História Meu Oppa !! (Imagine Jimin) - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Fanfic Bts, Imagine
Visualizações 49
Palavras 1.358
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem !!

Capítulo 4 - Ações Que em Breve Teriam Consequências !


Fanfic / Fanfiction Meu Oppa !! (Imagine Jimin) - Capítulo 4 - Ações Que em Breve Teriam Consequências !

Capítulo passado: "Fiz uma ação que em breve teria consequência".

                                                            

Esse Capítulo: "Ações Que em Breve Teriam Consequências.."

Eu estava muito alterada, sério, simplesmente puxei o Jimin e o beijei, na mesma hora ele ficou surpreso mas cedeu, logo Jungkook entrou na sala e afastou nos dois, eu estava "foda-se" por estar bêbada, e não me arrependi daquilo "por estar bêbada" (Autora: Uhun Sei Sn / Sn: Vai se ferrar, eu tava bêbada sim/ Autora: Sua Zafrada/ Sn: Ah vai se ferrar).

Eu fiquei olhando pro Kook com cara de raiva e ele ria de mim, derrepente tudo apagou em minha frente, e a última coisa que escutei foi o Kook gritando "Gente a Sn vai desmaiar!!".

P.O.V Jimin

Eu estava em choque pelo acontecido,a Sn me beijou e o Jungkook apareceu atrapalhando, só podia ser o Jungkook mesmo.

Derrepente a Sn desmaiou eu a segurei e Jungkook gritou logo quando ela ia cair: "Gente a Sn vai desmaiar!!". Na mesma hora eu a segurei no colo e os meninos vieram correndo, colocamos ela no carro e a levamos para o hospital após ligar para o Luhan, ele disse que ela vem tendo essas tonturas derrepente, e frequentemente, mas ela nunca vai ao medico, levamos ela é dizemos onde é o hospital para o Luhan vim com a mãe dela para cá, logo chegaram, Sn já estava na sala e logo o doutor saiu.

Dr: Boa noite, quem é o acompanhante da senhora Sn ?

Luhan: Sou o irmão dela. Jimin: Eu.. – falamos ao mesmo tempo, o doutor olhou para nos dois.

Dr: Qual ?

Luhan: eu sou o irmão, e ele é .... – parou olhando pro nada e viu um casal no final do corredor logo tendo uma ideia ridícula mas confesso que gostei. – Namorado dela.

Dr: Venha vcs dois para minha sala.

Seguimos o doutor ate a sala do mesmo, ele abriu a porta, abrindo espaço para entrarmos e se sentou, logo nos sentamos e ele falou.

Dr: ela vem tendo esses desmaios frequentemente ? Ela já reclamou de sintomas ?

Luhan: Ela as vezes fica tonta, com dor de cabeça e as vezes desmaia sim, eu sempre pedi pra ela vir se consultar mas ela dizia "tô bem". 

Dr: Como ela desmaiou ? Consumiu álcool ?

Luhan: Que eu saiba nao, vc sabe de algo Jimin ? – na hora eu gelei.

Jimin: Digamos que ela acabou de chegar na minha casa, ela estava bêbada ao chegar lá, mas ela estava cmg e com os meninos não tem problema. Quando chegamos a minha casa, ela sentou no sofá e ficou olhando pro nada o Jungkook apareceu e ela desmaiou do nada. – falei inventando algumas coisas, pelo caso de o doutor ter que tratar de um paciente a mais, e o Luhan ter uma fixa na polícia. (Autora: O Luhan é muito fofo ele não faria isso!/ Lu: Oque eu não faria 🤔? / Autora e Jimin: Nada Luhan ☺.)

Dr: Não foi consequências da bebida, a paciente tem uma "doença", ela tem anemia, o sangue dela está fraco, precisamos de uma doação, não é muito urgente, mas quanto mais rápido o sangue for doado, mais rápido ela ganha alta.

Luhan: Preciso de alguém com o tipo de sangue A. Conhece alguém ?

Jimin: Eu sou tipo A, MDS quando eu dou o sangue ? Como ? – me levantei.

Luhan: Calma Jimin. – Falou se levantando. – Parece até que gosta dela. – ele falou e eu me sentei novamente fugindo do assunto.

Dr: Pode vir cmg senhor. ?

Jimin: Meu nome é Park, Park Ji-min.

Dr: Então, pode vir cmg senhor Park Ji-min.

   Fui com o doutor e eu fiquei com medo daquela agulha, pentrou na minha pele, eu quase desistindo, mas lembrei que seria pra Sn ficar bem, então apenas fechei os olhos e aguentei até o fim.

Pensamento: "tá me devendo essa sn."

