1. Spirit Fanfics >
  2. Meu padrasto(JIKOOK) >
  3. Jimin

História Meu padrasto(JIKOOK) - Capítulo 4


Escrita por:


Notas do Autor


Oi gentii,eu tinha falado que eu ia postar dois dias antes,mas acontece que eu tava com preguiça, perdão

Capítulo 4 - Jimin


Olá,meu nome é Park Jimin,tenho 16 anos,e como vocês sabem,eu tenho infantilismo,as vezes eu controlo para as pessoas não falarem coisas que podem magoar Jimin,mas enfim,nunca vi meu pai,minha mãe disse que ele não importa,por isso não toco muito no assunto com a minha mamãe,para não deixá-la desconfortável na frente de outras pessoas e nem na minha frente

meus avós parecem monstros né, não são,eles dizem para mim que fazem isso pelo bem da minha mãe,e eles que cuidaram de mim quando minha mãe não podia,eles são boas pessoas vocês vão ver

mas as vezes,eles passam dos limites, forçaram minha mãe a casar com um homem desconhecido,eles pensam que eu não sei,mas eu sei tudinho do que se trata,mas não comento, provavelmente eles brigariam comigo

esse homem cujo o nome seja Jungkook está muito estranho,ele me beija quando ninguém está por perto,e o pior,eu gosto disso,perdi as contas de tantas noites que já chorei por causa disso,minha mãe não o ama,mas mesmo assim,isso é errado,se ela saber disso,ela me mata! E vou virar um Jimin sem mamãe, não quero isso

•atualmente•

meu primeiro dia de aula,estou tão animado,esse vai se meu último ano,vou pro ensino médio já! já vesti meu uniforme e estou esperando minha mãe terminar de fazer o café,eu já tentei ajudar,mas ela disse que eu posso sujar meu uniforme ou colocar fogo na casa-_-

tô sentado na mesa, minha mãe saiu para comprar o leite,ela não deixa eu sair,estava tudo bem, até aquele bastardo do Jungkook chegar

Jungkook: oi meu bebê — tenta dar um beijo na minha bochecha,mas desvio —

Jimin: o que está fazendo aqui?

Jungkook: eu trabalho a essa hora meu bebê

Jimin: não me chama assim

Jungkook: você é meu bebê, só meu

minha mãe chega com o leite em pó,obrigada mamãe

Jisung: ainda bem que consegui chegar cedo, a fila estava muito grande — Jungkook murmura palavrões bem baixinho,minha mãe fingiu não ouvir — está aqui meu amor — ela coloca o leite no meu café — beba logo, não quero que você se atrase pro seu primeiro dia de aula

Jimin: obrigada mãe,Jimin está muito agradecido por te avisado — dou um sorriso — quem vai me levar hoje pra escola? — mamãe seja você por favor —

Jisung: sou eu que irei meu filho,tenho que conversar com você também,e o Jungkook tem que trabalhar

Obrigado mainha,pera?! Conversar?

comemos em um silêncio sinistro,o que aconteceu com essa gente? Estão tudo com depressão,eu eim

Jisung: vamos Jimin — ela abriu a porta do carro pra mim,caso vocês não saibam,eu sou uma princesa, tá bem?! —

Jimin: obrigado mãe — entrei no carro,fechei a porta,e ela começou a dirigir,passou alguns minutinhos e ela se pronunciou —

Jisung: Jimin,o Jungkook está fazendo alguma coisa com você?

Jimin: n-não mãe? por que?!

Jisung: não minta pra mim,eu sei quando você fica nervoso quando está perto dele,ele tá fazendo alguma coisa com você,meu filho?!

Jimin: não m-mãe,eu tenho certeza!

