História Meu Novo Mundo - Capítulo 4


Escrita por: e Megu_Kawaii

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Demoníaco, Revolução, Romance
Visualizações 39
Palavras 1.163
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Festa, Ficção, Hentai, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Olha eu de novo "Meg" carol e sua priguisa e falta de imaginação obg pelos favorita dos.

Capítulo 4 - Transformação


Fanfic / Fanfiction Meu Novo Mundo - Capítulo 4 - Transformação

<<<<Luka on >>>>

Onde elas estão ?

Estamos procurando-as pelo redor da casa , mais como previsto sem sucesso. Somos avisados pelos lobos da guarda , que elas foram levadas por um de nossos enimigis Tjefys aquele salafrário . 

Percebo que Zero esta se ruemdo de raiva , como sempre prepotente  . Saímos em direção a rumo de uma floresta *sim temos uma floresta na cidade*.

<<<Carol on >>>

Sinto um grande choque envandindo minha cabeça consumindo o meu corpo por uma energia enabisurda "o que e Esso?"

Tenho uma grande tontura devido ao choque , percebo que estou gritando freneticamente assim como a protetora dos lares , Meg . Sera que ela esta tonta como eu , como deve esta se sentindo ?. 

<<< Meg on >>>

Sinto uma grande energia se abolir de minha mente e meu corpo "o que e Esso " sera que a carol esta sintindo o mesmo que eu . Ouso passos  direção a sala onde estamos acompanhada do pilantra do Oto. Logo a porta range e uma pessoa se aproxima de nós:

Tj- olha so !!! Como vcs estão bem . Quando  vão revela oque eu quero saber . Os turbos , falando assim parece ate que vcs são maquinas eletrônicas sendo recarregadas novamente ." fala se gabando freneticamente "

Meus olhos se voltam contra Carol e a vejo diferente "fraca desse jeito , obviamente ia ser a primeira ". Vejo Oto desligando os aparelhos , e como se eu fosse um robô " meus sistemas são delicados " devido a paralisação dos aparelhos , me vejo tonta e sonolenta .

<<<Zero on >>>

Chegamos ao esperado local " sinto um ódio a  me envadir" :

Z- Como pode essas duas se meter numa dessa ?

L- você deveria se acalma sabia , você não vai resolver nada desse jeito . como vc vai pegalas ?*fala me olhando serio "

Z- como eu vou pegalas ? Assim . Eu vou entrar beber o sangue de todos , da uma sofra naquele safado e depois pego elas , quando chegarmos em casa vou colocalas num quarto e vou fuder elas . Ta bom assim ?* falo irritado* 

L- Se ta de cabeça cheia Zero te que se acalamar , relaxa ta bom . E que negócio e esse de fuder ? Se ta doido ta mais fácil elas come você do que você come elas. Se bem que elas não e tao la essas coisas . * fala se repreendendo *

Logo chegamos aos portões da casa "bem sombrio pelo visto " . como ele vive aqui desse geito "se bem que eu sou pior ". Entramos e logo somos flertados pelos olhos sanguinaro do vigia , não demoro muito pra nos atacar . Um demônio de clase B não e tao fraco assim .

L- vamos perder tempo assim .

Z- verdade , vamos fazer o seguinte eu fico aqui e vc vai ate elas .

L-serto tome cuidado.

Z- eu sou cuidado em pessoa .*sorriso*

 Ele sai pelo lados e grassas a linha distração sou golpeado .

<<<Zero off>>>

<<< Luka on >>>

 Corro em direção as portas e sou parado pelo Oto " acho que e assim o nome dele " . Percebi esta sendo flertado , e logo ele vem pra cima com uma espada . Me Afasto me recuando do goupe .

O- você e rápido ,mais não tanto . "fala se gabando "

Envoco minha espada   Stay Night . E vejo o Oto me flertando , e logo vou pra sima dele tentando o goupear com a espada e ele enpedi com a sua , por um momento ficamos falando enquanto as espadas estão rungindo :

O- Quital nos nos aliarmos assim podemos ter o poder sobre todos os demônios e lobos de Bolsover ." fala rindo em minha face"

L- seria ótimo se o aliado não fosse  você .

Percebo seu sorrio se desfazer , e nos afastamos e ficamos nos encarando . Bolsover  e o nome da cidade onde estamos. Logo somos enterronpidos por um estrondo que nos cercou , e não demorou pro Oto da o golpe da cobra . Me viro e sinto uma afiada espada se sela em meu peito , Afasto -me de onde estão , percebo esta sangrando e me passa uma pequena quantidade de sangue pela boca . encargo Oto .

L- agora eu tou puto.

Vou pra sima de Oto so que dessa vez de outro forma , rapidamente corrro ao seu redor o envolvendo a espada , so que ele não sentirar nada no momento , me afarto e me vouto ao local onde estava . Ele rir freneticamente e me dirige a palavra :

O- e so Esso que vc pode fazer , hahahaha não senti n cosigas. 

L- Não você sera paralisado por uns minutos devido ao golpe que te serquei , bom oque eu fiz . Comropin seus vasos sanguíneos dos brassos ,pernas ,peitoral ,abidome , em fim acho melhor vc não se mecher se não .....* sinto um pequeno sorrizinho malisioso sair de meus lábios *

O- oque quer dizer com esse "si não"?

L você vai virar pedassos . Primeiramente seu vasos sanguíneos eram espludir escorando todo seu sangue pra fora , depois vc vai ficar seco , ha e não esquesa da dor que vai sentir no primeiro momento em que fizer um movimento em falso . Boa sorte!!!

Saio entrando na casa , e me surpriendo pela organização dos objetos " achei que ele era um relaxado ". 

Logo a minha frente vejo as meninas Meg e Carol devem estar a nossa espera . Mas noto um comportamento diferente nelas . Logo percebem que eu estou na sala logo atrás delas , vejo as virarem em minha direção seus olhos " oque ouve com seus olhos " vermelhos como sangue . 

L- oque ouve com vocês?

C- vá embora não queremos machucalo .*fala me olhando treste*

L- por que eu devo fazer Esso ? Oque ele fez com vocês?

M- estão nos manipulando tudo que fala nos fazemos so que não queremos fazer esso !!

Pela primeira vez eu a vejo com medo .

L- vocês não tem que fazer o que ele as manda .

M- como se nós quisercemos fazer , não sei oque ele tem mais fazemos por enpusso não conseguimos nos controlar.

Logo somos enterronpidos por um estrondo na porta , Zero passa pelo porta declarando.

Z- cadê aquele filho da puta que não da as caras ?

L- não sei , seu prepotente.

Z- por que não pegou essas gurias e as  levou embora ?

L- por que estão sobre controle do Tjefys.

Z- eu restou verei esso agora , com uma pancada que vou dar nas duas .

<<<Zero on >>>

Vou em direção das pragas que me a pareceu diferente , percebo que seus olhos estão vermelhos . Tento pegar em seus braços mas sou enteronpido pelo maldito do Tjefys.

Tj- olha so quem resolúvel aparecer .*fala sarcástico*

Vejo  as duas irem em direção ao maldito , calmas . 

Tj- agora vão reparar como se domina as armas . *fala irônico * 

Elas vem em  nossa direção , desviamos de seus golpes , mas....


 



Notas Finais


E foi esso 😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...