História Meu namorado é um VAMPIROO!!! - Capítulo 23


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Drama, Ficção Adolescente, Kookv, Romance, Taekook, Vampiro, Vkokk
Visualizações 83
Palavras 1.497
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Fluffy, Lemon, LGBT, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi, oi people cá vai mais um Cap. da fic!

Espero que gostem!

AVISO: Hoje isto tá quente!!

Capítulo 23 - Hot!!!


Fanfic / Fanfiction Meu namorado é um VAMPIROO!!! - Capítulo 23 - Hot!!!

P.O.V Jimin

Nossa eu estava me sentindo no céu. Sentir aquela boca macia e gelada entrar em contacto com a minha estremamente quente foi a melhor sensação que já tive na vida. Então...pera aí, se o Yoongi ta me beijando quer dizer que...O MIMNHA SANTA OMMA JIN VOU PIRAR! O YOONGI TAMBÉM GOSTA DE MIMM!! HAHAHA FELICIDADE A DOBRAR. OK, te controla Jimin e só aproveita o momento. Yoongi tinha me puxado pela cintura me fazendo colar em seu corpo, levei minha mão até sua nuca tentando o sentir mais, sem nem perceber eu estava em seu colo. Senti suas mãos passarem pelo meu quadril e apertando o mesmo com certa força, o que me fez arfar contra o beijo.

 

P.O.V Yoongi

Eu já estava ficando louco. Como essa menino mexe com minha mente e meu fisico também. Mas só quando eu me apercebi que o mesmo rebolava lentamente no meu colo, que caiu a ficha. E se ele não quiser? E se ele me achar um pervertido depois e nem olhar na minha cara? Foi com esses pensamentos em mente que desmanchei o ósculo com delicados selinhos.

 

Yoongi: D-desculpa. (Disse recuperando o ar)

Jimin: Ai meu deus. (Disse completamente vermelho) E-eu que peço desculpas. É melhor eu ir embora. (Disse já me levantando do sofá pronto para sair, mas fui impedido de o fazer)

Yoongi: Não. Por favor fica mais um pouco e escuta o que eu tenho a dizer. (Disse puxando delicadamente seu pulso para que o mesmo sentasse ao meu lado no sofá)

Jimin: (Aí Jinsuis que nervoso, será que ele não gostou? Ou vai me descartar como um qualquer?) P-pode falar. (Merda!)

Yoongi: Primeiro eu queria pedir desculpas pelo...beijo...

Jimin: Se vai me dizer que foi ruim tudo bem eu posso....

Yoongi: Não! Me escuta....Esse foi o melhor beijo que eu já tive na minha vida, para começar (sorri e peguei uma de suas mãos a acariciando) Jimin...eu já gosto de você faz algum tempo, hoje eu ter te chamado aqui foi um pretesto para eu te poder contar o que sinto.

Jimin: Yoongi...(Disse já com os olhos marejados)

Yoongi: Eu gosto tanto de você Jimin, e eu sei que é reciproco. Eu sabia que você gostava de mim a muito tempo já, só que eu nem prestava muita atenção porque eu pensei que era só uma fase que a qualquer momento você fosse me esquecer e começar a crushar outro. No fundo eu senti medo, medo de me apaixonar e depois sair magoado. Eu fui idiota e tapado que te comparei com outros caras, sem ter nada haver, eu sei que você jamais me magoaria assim como eu não quero te magoar. Me desculpa por ter sido um grande idiota e te ter feito esperar esse tempo todo. Mas se você ainda estiver interessado e disposto, podemos tentar...o que acha?

Jimin: (Eu só chorava) É claro que eu quero. (Disse o abraçando)

Yoongi: (Sorri e retribui o seu abraço)

 

A gente ficou mais algum tempo ali namoriscando, trocando caricias e beijos apaixonados. Mas logo Jimin teve que voltar para casa, eu fiz questão de o acompanhar claro.

 

 

~(Tae e Kookie)~

P.O.V Kookie

O Tae nos levou para o meu quarto comigo em seu colo. Adentramos o comodo e ele fechou a porta com um dos pés e caminhou até a cama, me deitou desajeitadamente na mesma e ficou por cima de mim com uma perna em cada lado do meu quadril. Continuamos o ósculo, mas só que agora se encontrava tudo mais quente e selvagem porém cheio de amor. Tae se desfez de sua camiseta e tirou também a minha, me fazendo sentir um pouco mais aliviado. O mesmo atacou meu pescoço dando beijos, chupões e mordidas molhadas que deixariam marcas mais tarde. Senti seus digitos frios dedilharem meu abdomen o que me fez arrepiar a té aos pelos da nuca. Foi fazendo um trilho de beijos molhados até minha verilha. Eu já me encontrava completamente entregue a qualquer toque que Tae fizesse. Rapidamente se desfez do que nos atrapalhava(a calça) a atirou bem longe. Passou suas mãos pelo meu membro pulsante e deu um pequeno aperto na região.

 

Kookie: N-não me t-torture T-tae. (disse já enloquecendo)

Tae: Para você é daddy baby. Vamos diga! (apertei com mais força o seu membro)

Kookie: D-dady, por favor me chupe!

