1. Spirit Fanfics >
  2. Meu novo eu >
  3. Missão de resgate

História Meu novo eu - Capítulo 54


Escrita por:


Capítulo 54 - Missão de resgate


      Nós nos juntamos e fizemos um pentagrama no chão para nos teletrasportarmos até o inferno sem muitos problemas

- porta inferni aperta est, et mundus permittit nobis tessera mortuorum et excrucior – falamos todos juntos e com as mãos dadas, logo o pentagrama começou a pegar fogo e a soltar uma fumaça cinza.

Nós começamos a nos transformar em pó e a cada momento tudo ao nosso redor girava até que tudo parou e não estávamos mais na biblioteca e sim no inferno, para ser exato estávamos na entrada dele.

- nós deveríamos nos separar? – perguntou Sabrina olhando para os lados em busca de alguém

- tudo bem, Stiles já conhece todo o castelo mas não conhece o lado de fora – falou lilith pegando no meu braço quando eu estava andando para frente do castelo

- eu me viro – falei me soltando e andando devagar para lá.

Um tumulto parecia se formar lá dentro, só que estávamos aqui para resgatar eles e não para lutar, já que não conseguiríamos por que eles tem uma fucking de uma lâmina demoníaca que mata todos os demônios residentes do inferno e que é capaz de ferir o próprio lúcifer.

Comecei a andar mais rápido até lá, entrei devagar, não tinha ninguém lá mas eu ainda ouvia as vozes deles, como se estivessem fazendo uma reunião.

Fui até onde estava todo aquele barulho e lá havia uma enorme porta de metal com uma caveira vermelha com chifres de bode.

Eu abri a porta bem devagar deixando apenas uma fresta aberta, lá estava mesmo acontecendo uma reunião todos estavam reunidos bebendo e festejando, mas lá estavam apenas os demônios.

Fechei a porta e comecei a subir as escadas para o segundo andar, lá tinha sido a última vez que havia visto lúcifer inteiro.

Chegando lá, dou de cara com um quarto vazio, passos podiam ser ouvidos subindo as escadas, rapidamente eu me escondi no armário e esperei até que eles passarem para ir embora.

- você acha que vai dar para atrai-lo até aqui para mata-lo de uma vez? – perguntou alguém com uma voz grave

- eu não sei se vai dar para mata-lo mas podemos enfraquece-lo e tomar tudo de uma vez dele, sem ele no caminho nada pode nos impedir – falou uma voz de mulher

- Eva, como você se tornou essa pessoa? – perguntou uma voz conhecida por mim, lúcifer

- o seu avô fez isso comigo e agora quando ele vier até aqui eu vou fazer questão de matar você na frente dele bem lentamente – Falou Eva gargalhando alto

- não dá para me matar, vai precisar de outra coisa para isso – falou lúcifer sorrindo mas logo arfou de dor, eu olhei pelas frestas do armário e vi que ele tinha uma faca na barriga e que Eva estava girando ela com um sorriso sádico no rosto

- eu vou dar o meu jeito – falou retirando a faca da barriga dele e apunhalando ele no coração, fazendo ele desmaiar – agora ele fica quieto – falou sorrindo abertamente

- quanto tempo vai demorar para ele chagar aqui? – perguntou o demônio que parecia mais humano do que o normal

- alguns dias, mas ele vai vir com certeza – falou ela se levantando – vou falar com o seus superiores aproveitando que todos estão reunidos lá em baixo, leve-o até o outro – falou ela saindo e eu estava tomando coragem para fazer algo que possivelmente eu iria acabar me arrependendo.

- olá – falei saindo do armário e usando uma voz aveludada para sedução

- quem é você e o que faz aqui? – perguntou se levantando assustado e se colocando em posição de ataque

- eu só estou aqui para satisfazer os seus desejos – falei pensando “aff que frase clichê de puta de esquina”- e você também vai realizar os meus desejos – falei andando lentamente até ele e brilhando os meus olhos em rosa

- acha que eu sou burro a esse ponto? – perguntou com raiva andando na minha direção

- não – falei colocando a mão no peitoral dele e empurrando o mesmo na cama e subindo em cima dele

- é melhor parar o que está fazendo antes que eu me irrite totalmente – falou segurando as minhas mãos mas eu fui acabando com toda distância entre os nossos rostos

- eu sei que você quer isso – falei dando um selinho nele e fazendo os seus olhos darem uma piscada em rosa – e eu vou te dar isso – falei beijando ele novamente só que um beijo um pouco mais quente, quando eu separei o beijo vi que os olhos dele brilhavam completamente em rosa.

- o que deseja de mim, meu amor – falou sorrindo estranhamente parecido comigo quando estava sem memória

- quero que me diga onde está...- parei sendo interrompido por lúcifer que arrancou a cabeça dele fora rapidamente- por que você fez isso? Depois de eu ter gasto energia para enfeitiçar você vai e mata ele? – perguntei com raiva e olhando para lúcifer que se levantava devagar

- onde está a faca? – perguntou passando a mão no corpo

- Eva levou, espera – falei parando o meu raciocínio – com Eva veio parar no inferno? – perguntei curioso

- isso eu não sei te responder, só meu avô sabe o por que – falou olhando desconfiado para o lado de fora da porta

- tanto faz mas você matou a minha fonte para descobrir onde é que o namorado da Sabrina está – falei bufando

- eu sei onde ele esta, já que fui eu quem prendi ele – falou soltando um risinho

