeiro da classe. Nunca tive problemas com isso

Essa é minha chance

Sakura: que bom que ele não puxou a você

fiquei encarando o Naruto, e no momento que ele iria olhar pra minha mãe, seu olhar passou pelo meu. 

Sakura: afinal até uma porta era mais inteligente que você 

Naruto: a é? Mas eu sou dono de uma impresa, já uma porta não 

Sakura: que porta? Tá doido?

Quando os olhos dele passou de relance pelo meu de novo

Sakura: você só é dono de impresa porque foi herança do seu pai. Tadinha da Hinata, aposto que ela fazia o trabalho todo

O Naruto se irritou e disse

Naruto: Pelomenos não sou eu, que só consegui amigos fingindo ser uma pessoa que não sou

Sakura: não entendi, o que você está insinuando?

Agora foi minha mãe que olhou de relance pra mim

Naruto: o que você entendeu

Naruto: que você é uma fingida egoísta, que só pensa em si mesma. E tem uma testa de marquise

Minha mãe deu um soco na mesa que a quebrou

Sakura: SEU IDIOTA, QUER MORRER?_ ela se levantou e me levantou com cuidado_ vamos filha, e enquanto a você,  resolvemos isso quando não tiver as crianças

Fomos embora. Por fora estou séria, mas por dentro estou comemorando

Sarada: mãe o que aconteceu?

Sakura: nada. Vamos pra casa


Pov. Boruto


Eu não sei o que aconteceu, e nem porquê eles brigaram. Afinal nenhum falou nada que doesse no outro. Mas até que foi bom, esse tal poder da Sarada é muito bom, depois dessa acho que eles nunca mais vão querer se falar

Boruto: mulher doida, vêm e quebra nossa mesa. É essa a madrasta que você quer da pros seus filhos?

Naruto: para Boruto. Não estou com cabeça agora

Ele saiu cabisbaixo da sala de jantar, e foi pro escritório 


Pov. Sarada


Quando chegamos, minha mãe foi direto pro quarto, quando fui ver se tava tudo bem, ouvi ela chorando. Então fui até ela

Sarada: mãe?

Ela secou as lágrimas e se sentou na cama

Sakura: oi filha. Segue minha voz

Fui olhando sempre pra frente, e sentei do seu lado

Sarada: o que a senhora tem? Te ouvi chorando

Ela me abraçou e disse

Sakura: as vezes amar é difícil. Principalmente quando o amor em questão é um Uzumake

Sarada: bom se fosse o meu caso eu investiria em outro. Por exemplo meu pai

Ela riu sem graça

Sakura: nunca tive esse tipo de interesse no Sasuke. Pra mim sempre foi o Naruto. E o Sasuke sempre teve olhos pra Hinata

Sarada: isso não é cem por cento verdade. Se fosse eu não existiria

Minha mãe beijou minha bochecha

Sakura: você é o meu maior tesouro, mas eu nunca quis nada com o Sasuke, e nem ele quis nada com migo

Isso é o que vamos ver

Sakura: e como anda a sua visão? 

Sarada: estou conseguindo vê um pouco, mas está tudo embaçado

Sakura: entendi. Sarada dorme hoje com a mamãe? Estou carente

Sorri de canto, e confirmei




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...