História Meu Namorado é um Idol - Capítulo 18


Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Romance
Visualizações 23
Palavras 2.973
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Adolescente, Mistério, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Bom, sei que fiquei sumida por muito tempo, e peço perdão por isso, são provas, agora trabalho, e infelizmente não estava tendo muito tempo. para quem acompanha aqui e no wttp, vou pedir perdão, a história so vai ser postada por aqui até um certo tempo, a V não anda me respondendo, e eu sei o motivo, ela anda muito ocupada, mas em breve ela estará de volta. espero que não desista de nós, a fanfic está perto do final, espero que vocês gostem das surpresas que estão por vir, continuem nos acompanhando aqui, e comentem muuuuuito. eu, Camilly, estou me dedicando por demais nessa fanfic, e espero muito que vocês gostem.
bom, chega de enrolação, aproveitem o novo capítulo tão esperado, lembrando que estamos nos últimos dias da Hannah na Coréia.
não esqueçam de comentar, isso me incentiva a continuar. bom, até o próximo capítulo

Capítulo 18 - Vésperas


Fanfic / Fanfiction Meu Namorado é um Idol - Capítulo 18 - Vésperas

Nem parece, mas ja se passaram dez dias depois daquela "discussão" que eu tive com Taehyung. - sim, rápido né.

Desde então, ele continua me negando um pouco, faz o possível para não ficar triste enquanto estamos juntos.

Nesses dez dias que se passaram ele me levou para vários lugares - foi um pouco difícil, por conta do medo das pessoas o reconhecerem, mas conseguimos.

Sempre quando alguém suspeitava dele, eu instantaneamente falava um nome. - quando o parava, ele sempre falava "sou um menino que faz o cosplay dele". E eu? Morria de rir- fomos também ao Shopping a noite, quando estava prestes a fechar. Taehyung me mimou demais, comprando coisas para mim e para ele.

Tiramos altas fotos naquelas cabines que revelam na hora, e confesso que nessa hora me deu vontade de chorar, por saber que esse ato não aconteceria novamente.

Fora os museus que visitavamos.

Eu vou sentir tanta falta.. - E lembrando da minha mãe, a mesma foi embora tem quatro dias, com um pé para trás, mas foi. Falou sobre o combinado, so mais uma semana e de volta para Califórnia, mandou eu e a Liah aproveitarmos bastante com a vovó, e é o que eu mais faço, nas horas em que eu não estou com o taehyung, é claro.

-Tae, vamos sair hoje?- perguntei enquanto afagava seu cabelo

- prefiro ficar em casa- disse

- e vamos fazer o que então?

-quer mesmo que eu fale o que iremos fazer?- perguntou me analisando

- não, seu palhaço- dei um leve tapa em seu ombro

- Ai- falou e fingiu chorar- isso doeu, Hannah

- Ai Céus, que drama- falei- daria um belo ator

- eu ja fiz um drama, sabia?- falou convencido- serio hannah, ainda dói- fez biquinho

- quer que eu faça o que?- perguntei

- quero um beijo- abriu um sorriso

- você não perde uma- falei

Não demorou muito para taehyung findar a distância que tinha entre nossos lábios.- taehyung delicadamente foi ficando por cima de mim aprofundando mais o beijo.

O jeito que taehyung mexia sua língua dentro da minha boca, me dava vontade de arfar e pedir por mais.- nunca me canso de aproveitar o máximo possível do beijo de Taehyung.

O beijo foi ficando mais lento, ate que virou simples selares no final, ate que a nossa boca se afastasse por completo.

- bom, teve o que queria- falei- vamos ver um filme pelo menos?- insisti

- ainda prefiro ficar deitado sem fazer nada, com você do meu lado- respondeu

- mas eu quero fazer algo, Taehyung- falei- não quero ficar so deitada

- tranca a porta, já que você quer fazer algo- olhou nos meus olhos- faremos- riu

- Não era você que não queria fazer nada???- perguntei incrédula

- mudei de idéia- disse- ja trancou a porta?

