1. Spirit Fanfics >
  2. Meu odio por voçê >
  3. Me desculpe

História Meu odio por voçê - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Eaeee
Isso é uma onee e espero que voçes gostem hehe
Bom eu usei duas musicas uma na fala do Zeldris e a outra na do Meliodas
É tudo inspirada kkk
Elas vão estar nas notas finais
Espero que voçes gostem

Capítulo 1 - Me desculpe


Em volta a destruição do castelo de camelot,Meliodas estava encarando seu irmão mais novo,Zeldris. O loiro segurava sua espada  e Zeldris o olhava com ódio.


- Meliodas - Elizabeth saiu em meio aos escombros e Meliodas olhou para ela 


Em movimentos rápidos Meliodas defendeu o ataque de Zeldris que acertaria ela.


- Fique longe - Zeldris pulou para trás 


- Você é mesmo muito sortudo - Zeldris apontou a espada para ele - Mesmo que tenha sido por alguns anos,você pôde viver com sua amada - Ele sorriu sem nenhuma graça - Já eu... Nem posso ver a minha - Meliodas abriu a boca para falar mas - Calado - Zeldris avançou nele fazendo as espadas se chocarem 


- Zeldris - O moreno atacava rápido e Meliodad parecia muito na defensiva apenas desviando e defendendo


Meliodas acabou por ser derrubado por Zeldris,o moreno pisou nele e colocou a espada no pescoço dele 


- Eu despertei, pois sou mal por natureza mas,tinha algo em minha cabeça ah e antes de eu falar do passado deixa eu te falar uma coisa - Zeldris apertava o peito de meliodas com o pé e o loiro sentia a dor mas não revidava - Posso ser meio cruel mas já amei uma pessoa - Meliodas empurrou o pé do moreno e se levantou tentando dar um chute em seu pescoço mas Zeldris o segurou levando o loiro ao chão


- Ge-Gelda - Meliodas sabia da história e sabia o motivo do ódio dele um ódio que ele tinha culpa


- Sim,tive ordens para mata-la so que como eu a amava então resolvi sela-la - Meliodas se levantou encarando o irmão- Para poupar sua vida ela iria me aguardar e quando eu virasse rei,ela eu iria libertar - Zeldris se aproximou mais do loiro ficando cara a cara - Só que meu sonho acabou,selado por 3 mil anos minha raiva so aumentou,despertado do selo resolvo ver minha amada visito a sua cidade e vejo exterminada - Um soco no queixo do loiro o fazendo ele ir para trás e Zeldris o prensou no chão - Eu sei quem fez isso com ela e garanto que vai pagar por ainda estar nesta terra


Meliodas se livrou com um soco no rosto do moreno e atacou ele rápido com chutes que Zeldris defendia mas a velocidade fazia ele tomar alguns.


- Me desculpa - Meliodas sussurrou e Zeldris segurou a mão dele dando um chute em sua barriga


- Muitos te botam para cima e isso queima meu coração Meliodas você não é um heroi e sim vilão - novamente o moreno avançou nele dando socos rápidos e Meliodas sim,tomou alguns mas conseguiu se recompor dando um soco forte na barriga do moreno 


- Cê vai pagar - Meliodas cuspiu sangue assim que sentiu a espada de Zeldris cravar em sua barriga - Agora cê tá fudido você matou minha amada,então irá se ver comigo - Meliodas cuspiu um pouco de sangue um de seus corações foi acertado - Tire os seus sentimentos e ainda será uma merda,meu rancor so aumentou depois que cê matou a Gelda - Meliodas se cobriu de escuridão fazendo zeldris recuar e quando a escuridão dissipou em volta do loiro tudo estava queimado - Eu vou me vingar,quem você ama ira morrer - Zeldris gritou com ele - 107 vezes vendo aquela merda falecer - Ele apontou para Elizabeth que observava tudo sem poder fazer nada - Como fraudrin fez com a Liz vou fazer com Elizabeth e em matar quem você ama me torno alguém expert


Zeldris avançou em Elizabeth de novo e a marca na testa de meliodas apareceu,quando Zeldris chegou perto da platinada ele tomou um soco no rosto do Meliodas,ele rolou no chao e parou quando bateu em uma pedra.


