História Meu melhor amigo - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Candice Accola, Ian Somerhalder, Joseph Morgan, Nikki Reed, Nina Dobrev, Paul Wesley
Tags Nian
Visualizações 92
Palavras 2.034
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Esporte, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Mais um capítulo pra vocês, espero que gostem .Bjs 😘 com nutella e boa leitura!

Capítulo 4 - Como assim aceitou?


Fanfic / Fanfiction Meu melhor amigo - Capítulo 4 - Como assim aceitou?

                          (Ian POV)

Minha briga com Nina foi horrível , o pior é que isso está se tornando constante , tudo pelo mesmo motivo , a mesma acha que eu estou acabando com nossa amizade , bobagem ... Ou talvez não , pode até ser um pouco verdade , mas Nina tem que entender que eu estou namorando e preciso dar atenção à Nikki que a cada dia pede que eu fique mais tempo ainda com ela . As duas se odeiam por um motivo que desconheço . Nikki sente ciúmes de Nina , o que é bobagem a mesma é como uma irmã pra mim. Nina diz que Nikki nos afasta , mas meu tempo é bastante corrido também , tenho a escola os treinos, os estudos ,minha namorada e a minha amizade só que parece que esse enrolamento todo de afazeres está me afastando cada vez mais de Neens , talvez a mesma tem razão e eu é que não estou enxergando tudo isso. Estou confuso neste momento. Eu prometi para minha melhor amiga que o meu namoro não iria interferir em absolutamente nada na nossa amizade, mas , parece que tudo está correndo de forma contrária ao que eu esperava, mas eu vou dar um jeito nisso, sempre dou.

Depois da minha infeliz briga com Nina eu resolvi que ir pra sala de aula onde a mesma é minha dupla , seria uma má idéia . Vou em direção ao ginásio esclarecer as minhas ideias . Chegando lá encontro Nikki bem agarrada à um garoto mais velho , se não me engano seu nome é Jonathan .

- Posso saber o que estão fazendo ? - pergunto com ciúmes . O que os dois estão fazendo sozinho em um lugar deserto desses?

- Oi Ian , eu estava conversando com a Nikki sobre a... a... - impressão minha ou ele está nervoso ?

- Estávamos conversando sobre a Nina - diz Nikki .

- Nina? O que diabos vocês estavam falando dela? - pergunto completamente confuso.

- É que o Jonathan tá querendo sair com a Nina mas não sabe como fazer isso , por isso ele veio até mim me pedir ajuda - diz Nikki novamente.

Eu não sei o porquê , mas neste exato momento eu estou sentindo o mesmo sentimento que senti quando Liam chamou Nina pra sair . Estranho! Deve ser apenas uma proteção de irmão .

- OK , mas tinha que conversar logo aqui? - pergunto passando a mão na nuca tentando afastar esse sentimento estranho.

- Por que está assim? Acha que eu estou lhe traindo? - pergunta Nikki . Eu acho ? Mas perai eu não falei isso .

- Eu não te acusei de nada , você mesma está se auto acusando . Tem algum motivo pra você achar que eu penso isso de você? - pergunto desconfiado.

- Claro que não amor , eu só tenho medo de te perder - diz Nikki me abraçando - Jonathan só estava com vergonha de alguém ouvir , nada demais - diz .

- Ok , mas agora , Jonathan me dê licença , quero conversar com a minha namorada - digo.

- Claro Ian , eu vou indo , até depois - diz já saindo.

- Então amor , tudo bem? - diz Nikki com uma voz irritante , ultimamente eu estou achando Nikki tão Insuportável. A mesma coloca as mãos em volta do menino pescoço.

Ignoro esses pensamentos e digo finalmente.

- Não está nada bem , eu briguei com Nina - digo com frustração.

- O que a piranha fez dessa vez? - pergunta revirando os olhos. Eu não gostava nada de quando ela falava dessa maneira em relação à Nina.

