História Meu Pequeno... Demônio? - Yaoi - Capítulo 56


Escrita por: e DuendeBem

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amor Sobrenatural, Anjos Negros, Demonios, Lemon, Sangue, Sobrenatural, Suícidio, Yaoi, Yaoi & Sobrenatural
Visualizações 748
Palavras 414
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Espero que gostem.

Capítulo 56 - Colisão Demoníaca


Fanfic / Fanfiction Meu Pequeno... Demônio? - Yaoi - Capítulo 56 - Colisão Demoníaca

Winter POV :

10:51 AM :

Comecei a acertar o rosto de Val com meus tentáculos e logo o vejo caído no chão. 

- Maldito seja... - fala Val se levantando enquanto chifres começam a surgir em sua cabeça 

Val era um... Demônio??

Val começou a me atacar com facas enormes que saíam de cada parte de seu corpo. 

- Espero que se ajoelhe e peça perdão depois disso! - fala Val rindo

Eu enrolei meus tentáculos no corpo de Val enquanto eu atingia seu rosto, mas as facas contam meus tentáculos que voltar para minhas costas como uma mola. 

- S... Seu... Mer... da... - falo ainda com dificuldades pelo buraco em meu pescoço 

- O pequeno garoto não consegue falar? - fala Val rindo - Ainda pode pedir perdão! 

- N... Nunca! - falo jogando meus tentáculos em Val que deixavam um líquido negro aonde batiam por conta de estarem cortados

- Você é teimoso! - fala Val rindo

Fiz minhas asas surgirem e voei para o subsolo da casa e fico voando sobre aqueles corpos. Val me seguiu com suas asas que tinham penas brilhantes, negras e afiadas. 

No teto daquele lugar tinha um objeto de ferro enorme que eu jogo sobre Val usando todos os meus tentáculos e minha força demoníaca. O demônio grita de dor após ser atingido nas costas. 

- Eu nunca irei te perdoar! Maldito! - fala Val tentando sair de baixo do objeto de ferro

Saí voando para a casa e lá encontrei sal. Eu poderia usar aquilo para prender Val em um círculo. 

Voei de volta e logo percebi que Val não estava lá. 

- Mas... - falei o procurando 

De repente pedaços de facas são jogadas em mim e perfuram meu corpo. 

- Filho da puta que satanás arrombou!! - acabei falando por ainda não ter encontrado Val

Logo mais facas são jogadas em mim e olho para a direção que elas vieram, mas Val não estava lá. 

Eu usei minha audição, mas eu escutava milhares de passos ecoando por aquele local que comecei a jogar meus tentáculos por todos os lugares até eu ver Val que gospe sangue após eu acertar sua barriga. 

Enrolei meus tentáculos em Val e soquei o rosto do mesmo enquanto eu começava a fazer o círculo de sal em volta do mesmo. 

- Você acha que algo simples poderá prender o demônio herege mais poderoso?? - fala Val rindo 

- Não... - falei enquanto meu pescoço começava a se recuperar - T... Tenho outros truques! 

Continua... 


Notas Finais


Opa u.u


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...