História Meu original - Capítulo 13


Postado
Categorias The Originals
Personagens Camille O'Connell, Davina Claire, Elijah Mikaelson, Henrik Mikaelson, Klaus Mikaelson, Kol Mikaelson, Marcellus "Marcel" Gerard, Personagens Originais, Rebekah Mikaelson
Tags Klaus Mikaelson
Visualizações 83
Palavras 1.934
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, LGBT, Literatura Feminina, Luta, Magia, Musical (Songfic), Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olha nois aqui de novo, vamos voltar a postar mais rápido tá bom ?? Só ouve algumas coisas e não podemos continuar a história mais agora tá tudo bem.

Bjs

B
O
A

L
E
I
T
U
R
A

Sua_Baby-Girl

Capítulo 13 - Possessivos.....


Damon ....

Uma noite tipicamente chata , Stefan não estava em casa deve estar com o kol, eles ja não se desgrudam mais , e eu vim ao bar tomar alguma coisa e pensar um pouco.

Droga ... por que merda tenho me sentido assim? por alguma razão Elijah não sai da minha cabeça e eu não gosto disso, os beijos que ele me deu tem me deixado inquieto e para meu desespero quero mais que só os beijos, Drogaaaa....

Sem contar esses sonhos loucos , neles estamos sempre na cama , com ele em cima de mim faz..... nem vou lembrar, e acabo acordando sempre com uma puta ereção . Me sentei no balcão e o Barman que ja me conhece veio sorrindo .

Barman - O de sempre Damon ?- eu concordei ele sorriu e foi buscar a dose dupla de whisky com gelo , eu tomei em um gole .

Damon - Me da outra tonny - ele me olhou sorrindo e foi pegar a dose .

Barman - O que faz Damon Salvatore tomar uma dose dupla de uma vez? - ele perguntou cruzando os braços sobre o peito rindo .

Damon - se eu contar você não ia acreditar - ele riu e foi atender um outro Kara bebi um gole menor suspirei tentando achar uma resposta, me virei para as mesas para ver se Stefan não estaria ali, foi quando vi algo que me deixou puto , mesmo não sabendo o por que , Elijah bebendo com uma mulher ruiva , bonita tenho que admitir, e pelo sorriso no rosto dela ela o queria em sua cama - Filho da puta , essa piranha quer te levar para cama idiota - virei o restante da dose de uma vez- Por que estou ligando , não tenho nada a ver com isso , se esse idiota quer comer ela o que eu tenho a ver ? Tonny me da outra dose - ele pegou meu colo e foi colocar outra dose , quando ele me entregou peguei a carteira e o paguei - Não sou obrigado a ficar aqui vendo essa palhaçada - peguei a dose para beber e quando olhei para eles de novo a piranha segurava a mão dele - Filho da puta - Eu virei a dose de uma vez , e coloquei o como no balcão mais acho que estava com muita força e acabei quebrando o copo fazendo um barulho grande chamando a atenção de todos no bar - Tonny me desculpe - ele concordou e eu sai do bar ou ia acabar fazendo uma besteira, quando ja estava na rua um pouco longe da porta .

..... - Por que não foi falar comigo? - esta vá chegando a esquina, quando ouvi a voz daquele idiota .

Damon - Você estava em ótima companhia ,não queria incomodar - ele riu alto logo fui prensado na parede por ele .

Elijah - Ciúmes Damon ??- eu o empurrei com raiva mais ele não se mexeu .

Damon - Não por que eu teria , você não me ...- ele me falou com um beijo sôfrego eu o empurrei mais novamente nada aconteceu então eu cedi ao beijo , droga eu queria aquele beijo , quando a falta de ar nos fez separar ele ficou me olhando .

Elijah - Aquela mulher é uma cliente , ela t uma empresa e quer nosso investimento, vou ter que viajar até lá ainda essa semana para olhar a empresa dela esse não passou de uma reunião - procurei um sinal de mentira .

Damon - Para de mentir ela estava segurando sua mão, só me deixe em paz não tem que me dar explicações - ele riu .

Elijah - Ela apertou minha mão para agradecer, ela é casada o marido dela esta no hotel - será que ele esta dizendo a verdade? ele abraçou minha cintura - se tivesse ido até a mesa teria visto a aliança na mão dela e também - ele me apertou - você é o único que desejo em minha vida e minha cama - eu o olhei abismado ele sorriu me segurou pela mão e saiu me puxando até seu carro ele abriu a porta e eu entrei depois ele deu a volta e entrou ligando o carro saímos dali rapidamente até me dar conta ... Onde ele ta me levando e por quê eu ti indo ....Foda -se ....vinte minutos de percurso até entrarmos no estacionamento de um condomínio ele estacionou e nós descemos , onde será que estamos?.

Elijah - Aqui é meu apartamento, nunca trouxe ninguém aqui - eu o olhei abismado, entramos em um elevador ele apertou o 15° andar , quando parou nós saímos ele puxou do bolso um molho de chaves, fomos até a frente de uma porta grande ele abriu e me deu passagem para entrar , uma sala ampla com um sofá grande, uma televisão, uma lareira , eu fui andando olhando tudo um cozinha bonita e bem moderna , me virei ele estava na porta me olhando, com desejo , senti meu corpo reagir , ele veio se aproximando quando ja estava na minha frente seu perfume me impregnou , eu adoro o perfume dele , droga .