Tae: Claro baby! (Dei um sorriso satizfeito)

 

Logo o mesmo se desfez da minha box e começou a dar beijos na região. Eu estava tão sensível, que a cada toque eu gemia baixinho seu nome. Gemi mais alto arquiando minhas costas do colchão macio quando senti algo quente e humido no meu membro, Tae abocanhou meu membro fazendo movimentos de vai e vem lentos me torturando mais ainda. Levei uma das minhas mãos até seus fios sedosos e brilhantes na tentativa de ditar os movimentos, porém fui impedido.

 

Tae: Nem pensar baby. Você será punido severamente. (Disse pegando um lenço que estava na mesa cabeçeira)

Kookie: Não daddy, não me torture.

 

 

Sem dizer nada apenas dando um sorriso pecaminoso, Tae atou meus pulsos na cabeçeira da cama. Aí como ele me deixa louco. Senti o mesmo me masturbar enquanto beijava e mordiscava os meus mamilos já rijidos. Os unicos sons que se podia ouvir eram meus gemidos. Sinto o mesmo aumentar a velocidade com que me masturbava, eu sentia que iria chegar ao meu ápice a qualquer instante.

 

Kookie: T-tae eu vou...

 

Antes de eu terminar Tae abocanhou meu membro e me desmanchei dentro da boca do mesmo. Tae subiu e me beijou me fazendo sentir o meu próprio sabor. 

 

Tae: Eu queria te punir, mas não suporto te ter sem você me poder tocar. (Disse me soltando) Agora vamos brincar baby.

 

 

O mesmo me deu um beijo necessitado e cedento. Senti seu membro tocar o meu me nos fazendo gemer, só aí percebi que o Tae já havia se livrado de sua calça e sua box. Rossava seu membro na minha entrada pulsante. Levou 3 de seus dedos até a minha boca me fazendo lambelos com prazer, olhei para seus olhos e estavam repletos de luxúria.Logo Tae me olhou como se estivesse pedindo permissão para começar, eu logo assenti-com um pouco de medo mas acenti- Senti seu indicador forçar entrada na minha intimidade o que me fez gritar.

 

Tae: Está tudo bem amor? Se quiser que eu pare é só falar. (Disse um pouco triste)

Kookie: N-não. P-pode cont-tinuar.

 

Tae adentrou de vez com dedo fazendo movimentos lentos, logo senti o segundo digito,e passado um bocado o terceiro. Tae fazia movimentos de vai e vem e de tesoura. O meu corpo foi preenchido por uma onda de dor e prazer enesplicavel. Aquilo doia pra cacete mas o prazer que eu sentia não tinha como explicar. Depois de mais alguns minutos, Tae retira seu dedos de dentro de mim, me fazendo murmurar de insatisfação. Tae vai de encontro com a minha entrada e passa sua lingua quente na mesma me penetrando de uma vez. Meu interior apertava sua lingua o que o fez gemer durante o ato. Sua lingua se movimentava rapidamente dentro de mim, me fazendo soltar vários gemidos-Tomara que a omma não chegue agora jesus, e tadinho do Jimin deve querer me matar agora, os vizinhos então nem se fala- Logo senti falta de algo dentro de mim e olhei para baixo vendo Taehyung subir sutilmente e me beijar com calma, logo soube que chegaria o momento.  Eu também já estava tão entregue ao prazer que nem me importava mais, eu queria senti-lo dentro de mim, queria que ele me arrombasse que me deixasse sem andar uma semana, aquilo era tão bom. Logo Tae pressionou o seu membro contra minha entrada.

 

Kookie: AHHWW... T-tae... d-daddy...me fode...AGORA.

 

Sem esperar Tae adentrou de uma vez em mim, me fazendo revirar os olhos de prazer. Começou com estocadas rápidas porém certeiras. Só se ouvia nossos gemidos. ouvir nossos corpos se chocarem era a melhor música que eu já havia escutado na minha vida. Aquele quarto enalava cheiro de sexo, estava quente que nem o inferno, e o prazer que ambos tinhamos era enesplicavel.

 

Kookie: AHHHHHWWW. (Gritei assim que meu ponto sensível foi acertado, fazendo Tae acertar só ali depois)

Tae: Ahhhw Kookie

Kookie: Tae eu vou...

 

 

Tae logo se retirou de dentro de mim me fazendo o chingar de todas as maneiras.

 

Tae: Ainda não. De quatro baby.

 

Logo fiz o que o mais velho disse. Fiquei de quatro e empinei a bunda abrindo um pouco as minhas pernas. Logo o senti dentro de mim novamente, dando estocadas lentas porém fortes. Depois de várias estocadas o Tae se demancha dentro de mim e eu em suas mãos. Caimos no colchão exaustos mas...satisfeitos.

 

Tae: Eu te amo Kookie. 

Kookie: Eu também te amo Tae.

 

E dito isto, deixamos o sono tomar conta de nossos corpos e dormimos aconchegados numa confortavel conxinha. Tae me abraçou por trás e assim dormimos felizes por termos um ao outro.

 

<<Continua>>

 

 

 

 

 


Notas Finais


Espero que tenham gostado :D


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...