- Isso não te fara diferente de mim - Meliodas estava ofegante 


- Eu so seguia ordens,não sou alguém igual você - Se levantando zeldris passou a mão na boca limpando sangue - Você traiu nosso clã então merecia morrer


- Mas se for por amor - Ele foi interrompido 


- Por amor? - Ele riu - sabe que também ja amei, mas deixei isso de lado pois vi que não faz bem - A passos lentos ele ia até o loiro que estava a frente de Elizabeth - Deixei meu coração de lado pois me abrir para os outros era o caminho errado


- Eu pensava assim - Meliodas deu uns passos a frente 


- Demônios pedem por sangue,demônios não tem pudor,demônios não temem nada inclusive o amor - Zeldris fincou sua espada no chão


- Isso é errado - Meliodas gritou mas não continuo porque mais uma vez foi interrompido


- Ouvir de alguém que nem sofrer direito sofreu - Ele ri de novo - É errado me privar disso? Pois dentro da minha cabela serão ossos do ofício - Ele fechou os olhos - Você não passa de um perdedor, e eu verei a sua queda - Zeldris avançou e Meliodas gritou quando seu soco se chocou com o de Zeldris - Eu so amei uma pessoa,e você a matou irmão - O loiro deu uma cabeçada em Zeldris assim que seus punhos se separaram e uma cotovelada na barriga dele,zeldris ficou de joelho assim como o loiro 


- Chega,você vai me escutar - Meliodas gritou dando um susto em Elizabeth e Zeldris colocou a mão no chão o impedindo de cair


- Eu nunca senti um amor por alguém- Meliodad começou a falar junto de uma chuva fina que começou a cair - Por isso não pude entender seus sentimentos,eu era um exemplo a dar como filho do rei e um exemplo ao meu irmão como lider dos mandamentos - Meliodas olhou para Zeldris e em seguida de canto para Elizabeth - Mas sabe,eu conheci alguém... Ai eu percebi,o que você, sempre dizia,percebi o que e amar muito alguem - Ele sorriu - Com Elizabeth ao lado eu largaria minha antiga vida 


- Não deu certo - Zeldris fazia força para se levantar 


- Eu larguei...cometi meu pecado com a revolta dos vampiros voçê foi para extermina-los e eu penso ate hoje o quanto isso doeu - Zeldris estava conseguindo se levantar - Alem de matar sua amada çê carregar este fardo,sei que tem odio por mim,me perdoe por favor,deveria entender isso ja que eu fiz por amor mas eu entendo o seu coração - Meliodas tinha lagrimas em seus olhos e ele encarou Zeldris - Ainda sim,acima de tudo voçê é meu irmão 


- Não posso perdoar voçê,o sofrimento que me causou foi grande,voçê não sofreu o suficiente - Zeldris se levantou e andava a passoa curtos e mancos ate ele 


- Acha mesmo,que eu não sofri? - Balançou a cabeça - Foi a primeira vez de verdade que amei alguem,doeu quando voçê selou sua amada? Pegue a dor que voçê sentiu e multiplique por 100 - Meliodas estava de joelhoes olhando o irmão pegar sua espada que estava cravada no chão - Porque foram 100 vezes,vendo ela morrer acha mesmo que mereço? eu não mereço sofrer - Ele gritou - Me diga o por que? Não posso agentar sempre a vendo morrer,so da vontade de chorar 


- Quando voçê morrer,eu estiver no seu lugar como rei tudo ficara melhor - Ele a passos lentos chegava perto do loiro apertando sua espada 


- A irá saiu para fora,pois ja estava cansado. Danafor destruida ja que não tenho ela ao lado - Elizabeth chegava perto do loiro enquanto ele olhava o irmão se aproximar - Me sinto culpado,de sempre me apaixonar serà que voçê tem certeza de querer o meu lugar? - Zeldris chegou na frente dele os olhou se encaravam e Elizabeth assim que Zeldris levantou a espada se jogou na frente do loiro o abraçando 


- Sai daqui - Meliodas disse desesperado e a platinada o abraçou mais forte e ele olhou para o irmão - Zeldris,eu admito que errei. Zeldris,eu sei muito bem que pequei. Zeldris,sei que não vou ter o seu perdão... E me desculpa por favor de ter sido um pessimo irmão - Meliodas chorava a platinada o abracava e Zeldris tinha lagrimas nos olhos,ele abaixou a mão e soltou a espada 





Notas Finais


Meu odio por voçê/Zeldris

https://youtu.be/KcoutO8XvII

Me desculpe/Meliodas

https://youtu.be/Ims0rLHs37s

É issu e espero que voces tenham gostado desta onee e nos vemos por ai :)

(Me desculpe por algum erro de escrita)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...