Elijah - Damon não era assim que eu iria fazer , eu ia fazer um jantar com velas e ...- o calei pegando em sua gravata o puxando juntando nossos lábios , ele me pegou no colo e me sentou na mesa da cozinha . O beijo estava intenso cheio de desejo , paixão e algo mais que eu ainda não ia admitir não agora . Quando a falta de ar nos separou ele começou a tirar o terno , eu tirei minha jaqueta , ele afrouxou a gravata e começou a desabotoar a camisa eu não conseguia tirar os olhos dele , quando as tirou ele voltou a me beijar intensamente, desabotoou a minha camisa a tirando , minhas botas foram tiradas por mim sem o deixar de beijar , ele me pegou no colo novamente e me levou para o sofá me deitando no mesmo e vindo para cima de mim, ele deixou minha boca e desceu pelo meu pescoço, meu peito senti leves mordidas mais são fodidamente deliciosas me fazendo gemer baixo , quando chegou ao cós da minha calça ele abriu e a puxou me deixando nu ... caralho ok ok , eu ja transei com mulheres então por que estou tímido em frente ao olhar dele ? , ele mordeu o lábio e sorriu para mim, que sorriso é esse?? .... por que ele parece brilhar , Será que tinha droga naquele whisky?? .... Ele tirou a própria calça e a cueca e caralho ele é grande e sexy .... por que ... ahh desisto de pensar .... Ele voltou para cima de mim me beijando senti sua mão em meu membro ...

Damon - Ahhhh.... Droga ...- ele sorriu e desceu até o meio das minhas pernas e ....- Ahhhhh..... - ele colocou meu membro em sua boca eu não consegui conter os gemidos , agarrei com uma mão o sofá e a outra seus cabelos, ele me chupava intensamente me fazendo gemer alto - Elijah assim... ahhh eu nun ....- eu me senti flutuar ... Ele parou de me chupar , eu soltei um gemido de insatisfação ouvindo sua risada .

Elijah - Calma meu amor .. ja vou te dar mais prazer ..- Ele falou amor ... droga por que meu coração esta batendo tão forte, eu sou um vampiro de quase 200 anos não um adolescente apaixonado, eu o olhei nos olhos , ele beijou minhas coxas , mordeu então senti sua língua em minha entrada , enquanto a mão dele massageando meu membro e eu me perdi de novo , eu gemi mais alto . Quando ele voltou a me beijar senti sua mão descer ele me olhou nos olhos - se não quiser passar daqui eu entendo não vou te forçar - eu neguei ele sorriu mais se levantou e saiu em direção ao corredor, voltando com um potinho na mão eu ja sabia o que era lubrificante .... ele o colocou no chão e voltou a me beijar sua mãos brincando com todo meu corpo me fazendo sentir arrepios , quando senti seu dedo na minha entrada , primeiro me assustei , e doeu , mais conforme ele o movimentava dentro de mim foi ficando bom , ele introduziu mais um e depois outro, eu só gemia deliciado .

Logo senti algo gelado na minha entrada e senti o aroma de morango do lubrificante, ele parou de me beijar um momento e guiou seu membro me penetrando, eu senti uma dor intensa , quando ele ja estava por inteiro ele parou , então olhou dentro dos meus olhos e começou a se mexer , e como foi gostoso......

Quando chegamos ao primeiro orgasmo, mais ainda não saciados, mudamos de posição, nos beijamos, ele mordeu meu ombro e droga eu gemi loucamente ouvindo ele gemer no meu ouvido , e sabendo que nada mais seria tão sexy quanto aquele som .

Quando caímos exaustos um em cima do outro recuperando o folego eu só conseguia pensar em uma coisa ...

Damon - Droga , isso foi muito bom - ele riu e se ergueu apoiando no cotovelo olhando para mim .

Elijah - Foi sim - ele me beijou na boca .

Damon - Já era seu sofá - ele riu de novo se levantou E me pegou no colo indo em direção ao corredor - Eu sei andar idiota - ele me beijou a testa , eu revirei os olhos .

Elijah - Eu sei mais eu gosto de você nos meus braços - Como pensar coerente com ele sendo meloso assim , não sou acostumado a isso , ele entrou em um quarto onde tinha uma cama grande ele puxou a colcha e me deitou depois deitou em cima de mim me olhando sério - Damon não aguento mais ficar fugindo do que eu sinto por você, principalmente depois de hoje não vou mais deixar você fugir - ele me olhou intensamente - você é Meu , e ESTAMOS JUNTOS entendeu? - droga não dá mais para fugir , suspirei erguendo uma sobrancelha.

Damon - ok também não aguento ok , só vou admitir isso essa vez - ele riu , idiota - possessivo você..- ele concordou - isso vale para você também , mulheres segurando sua mão ta fora de cogitação idiota - ele riu concordando .

Elijah - Ciumento ... - eu dei um tapa nele , que riu e voltou a me beijar e pronto nos perdemos em nossa bolha , esquecendo o mundo .....

De manhã quando acordamos tomamos um banho e quando sai do quarto ja vestido com uma roupa dele a sala estava arrumada , coitada da empregada , tomamos café e depois eu tive que ir para casa ele foi me levar quando eu estava descendo ele me puxou para um beijo que me tirou o folego e depois eu desci quando peguei as chaves para abrir a porta notei uma chave que não estava ali ontem, quando entrei meu celular tocou uma mensagem....

Mensagem on ...

Elijah....A chave extra é do apartamento para quando quiser me ver ou mesmo ficar em um lugar sozinho .....

Se eu fosse um humano diria que. estou tendo um ataque cardíaco, meu coração está saindo pela boca .... Idiota .... e não consegui deixar de sorrir.....


Notas Finais


Até o próximo cap bjs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...