- calma merda- fui caminhando ate a porta para trancar a mesma.- pronto, fechei, ta feliz?

- Sim- respondeu cara a cara comigo

- como você veio parar aqui? - perguntei assustada

- sou mágico também

- você é convencido, isso sim

- talvez.... talvez sim, talvez não- disse dando passos para frente e eu para trás.- eu estava com tanta saudade- disse por fim me empurrando contra a porta e me beijando

Esse beijo não foi igual o que eu dei a ele na cama, foi diferente. - digamos que foi mais necessitado e mais... intenso?

Taehyung foi tirando minha blusa, e eu fiz questão de fazer a mesma coisa com a dele- quando tirei sua blusa, admirei seu abdômen e dei um leve sorriso.- sem demora voltei a beija-lo

Taehyung me pegou no colo, me fazendo cruzar as pernas em sua cintura. Em passos lentos, ele foi caminhando até sua cama, Taehyung sentou na beirada da mesma....

-hannah- falou um pouco ofegante, e eu respondi um simples "hm"- seu celular está tocando.

- deixa tocar- falei não me importando com o barulho da música.

Continuamos nos beijando não se importando com o barulho, mas chegou uma hora que, realmente se tornou incômodo

- Ja volto- falei dando um simples selar e saindo de cima dele.

Fui verificar quem estava me ligando, e fiquei furiosa quando li o nome da Liah nas chamadas perdidas.

- O que você quer?- falei logo quando ela atendeu

- Você esqueceu que combinamos de sair com a vovó hoje?- falou um pouco alterada

- merda.- falei- eu realmente esqueci que era hoje, é que horas mesmo?

- Agora! Ela esta te esperando, no caso nós duas estamos- falou- se despeça de Taehyung e vem logo, hannah!- disse tranquila

- ta ta ta- falei e desliguei o celular

Não, espera

COMO QUE?!

Fiquei em choque depois de raciocinar o que Liah tinha falado, como que ela sabia dele?

Como que ela sabia que era ele....?

-Tae- sem querer falhei na voz- eu tenho que ir agora, me desculpe

- Aconteceu alguma coisa- sentou na cama- você do nada ficou tensa

- praticamente

- o que aconteceu?- perguntou

-minha irmã sabe de você - sussurrei

- como?- perguntou

- eu não sei, olha, vou ter que ir.- falei saindo

- Ei- gritou- não está esquecendo de nada não?- perguntou rindo

- Ah Taehyung!- gritei, dei meia volta e depositei um selar em sua boca

- obrigado, e... não pense você que eu esqueci o que estávamos prestes a fazer- deu uma piscadinha

-bobo- falei saindo de seu quarto.

Desesperada eu praticamente "voei" até em casa, peguei o primeiro taxi que passou em minha frente.

Logo que cheguei em casa, procurei por Liah.- fui em seu quarto e nada, ate que fui no jardim da vovó e a encontrei com a mais velha.

-Liah, por favor- chemei a mesma

- Sim- me respondeu

- Vem aqui, quero falar com você.

Não falei mais nada, acho que ela entendeu o recado e me seguiu

- Ok- falei assim que entrei no meu quarto- como que você sabe?

- Sei de..?

- Não se faça de boba, você sabe muito bem do que eu quero falar

- Ah sim, do Tae? - perguntou e eu acenti- Você é péssima escondendo as coisas, sempre foi.- disse

- mas você sabe dele desde quando?- perguntei

- desde o dia em que vi uma mensagem em seu celular, escreito "kim n°1"

