1. Spirit Fanfics >
  2. Meu Melhor Amigo (NaruSasuNaru) >
  3. Lágrimas De Sangue - P4 : Vou Ter Que Superar...

História Meu Melhor Amigo (NaruSasuNaru) - Capítulo 58


Escrita por:


Notas do Autor


Oiee de novoo 💜

É... consegui bater minha meta de lançar 2 capitulos só hj pra compensar a demora dos outros capitulos kkkkkk amém!! Kkkk

Espero q gostem! 💖

BOA LEITURA 💜

Capítulo 58 - Lágrimas De Sangue - P4 : Vou Ter Que Superar...


Fanfic / Fanfiction Meu Melhor Amigo (NaruSasuNaru) - Capítulo 58 - Lágrimas De Sangue - P4 : Vou Ter Que Superar...

OBITO

É... acho que agora eu não tenho mais chances com a Kushi né?... Ela Se apaixonou por ele...

Ela me mandou uma mensagem e disse que queria me encontrar na Sorveteria... eu fingi q não sabia de Nada e fui... Ela foi bem gentil e cuidadosa em dizer que havia escolhido o Namikase... mesmo assim não pude deixar de sentir um pouco de raiva dela e principalmente dele... bom... na verdade... eu só fiquei magoado com ela... já com ele eu sentia vontade de esfolar a cara dele no chão. 

Eu fingi q aceitei na boa e ela pareceu estar muito feliz por não perder minha amizade.

Bom... fazer o q? Eu vou ter que supera-la...

QDT *6 anos depois*

Porque é tão difícil esquecer alguém!? Mesmo depois de todo esse tempo eu não esqueci ela... Eu já sai com outras garotas mas nunca nada serio por causa dela... eu ainda não consegui esquecer...

O Minato acabou fazendo faculdade de administração e começou a montar uma nova empresa. A empresa Namikase. Mas ela era uma empresa muito mixuruca, ele era pobre e nem sei como conseguiu faze-la... mais isso não me importa... essa empresa não chega nem aos pés da minha.

Ela se casou com o Namikase maldito há dois anos atrás... eu até fui um dos padrinhos além da Rin e o Kakashi... eu chorei um pouco durante a cerimonia... mas não de emoção... e sim de tristeza... eu que queria estar lá com ela... mas... aquele Namikase miserável se meteu no meu caminho e roubou ela de mim...

Somente a Rin, o Kakashi e o Fugaku Sabiam que eu ainda amava ela... eles sempre tentavam me consolar... e também tentavam me fazer esquecer essa raiva que eu tenho do Minato... eu só fui o padrinho do Casamento porque ela me pediu... até ela sabe que eu não gosto do Minato mas mesmo assim insiste em tentar fazer nós sermos amigos...

Eu chorei muito aquele dia... e o Fugaku que me consolou... meu irmão é muito precioso pra mim... me ajudou muito a superar aquele dia... aquele q foi o pior da minha vida. Bom... era o q eu achava...

RIN- Bora Tobi! - Chamou a mesma que se encontrava junto ao Kakashi. 

Rin estava começando a faculdade de Psicologia. A mãe dela havia ficado doente por um bom tempo e ela teve q decidir entre cuidar dela ou ir para a faculdade, e ela como Ótima Filha escolheu cuidar da mãe até os últimos dias de vida dela... ela acabou morrendo ano passado, somente esse ano ela havia começado a faculdade mesmo...

E Kakashi... bom... agora ele estava fazendo estagio de professor na nova escola que haviam construído. Bom... tenho pena dos futuros alunos dele haha provavelmente vai ser vergonha alheia atrás de Vergonha alheia hahaha.

Eu fiz faculdade de Administração também por conta da empresa do meu pai. Mas graças a Kami não foi na mesma Universidade do Namikase. Agora eu era Vice-Presidente da empresa Uchiha's Compani.

OBI- E ai Senhor assexual - Disse em um tom mais alto do q planejei acabando por fazer algumas pessoas nos olharem.

KAKA- Já te falei que eu Não sou Assexual - disse minimamente enfurecido.

OBI- Mas você nunca gostou de ninguém, quase certeza que você é virgem. - Falei.

RIN- Já esqueceu que ele se assumiu gay quando ainda éramos crianças? - Disse e eu assenti - Se ele se assumiu gay é porque já gostou de algum garoto não é? - Deu um olhar cumplice pra mim.

OBI/RIN- QUEM É!? - Perguntamos ao mesmo tempo com enormes sorrisos no rosto.

KAKA- Oras, Não é da conta de vocês. - Cruzou os braços e seu rosto ganhou um tom avermelhado. 

RIN- Aaaa que Kwaii !! - Disse parecendo uma adolescente surtando.

OBI- haha Primeira vez que te vejo Tão fofinho assim Kakashi. - Falei com a Voz fina a fim de provocar ele o q não deu certo só o fez corar mais.