- Não fale assim dela! Nunca mais!- uma raiva surge em meu peito e eu seguro seu braço que antes estava em meu pescoço . Ela em olha assustada e diz .

- Desculpa amor , mas e aí o que ela disse ou fez?

- Ela disse que eu não estou dando atenção à nossa amizade .

- Bobagem , você dá mais atenção à ela do que à mim que sou sua namorada.

- Não é o que ela diz .

- Você sabe que ela nunca gostou de mim . Ela é invejosa , ela pode até falar que não é verdade , mas eu sei que é inveja. Quando pequena eu cheguei e tirei a atenção que ela recebia da mãe , cresci fiquei gostosa e desejada , o amigo começou a gostar de mim , fiquei popular , e isso tudo enquanto ela continua a nerd estranha e feia - diz . Céus quanto veneno em uma única desse .

- Primeiro eu já falei pra não falar dela desta maneira e segundo a Nina não é feia , ela é linda - digo lembrando de seu rosto .

- Não importa agora , vamos falar de nós dois - diz - estava com saudades.

- Mas nos vimos à meia hora apenas .

- Mesmo assim , estava com saudades - diz me beijando​ . Algo de errado está acontecendo , não estou gostando de lhe beijar . Desde os 15 anos sou apaixonado por Nikki , e quando a mesma aceitou namorar comigo eu fiquei muito feliz , quem não gostou foi Nina , mas com o tempo ela me mostrou que podeira aceitar meu relacionamento com Nikki , mesmo não concordando , mas agora , eu não sei , algo está errado. Me separo do beijo e vejo que Nina , Joseph e Candice estavam na quadra , Nina estava meio para baixo , me lembro de nossa briga e me sinto culpado . Percebo que Candice a abraça forte e em seguida Joseph que antes estava com elas , agora está vindo em minha direção com uma expressão nada boa . Quando ele chega já vai logo falando .

- Quando Nina disse que o namoro de vocês dois - diz apontando pra mim e Nikki - estava atrapalhando à amizade que você e ela tinham Ian , eu pensei que deveria ser uma bobagem da parte dela . Mas agora! - diz alterando a voz - vendo vocês dois aqui sozinhos se agarrando depois de você Ian, ter brigado com a sua melhor amiga . Céus - passa a mão pelos cabelos - Vejo que isso não era bobagem alguma , era tudo verdade ! Você briga com Nina e em seguida vem pra cá para ficar aos amassos com minha irmã , que merda de amigo você pensa que é? - Eu nunca tinha visto Joseph dessa maneira . Ele é sempre muito calmo .

- Não vem nos culpar porque a patinha feia tá fazendo cena - diz Nikki rolando os olhos .

- Caralho! - Esbravejo - quantas vezes terei de falar para você não desmerecer Nina?

- Qual o problema? Ela me chama de vadia - diz Nikki emburrada .

- Que se foda! Ela só tá falando a verdade - digo e ambos presentes arregalam os olhos - quer saber? Vem Joseph , eu quero me resolver com a minha amiga - digo por fim.

- Tem certeza de que não prefere ficar aqui comendo minha irmã? - pergunta sarcástico .

- Olha Joseph , eu sei que o que eu fiz foi errado , mas ainda sim ,somos amigos . Eu nunca a magoaria propositalmente. A colocaria antes de tudo - digo e Nikki me olha incrédula.

- Até de mim? - pergunta . Será que até antes dela ? .

- Depois nos falamos - lhe dou as costas.

Olho para onde Nina se encontrava e vejo a mesma conversando animadamente com Liam . O que aquele idiota tá fazendo com a minha pequena? . Vou em direção aos dois o mais rápido possível. Joseph vinha atrás tentando me acompanhar.

- Oi Candice , Liam não deveria estar em aula? - pergunto.

- Sim , mas eu vim falar com Nina - diz . O olho confuso e o mesmo trata de explicar - Eu precisava saber sobre sua resposta sobre sexta-feira - Candice olha confusa para Nina que está envergonhada.

