História Meu Pequeno... Demônio? - Yaoi - Capítulo 56


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amor Sobrenatural, Anjos Negros, Demonios, Lemon, Sangue, Sobrenatural, Suícidio, Yaoi, Yaoi & Sobrenatural
Visualizações 271
Palavras 511
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Canibalismo, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Espero que gostem.

Capítulo 56 - "Boas Vindas" Do Herege - meio HOT (lemon)


Fanfic / Fanfiction Meu Pequeno... Demônio? - Yaoi - Capítulo 56 - "Boas Vindas" Do Herege - meio HOT (lemon)

Winter POV :

10:39 AM :

Fiquei de joelhos chorando... Será que Yasu... Não... Não pode ser... De repente sinto algo chutando minha cabeça e me fazendo bater o rosto no chão com força. 

- Lembrou agora? - fala Val rindo - Você foi uma vergonha para todos os hereges! 

Continuei jogado no chão. 

O meu rosto sangrava enquanto mais lágrimas quentes e negras caíam de meus olhos. 

- Yasu nunca aprendeu... - fala Val se sentando em minhas costas - Pensamos que seria incrível transformar um humano em demônio pela primeira vez... Mas você não era puro... 

Val ainda sentado em minhas costas começou a rir enquanto retirava sua camisa e a jogava no chão. 

- Vamos ver do que é capaz! - fala Val que pega um gancho e o enfia em meu pescoço 

Val se levantou enquanto me arrastava pelo gancho enfiado em meu pescoço. Meu rosto estava perdendo a pele por eu ainda não ter levantado um músculo sequer do chão deixando um enorme rastro de sangue até a casa. 

O gancho em meu pescoço é puxado e arrancado do mesmo lugar e sou chutado para dentro de um quarto que possuía apenas uma cama. 

- Vamos ver se você vale os esforços de todos os hereges! - fala Val rindo enquanto me arrastava pelo pé até a cama onde sou jogado - Quero que me chupe o mais rápido que conseguir! 

Val retirou o resto de suas roupas e se sentou sobre meu peito enquanto passava seu membro em meu rosto. 

- S-Sim... Senho... r... - falo com dificuldade por conta de meu pescoço furado pelo gancho

- Eu tenho apenas 25 anos! - fala Val colocando seu membro em minha boca - Me chame de mestre! 

Comecei a chupar o membro de Val enquanto algumas de minhas lágrimas pingavam de meus olhos. 

O gosto de Val era como os dos meus antigos donos... Não era igual de meu Daddy... 

Daddy... 

Tenho saudades de seu gosto... 

Daddy... 

Me perdoe por chupar outro... Por favor... 

Val ria enquanto praticamente estocava minha boca com agressividade até que o mesmo gozou me fazendo engolir. 

- Isso foi interessante! - fala Val rindo ao ver seu gozo escorrendo pelo buraco que tinha em minha garganta no lugar do gancho

Val passou sua língua em meu rosto. 

- Isso será minhas boas vindas à você! - fala Val saindo de meu colo

Como eu ainda estava na minha forma demoníaca, eu tinha metade do corpo de bode que fui obrigado a fazer "virar humano". 

- Espero que seja apertado! - fala Val sorrindo enquanto começava a me masturbar 

Droga... 

Eu não queria isso... 

Daddy... 

Me perdoa Daddy... Por favor, me encontre logo... 

Val começou a me penetrar e eu fiz meus tentáculos saírem e acertar o rosto do mesmo por impulso. 

- Você não quer brincar? - fala Val rindo com seu rosto sangrando - Pensei que você não podia bater em seus mestres, terá que ser punido! 

Não pensei duas vezes e acertei Val novamente com meus tentáculos enquanto eu me levantava da cama. 

Continua... 


Notas Finais


Opa ;-;


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...