Jisung: Hump,se ele fizer algo com você,me fale meu filho,eu não gosto desse tal de Jungkook

Jimin: tá certo mãe, obrigada pela preocupação

Jisung: que nada filho,eu sou sua mãe,oh! Chegamos

Jimin: Tchau mãe — dou um beijo na testa dela — me deseje sorte em relação as amizades — saio do carro —

Jisung: boa sorte meu filho — ela solta uma risada,e em seguida sai —

Jimin: essa escola é bonita,tomara que o pessoal goste de mim, não quero ser o isolado de novo

Menino: falando sozinho,novato?

Jimin: an? eu? eu acho que eu estava pensando alto de mais

menino: percebi — ele sorri — está perdido?

Jimin: na verdade não, quer dizer sim! aaa estou tão confuso

menino: calma aí novato,me chamo Alisson,sou do Canadá

Jimin: oh,meu nome é Jimin,sou daqui da Coreia mesmo

Alisson: é, dá pra perceber,parece que você está perdido,procurando alguma coisa?

Jimin: minha sala

Alisson: qual é sua sala,Jimin?

Jimin: é o 9⁰ B

Alisson: que pena,sou dois anos mais velho que você

Jimin: aí não,na hora que eu faço uma amizade legal,por que Deus?!

Alisson: Jimin seu maluco, você está chamando a atenção de todos — ri do meu drama — que bom que você me acha legal

•Sinal•

Jimin: ah,temos que ir

Alisson: vem logo,se não não vai dar tempo de ter mostrar tua sala

Jimin: é verdade — ele corre — ei! me espera! — corro até ele —

as aulas seguiram tranquilas,sem nenhuma treta, ninguém excluído,eles são muito simpáticos,na outra escola eu tinha vontade de fazer amizade do outro aluno quieto {pegaram essa,shitposters?! kkkkk}

já tinha batido o último sinal,eu tinha concordado de ir pra casa junto com o Alisson, então liguei pra minha mãe,e falei pra ela

Jimin: já avisei minha mãe,vamos Alisson?

Alisson: vamos Jimin

seguimos em direção as nossas casas,as conversas eram muito aleatórias e engraçadas, nós temos muitos gosto em comum,descobri que ele mora em um apartamento,tem uma namorada chamada Judi,e tem medo de baratas, engraçado, não?

Alisson: bom, está entregue,Jimin, até amanhã

Jimin: tchau Alisson — nos despedimos e eu entrei em casa,estava um silêncio macabro,entrei de vagar,tirei meus sapatos e fechei a porta,fui em direção a sala,e não achei ninguém, até que me bateu uma sede,e fui para a cozinha,chegando lá,ouvi um choro baixo que reconhecia bem

Jimin: mãe?!

Jisung: Jimin?? — ela se assusta com a minha presença e limpa rapidamente as lágrimas dela — como foi a aula meu filho?

Jimin: mãe, o que está acontecendo? — ela me olha surpresa —

Jisung: você viu,Jimin? — acenti — me desculpa meu amor,por me mostrar ser fraca

Jimin: por que está se desculpando, mãe? por que está chorando?!

Jisung: eu não tenho certeza, amor — me olha receosa —

Jimin: tá tudo bem mamãe,confia no Jimin,ele está aqui para ajudá-la

Jisung: o meu amor, você é o filho que toda mãe quer ter — ela se acalma — tá bom

Jimin: pode falar

Jisung: o Jungkook meu filho

Jimin: o que tem o Jungkook?!

Jisung: ele está me traindo

ele está traindo minha mãe?! que babaca,eu sei que eles não se amam e tals,mas isso já virou falta de respeito com a minha mamãe,poxa,ela não merece isso

Jimin: como a senhora descobriu isso?

Jisung: ele estava se beijando com uma mulher que aparentava ter 23 anos meu amor — ela começa a chorar mais —

Jimin: aí esse babaca — sussurro irritado — onde ele está?!

Jisung: eu não sei meu amor,ele não dá sinal

Jimin: tomara que ele nunca olhe na minha cara,maldito 





continua:3








Notas Finais


Fiz uma conta no Tatao Talk,me chamem lá pra trocar umas ideia, Sasha_Ackerman como sempre né


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...