- Mas podia ser outro kim- falei

- podia, mas não era. Eu estava em dúvidas, mas teve outro dia que eu vi seu celular desbloqueado, e vi a foto de vocês dois, foi ai que cheguei a conclusão, fiquei surpresa e surtei, é claro. Minha irmã, com o meu utt, você pode me achar louca, ou até cometer algo de ruim, mas eu relevei, pensei na carreira deles e de como ele levaria as coisas, eu penso mais na saúde mental dele, e sei muito bem que muitos fãs tacariam hate. Mais uma conclusão que eu tive, foi quando você chegou em casa chorando, praticamente aos prantos, foi quando iríamos embora. Você foi me contando tudo e eu so fui juntando mais ainda as peças do quebra cabeça, pode ficar calma e confiar em mim. O seu segredo esta guardado comigo- falou

- eu não sei o que dizer- disse

- e não precisa dizer nada, sabe porque eu pedi para ficarmos só mais uma semana?- perguntou

- não -respondi

- foi para você ter mais uma semana com ele, ter pelo menos uns míseros 7 dias ao lado de quem você gosta, eu percebi que você ficou bem abalada, e ele do jeito que é, deve ter surtado. Eu te ajudei nesses 7 dias por causa de vocês dois- falou simplista, e confesso que meus olhos encheram de água. Nunca que eu ia imaginar esse lado da Liah.

- obrigada, de verdade - deu um sorriso- obrigada por pensar nele

- não so nele, como em você também, sei como o meu fandom reage quando suspeita quando um deles estão em um relacionamento

Escutando Liah falando aquilo, me deixou aliviada, demais.

- Bom, vamos vovó esta nos esperando la embaixo- falou e saiu do meu quarto

- Ainda bem que não sai brigando com ela- sussurrei- mas... quem diria a Liah assim

Comecei a me arrumar e desci depois de 20 minutos, fui rápida? Sim, até demais. Porém eu ja tinha atrasado nossa saída por demais.

- Vamos? - falei assim que cheguei na sala

- até quem fim minha querida, ja estava quase ficando em casa- disse minha vó

- ninguém vai ficar em casa hoje, vamos vamos- Liah falou nos puxando para fora.- eu dirijo

- Vó, tem tempo de desistir? - falei rindo

- Acho que sim, minha neta - falou

- Yah! Eu sei dirigir muito bem- Liah retrucou, mas logo começou a rir

-Vamos queridas, vamos- disse minha vó

Nossa primeira parada foi num dos restaurantes mais famosos de Seoul, Jihwaja é o restaurante preferido da vovó, ela sempre fez questão de nos trazer aqui.

Depois do Jihwaja, fomos para o shopping fazer compras, enquanto eu falava que não precisava de mais nada, minha avó insistia em comprar mais. Liah, pelo seu lado, aceitava tudo. Como ja estávamos no shopping, decidimos ir ao cinema.

- Hoje de fato, foi um dos melhores dias vovó - disse Liah ligando o carro

- gostaram meninas?- perguntou minha vó

- muito- respondi com um sorriso no rosto

- Vó, vamos passar no Jihwaja para jantar?- perguntou Liah

- Vocês querem? Estão com fome?- perguntou

- eu quero ir para casa- respondi

-Sendo assim, vamos para casa. Eu também não estou com fome- disse minha vó- você quer jantar liah?

- vou poder pedir pizza?- perguntou

- sim

- então vamos.

Chegamos em casa 45 minutos depois, mesmo a casa da vovó não sendo muito longe, pegamos um congestionamento.

-Vou ligar para pizza- disse Liah sentando no sofá

- Vó, posso dormir na So-ha hoje? Perguntei

- pode sim, me avise quando chegar- falou

Olhei para Liah e ela riu, no caso, deve ter entendido que não vou para So-ha, mas quando ela se ligou, simplismente fez um belo "O" com a boca.

- Ei! Vem aqui- me chamou

- eu não, vem aqui você- falei subindo as escadas

Entrei em meu quarto e não demorou 3 minutos para Liah chegar

- Você vai pro Tae né? - perguntou

- Sim- respondi, ja que eu não precisava mais mentir para ela

- você vai dormir la?- perguntou

- sim

- com ele? Na mesma cama?- perguntou

- Sim

-Ai meu Deus, Hannah vocês ja transaram?- Gritou

- Caralho Liah, fala baixo- gritei de volta- e sim, liah, já

- É grande?- perguntou com a mão na boca

-LIAH!