KUSHI- Oi gente! - Chegou sorridente e linda como sempre. - O q vocês estão fazendo aqui - ela se aproximou segurando a mão do Namikase q estava ali do lado.

RIN- Nós tínhamos combinado de sair por ai - Disse com um sorriso. -E Vocês o q estão fazendo aqui? - Perguntou.

A mesma sorriu cumplice pro Marido. 

KUSHI- Eu conto ou você conta? - Perguntou animada enquanto nós boiávamos.

MINA- Pode contar - Falou com um sorriso.

KUSHI- Tá Bom... lá vai... estamos indo pro Médico porque... NÓS ESTAMOS GRAVIDOS! - Sorriu aberto.

RIN/KAKA/OBI - OQ!? - Perguntamos espantados.

RIN- QUE COISA BOA KUSHI! PARABENS PRA VOCÊS! - Disse sorridente mas logo em seguida seu sorriso sumiu e ela olhou pra mim aparentemente preocupada.

KAKA- Parabéns a vocês dois ! - Deu um sorriso por debaixo da mascara e logo olhou pra mim com um olhar minimamente preocupado.

KUSHI- Tá Tudo bem Tobi? - Perguntou ao me ver cerrando os punhos e fitando o chão.

Em um movimento rápido eu depositei um soco na cara do Namikase surpreendendo a todos ali.

RIN- Obito! - Repreendeu.

KAKA- Caramba Obito! Você ficou maluco! - Segurou meus braços.

KUSHI- MINATO! - Gritou indo ao encontro do Marido para socorre-lo - Você está bem!? -Perguntou meio desesperada.

MINA- Calma meu amor, eu estou bem, segurou as mãos da mesma e lançou um sorriso fraco para ela, porem logo me fitou e seu semblante fechou.

RIN- Para com isso Obito! - ficou de frente para mim.

KUSHI- Por que...? - Falou baixo - porque você fez isso Obito? - Perguntou de costas para nos.

OBI- Porque eu ainda te amo!... - Falei com os olhos marejados. - Eu te amo muito e esse era pra ser nosso filho. - Falei deixando minhas lagrimas caírem. - Eu queria ficar com você... eu nunca quis ficar com mais ninguém além de você. Mas esse Namikase maldito entrou no meu caminho! Ele roubou de mim!! E agora roubou nosso filho também!! - Quem ouvisse aquilo poderia pensar que eu enlouqueci. Mas para mim fazia toco o sentido.

KUSHI- ISSO NÃO É MOTIVO!!!  E SE VOCÊ ME AMASSE TANTO ASSIM IRIA QUERER Q EU FOSSE FELIZ COM QUEM EU AMO!! - Gritou enfurecida - VOCÊ BATEU E INSULTOU MEU MARIDO!! VOCÊ FICOU LOUCO!! - Gritou com os olhos marejados - Eu achei que você tinha superado sua infantilidade mais vejo que não!! Eu tentei! Eu juro que tentei ser sua amiga apesar de tudo mais não dá mais!! - Falou algo Deixando uma lagrima cair.

MINA- Kushina Se acalma, Não vale a pena! - Disse tentando acalmar a esposa.

KUSHI- SE VOCÊ ENCOSTAR NO MEU MARIDO DE NOVO EU VOU-

RIN- Calma! - Falou para a amiga.

KUSHI- Não dá mais Obito... desculpa mais não dá... não me procura mais. - Disse secando suas lágrimas.

OBI- É isso!? Você vai me trocar por ele!? - Perguntei magoado.

KUSHI- Você é meu amigo, ele é a Minha família, eu tentei continuar sendo amiga sua porque eu tenho muito carinho por você mais você não gosta do meu marido e além do mais agrediu ele. Não dá!! Eu cansei disso!! Some e nunca mais me procura por favor! - disse se aconchegando nos braços do marido.

A mesma o abraçou virando de costas pra mim enquanto ele me fuzilava com olhar.

Eu simplesmente sai de lá enfurecido e magoado.

RIN - OBITO! - Correu em minha Direção Junto ao Kakashi.

OBI- Me deixem em paz... - Pedi em tom baixo.

RIN- Não vamos deixar você sozinho! Você tem que parar com isso Obito!! Eu te entendo mais mas mesmo assim... você passou dos limites! - falou desacreditada.

OBI- Eu falei pra vocês me deixarem em paz!! - Falei mais alto.

Kakashi segurou o braço da Rin a fazendo parar de andar e fita-lo. Ele negou com a cabeça como se dissesse pra ela me deixar ir.

Não estava com cabeça pra conversar com niguém... eu estava em uma mistura de raiva e tristeza insuportaveis pra mim...  prescisava de um tempo sozinho...

CONTINUA...


Notas Finais


Obrigada por ler! 💖

Deixem seus comentarios!

Bjs até a proximaa 💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...