- então vamos logo, antes que aquela maldita reunião acabe e eles percebam que você sumiu e te coloquem para dormir de novo – falei me levantando da cama mas ele me puxou novamente para sentar no colo dele

- só um beijo antes, eu sei que a gente não tem nada mas a sua boca é uma delícia – falou ele me puxando para um beijo demorado, me sentei no colo dele e senti a sua ereção latente na minha bunda

- não, não podemos fazer isso agora – falei me levantando de cima dele – vamos logo de uma vez – falei saindo pela porta e esperando ele do lado de fora

- vamos logo então – falou saindo do quarto também e se dirigindo até o andar de baixo

Mas em um momento bobo de distração a porta onde todos estavam reunidos se abriu, nós nos escondemos rapidamente atrás de uma parede que havia ali e ficamos esperando algum tempo até que eles todos saíssem

- vou até o porão para ver como os nossos dois convidados estão – falou a voz de Eva se distanciando.

- como vamos passar por ela, já que está indo para onde o namorado da Sabrina está? – perguntei olhando para os lados e saindo do esconderijo

- eu não sei mas não vai dar para... – parou lúcifer de falar ao ser interrompido por um grito.

Nós nos escondemos rapidamente e vários demônios começaram a entrar na sala onde estávamos para saber o por que dá gritaria

- NICHOLAS SCRATCH FUGIU E ALGUÉM DE FORA AJUDOU ELE – gritou Eva com fúria – vão para o andar de cima e garantam que lúcifer III não fuja também – esbravejou novamente apontando para as escadas que levam ao segundo andar

- você veio com mais alguém? – perguntou lúcifer me colocando contra a parede literalmente

- eu trouxe a Sabrina e a Lilith – falei invertendo as posições e pressionando ele na parede – invisibilia – falei beijando ele e fazendo a gente ficar invisíveis já que havia um demônio vindo na nossa direção

Ficamos alguns segundos nos beijando e quando o demônio foi embora eu desfiz o beijo e consequentemente também desfiz o feitiço nos deixando visíveis novamente

- LÚCIFER FUGIU – gritou um demônio lá do alto e descendo as escadas – lúcifer fugiu e matou Bernardes – falou o demônio para Eva

- se ele não fizesse eu faria, a um tempo ele tirou algo de mim, e agora no lugar daquilo que eu tinha eu tenho que ver um encontro com ele – falou com raiva e quebrando alguns objetos

- devemos procurar eles? – perguntou o demônio sorrindo malignamente

- o que você está esperando mesmo? – perguntou ela pegando na cabeça dele e erguendo depois dando um casto selinho nele – traga eles para mim, vivos ou mortos – falou sorrindo e dando mais um selinho no demônio que saiu prontamente – eu vou matar todos vocês – falou ela sozinha, sorrindo e saindo da sala

- vamos logo – falei ou melhor sussurrei para lúcifer, rapidamente e silenciosamente nós saímos de onde estávamos escondidos e começamos a andar bem devagar até o lado de fora.

Não havia ninguém ali, então começamos a correr com muita velocidade até chegar ao desfiladeiro que levava até a entrada do inferno que é por onde nós sairíamos

Começamos a correr mas eu ouvi um som de palmas

- meus parabéns, conseguiu salvar o lúcifer – falou Eva batendo palmas e sorrindo – mas você não se esqueceu de ninguém? – perguntou fazendo uma cara cínica de confusa

Stiles, lilith foi pega – falou Sabrina aparecendo correndo até mim com o Nicholas atrás dela

- o que vamos fazer agora? – perguntou Nicholas atrás dela

- vocês vão embora – falei sem me virar para trás

- não podemos – falou lúcifer pegando a minha mão

- lúcifer o que está sentindo por mim não é real, é apenas o meu poder descontrolado te afetando, e isso faz você gostar de mim – falei me virando e passando a mão no rosto dele

- eu sei, mas quero aproveitar ao máximo, já que não tenho nada de bom e você foi o primeiro a me oferecer algo assim – falou me abraçando forte

- e é por esse motivo que eu não posso deixar você ficar aqui – falei tocando na testa dele e fazendo ele se teletrasportar para onde eu estava quando acordei

- vamos ser só eu e você Sabrina – falei olhando para ela e a mesma confirmou

- eu também vou – falou Nicholas ainda ferido junto dela

- bye bye Nich – falei tocando a testa dele e teletransportando ele também para onde lúcifer estava.

- acham mesmo que apenas duas bruxas vão conseguir nos derrotar? – perguntou Eva sorrindo em deboche – vou até deixar essa bruxa participar por que eu sei que não vão conseguir nos deter – falou pegando lilith e jogando aos nossos pés

Eu me abaixei e olhei ela com atenção, a mesma estava com vários hematomas, eu toquei no braço dela e fiz com que todas as suas feridas se curassem instantaneamente

- vamos lutar vadia – falei olhando para Eva quando lilith se levantou com ódio irradiando por todo o corpo dela

- eu vou matar vocês – falou sorrindo sadicamente

- é o que vamos ver vadia – falou lilith deixando o seu poder fluir e fazendo o inferno tremer – eu vou congelar esse lugar – falou fazendo várias esferas azuis se formarem em suas mãos

- vamos ver do que são capazes – falou apontando a sua mão para frente e fazendo os soldados que estavam com ela nos atacarem

        Ali começava uma terrível batalha, que teriam consequências catastróficas.


Notas Finais


Será que a luta vai ser boa? E quais são os poderes de Eva? Onde lúcifer vai entrar nessa história? Vamos ler no próximo capítulo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...