- Não respondeu, então é pequeno- falou simplista

- não acredito nisso- botei a mão no rosto

- é ou não é?- insistiu

- pra que você quer saber o tamanho da intimidade do meu namorado?- perguntei e ela deu de ombros

- ta ta ta- levantou as mãos em sinal desistência- mas... por favor

- É grande, liah. - falei -Pronto ta feliz

- Sabia

-oi?- perguntei

-Nada não, divirta-se- falou- estão usando camisinha né?

-Liah, sai- falei indignada

- Se estiver, não use, quero ter um sobrinho- falou rindo

- Garota, sai do meu quarto- falei me segurando para não rir.

Ela é maluca, so pode ser, eu sou muito nova para ter filhos, meu Deus

Mas se bem que...... eu acho que gostaria se fosse com o tae....

Fiquei pensativa

HANNAH! ACORDA! SEM FILHOS!

balancei a cabeça espantando esse pensamento maluco que Liah falou

Arrumei minha mochila e sai do meu quarto.

- Tchau gente, vó te ligo quando chegar lá- falei ja na porta de casa

- tudo bem, não esqueça de me contatar- falou

- Divirta-se Hannah- gritou liah e eu so revirei os olhos

- como que ela foi descobrir...- sussurrei.

Cheguei na casa do tae 30 minutos depois, os meninos estavam  na sala jogando

- Oi gente- falei com todos

- Oi Hannah- responderam em uníssono

- não precisar pedir tae, ja sei que vou dormir na sala- jungkook falou

- Ah, eu também vou- hoseok falou

- engraçado, eu também iria, Taehyung é muito barulhento, cara da uma controlada - yoongi disse e eu fiquei vermelha

- Conclusão, ninguém dorme do segundo andar hoje, se até o yoongi hyung não conseguiu dormir- namjoon falou

- engraçadinhos, ha ha- Taehyung disse, mas estava vermelho que nem um tomate

- Gente, parem olhe como ele está- Agora foi a vez do Jin se pronunciar - Vai logo Tae, eles vão ficar tirando sarro de vocês aqui

- vocês são uns idiotas- Taehyung falou subindo a escada 

- Vou receber isso como um elogio- gritou Jimin 

- desculpe- falou assim que entramos em seu quarto 

- por?- perguntei 

- Por eles, eu sei que você ficou com vergonha- falou 

- Ah, tudo bem. Sem problemas - falei 

Deixei minha mochila num canto qualquer, e deitei na cama. 

- Eu vou tomar um banho, depois eu fico aqui com você- Taehyung falou  

- Ei, quer companhia? Eu acabei de chegar da rua com a minha avó, e preciso de um banho- falei 

- Você ainda pergunta se eu quero companhia- riu - vamos- estendeu a mão pegando minha, me guiando  para o banheiro. 

Taehyung foi tirando a minha roupa lentamente, e em seguida fez a mesma coisa com a sua. - entrei  no box e regulei a temperatura do chuveiro,  logo em seguida Taehyung entrou e fez companhia comigo. 

Deixei a água escorrer pelo meu corpo, quando abri meu olhos, vi Taehyung analisando cada parte do meu corpo atentamente. 

- Parece que você vai me devorar- falei rindo

- Ei- começou a rir- talvez 

-tae???- comecei a rir- vai ficar ai me olhando, ou vai fazer algo? 

- hannah, Hannah...- falou se aproximando e deixando meu corpo colado junto ao seu. 

Ao sentir-se seu corpo, sorri animada ja pensando no que estava prestes a acontecer 

Seu corpo era lindo, e eu não cansava de admira-lo e elogia-lo, sempre quando eu tinha oportunidade de falar dele, eu falava sem pensar duas vezes. 

