História Meu melhor natal e ano novo - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Haikyuu!!
Personagens Shouyou Hinata, Tobio Kageyama
Tags Kagehina
Visualizações 30
Palavras 812
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiii
Foi mal a demora.
Tava sem inspiração.
Espero que gostem e desculpem qualquer erro!

Capítulo 2 - Barulhos


HINATA ON

- Entra.

Eu simplesmente não acreditava no que tinha acabado de falar. EU tinha aceitado tomar banho com o Bakageama e ainda havia perguntado se a porta estava trancada. Agora parando para pensar essa frase soou BEM estranha.

HINATA OFF

KAGEAMA ON

Eu realmente não acredito que eu consegui perguntar isso para o Hinata e ainda mais ele ACEITOU! Mas uma coisa que realmente me pegou de surpresa, e não foi a parte em que ele aceitou, foi ele perguntar na maior tranquilidade se a porta do quarto dele estava trancada. É parando para pensar soa meio estranho.                                        Ignorei os meus pensamentos e entrei no banheiro. Praticamente todo o vapor que tinha no banheiro se desperçou quando abri a porta, e com isso o calor também.

-Bakageama!! 

-Que? 

-Tá frio! Fecha a porta. Baka!

-Foi mal. E não me chama de idiota, Hinata boke.

Fechei a porta do banheiro e comecei a analisar, tinha algumas revistas e óbvio que elas eram de vôlei, o tapetinho tinha uma bola de vôlei. Sou tirado dos meus pensamentos por alguém me chamando.

-Kageama! 

-Kageama!!

-Oi 

-Você vai entrar ou vai ficar ai parado?

Olhei para o local da onde a voz vinha, via apenas um vulto de um ser pequeno e uma cabeleira laranja. Comecei então a tirar a minha roupa, pouco tempo depois, já  desprovido de roupas tomei rumo ao box. Ao entrar vi como Hinata me olhava, ele parecia estar me secando. Ok não posso negar que também estava o secando. E como ele tinha um corpo perfeitinho, já tinha visto ele só de bermuda no vestiário do time, mas agora com a água escorrendo pelo seu corpo ele tava... tava tão sexy. Não creio que estou falando isso. Fui chegando mais perto dele, a água do chuveiro começou a cair em mim, quando dirigi meu olhar para baixo para encarar o hinata, vi que ele já me encarava, nossos olhares se encontram acabei desviando para a parede. 

KAGEAMA OFF

HINATA ON

Kageama entrou no box e comecei a secar o corpinho maravilhoso do "rei". Ele começou a se aproximar de mim e chegou tão perto que a água do chuveiro começou a cair nele. eu já o encarava quando ele dirigiu o olhar para baixo fazendo assim com que nossos olhares se encontrassem, e rapidamente desvio o olhar para baixo.

HINATA OFF

KAGEAMA ON

Simplesmente não aguentei ficar pardo dei mais um passo e o abracei, e fui prontamente correspondido. Tava simplesmente maravilhoso ficar agarradinho em baixo do chuveiro com o Hinata. Mas o nosso "momento" foi interrompido por uma voz nos chamando.

-shouyou, tobio-kun! 

-Sim(Hinata e Kageama respondem juntos)

-Se arrumem rápido para podermos começar a ceia. 

-Mãe, há estamos descendo.- o  Hinata responde.

Juro que não queria que esse momento acabasse. Quando fui desfazer o abraço o Hinata me chamou

-Kageama, posso te pedir uma coisa?

-Pode.-respondi rapidamente.

-E-então você p-poderia...- O enterrompo.

-Fala logo e não gagueja!

-Nada, esquece.

Falou saindo do box. Óbvio que não deixei por isso. Passei o meus braços pela sua cintura e o puxei tão forte que acabou com as migas costas na parede. Ele rapidamente se virou colocando suas mãos no me abdômen, e perguntou preocupado.

-Kageama você Tá bem?

Não o respondi. Fiquei encarando seus lábios, estavam tão convidativos. Não resisti. Subi uma das minhas mãos que estavam na sua cintura para o seu pescoço e o puxei para mim. No inicio foi um simples roçar de lábios, mas logo suas mãos que estavam no meu abdômen, se entrelaçam no meu pescoço. Entendo isso como um sim e peço passagem com a língua que é prontamente aceita, começando um beijo quente. A falta de ar se fez presente, no separamos e nos encaramos.

-acho que é bom nós irmos la para baixo.

-S-sim.

O Hinata me responde completamente corado e envergonhado. Saímos do banheiro e nos trocamos, toda vez que nossos olhares se encontravam eram prontamente desviados, para algum ponto onde o outro não estivesse presente. Ao sairmos descemos as escadas como se nada tivesse ocorrido. Encontramos todos já sentados na mesa nos esperando, sentamos e começamos a jantar. Tudo tranquilo até a pergunta da Natsu.

-Nii-chan.

-Sim.

-O que você é o Kageama-Kun estavam fazendo?

-Natsu, eu estava tomando banho. Mas por que a pergunta?

-É que eu escutei um barulho estranho vindo do seu quarto.

Pronto agora já era. Se alguém olhasse para mim me confundiria com um tomate ensopado já que toda a água que o Hinata estava tomando foi para em mim.

-Hinata!!!!

-K-Kageama desculpa!!!!

KAGEAMA OFF

HINATA ON 

Meu deus eu quero matar a minha irmã! E o Kageama quer me matar a cara dele Tá me dando muito medo. Graças a Deus minha mãe chamou a nossa atenção.

-Me desculpa Tobio-kun pelos meus filhos. Shouyou...

- Não tem problema Senhora Hinata, vamos só ignorar isso é continuar com a janta, e depois eu tomo banho.

Assim continuou o jantar.depois da troca de presentes cada um foi para o seu quarto. Entro no quarto sendo seguido pelo Kageama que  fecha a porta atrás de si e a tranca. 









Notas Finais


Espero que tenham gostado!
Kiss >3<


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...