História MEU NOVO FUNCIONÁRIO - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Now United
Visualizações 11
Palavras 437
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Fantasia, Ficção, LGBT, Romance e Novela, Sobrenatural, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


COMO PROMETIDOOO ESTÁ AIIIIIIIIIIIIIIIIIIII PEXUALLLLLLLLLLLLLL!!


NOSSAN, SERÁ, SERÁ??

AI DEUS, QUE VENHA O CAP 6....

Capítulo 5 - Primeiro contato corporal!


Bailey se recompôs e foi indo em direção ao ômega que cada vez se arqueava mais em cima da pia. Bailey estava tremendo mais que vara verde, mas tentou manter a fina. Pegou uma das mãos do ômega que já estava quase morto e tentou novamente se desculpar.

Bailey: Krystian, por favor!!! Me desculpa, não devia ter entrado, devia ter batido na porta mais vezes, não me mande embora por favor!! Foi difícil encontrar esse emprego, já que não tenho experiência e sou menor de idade.- Falou quase se ajoelhando e chorando.

Krystian foi se recompondo aos poucos e até achou um pouco de graça da reação do mais novo.

Krystian: Eii, tudo bem!!! Foi culpa minha também, eu que deixei a porta destrancada!- Falou dando umas risadinhas bobas, enquanto o alfa fungava.- Na verdade a culpa é toda minha pois nunca deixo minha toalha lá fora, não sei porquê hoje a deixei la.

Bailey olhou para o rosto do alfa e deu um sorriso de lado. Krystian já com o c* na mão por ter feito o silêncio reinar decidiu falar algo.

Krystian: Então.... Vai ficar ai parado? – Bailey passou as mãos no rosto e foi em direção a porta.

Bailey: Ah sim, desculpa, já estou indo!- Quando estava saindo do banheiro sente uma mão puxando seu braço o fazendo voltar.Era Krystian o puxando para um abraço, longo, quente, molhado e fofinho.

Krystian e Bailey colocaram suas cabeças um no ombro do outro e ficaram ali parados por um tempo até que Bailey sussurra algo, mas o ômega ouviu.

Bailey: Que cheiro bom, igual ao dono.

QUEBRA DE TEMPO

No dia seguinte Bailey acordou, se arrumou e desceu para preparar a mesa para Krystian, só que as horas passavam e o ômega não descia. Bailey ficou preocupado e subiu, quando estava subindo as escadas do castelo, o cheiro que sentira ontem ficava cada vez mais forte, e mais forte e muito mais forte. As empregadas do castelo estavam todas paradas em frente ao quarto de Krystian e todas num fogo que MEU DEUS.

Bailey: Eiii, o que está acontecendo?- Falou desconfiado por tanta gente ali.- Cadê o Sr. Krystian?

Empregada: Ixi, olha lá o novato!!!- Falou com deboche.- Ahh querido, não é da sua conta, mas já que insiste tanto... É só o príncipe entrando no seu primeiro cío.- Falou olhando para as outras empregadas rindo.- Mas não se preocupa meu amor, não terá chances com ele.

Bailey: Olha só garota!- Antes de o alfa completar sua frase o Sr. Wang abre a porta do quarto de Krystian e o mesmo grita o nome de Bailey.


Notas Finais


POSTEI E SAI CORRENDO!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...