Taehyung levantou meu rosto delicadamente, e começou a distribuir selares em meu pescoço ate chegar em minha boca.- começou com um beijo, lento e calmo, que depois de segundos, foi ficando mais quente e mais necessitado. 

Não demorou muito para Taehyung me por em seu colo, ao encostar minha costas na parede gelada, senti arrepios 

Estávamos colados um ao outro e isso me deu um tesão enorme. - comecei a arfar entre o beijo, Taehyung era muito bom no que fazia, e sabia muito bem me deixar rendida. 

Foi me descendo meu corpo lentamente,  até que meu pé tocasse ao chão. -  Taehyung deslizou sua mão pelo meu corpo, até chegar em meu clitóris, ali fazendo movimentos circulares, e não demorou muito para penetrar dois dedos, ao fazer isso, suspierei fundo ao sentir algo tão bom, Taehyung sabia os locais  aonde eu mais sentia prazer, me deixou totalmente imóvel enquanto me fez sentir tal coisa 

Cara a cara com ele, apenas gemi. Taehyung começou a me beijar ferozmente, ele conseguia se concentrar, mas eu não. Fiquei totalmente entregue a ele. Ate que quando eu menos esperava e parou, me pegando de surpresa. 

Saiu do box, mexeu numa das gavetas, provavelmente procurando um preservativo, enquanto ele fazia isso, eu fui tentar me recompor. 

Escutei a porta do box se abrindo, e quando me virei, percebi que ele ja estava com o preservativo em seu membro. 

Ele me colocou de cara com a parede e se posicionou-se  por trás de mim.-  De forma rápida, ele foi  penetrando de uma vez, e ao senti-lo gemi de prazer. 

Taehyung foi preciso com os movimentos, senti sua respiração em meu pescoço, gemendo baixo perto do meu ouvido, foi me deixando mais excitada do que ja estava. 

Gemendo para ele, eu fiquei por um tempo enquanto fui invadida por tal satisfação. 

- mais rápido - falei para ele- me mostre  o que é capaz de fazer. 

Taehyung me virou e me colocou de frente para ele. Novamente me pôs em seu colo, com uma mão me segurou e com a outra posicionou seu membro dentro de mim. E sem demora, me penetrou 

- Isso, geme para mim- falou em meu ouvido 

E eu? Fiz o que ele queria, gemi alto, cheia de prazer, Taehyung era bom no que fazia e gostava de deixar isso claro. Com os movimentos mais precisos ele me fez  gemer alto, eu tentava me controlar, mas não conseguia 

O prazer era tanto que eu não queria me afastar dele por nada. O tesão  era tanto que eu não conseguia esconder. 

Senti meu corpo todo estremecer, eu não consegui aguentar e acabei gozando, colocou meus pés no chão, e logo depois percebi que o mesmo ja tinha gozado. 

- isso...foi incrível - falou ofegante 

- como sempre, você me deixando surpresa- sorri e alisei seu rosto 

- Digo o mesmo de você- sorriu 

Terminamos o nosso banho juntos, e não fizemos mais nada, além de trocar beijos e algumas carícias. 

Vesti  meu pijama e sequei meu cabelo, quando terminei tudo fui para cama. Depois de 5 minutos, Taehyung deitou do meu lado com seu pijama de sempre, moletom e uma calça. 

Taehyung me abraçou e disse coisas lindas ao meu ouvido, me desejou boa noite e distribuiu um selar em minha boca. 

Me puxou mais para perto de si, e dormiu- Eu sempre fiquei surpresa com a facilidade que ele tem para dormir, enquanto ele dormia, fiquei analisando cada detalhe de seu rosto. 

Meus dias aqui estão acabando, e eu vou sentir tanta falta disso, tanta falta de ficar assim, agarradinha com você.... 


- Taehyung, mesmo que você não saiba, você tem o melhor de mim, eu te amo- sussurei e lhe dei um selar 







Notas Finais


E aqui estamos, espero que tenham gostado, e não esqueça de comentar o que achou sobre esse capítulo.
Beijão, amo vocês


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...