História Meu Namorado e um Rockstar- sasusaku - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Visualizações 305
Palavras 857
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 10 - Solução infalível(ou não)


E agora o que faço, to fudida, tô fudida Porra porra. Por favor Deus me ajuda me leva agora. Sinto falta de ar, meu coração está batendo rápido. Acho que irei desmaia, até que sinto uma mãe. E as meninas, e agora. Elas conversam eufóricas por saber que sasuke tá ali e ainda que hinata que não sei o que veio aqui e meio que amiga intima dele. Não consigo prestar atenção, só consigo pensar de forma falha em como fugir me esconder. Que situação horrível, sempre evitei romances e homens por isso. Porque um já serve para destruir um psicológico. Então era melhor nenhum. O pior é que ele não é nada meu, e ainda gosta de me provocar e me deixar  na minha pior forma.

Nossa e agora, observo novamente a situação procurando uma saída, tentem me olha estranho e me puxa pela mão, só ai percebo que elas estão se aproximando deles, sinto que todo ar sai do meu corpo, quando vejo o uchiha abrir a boca para se pronuncia. Entao vejo que uma única palavra dele acabaria com tudo.

Então os céus me escutam, quando avisto minha mãe e sua bozina extremamente irritante que antes odiava e agora amo. Saio correndo sem me despedir de ninguém entro quase correndo e mando ela ir.

-mas filha eu ia oferecer carona as suas amigas.

- mãe elas não querem vamos por favor. Quase imploro. Antes de da partida vejo o sorriso cafajeste do uchiha e percebo. ELE FEZ DE PROPÓSITO. E alguma vingança imagino. Preciso tirar isso a limpo e ainda manda ele pra puta que pariu e me deixar em paz (Nossa ultimamente estou falando muitos palavrões) dou um sorriso, aquele idiota estava lindo. Balanço a cabeça tentando afastar esses pensamentos.

Chegamos em casa, deito no sofá e mas um dia.

- Sakura vai agora tomar seu banho para almoçarmos.

Subo devagar como se tivesse 1 tonelada nas minhas costas. Tenho consciência tenho que para e encarar os desafios.  E o primeiro e o maior e ele. Resolvo faltar a escola no outro dia e ir atrás do uchiha. Sim irei fazer isso. Tomo banho, e desço meu pai ainda não chegou então eu e minha mãe comemos. Subo para o meu quarto pensando em cada detalhe de o que falar e como falar pra que ele entenda de vez que essa coisa que rolou não existe e nem nuca existiu. Durmo com isso na cabeça. Quando acordo me surpreendo por não ter tido um pesadelo kkkk.

Tomo banho, visto o uniforme pego minha bolsa e desço, mas antes coloco algumas coisas na bolsa. Caso eu precise como dinheiro, esprei de pimenta, e assim vai.. kkkk.

Chego na cozinha e como bem e tudo, sei muito bem que só poderei voltar pra casa de tarde porque tenho aulas extras. Suspiro sério estava querendo desistir. 

Saio de casa e parto rumo a o ponto de táxi. Sério agora quero desistir e se minha mãe souber. Nunca tinha matado aula. Nunca sai da linha e por causa desse imbecil estou fazendo. Mas vem uma coragem súbita. E entro no carro. 

- qual o endereço. Puts e agora não sei o endereço fico olhando o senhor com uma cara de desespero. Até que me lembro. BINGO. Ligo para hinata.

- alo hina.

- saki, estou aqui na escola onde está. Paraliso o que ela está fazendo lá. Pensa rápido ela não pode contar.

- não irei hoje, ino e eu fazemos 10 anos de amizade tenho que compra um presente pra ela.

- nossa que legal.

- sim mas por favor não conta nada se não estraga a surpresa. 

- Ok pode deixar.. porcaria estou mentido assim na cara de pau.

- hee.hummm.hina será que pode me passar o número do sasuke. Assim e melhor ia ficar muito na cara que eu quero o número da casa dele. O merda eu podia simplesmente ter pedido logo a porra do número. Agora é uma bola de neve.

- ok irei manda por mensagem.

Ela me manda e eu ligo.

- ei menina faz 10 minutos que estamos parados será que da pra dizer logo ou então sai do meu táxi.

-espera...atedeu.

- quem e.

Respiro fundo. - sou eu Sakura.

- ahhh oi rosadinha.

-humm estou indo ai.

-na minha casa , nossa e nem precisei de um encontro.

-idiota quero falar com você. 

- ok então vem. 

-se estou ligando e porque quero saber onde é a sua casa burro se não há estaria ai.

- nossa que agressiva, o a primeira vez tem que ser com carinho.

Reviro os olhos.- fala logo. Ele passa o endereço  antes de abrir a boca para falar besteira desligo o telefone.

Chego a o endereço, e pronto fico estática e viro as costas pra ir embora.

- ei rosadinha não quer nem um beijinho. Burra burra agora ele pensa que eu quero transar com ele. Estou preparada pra correr quando sinto braços a minha volta ótimo.

KKKKK CAI NA REDE DO PESCADOR. MELHOR EU ARMEI Á REDE E ME JOGUEI NELA. MAS QUEM TÁ NA CHUVA E PRA SE MOLHAR.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...