(Autora: Que cê vai fazer com a mina ?/ Jimin: cê vai ver, cala a boquinha ai anjo e volta pra história. /Autora: aff, tá bom.)

    Quebra Tempo

Havia doado o sangue, estamos no saguão esperando o doutor aparecer, logo em meus pensamentos me perco e só escuto a melhor frase da minha vida.

Dr: Olá senhor Park Ji-min a Sn acordou, chame o irmão da paciente preciso que ele preencha as fichas.

Luhan: estou aqui doutor.

Jimin: Posso vê-la?

Dr: Pode, mas vai com calma, isso pode não ser tão sério, mas ela acabou de acordar então seja cuidadoso, é o terceiro corredor sala 7.

Jimin: Obrigado doutor, pode deixar vou ser o máximo.– sai andando com pressa até a sala.

P.O.V sn.

Acordei em lume lugar branco, com alguns detalhes azuis, fiquei olhando pro nada tentando me lembrar oque aconteceu, logo ao olhar pra cama que eu estava, me dei conta que eu estava em um hospital, mas a minha pergunta é "por que?". Deve ter sido o Luhan, ele vive falando pra eu vir aqui, acho que ele me trouxe a força do jeito que ele é.

Logo o Jimin entra na sala com um olhar desesperado, ao me ver abre um sorriso mas logo para e vem até mim.

Eu: Oque cê tá fznd aqui ?

Jimin: Pelo menos um "Oi" ou um "Obrigado" ?

Eu: Obg pelo oque?

Jimin: depois te falo, deve estar meio perdida. Vc já tem alta, se veste que daqui a pouco o doutor vai vir avisar que esta livre.

Eu: Não me diga que minha Omma está aí ?

Jimin: tá sim, pq ?

Eu: Ah não, ela falou que se eu passasse mal de novo ela me mandaria para o Brasil, eu não quero sair da coreia de novo. – meus olhos já estavam quase marejados, coloquei minhas mãos no rosto e logo senti ele me abraçar não muito forte.

Jimin: não acho que ela faça isso..

Eu: Vc não conhece minha omma.!! – ele se afastou e arrumou meus cabelos secando as lágrimas que estavam prestes a cair, logo minha omma entrou na sala com tudo.

O/Sn: Sn ? Faça suas malas quando chegar em casa, vc vai para o brasil, irá morar com seu primo.

Sn: Vc nem se que pergunta se eu tô bem! Eu não vou para o Brasil com ele !

O/Sn: Claro que vc não vai com ele, seu primo já está lá a um mês, e vc irá sem falar nada, Ah Oi Jimin.

Jimin: por que ela tem que ir para o Brasil ? – falou se levantando e olhando diretamente para minha omma. – Não pode obrigar ela. Desculpa me meter mas essa é a vdd.

Eu: deixa Jimin, eu vou com todo prazer, ficando longe de quem não me quer e nem me ama como filha, eu agradeceria se me livrar de falsidade.

O/Sn: Pode se calar Sn ! Eu vou mandar o seu Appa fazer suas malas agora! Daqui direto pro aeroporto, tá escutando?

Jimin: Mas..

O/Sn: Desculpa Jimin, mas não se meta !

Eu: desculpa Jimin, mas eu vou, avisa os menino e me espera lá fora, digo o mesmo pra vc ! – falei olhando pra minha omma.

Os dois saíram e eu me troquei (roupa de capa), eu não acredito que vou mesmo obedecer ela igual uma cachorrinha. EU ODEIO MINHA VIDA. Antes era tão fácil, eu preferia só ter meu irmao cmg!

  Quebra Tempo

Me despedi dos meninos, eles não queriam me deixar ir, principalmente o Namjoon, eu nunca imaginaria que os meninos que brigavam cmg na escola, hj não queriam que eu fosse para o Brasil, mas é preciso..

Entro no carro e antes de fechar a porta, o Jimin me puxa d me abraça, muito forte, ele fala "adeus não é pra sempre, nos vemos em breve" eu sorrio e ele retribui, eu entro no carro e minha mãe me olha com reprovação.

O/Sn: achei que vc escolheria um melhor, estou desapontada com vc!

Eu: Achei que vc não iria mais falar cmg, infelizmente só achei! – falei e coloquei meu fone, colocando música.

Logo chegamos ao aeroporto e eu embarquei para o Brasil, antes de o avião dar partida, eu comecei a chorar, minha vida toda seria destruída pela minha mãe.

Apartir do momento em que o avião não tocava mais no chão, minha vida toda foi deixada ali, naquele lugar cheio de pessoas felizes e infelizes, parece que isso será o fim ? Não será, como o Jimin me disse "Adeus não é pra sempre, nos vemos em breve" Assim seja. Logo adormeci em meus pensamentos.


   Continua ???










Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...