História Meu melhor amigo - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias Candice Accola, Ian Somerhalder, Joseph Morgan, Nikki Reed, Nina Dobrev, Paul Wesley
Tags Nian
Visualizações 163
Palavras 812
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Esporte, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Gente eu fiz esse POV do Ian agora , tipo nesse exato momento . Eu tive uma grande idéia para esse capítulo , e sim o POV é pequeno propositalmente . Espero que gostem do capítulo . Bjs 😘 com nutella.

Capítulo 8 - Boa sorte com essa daí


Fanfic / Fanfiction Meu melhor amigo - Capítulo 8 - Boa sorte com essa daí

                        (Ian POV)

Brigar com Nina é horrível ,me parte o coração vê-la tão irritada e mesmo que não deixando transparecer ela estava triste por algo. Mas porra! Eu só queria saber o porquê dela estar com Liam , ou até mesmo se ela estava gostando dele , mas que merda! Por que eu estou assim? Ver Nina com aquele mauricinho do Liam me deixa mal , irritado. Mas por que? Inúmeras​ perguntas rondavam minha cabeça como um turbilhão de emoções , perguntas sem respostas , sentimentos bagunçados , negação . Tudo isso estava englobado neste momento . Eu estou ficando louco! Decido sair para empairecer os pensamentos ou caso contrário precisaria me internar em um manicômio. Ando pela cidade sem nenhum destino sequer. Paro na praça onde eu e Nina passamos grande parte da infância juntos , memórias nossas passam como um filme em minha cabeça. Mas tudo acaba assim que eu vejo alguém que eu conhecia bem se agarrando com um garoto. Não acreditando no que se passava diante de meus olhos eu me aproximei , e quando estava próximo o suficiente percebo que se tratava do que eu havia imaginado . Era Nikki , a mesma estava se agarrando com Jonathan , as peças estavam se encaixando como um quebra-cabeça para mim , o dia da quadra , o medo dela de eu descobrir algo , as saídas misteriosas com amigas que eu nem sequer sabia o nome e por fim a frase de Nina à pouco “ Abre o olho para o que se passa bem debaixo do seu nariz , porra!” . Tudo fazia sentido. Jogo Jonathan no chão em um único puxão , desta forma assustando aos traidores à minha frente . Nikki me olhava completamente assustada , Jonathan não se encontrava muito diferente.

- A-amor? Eu.. eu posso explicar - diz Nikki.

- Sério que você quer tentar me explicar algo? Eu posso ser lerdo e confesso que você me enganou direitinho , mas não sou cego - digo dando um sorriso irônico.

- Mas..mas - tenta dizer.

- Cala a porra da sua boca . Todos me avisaram , mas eu como um idiota preferi acreditar em você , preferi acreditar em uma pessoa que não possui amor próprio , em uma pessoa que não tem escrúpulos e dignidade . Não precisa me explicar nada e nem tente por que só estará gastando seu tempo - digo - Eu acho que nem preciso dizer que tá tudo acabado entre nós né? Por que se você pensou ou sequer imaginou que nós iríamos continuar a namorar , você está completamente errada. Sabe , eu não sei como você tem a cara de pau de falar qualquer coisa sobre a Nina , diferente de você ela é bondosa, linda , uma pessoa boa , mas você é apenas um ser humano lixo, um ser humano que pensa que precisa passar por cima dos outros para se sentir superior , mas adivinha? Desta forma você não irá conquistar ninguém , você morrerá sozinha por que ninguém irá querer você , até por que não dá pra conviver como um ser como você - digo por fim e me viro para Jonathan que encarava a cena chocado.

- Boa sorte com essa daí - dou um tapinha de leve em seu ombro - você vai precisar - digo e me viro de costas para os dois que me olhavam chocados.

Saio dali o mais rápido possível.

Sabe quando você termina um namoro e em seguida pensa em tudo que você deixou para trás , em tudo que vocês poderiam ter sido , na vida em que poderiam ter tido? Poisé eu não sinto nada disso , não penso na vida em que poderíamos ter tido , não penso nos seus beijos e nem penso em que um dia eu irei sentir falta deles. A única certeza absoluta que eu tenho neste momento é de que descobrir essa traição e terminar com Nikki foi uma das melhores coisas em que poderia ter me acontecido. Outra das certezas de que tenho é que eu de fato nunca amei Nikki verdadeiramente , paixão adolescente é a melhor definição para isso. Terminar com ela me faz sentir livre , como se um peso fosse retirado de minhas costas , me sinto feliz. Meus pensamentos são todos voltados à Nina neste momento , suas palavras foram tão diretas , me causaram um grande impacto, de uma forma que nunca imaginei.

Volto para casa , e meu ânimo está ótimo . Mal percebo e a noite já está presente. Tomo meu banho e vou direto para o meu quarto , me deito em minha cama e penso em como minha vida mudará daqui para frente, só que desta vez para melhor. E é com esses pensamentos que eu durmo bem pela primeira vez em minha vida .

Continua?



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...