- Sim sexta-feira​ , eu convidei Nina pra sair e ela aceitou - diz sorrindo abertamente acompanhado de Nina . Quando o mesmo sai e trato de falar com Nina.

- O QUÊ? - olha aquele sentimento novamente ...

Como assim ela aceitou?

- Como assim , você aceitou? - pergunto para Nina.

- Bom que eu saiba eu sou uma mulher solteira , e o Liam é um garoto lindo , inteligente e gosta de mim - me olha como se fosse óbvio.

- Mas você não gosta dele! - digo e ela me olha surpresa.

- Como você pode ter certeza de que eu não gosto dele ? - pergunta levantando uma sobrancelha . Parece que acabei de levar um soco na boca do estômago.

- Bom ... Eu ... É que ...

- Viu , você não sabe . E mesmo que eu não goste dele eu vou tentar , por que ele sim me dá valor , e ele sim se importe comigo . Agora se me dêem licença eu vou para casa - diz e se retira . O tempo passou tão rápido que eu nem percebi que o professor faltou então​ não tivemos aula . Fico parado no mesmo lugar completamente chocado com o que acabou de acontecer .

- É camarada , acho que você tomou um fora - diz Joseph.

            #Quebra de tempo#

                 (Nina POV)

Chego em casa e me jogo em minha cama , o dia foi péssimo . Enrosco-me em meu travesseiro e coberta e durmo .

                       (...)

- Cheguei! - diz minha mãe no andar de baixo . Olho para meu relógio e no mesmo marcava 19:00 , obviamente lá fora já se encontrava escuro . É , parece que dormi bastante. Desço as escadas devagar , ainda estava meio grogue. Já no andar de baixo , mais especificamente na cozinha. Eu encontro minha mãe esvaziando as sacolas de compras . Vou em sua direção ele dou um beijo .

- Oi mãe - digo.

- Oi amor , como foi seu dia - Péssimo - normal....

- Como sempre?

- Sim , meu dias são sempre a mesma coisa - digo - Bom mãe , eu vou ir tomar um banho e já te ajudo a preparar o jantar .

- Tá bem , mas antes eu queria saber , você já viu algum emprego? - Eu havia feito aniversário a uma semana , 18 anos para ser exata . Com essa maior idade eu decidi que seria melhor procurar um emprego para me sustentar . De início minha mãe não gostou muito , a mesma disse que eu precisava estar completamente focada nos estudos, mas ,com um pouco de conversa e explicação de que eu tinha 18 anos e precisava começar a me sustentar e juntar um dinheiro para pagar a faculdade , a mesma concordou.

- Não achei nenhum ainda, mas, eu prometo que assim que possível eu irei conseguir um - digo .

- Eu estava pensando que talvez lá no shopping onde eu trabalho possa haver alguma loja por perto que precisa de ajudante por hora , eu posso tentar ver se acho algo para você - diz sorrindo .

- Obrigada mãe, isso seria ótimo - digo sorrindo.

- Tá bem , amanhã de manhã eu irei ver se consigo algo para você - sorri - Agora, vai tomar um banho.

Suba as escadas do meu quarto olho para a minha mesa do computador e vejo várias fotos espalhadas pelo mesmo, tinha fotos do meus amigos, do meu primo Joseph,de minha mãe obviamente, e até mesmo de Edna mãe de Ian. Mas meus olhos estão focados em um porta-retrato especial tirado em um parque magnífico , nesse porta-retrato se encontrava eu e Ian ambos abraçados enquanto sorríamos para câmera. Nessa época Ian ainda não namorava com Nikki , ou seja , nós dois éramos muito grudados, hoje infelizmente isso não acontece mas espero que um dia volte acontecer.

Continua?


Notas Finais


Capítulo não revisado então me desculpem qualquer erro ortográfico.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...